Quatro agências lotéricas são assaltadas no interior do Ceará nesta quinta

Câmeras flagram assalto em lotérica de Alto Santo (Foto: Alto Santo é Notícia/Reprodução)

Quatro agências lotéricas em quatro municípios diferentes foram assaltadas nesta quinta-feira (31). De acordo com o Comando de Policiamento do Interior (CPI), foram registrados assaltos em Alto Santo, Umirim, Mauriti e Quiterianópolis. Em todas as agências, foram levadas quantias em dinheiro.

Em Alto Santo, a 243 km de Fortaleza, imagens do circuito interno da loja registraram o momento da abordagem. Um homem armado rende os clientes, pega dinheiro do caixa e bolsas das mulheres. A polícia ainda realiza buscas para localizar os assaltantes. A quantia levada não foi revelada.

Em Umirim, por volta de 12h30, dois homens armados com revólveres assaltaram a casa lotérica e fugiram um motocicleta da cor vermelha. Policiais rodoviários federais encontraram o veículo e seguiu um dos assaltantes até uma estrada carroçável. O homem ainda tentou fugir a pé, mas foi preso e reconhecido na delegacia de Uruburetama pela proprietário da agência.

De acordo com a PRF, o outro suspeito ainda está foragido e estava com as armas usadas no assalto e o dinheiro roubado.  A motocicleta usada por um dos assaltantes é propriedade de uma mulher, com registro em Caucaia e não tem queixa de roubo ou furto. O veículo está na Unidade Operacional da PRF em São Gonçalo do Amarante.

Segundo o CPI, policiais militares e civis ainda realizam buscas para localizar suspeitos dos assaltos em Mauriti e Quiterianópolis . Durante a ação neste último município, um homem morreu, um adolescente foi apreendido e um terceiro fugiu com o valor roubado.

(G1 Ceará)

Sudene propõe criação de Centro de Estudos Climáticos do Nordeste

O titular da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste – Sudene, Paes Landim, em evento, propõe a criação de um moderno Centro com objetivo de unificar Estudos e Pesquisas relativas à previsão do tempo e pesquisa de Seca no Nordeste.

Durante o “Seminário de avaliação da Seca 2012/2013”, realizado na Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (FUNCEME), do qual participou da mesa redonda “Sistemas Nacionais de informações sobre Secas”, o Superintendente lançou a proposta de criação do CENEC. Veja a seguir, na íntegra o discurso de Paes Landim:

“Minhas senhoras e meus senhores é com grande satisfação que retorno à terra de Iracema e José de Alencar, atendendo ao convite da FUNCEME – Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos, para participarmos do “Seminário de Avaliação da Seca 2012/2013” e fazer parte da Mesa: “Sistemas Nacionais de Informação Sobre Secas”.

O tema é emblemático para os nordestinos, despertando paixões e discussões acaloradas e, acredito, teremos mais uma ao final da minha fala. Os primeiros métodos de Previsões de Secas no Brasil datam de 1940, realizados pelo carioca, filho de mãe maranhense, Adalberto Serra. Se já avançamos muito na Previsão do Tempo, dia a dia, ainda patinamos nas previsões dos grandes períodos de secas, haja vista esta pela qual estamos passando, sem que tivéssemos nenhuma previsão, fomos todos apanhados de surpresa por esta que é a maior Seca dos últimos cem anos.

Não podemos deixar de reconhecer os avanços alcançados pelo INPE – Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais e pelo CPTEC – Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos, ligados ao MCTI – Ministério da Ciência Tecnologia e Inovação. Entretanto, minhas senhoras e meus senhores, a grande verdade é que ainda não conseguimos prever as Grandes Secas, nem prever com maior acurácia a distribuição pluviométrica espacial, de forma desigual, na região semiárida do Nordeste e, nem mesmo, os veranicos, dentro das quadras chuvosas, que tanto afetam as culturas menos precoces.

Ressalte-se que os melhores trabalhos de monitoramento e previsão do tempo, de interesse direto às populações mais afetadas pelas secas, realizados até o momento, foram obras da SUDENE, baseados e suportados em dados de uma Rede de mais de 2000 Estações Pluviométricas.

Sendo assim, minhas senhoras e meus senhores, entendo que é chegado o momento de colocarmos a questão de previsão de Seca, nas mãos daqueles que, efetivamente, são os mais afetados por tão inclemente fenômeno da natureza: os nordestinos. Esta é a terra onde a Seca é literalmente uma questão de vida ou morte, repetindo-se décadas após décadas. Portanto, aproveito este encontro para desfraldar a bandeira da criação de um Centro de Estudos Climáticos do Nordeste – CENEC, cujo embrião já existe que é, a FUNCEME.

Nossas previsões climáticas ainda são realizadas utilizando-se de modelos numéricos importados dos EUA: o RAMS – Regional Atmospheric Modeling System, e o RSM – Regional Spectral Model. Não somos adeptos da xenofobia e sabemos que o clima é um fenômeno de escala global. Entretanto causa-nos estranheza, aos mais leigos, que alguns pesquisadores não consideram em seus modelos a estreita correlação entre os períodos de secas e o ciclo de atividade solar com picos de 11 anos. 
A criação do CENEC- Centro de Estudos Climáticos do Nordeste, localizado na Região Nordeste, seria um centro de estudos e pesquisas nos moldes do CPTEC que fica em Cachoeira Paulista/SP, voltado para a previsão do tempo e, principalmente, para a previsão de secas. Este centro seria responsável pelo gerenciamento, arquivamento, tratamento e interpretação dos dados de temperatura das águas dos oceanos (boias oceânicas) e dos dados de sondagens atmosféricas (balões), tendo ainda como objetivos:

1 – Desenvolver, adaptar e aplicar modelos numéricos de simulação climática.
2 – Realizar, em conjunto com outros grupos de estudos de clima do Nordeste, a previsão de tempo para toda região nordestina.
3 – Realizar o monitoramento do desmatamento dos Biomas Caatinga e Cerrado na Região Nordeste.
4 – Estudar e acompanhar os processos de desertificação em andamento na Região Nordeste.
5 – Realizar tratamento de imagens de satélite voltado para a regularização fundiária, planejamento urbano e na prevenção de desastres naturais.

A criação de um centro de pesquisas deste porte requer uma grande e avançada Infraestrutura de Tecnologia da Informação, com altíssima capacidade de armazenamento e processamento de dados, para utilização na simulação numérica de modelos climáticos. Implica dizer em construir, no Nordeste, talvez o terceiro ou quarto maior data center do Brasil.

Esta nossa proposta também prevê que um grupo de trabalho interdepartamental, juntamente com a expertise da FUNCEME, analise qual a melhor forma de governança do CENEC, levando se em conta a atual estrutura do MCTI, em especial o CPTEC e os núcleos avançados do INPE no Nordeste, bem como os outros grupos de pesquisadores que trabalham com simulação e previsão de tempo no nordeste.

Minhas senhoras e meus senhores, o Brasil é um país continental, temos espaço para todos. Entretanto, é chegada a hora dos nordestinos assumirem mais esta responsabilidade e, como bom nordestino, penso que é nosso dever lutarmos para concretizar este centro de pesquisas em terras nordestinas.

Muito Obrigado”

 Fonte: Sudene

Norte e Nordeste devem crescer acima da média do País em 2014

IDIANA TOMAZELLI – Agencia Estado

RIO – Responsáveis por 16% de tudo o que é consumido no País, as Regiões Norte e Nordeste começam a pesar na definição do mapa econômico nacional. De acordo com simulação feita pela consultoria LCA, as duas regiões devem crescer acima da média do Brasil em 2014, enquanto o Sudeste, tradicionalmente a mais rica, tende a registrar Produto Interno Bruto (PIB) abaixo da média. 

Nas projeções da LCA, o Brasil deve registrar crescimento no PIB de 2,6% em 2013. O Nordeste deve seguir esse ritmo, com expansão de 2,6%, enquanto o Norte deve crescer 2,2%. Se em 2013 a aceleração ainda não supera a taxa do País, em 2014 as duas se posicionarão, definitivamente, acima da média. A previsão para o PIB em 2014, em nível nacional, é de 2,9%, mas Norte e Nordeste devem crescer 3,8%, de acordo com a consultoria.

O ritmo mais acelerado de crescimento nos próximos anos para o Norte e Nordeste se deve a, basicamente, três fatores. O economista Paulo Neves, da LCA Consultores, destaca a base de comparação mais baixa, a recuperação da indústria extrativa (que tem grande participação, sobretudo no Nordeste) e os ganhos obtidos no mercado de trabalho, que têm impulsionado os serviços e o comércio nessas regiões.

Enquanto isso, o Sudeste, que concentra boa parte da indústria e responde por cerca de 54% de tudo o que é consumido no País, deve crescer 2,1% este ano e 2,6% em 2014. “No ano que vem, veremos a indústria extrativa melhorando e a de transformação, que está mais concentrada no Sudeste, piorando”, afirmou. A LCA passou a divulgar, recentemente, relatórios trimestrais regionais, em que avalia a indústria, o varejo e a ocupação em cada uma das áreas.

Ocupação

Apesar de um contexto macroeconômico desfavorável, com inflação mais elevada e juros maiores, as Regiões Norte e Nordeste conseguiram aumentar a ocupação, respectivamente, em 2% e 1,5% no acumulado de janeiro a agosto, ante igual período de 2012. A média nacional ficou em 0,8%, segundo a LCA, com base em dados das Pesquisas Mensal de Emprego (PME) e Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) e do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Já a massa de renda cresceu 3,4% no Norte e 2,5% no Nordeste – a média nacional é de 2,9%. “Norte e Nordeste têm melhorado na distribuição de renda e na formalização da economia”, destacou Neves. Ainda assim, ele afirma que a base de comparação contribui para os ganhos acima da média. “As economias mais pobres tendem a apresentar ritmo de crescimento superior”, disse.

Os principais setores beneficiados por esse tipo de crescimento são os serviços e o comércio. O varejo restrito (que desconsidera automóveis e material de construção) deve crescer 5,4% no Norte e 5,3% no Nordeste. As duas previsões estão acima da projeção nacional, de 4,7%. Se confirmado, esse resultado para o Brasil, será o pior desde 2003, quando o varejo teve queda de 3,7%. “A ocupação no Norte e a massa real em crescimento acima da média no Nordeste garantem desempenho superior do varejo”, analisou.

No Sudeste, a previsão é de que o varejo tenha expansão levemente menor do que o Brasil, de 4,2%. O resultado, se confirmado, será o pior desde 2005 (+3,3%). “Há uma migração do ritmo de crescimento. Isso não significa que essas regiões vão acompanhar Sudeste e Sul em poucos anos. Pode demorar algumas décadas, mas o movimento tende a se perpetuar”, afirmou.

Hoje, o Norte representa 2% de tudo que é consumido no País, enquanto a fatia do Nordeste fica, em média, nos 14%. “Essa proporção tende a aumentar, se o ritmo de crescimento permanecer superior à média nacional”, acrescentou. Para o PIB nacional do terceiro trimestre, a LCA espera crescimento nulo na comparação com o segundo, influenciado por uma contribuição negativa do Sudeste. “Indústria e varejo sinalizam para desempenho inferior à média nacional, o que deve acontecer também no ano que vem”, observou. 

Vladimir Putin é a personalidade mais influente do mundo, segundo a Forbes

O presidente russo, Vladimir Putin, superou o colega americano, Barack Obama, como o homem mais poderoso do mundo no ranking 2013 da revista Forbes, que tem o papa Francisco em quarto lugar em um total de 72 personalidades.

A presidente do Brasil, Dilma Rousseff, aparece na 20ª posição, dois postos abaixo do resultado do ano passado.

A Forbes justifica a decisão de situar Putin como o novo homem forte do mundo porque ele “continua solidificando seu controle sobre a Rússia e o cenário internacional”, enquanto Obama perde espaço em seu segundo mandato na Casa Branca.

“O período de Obama de ‘pato manco’ parece ter chegado antes do que o previsto para um presidente de dois mandatos. Último exemplo: o caos da paralisia do governo”, afirma a revista. “Qualquer um que observe a partida de xadrez este ano sobre a Síria e os vazamentos da espionagem da NSA (Agência Nacional de Segurança) tem uma ideia clara da dinâmica de mudança de poder individual”, completa.

A lista tem o presidente chinês, Xi Jinping, em terceiro lugar, seguido do papa Francisco e da chanceler, alemã Angela Merkel.

O filantropo e fundador da Microsoft Bill Gates ocupa o sexto lugar, à frente do presidente do Federal Reserve (Fed, banco central americano), Ben Bernanke, e do rei Abdullah da Arábia Saudita (8º).

Além de Dilma Rousseff e do Papa, o outro latino-americano em destaque é o magnata mexicano das telecomunicações Carlos Slim, classificado como o 12º mais poderoso do mundo, segundo a Forbes. Um outro mexicano também chama a atenção: o narcotraficante Joaquín “El Chapo” Guzmán, considerado o criminoso mais poderoso do mundo, na 67ª posição.

A revista americana levou em consideração quatro fatores para selecionar 72 pessoas: sobre quantas pessoas exercem poder; os recursos financeiros sob seu controle; se têm influência em mais de uma esfera; e como utilizam de maneira ativa seu poder para mudar o mundo.

Esta é a primeira vez que Putin lidera o ranking da Forbes, criado em 2009, e a segunda oportunidade em que Obama perde a primeira posição: em 2010 ele foi superado pelo então presidente chinês Hu Jintao.

Em relação ao papa Francisco, o primeiro latino a virar chefe da Igreja Católica, sua eleição “infundiu uma nova energia à maior religião do mundo, com 1,2 bilhão de adeptos em todo o planeta”, destacou a Forbes no perfil de Jorge Mario Bergoglio.

“O primeiro jesuíta e latino-americano pastor de Cristo prega a compaixão pelos pobres e um papel maior para as mulheres, enquanto fez a Igreja deixar de se concentrar ‘apenas em questões vinculadas ao aborto, ao casamento homossexual e o uso de anticoncepcionais”, destaca.

O ranking deste ano também mostra a presenta mais mulheres (nove), em comparação com as seis incluídas em 2011 e 2012. Na primeira lista, de 2009, havia apenas três.

AFP

Rede Master de Ensino, de Fortaleza, abre unidade em Natal

Nazareno, com sua esposa Herbene, comanda o grupo.

A Rede Master de Ensino, sob comando do professor Nazareno Oliveira, conta agora com uma unidade em Natal (RN). É o Master Natal, que nasce de uma parceria com o Colégio Itaece.

Bom lembrar: O Master tem unidades ainda na Avenida Bezerra de Menezes, Cidade dos Funcionários e Aldeota.

Via Blog do Eliomar

Vila das Artes, em Fortaleza, abre inscrições para curso de história em quadrinhos

O Vila das Artes abriu vagas para o curso de história em quadrinhos “Caminhos da Storytelling”. Os interessados devem se inscrever até o dia 1° de novembro na secretaria da Vila, mediante preenchimento do formulário de inscrição. Ao todo, são ofertadas 30 vagas gratuitas.

O curso acontece entre os dias 11 e 14 de novembro. Ele tem como base trabalhar três linhas de ação: ouvir, criar e contar histórias. O objetivo é analisar a importância, estrutura e formas que as histórias conquistaram ao longo do tempo.

“Caminhos da Storytelling” é ministrado por PJ Brandão, formando em Publicidade e Propaganda da Universidade Federal do Ceará (UFC). O estudante é criador e roteirista do grupo de quadrinistas Coletivo Gerimoon e ensina o módulo roteiro da Oficina de Quadrinhos da UFC.

Mais informações:
NPD (Núcleo de Produção Digital)
Fone: 85 3105.1404
E-mail: npdfortaleza@gmail.com

Serviço:
Caminhos da Storytelling
De 11 a 14 de novembro de 2013, das 10h às 12h
(OBS: Haverá um dia a mais de curso que será previamente marcado com os alunos)
Inscrições: de 29 de outubro a 1º de novembro de 2013 (Preenchimento da ficha de inscrição, na Secretaria da Vila das Artes)
Nº de vagas: 30

(Aline Lima, Tribuna do Ceará)

Fortaleza é 2ª cidade com maior denúncia de crimes

Você sabe quais os locais mais perigosos da sua cidade? Fortaleza é a segunda cidade brasileira com maior número de denúncias de crimes no site Onde fui Roubado, com mais de 1,6 mil ocorrências em quatro meses. O primeiro lugar no ranking ficou com São Paulo, que teve quase 1,8 mil casos publicados. Com o objetivo de reunir dados e manter a população informada sobre pontos perigosos de sua cidade, a plataforma colaborativa permite que se registre crimes de qualquer município.

Na capital cearense, foram feitas mais de 600 denúncias nos últimos 90 dias. A maioria das vítimas são homens 63%, e das 1.675 pessoas que denunciaram, 49%  registraramboletim de ocorrência. O site atualiza as estatísticas dos crimes em tempo real e a população pode marcar o local do crime de forma anônima. Existem nove categorias de ocorrências que são sinalizadas por cores, tais como furto, assalto à mão armada, assalto coletivo, sequestro relâmpago, arrombamento veicular, saidinha bancária, entre outros.

Mesmo não tendo sofrido nenhum assalto, a estudante de Psicologia Cecília Coelho afirma que acessa o site para se informar sobre os locais perigosos de Fortaleza. “Sempre me impressiono com a quantidade de assaltos, principalmente, os com arma! Gosto de ter uma ideia de onde estão tendo os assaltos, por exemplo, se ocorreu algum na minha rua.”

Site colaborativo pontua, a partir de registros da população, os locais onde ocorreram crimes nas cidades do Brasil  (FOTO: Internet)

O tipo de crime mais frequente em Fortaleza é assalto à mão armada, com 59% das ocorrências, seguido de furto, 16%, e arrombamento veicular, com 8%. Com relação aos objetos mais roubados, em primeiro lugar encontra-se celular, com 66%, em segundo a opção outros, 46%, e em terceiro carteiras, com 39%.

As ocorrências podem ser registradas tanto por pessoas que sofreram algum tipo de crime como por testemunhas, cabendo aos colaboradores a responsabilidade pela veracidade das informações compartilhadas. O registro é feito de forma simples, sendo necessário endereço e mapa da localização, tipo e data do crime, objetos roubados e uma breve descrição do fato.

Site

Criado pelos estudantes de Ciências da Computação de Salvador, Filipe Norton e Márcio Vicente, o portal usa o sistema crowdsourcing, modelo de produção que utiliza a inteligência e os conhecimentos coletivos e voluntários, para catalogar as ocorrências em tempo real. De acordo com o site Startup Ranking, o Onde fui roubado, que foi criado no último dia 29 de junho, já está entre os 30 portais startup – modelo de negócios repetível e escalável, trabalhando em condições de extrema incerteza – mais acessados do Brasil.

(Tribuna do Ceará)

Empregados temporários também têm direitos trabalhistas previstos; veja quais

Com a abertura de milhares de vagas temporárias neste final de ano, os empregados dessa modalidade de trabalho devem ficar atentos aos seus direitos. A Associação Brasileira das Empresas de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário (Asserttem) alerta que o trabalho temporário sem registro ainda é prática comum no país. Mas há regulamentação específica para o trabalho temporário e está na lei nº 6.019/74.

“A empresa não pode, por exemplo, contratar diretamente um temporário. O funcionário deve ser contratado por uma empresa de trabalho temporário”, alerta a advogada Paula Leonor Mendes Fernandes Rocha, especialista em relações do trabalho do escritório Trigueiros Fontes Advogados. Caso contrário, em uma fiscalização, a empresa pode ser autuada pelo fiscal do Ministério do Trabalho e Emprego com a expedição de ofício para o Ministério Público do Trabalho (MPT). “Neste caso, é possível que o MPT instaure procedimentos administrativos contra a empresa”, diz a advogada.

Saiba mais sobre o trabalho temporário
O que é
Contratado pela empresa prestadora de serviços temporários, o trabalhador substitui o funcionário permanente da empresa tomadora ou atende a um acréscimo extraordinário de serviços. Permanecem as regras de carga horária, repouso semanal remunerado e salário que atenda, no mínimo, o piso da função exercida. O trabalho temporário é regido pela Lei 6.019, de 3 de janeiro de 1974, e Decreto 73.841, de 13 de março de 1974.
O contrato
É firmado entre o trabalhador e uma empresa do setor de trabalho temporário devidamente autorizada pelo Ministério do Trabalho e Emprego. Deve ter duração máxima de três meses, com direito a prorrogação por igual período – a autorização de prorrogação deve ser solicitada à Superintendência Regional do Trabalho e Emprego.
Direitos 
O empregado temporário tem os mesmos direitos do efetivo, como salário equivalente, jornada de oito horas, recebimento de horas extras, adicional por trabalho noturno, repouso semanal remunerado, férias proporcionais, 1/3 de férias, 13º salário e proteção previdenciária. As exceções são para aviso prévio e recebimento da multa de 40% sobre o FGTS. Além disso, o artigo 12 da Lei nº 6.019/74 assegura ao trabalhador temporário remuneração equivalente à dos empregados de mesma categoria da empresa tomadora ou cliente.
Quem contrata
A empresa prestadora de trabalhos temporários é a contratante do trabalhador e, portanto, responsável por sua remuneração e encargos sociais. Para proteger o trabalhador em casos de falência ou inadimplência da empresa prestadora, a legislação torna as empresas tomadoras solidariamente responsáveis pelos direitos trabalhistas e previdenciários dos empregados contratados temporariamente.
Empresa prestadora
Pessoa física ou jurídica cuja atividade consiste em disponibilizar a outras empresas, temporariamente, trabalhadores devidamente qualificados. Seu funcionamento depende de registro no Ministério do Trabalho e Emprego. É proibido às empresas de trabalho temporário exigir do empregado pagamento de qualquer importância, mesmo a título de intermediação.
Temporários podem ser efetivados
Neste caso, ocorrerá o término do contrato temporário e os trabalhadores receberão seus direitos para posteriormente e eventualmente serem contratados diretamente pela empresa tomadora. Quanto às verbas rescisórias, não será exigido o pagamento da multa de 40% do FGTS, a menos que ocorra a dispensa sem justa causa antes do fim do prazo acordado.
Fonte: Associação Brasileira das Empresas de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário (Asserttem)

De acordo com Paula, a empresa não pode fazer nenhum pagamento ao empregado, sob pena de desconfigurar a contratação e caracterizar vínculo empregatício com a companhia. Quem deverá fazer o pagamento é a empresa de trabalho temporário.

“A informalidade, ou seja, a falta de anotação na carteira de trabalho é muito alta no Brasil, cerca de 40% [para todos os tipos de vaga], principalmente no comércio. No caso de contratações temporárias, este índice é mais alto ainda, pois são feitas em épocas de sazonalidade, em datas especiais e por períodos curtos, dificultando a fiscalização, que também não é eficiente”, diz Jismália de Oliveira Alves, presidente da Asserttem. “Não aconselhamos que se realize qualquer contrato de forma verbal. Especificamente, com relação ao trabalhador temporário, a lei nº 6.019/74 disciplina de forma expressa no artigo 11 que o contrato do temporário deve ser escrito e deve conter os direitos a ele conferidos”, explica.

Caso ocorra o contrato verbal, Jismália garante que é possível que o trabalhador vá atrás dos seus direitos, mesmo após o término do tempo de serviço. “Vai depender de provas da relação entre as partes. Qualquer trabalhador pode entrar com ação no decorrer da relação contratual ou até 2 anos após o término do contrato.”

Paula informa que as reclamações trabalhistas mais comuns envolvendo trabalhadores temporários são de reconhecimento de vínculo empregatício com a tomadora de serviço, e não com a empresa de trabalho temporário. Quando a Justiça do Trabalho reconhece o vínculo empregatício, podem ser concedidos os direitos pleiteados como, por exemplo, recolhimento de FGTS, INSS, concessão de férias mais 1/3 constitucional, 13º salário e horas extras, entre outras verbas. “O vínculo empregatício somente é reconhecido se ficar configurada fraude com o propósito de burlar a legislação trabalhista na contratação do trabalhador temporário”, explica.

Paula alerta que é preciso se precaver. “Inicialmente, é necessário verificar se de fato é cabível a contratação de temporários. O artigo 2º da Lei 6.019/74 prevê que essa contratação somente pode acontecer em duas ocasiões: necessidade transitória de substituição de pessoal regular e permanente ou acréscimo extraordinário de serviço”, diz.

Depois dessa fase, segundo a advogada, “é preciso prestar atenção ao registro no Ministério do Trabalho da empresa de trabalho temporário, a previsão no contrato com a empresa de trabalho temporário de um dos dois motivos do artigo 2º e ao prazo máximo de duração do contrato celebrado com a empresa de trabalho temporário em relação a um mesmo empregado. O prazo deve ser de 3 meses, salvo autorização do Ministério do Trabalho”.

De acordo com Jismália, o temporário registrado tem direito à remuneração equivalente à dos empregados de mesma categoria, jornada de 8 horas, horas extras remuneradas, férias proporcionais, 13º salário proporcional, repouso semanal remunerado, adicional por trabalho noturno, vale-transporte, previdência social, depósitos no FGTS e anotação na carteira de trabalho de suas condições de trabalhador temporário.

Segundo Paula, o aviso prévio não é devido, mesmo pela empresa de trabalho temporário, por se tratar de um tipo de contrato por prazo determinado.

Durante o trabalho temporário, as gestantes têm direito à estabilidade provisória. No caso de serem demitidas, têm direito à reintegração ou indenização. A estabilidade vale da confirmação da gravidez até 5 meses após o parto. O fato de o empregado alegar que desconhecia a gravidez na demissão não o desobriga a reintegrar ou indenizar. Segundo a advogada Adriana Saab, sócia do escritório Rodrigues Jr. Advogados, a estabilidade provisória também vale para quem sofre acidente do trabalho ou tem reconhecida doença profissional pelo INSS.

“Na hipótese de falência da empresa de trabalho temporário, a empresa tomadora é solidariamente responsável pelo pagamento da remuneração e da indenização”, diz Adriana.

Diante do não-cumprimento de quaisquer dos requisitos impostos pela Lei 6.019/74, Adriana ressalta que o contrato de trabalho temporário será convertido automaticamente em contrato por prazo indeterminado, com formação de vínculo de emprego diretamente com a empresa tomadora de serviços, bem como com o pagamento dos direitos legais assegurados ao empregado comum.

“O artigo 12 da Lei nº 6.019/74 assegura ao trabalhador temporário remuneração equivalente à dos empregados de mesma categoria da empresa tomadora ou cliente. Portanto, caberá à empresa de trabalho temporário garantir este direito ao seu empregado”, diz Paula.

“Sem registro, o trabalhador temporário perde a possibilidade de contar o período trabalhado para efeito de aposentadoria, o direito de usufruir de benefícios da previdência social, por exemplo, em caso de doença ou acidente, além da comprovação oficial de ter exercido atividade remunerada. Isso é importante quando se trata de primeiro emprego”, explica Jismália.

Para evitar contratempos, Jismália diz que o trabalhador precisa estar atento aos seus direitos e não aceitar qualquer proposta. “Este é um direito básico do trabalhador, e cabe a ele, no momento da contratação, decidir por aceitar uma proposta ilegal ou exigir que a lei seja cumprida a seus direitos preservados.”

Os interessados podem se candidatar a vagas temporárias com carteira assinada a partir de 16 anos. Jismália afirma que, no caso de trabalho em shoppings, os candidatos devem estar preparados para trabalhar muitas horas, já que os centros de compra estendem o horário de atendimento. “Mas não pode trabalhar de segunda a segunda, tem que ter uma folga semanal”, alerta. 

Jismália diz que se o candidato está recebendo seguro-desemprego pode suspender temporariamente o benefício e retomá-lo depois que acabar o contrato temporário: “Se houver efetivação vale a pena abrir mão do benefício pelo emprego fixo”. O trabalhador pode ainda desistir do trabalho no meio do contrato, nesse caso, receberá o proporcional trabalhado. A diretora da Asserttem afirma que é permitido acumular dois empregos temporários. “Depende da condição física e da disposição da pessoa”, diz.

Segundo Adriana, a Constituição Federal contemplou outros direitos à categoria de temporários, como o FGTS. Alguns doutrinadores e juristas entendem que a indenização por dispensa no término normal do contrato de trabalho foi revogada, por ter sido substituída pelo depósito do FGTS, que poderá ser sacado pelo empregado ao término do contrato. Por outro lado, na hipótese de dispensa sem justa causa, antes do término do contrato, mantém-se a aplicação da indenização, em conformidade com a Súmula 125 do Tribunal Superior do Trabalho, que firmou entendimento pela compatibilidade entre as verbas da indenização por dispensa antecipada (artigo 479 da CLT) e o FGTS.

Outros tipos de contrato
De acordo com o advogado José Carlos Callegari, da Callegari & Seferian Sociedade de Advogados, existem outras formas de contratos de trabalho por prazo determinado. A mais comum é o contrato de experiência, celebrado, em geral, por 45 dias, renovável por mais 45, ou seja, não pode ultrapassar os 90 dias. Outra modalidade é o da lei 9.601/98, que estabelece que os contratos temporários poderão ser firmados desde que previstos em acordos ou convenções coletivas, ou seja, com a aprovação do sindicato da categoria profissional em que o contrato seria instituído.

No caso do contrato de experiência, caso a empresa queira efetivar o funcionário, não precisará esperar o contrato acabar, pois pode simplesmente deixar que continue trabalhando após o término que o trabalhador estará automaticamente empregado por tempo indeterminado. Já nos casos dos contratos regidos pela Lei 6.019/74, os trabalhadores receberão seus direitos antes para então serem contratados diretamente pela empresa tomadora.

Callegari diz que a dispensa antes do prazo estabelecido gera direitos para o trabalhador. No caso dos contratos de experiência, a título de verbas rescisórias, o empregado deve receber o equivalente à metade dos dias que faltavam para o fim o do contrato. Exemplo: contratado por 90 dias e dispensado depois de 10 dias deve receber o equivalente a 40 (80/2) dias de trabalho. Para o funcionário que sair antes de o contrato acabar aplicam-se as mesmas regras.

(Marta Cavallini, G1 SP)

Pesquisa mostra 13 desculpas esfarrapadas para faltar ao trabalho

Na maior parte das vezes, os funcionários faltam por problemas de saúde que os impedem de trabalhar. Mas, de acordo com uma pesquisa divulgada pelo site de carreiras CareerBuilder, empregadores dos EUA revelaram que em alguns casos valem desculpas esfarrapadas para conseguir uma folga das tarefas profissionais. Entre as justificativas estão dentes que voam pela janela, paredes e janelas grudadas, abstinência de cigarrro e indecisão de que roupa vestir para o trabalho.

A pesquisa mostrou que cerca de 30% dos trabalhadores mentiram que estavam doentes para faltar ao trabalho. Por outro lado, outros 30% disseram que vão trabalhar doentes para poder faltar quando estão se sentindo bem e poder mentir que estão doentes.

O levantamento foi realizado on-line pela Harris Interactive entre 13 de agosto e 6 de setembro com 3.484 trabalhadores e 2.099 gerentes de contratação e profissionais de recursos humanos em vários setores e empresas dos EUA.

Empregadores que participaram da pesquisa listaram as desculpas “mais memoráveis” que já ouviram dos funcionários para as faltas:

Veja as 13 desculpas esfarrapadas listadas pelo levantamento 
Os dentes falsos do empregado voaram pela janela enquanto ele dirigia pela estrada
O time de futebol favorito do empregado perdeu no domingo, então precisou da segunda-feira para se recuperar
Empregado está parando de fumar e estava “ranzinza”
O funcionário disse que alguém grudou suas portas e janelas, então ele não poderia sair de casa para trabalhar
O empregado machucou a língua e não podia falar
O empregado alegou que um enxame de abelhas cercou seu veículo e ele não pôde sair do carro
O funcionário disse que a ‘química’ no peru o fez adormecer e ele perdeu seu turno
O empregado sentiu que estava com tanta raiva que se ele fosse trabalhar poderia machucar alguém
O empregado recebeu um telefonema ameaçador da companhia elétrica e precisava denunciar ao FBI
O empregado precisou terminar as compras de Natal
O olho falso do funcionário estava saindo para fora
O empregado se perdeu e acabou indo parar em outro estado
O empregado não conseguiu decidir o que vestir

Devido aos avanços tecnológicos, faltar ao trabalho não significa tirar dia de folga – 20% dos trabalhadores disseram que no ano passado tiveram que trabalhar de casa mesmo dizendo à empresa que estavam doentes.

As principais razões dos funcionários para faltar é que eles não têm vontade de ir para o trabalho (33%), porque precisam relaxar (28%), para ir ao médico (24%), para pôr o sono em dia (19%) ou executar tarefas pessoais (14%).

Feriados e frio
Proximidade de feriados e queda na temperatura são fatores que pesam nas faltas. A pesquisa revela ainda que 30% dos empregadores disseram que há aumento de faltas perto de feriados. Outros 19% responderam que dezembro é a época do ano em que os funcionários mais faltam, seguido por janeiro (16%) e fevereiro (15%). Nos EUA, o inverno vai de dezembro a março, ao contrário do Brasil, que nessa época é verão.

Pega na mentira
O levantamento revela que 30% dos empregadores checaram se a desculpa dada pelos trabalhadores foi verdadeira: 64% pediram atestado médico, 48% ligaram para o funcionário, 19% checaram os posts do empregado nas mídias sociais, 17% pediram para outro funcionário ligar para o empregado doente, 16% disseram que demitiram os empregados que deram a desculpa falsa e 15% responderam que passaram pela casa do empregado.

(G1 SP)

PSDB perde único vereador na Câmara Municipal de Fortaleza

Após perder todos os oito deputados estaduais que elegeu em 2010, o PSDB do Ceará perdeu ontem também toda sua representação na Câmara Municipal de Fortaleza. Com a migração do vereador Carlos Dutra, que deixou o ninho tucano pelo Pros de Cid Gomes, a legenda fica apenas com um parlamentar em exercício pelo Estado, o deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB).

A saída de Carlos Dutra, motivo de especulação nas últimas semanas, foi confirmada ontem pelo próprio vereador na Câmara. “Gostei do projeto do prefeito Roberto Cláudio e resolvi migrar para o partido dele”, diz. Apesar de filiado ao PSDB, Dutra – que é pastor da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd) – nunca fez oposição nem à ex-prefeita Luizianne Lins (PT) nem ao governador Cid Gomes (Pros).

Como se desfiliou após o dia 5 de outubro deste ano, o ex-tucano, até então único integrante do partido na Câmara, não poderá concorrer a qualquer cargo em 2014. “A saída foi pacífica, o partido já deixou claro que não fará perseguição”, disse.

 (O Povo Online)

Shopping Parangaba será inaugurado no dia 26/11

Outro empreendimento comercial será inaugurado na região no próximo dia 26, o Shopping Parangaba. A estimativa é que o empreendimento, do Grupo Marquise, Aliansce e CEI, tenha um fluxo diário de 80 mil a 100 mil pessoas e gere cerca de três mil empregos diretos. O shopping será interligado aos modais de transporte público do Terminal de Ônibus da Parangaba e às futuras estações do metrô e do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).

Está situado em importantes vias de acesso, como a rua Germano Franck e a avenida Dedé Brasil, que serão alargadas no projeto do Transfor II já licitado pela Prefeitura Municipal de Fortaleza. Ao todo, serão 32 mil m² de Área Bruta Locável (ABL), mais de 1,3 mil vagas de estacionamento e um mix de 230 lojas. Dentre as lojas âncoras e grandes marcas já contratadas estão: C&A, Magazine Luiza, Centauro, Marisa, Renner, Riachuelo, McDonald´s, Casa Pio, C.Rolim, Game Station, Hering, Hering Kids, Hi Rappy e Rabelo, além de seis salas de cinema UCI, sendo três com projeção em 3D.

A iniciativa de construir o Shopping Parangaba foi confirmada após os resultados positivos das pesquisas encomendadas pelo Grupo Marquise à Gismarket Estudos de Mercado, que comprovaram o potencial econômico de investir da região, formada por 21 bairros que representam 45% da população de Fortaleza.

 Números

45% da população da cidade se concentram em 21 bairros do entorno da Parangaba

(O Povo Online)

 

Bolsa Família: dez anos de retração da miséria e da exclusão

O Brasil comemorou ontem os dez anos do Bolsa Família – o maior programa de transferência de renda do mundo. Seus benefícios alcançam 14 milhões de famílias, o que equivale a 50 milhões de pessoas – tudo isso com um orçamento de apenas R$ 23,95 milhões, em 2013 – segundo o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Mais: seu sucesso atrai a atenção de governos de todo o mundo. Não é por acaso que acaba de receber o Prêmio Award for Outstanding Achievement in Social Security, espécie de Nobel concedido a cada três anos pela Associação Internacional de Seguridade Social (ISSA), entidade com sede na Suíça. 

Basta dizer que entre 2001 e 2011, as transferências sociais, e particularmente o Bolsa Família, responderam por cerca de 15% a 20% da redução da desigualdade da renda domiciliar per capita. Impacta até mesmo o Produto Interno Bruto (PIB), pois cada R$ 1 repassado às famílias estimula um aumento de R$ 1,78 neste. Um dos seus efeitos notáveis é a dinamização da economia local, seja o comércio ou outros segmentos econômicos, em que antes só havia estagnação.

Os estudos demonstram que os índices de fecundidade entre as faixas de renda mais pobres caíram rapidamente, nos últimos dez anos, em que pese a crença disseminada por alguns críticos de que as famílias atendidas seriam incentivadas a ter mais filhos. O mesmo se diga do suposto “efeito-preguiça”, visto que os indicadores de ocupação e procura por emprego são muito semelhantes entre beneficiários e não beneficiários do programa. Além do mais, ampliou a cobertura de vacinação e consultas pré-natais e reduziu as taxas de hospitalização em menores de cinco anos.

Dessa forma, metade dos beneficiários do Programa Bolsa Família (junto com a Ação Brasil Carinhoso) são crianças e jovens, que passaram a se alimentar melhor, a ponto de o índice de baixa estatura cair de 16,8% em 2003 para 14,5% em 2013. Sobretudo, gerou uma queda notável na taxa de mortalidade infantil. A redução foi de 40% no Brasil e 50% no Nordeste, a região mais pobre do País.

Sem falar nos seus efeitos educacionais: os estudantes do Bolsa Família abandonam menos a escola e repetem menos de ano. Enfim, um sucesso do qual o Brasil tem razão de se orgulhar.

(O Povo Online)

Construtora Marquise contrata estágio de Administração

Construtora Marquise S/A está com oportunidade de estágio para o mês de novembro. De acordo com descrição da empresa, a vaga destina-se à área de administração. Poderão participar da seleção estudantes que estejam cursando a partir do 4º semestre. 

Os interessados precisar ter conhecimentos intermediários no Pacote Office, disponibilidade para estagiar cinco horas diárias e possuir interesse em estagiar na área de recursos humanos. Isso porque entre as atividades executadas estão atividades de treinamento e desenvolvimento.

A remuneração ofertada será de R$ 625,00 e quanto aos benefícios serão oferecidos vale transporte e vale refeição de R$ 14,50 por dia. A empresa explica que os currículos devem ser enviados para o e-mail saramonte@marquise.com.br até o dia cinco de novembro de 2013 sob o título Estagiário de Gestão de Pessoas.

Com informações da Agência de Estágio da UFC

Magazine Luiza abre 800 vagas de emprego no Ceará e mais 15 estados

A rede varejista Magazine Luiza está oferecendo cerca de 800 vagas para pessoas com deficiência. As oportunidades serão para todas as unidades distribuídas nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Goiás, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí e Maranhão.

Cargos
As vagas são para cargos em lojas, escritórios e centros de distribuição. 

Requisitos
Os principais requisitos são o comprometimento e a vontade de trabalhar. Os candidatos serão entrevistados para que seja identificado o potencial de cada um para as vagas disponíveis. Quem estiver com a documentação em dia, inclusive laudo médico, e tiver o perfil, mas não possuir formação técnica para o cargo que estiver apto a assumir, será contratado e encaminhado para capacitação, conforme a política da empresa.

Segundo a empresa, as características de cada tipo de deficiência serão respeitadas. “Estamos adquirindo a licença do software leitor para que o colaborador cego, por exemplo, exerça funções administrativas e de atendimento telefônico”, explica a responsável pelo Programa de Inclusão no Magazine Luiza, Ivone Santana.

Todas as vagas abertas, incluindo as especializadas e de liderança, podem ser ocupadas por pessoas com deficiência se elas preencherem os requisitos necessários. 

Inscrições
Os interessados em fazer parte do processo seletivo devem se cadastrar no sitewww.magazineluiza.com.br, por meio do link “Trabalhe Conosco”. Lá estarão dispostas as vagas com os respectivos cargos e localidades.

Benefícios
O Magazine Luiza oferece pagamento integral do plano de saúde da empresa, além de assistência odontológica, vale-transporte, vale-alimentação ou refeição, entre outros benefícios especiais como Bolsa de Estudos, Cheque-Mãe (para mães com filhos de até 11 anos de idade) e Cheque Educação Especial (para pais e mães que têm filhos com deficiência, independentemente da idade).

(O Povo Online)

Max Gehringer e Chiavenato realizam palestra gratuita em Fortaleza

Max Gehringer e Chiavenato são as grandes atrações do Universo Estácio (FOTO: Divulgação)

Dos dias 30 de outubro a 03 de novembro, o Centro Universitário Estácio FIC realiza a primeira edição do Universo Estácio, um evento na área de ensino, pesquisa e extensão. Com debates em torno do tema central: “Ética e Ciência Sustentável”, são esperadas cerca de 30 mil pessoas para acompanhar a programação, que irá dispor de palestras, mesa-redonda, fórum, além da Inauguração do Centro Universitário Estácio FIC Parangaba e da III Corrida e Caminhada Estácio.

Para abrir a programação, nesta quarta-feira (30), às 18h, no Centro de Eventos do Ceará, além de solenidade com a presença de autoridades, congressistas e da sociedade em geral, será realizada palestra do administrador e escritor Max Gehringer, que é tido como um dos melhores palestrantes do mundo, segundo o ranking Top of Mind. Na ocasião, ele fará uma grande explanação sobre Motivação e Liderança, duas de suas expertises.

I Congresso de Saúde Estácio

Já no dia seguinte (31), no Marina Park Hotel, serão realizadas as atividades do I Congresso Nacional de Saúde Estácio. Este contará com cerca de 180 simpósios, onde também serão apresentados trabalhos científicos. Dentre os assuntos que serão abordados podemos destacar: Prevenção de Doenças Crônicas, Etiologia da Doença de Chagas, Pesquisas nas Áreas de Medicina e Fisiopatologia, Reeducação Postural Global (RPG) etc. Este, inclusive, será apresentado pelo criador do RPG, o francês Philippe Souchard.

Outros grandes nomes e lideranças na área da saúde também estarão presentes, como o pós-doutor da Unicamp, Dr. Eduardo de Figueiredo; a professora doutora Sônia Tucunduva; o diretor do Centro de Conhecimento de Saúde da Estácio, Dr. Sergio Cabral, que também ocupou nos últimos três anos o cargo de presidente do IPA – International Pediatric Association, entidade com representatividade em 145 países; entre outros. “Teremos neste congresso uma gama de trabalhos científicos a serem apresentados por pesquisadores e cientistas de todos os cantos do País. Tenho certeza que muito do que for apresentado e debatido na programação será de grande valia para avanços na saúde brasileira”, comenta a reitora do Centro Universitário Estácio FIC, Ana Flávia Chaves.

Idalberto Chiavenato

No dia 1º de novembro, às 19h, na Unidade Estácio Via Corpus, o mundo da administração se voltará para o Universo Estácio, isto porque um de seus maiores ícones, o paulista Idalberto Chiavenato, escritor de mais de quarenta livros da área, publicados em diversos países, ministrará palestra sobre “Gestão Eficaz: técnicas inovadoras para resultados revolucionários”.

III Corrida e Caminhada Estácio

No encerramento da primeira edição do Universo Estácio acontecerá a III Corrida e a Caminhada Estácio. A largada está prevista para as 7h, no Aterro da Praia de Iracema, com percurso de 10 km ou 5 km de corrida e 3 km de caminhada e deve contar com cerca de 2,5 mil participantes, entre maratonistas, estudantes e a sociedade em geral. “O evento tem o objetivo de ser, além de uma corrida, um momento de integração entre todos os que farão o Universo Estácio e a população cearense, que será testemunha da gama de contribuições técnicas e científicas que serão deixadas pelo Universo Estácio”, afirma Ana Flávia.

Para mais informações acesse o site do evento.

(Tribuna do Ceará)

Irmãos Minotauro e Minotouro inauguram Academia Team Nogueira em Fortaleza

Rodrigo Minotauro e Rogério Minotouro, leia-se irmãos Nogueira, inauguraram, na manhã desta terça-feira (29), a primeira academia de artes marciais do Nordeste – a Team Nogueira Fortaleza, que conta com equipamentos de última geração, materiais importados dos Estados Unidos, staff qualificado e também um programa especial para o público feminino.

A unidade da Team Nogueira em Fortaleza é a 34ª a ser inaugurada no mundo. São 11 filiais fora do Brasil: nos Estados Unidos e na Europa. A empresa tem como sócios dois grandes empresários cariocas, Júlio Holanda e Adriano Oliveira, jovens que vieram residir na Capital cearense para investir no mundo das artes marciais. 

Via http://www.cnews.com.br/frisson

Marina Kisno: Menina polonesa se enforca para reencontrar pai no céu

Maria Kislo (EuroPics – Daily Mail)

Maria Kisko, 12, de Leszno, na Polônia, se matou porque queria ir para o céu, onde acreditava estar o seu pai, morto em 2009 de um ataque cardíaco.

Monika, 35, a mãe, encontrou a menina enforcada em seu quarto. A mãe tinha ido ao quarto para ler uma história de modo a ajudar a filha a dormir.

Maria deixou o seguinte bilhete: “Querida mamãe, por favor, não fique triste, é que eu sinto muito a falta do papai, e quero vê-lo novamente”.

A menina nunca se conformou com a morte de seu pai, Arek, como somente agora, depois do suicídio, se soube. Além da mãe, ela deixou um irmão de 13 anos, Michal. As informações são do jornal Daily Mail.

Monika lamentou a perda do marido e agora da filha. Disse que vai dar forças para viver é cuidar de seu filho. .

Afirmou que Maria nunca demonstrou ter tanto sofrimento com a falta do pai, assunto sobre o qual a menina nunca falou. “Ela parecia feliz e não tinha problema na escola”, disse Monika.

A religião majoritária na Polônia é a católica, que prega a ideia da existência do céu, lugar onde ninguém sofre e para onde vão os não pecadores quando morreram.

No cristianismo primitivo, havia fiéis que se matavam de modo a irem logo para o céu, até que a Igreja Católica passou a considerar o suicídio como pecado. Pelo dogma cristão, quem se mata não vai para o céu.

Paulopes, com Daily Mail

Jogadores negros ameaçam boicotar Copa de 2018

Yaya Touré

O racismo é algo, infelizmente, fortemente presente no futebol, principalmente no europeu. Na última semana, durante o jogo entre Manchester City e CKSA Moscou, na Rússia, o volante Yaya Touré, da equipe inglesa, foi vítima de racismo por parte dos russos e, indignado, enviou um comunicado à Uefa avisando que, caso providências não sejam tomadas, os jogadores negros boicotarão a Copa do Mundo de 2018, que será realizada na Rússia.

“É um problema real aqui, algo que acontece o tempo todo, e é claro que eles precisam resolver o problema antes da Copa do Mundo. Caso contrário, se não tivermos confiança para ir à Copa do Mundo na Rússia, nós não iremos “, disse o marfinense ao “Daily Mail”.

Na Rússia, o CSKA Moscou nega. Segundo dirigentes, Yaya Touré imaginou ter ouvido gritos de “macaco” e também garantiu que não tem responsabilidade sobre o ocorrido nas arquibancadas. “Nada de especial aconteceu. Ninguém mais, além Touré, ouviu alguma coisa”, completou o jogador.

Confira o comunicado emitido pelo clube russo criticando Tourénf

“Depois de termos estudado cuidadosamente o vídeo do jogo, não encontramos insultos racistas de torcedores do CSKA. Em muitas ocasiões, especialmente durante os ataques à nossa meta, torcedores vaiaram e assobiaram para colocar pressão sobre os jogadores rivais, mas, independentemente de sua raça. Por que o meio-campista marfinense tomou como tudo sendo direcionado para ele?’.

Não é o primeiro caso de racismo na Rússia. Jogadores como Roberto Carlos e Eto’o, que defenderam Anzhi, foram vítimas de racismo por parte da própria torcida e dos adversários.

Neto Roberti, Futnet

Qual o melhor lugar do mundo para ser mulher?

Um estudo anual divulgado nesta sexta-feira pelo Fórum Econômico Mundial aponta que a desigualdade entre homens e mulheres diminuiu na maior parte dos países do mundo.

A pesquisa Relatório Global sobre Desigualdade de Gênero 2013, que analisou 136 países, concluiu que 86 deles apresentaram melhoras na desigualdade de gênero em relação ao ano anterior.

No entanto, as mudanças são lentas, salienta Saadia Zahidi, principal autora do relatório.

Pelo quinto ano consecutivo, a Islândia foi considerado o país mais avançado em termos de igualdade entre homens e mulheres. Em seguida vêm Finlândia, Noruega e Suécia.

Segundo Zahidi, os países nórdicos continuam sendo exemplo porque têm uma longa história de reconhecer e investir no talento individual.

Os países mais igualitários
1. Islândia
2. Finlândia
3. Noruega
4. Suécia
5. Filipinas
6. Irlanda
7. Nova Zelândia
8. Dinamarca
9. Suíca
(…)
62. Brasil

“Tratam-se de economias pequenas, com populações pequenas. Eles reconhecem que o talento importa e este talento está nos homens e nas mulheres”, afirmou Zahid.

Liderança econômica

O Brasil ficou em 62º lugar no ranking, a mesma posição do ano passado.

O relatório destaca os avanços da Nicarágua, que veio em 10º na listagem e foi considerado o país mais igualitário das Américas.

O país foi elogiado pelo “empoderamento político das mulheres”. Os Estados Unidos chegaram na 23ª posição.

O relatório aponta grandes avanços na redução de desigualdade em quesitos como acesso a saúde e a educação. Vinte e cinco países foram apontados como fornecedores de oportunidades igualitárias para meninos e meninas no quesito educação.

A igualdade econômica apresentou um cenário mais desfavorável, em que a diferença entre gêneros diminuiu apenas em 60%.

Tanto em países desenvolvidos quanto nos em desenvolvimento, a presença da mulher em posições de liderança na área econômica ainda é limitada.

Apesar de as mulheres tenham obtido ganhos em termos de representação política, de 2% neste ano, a brecha entre gêneros diminuiu em apenas 21%.

Ainda segundo Zahidi, desde que o Fórum Econômico Mundial começou a elaborar o relatório, há oito anos, 80% dos países fizeram progressos.

“O preocupante é que 20% dos países não avançaram ou estão regredindo”, acrescentou.

Os países do Oriente Médio e do norte da África foram as únicas regiões que não mostraram avanços no ano passado, com o Iêmen ocupando a última posição no ranking.

BBC

Transexuais são humilhadas na hora de prestar o ENEM

Candidatas transexuais passaram por momentos de constrangimento neste final de semana durante as provas do Enem 2013 (Exame Nacional do Ensino Médio). As estudantes relataram ter de passar por rigorosa fiscalização de seus documentos, com mais de um fiscal, e ser obrigadas a usar o banheiro de gênero diferente daquele com o qual se identificam.

“[Eles] se dirigiram a mim no masculino e isso pesa no meio da prova, ser identificado com algo que você não é no meio de todo mundo causa constrangimento”, reclama Helena Brito, 25. “Além de todo o nervosismo de uma prova, ainda tenho que enfrentar isso”, afirma a candidata que prestou o Enem em uma escola da zona oeste de São Paulo.

A fobia social e o temor do preconceito levou a estudante a tomar calmantes antes do exame. “Tive que me medicar para poder fazer uma prova, coisas que outras pessoas não precisam. Eu acredito que meu desempenho foi afetado por causa do calmante já que quase cochilei no meio da prova”, conta.

O mesmo tipo de situação embaraçosa aconteceu em uma faculdade de Sete Lagoas (MG). “Na entrada, tinha uma pessoa que pegava os documentos e mandava para o lugar. Ele pegou meu documento e gritou meu nome civil no meio de todo mundo. Foi bem constrangedor”, contou Beatriz Trindade, 19, que disse ter pedido para que o nome civil não fosse dito alto.

A estudante disse ainda que teve problemas na identificação dentro da sala de prova. “Cheguei para fazer a prova uns 20 minutos antes. Uma das fiscais teve dúvidas e não achou que era eu pela foto. Meu documento passou pela mão de umas três pessoas para me reconhecerem.” Segundo a candidata, todas as pessoas da sala perceberam que ela era transexual por conta do transtorno na identificação.

preconceito transexual enem 2013
A transexual Ana Luiza Cunha (Arquivo pessoal)

“Todos estavam olhando e ainda tinha vários homens na sala. É ruim. Tinha certeza que isso ia acontecer de novo, como foi no Enem do ano passado. É terrível”, lamentou a candidata. “Ninguém tem preparo para atender um transexual”, considera Beatriz.

Retirada da sala

A estudante Ana Luiza Cunha de Silva, de 17 anos, afirmou que já estava sentada na carteira, com seu cartão de respostas do Enem, quando foi retirada da sala em que estava, em Fortaleza, e teve que passar por duas salas até ser liberada para fazer as provas de ciências humanas e ciências da natureza no sábado. Segundo ela, todo o processo durou entre 15 e 30 minutos, mas ela não chegou a perder tempo de prova porque chegou ao local do exame antes mesmo da abertura dos portões.

Ana Luiza, que adotou seu nome social aos 14 anos, conta que primeiramente foi levada à sala de uma subcoordenadora do Enem no seu local de provas. “Ela foi verificar a identidade, e perguntou por que não mudei meus documentos”, explicou. A adolescente explicou que já procurou seu advogado para fazer o trâmite, mas que, segundo ele, no Brasil só é possível iniciar o processo de troca do nome civil após os 18 anos, que ela só vai completar em março de 2014.

Ela foi então encaminhada a outra fiscal do Enem, que, depois de conversar com ela, a fez preencher o formulário usado para identificar os candidatos que não estão com os documentos oficiais. “Ele me perguntou informações, o telefone fixo, o nome dos meus pais, e tive que assinar três vezes.”

A situação, segundo Ana Luiza, não se repetiu no segundo dia de provas. “Hoje [domingo] eles inclusive me pediram desculpa por terem feito perder um pouco de tempo. As moças hoje todas foram super educadas comigo. O jeito que me trataram foi bem melhor. Acho que foi surpresa [para as fiscais] porque a foto estava muito diferente. Me trataram como se a identidade não fosse minha. Não vi nenhum tipo de defeito, mas acho que estavam de certa forma desprepados.”

Banheiro

Além da identificação dentro da sala de aula, Helena queixa-se do constrangimento na hora de usar o banheiro no sábado. Segundo ela, a fiscal a levou diretamente para o banheiro masculino e explicou-se.

Após toda a situação embaraçosa enfrentada no sábado, Helena decidiu, “em protesto”, se vestir de maneira ainda mais feminina para a prova de domingo. Foi para o exame de saia, meia-calça e sapatilha. Na hora de ir ao banheiro durante o segundo dia de prova, Helena foi diretamente ao banheiro feminino para evitar que a fiscal a conduzisse ao masculino.

As candidatas reclamam da invisibilidade dos transexuais na sociedade reafirmada pelo MEC (Ministério da Educação), por não poderem usar seu nome social.

“Os sabatistas são respeitados, quem está no hospital também, pessoas que estão em reclusão também, mas as pessoas transexuais não são. Se você está em uma situação de vulnerabilidade e o nome pode causar constrangimento na hora da prova, isso tem que ser respeitado para que nós possamos estar em situação de igualdade no exame”, protesta Helena.

Para elas, a inscrição no site do Enem já deveria contem um espaço com o nome social, além do nome civil. O nome social também deveria ser usado no tratamento durante as provas para evitar constrangimentos públicos.

MEC não tem relatos

Durante a coletiva de fechamento do Enem 2013, o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, disse que o ministério não recebeu relatos de problemas com candidatos transexuais este ano. Mas que se casos forem relatados posteriormente, o ministério estudará mudanças para próximas edições.

SAIBA AS DIFERENÇAS

Transexual

Pessoa que possui uma identidade de gênero diferente do sexo designado no nascimento. Homens e mulheres transexuais podem manifestar o desejo de se submeterem a intervenções médico-cirúrgicas para realizarem a adequação dos seus atributos físicos de nascença (inclusive genitais) a sua identidade de gênero constituída.

Travesti

Pessoa que nasce do sexo masculino ou feminino, mas que tem sua identidade de gênero oposta ao seu sexo biológico, assumindo papéis de gênero diferentes daquele imposto pela sociedade. Utiliza-se o artigo definido feminino “A” para falar da Travesti (aquela que possui seios, corpo, vestimentas, cabelos, e formas femininas).

Homossexual

É a pessoa que se sente atraída sexual, emocional ou afetivamente por pessoas do mesmo sexo/gênero.

Drag Queen

Homem que se veste com roupas femininas de forma satírica e extravagante para o exercício da profissão em shows e outros eventos. Uma drag queen não deixa de ser um tipo de “transformista”, pois o uso das roupas está ligado a questões artísticas – a diferença é que a produção necessariamente focaliza o humor, o exagero.

Transformista

Indivíduo que se veste com roupas do gênero oposto movido por questões artísticas.

Transgênero

Terminologia utilizada para descrever pessoas que transitam entre os gêneros. São pessoas cuja identidade de gênero transcende as definições convencionais de sexualidade.

Cristiane Capuchinho, UOL. Fonte: Manual de Comunicação LGBT da Associação Brasileiras de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transexuais e Transgêneros.

Hospital do Piauí tem máquina de hemodiálise ligada em vaso sanitário

A máquina de hemodiálise do Hospital Universitário, o HU, da Universidade Federal do Piauí (UFPI) está ligada a um vaso sanitário de um dos banheiros do estabelecimento. A reportagem do sítio180graus teve acesso a imagens que comprovam esta situação.

(Imagem: Portal 180graus)

As máquinas de hemodiálise (tratamento que consiste na remoção do líquido e substâncias tóxicas do sangue como se fosse um rim artificial) precisam ter uma espécie de cano para entrar água e outro para drená-la.

Neste caso, a máquina do HU está despejando a água suja dentro do vaso, o que não é identificado como um procedimento normal, é claro. Segundo um médico que faz atendimento no HU e prefere não ser identificado, este é apenas um dos vários problemas naquele hospital.

SEM ‘CONDIÇÕES MÍNIMAS’

“O HU funciona sem as mínimas condições para qualquer gestor de saúde. O SUS e o Ministério Público precisam tomar as devidas providências urgentemente. Não há a abertura do centro cirúrgico e a UTI segue sem alteração de médicos. Um grupo de médicos está querendo discutir a situação junto à superintendência, mas é impossível”.

O médico denuncia ainda que o superintendente do HU desrespeita a categoria e não atende os apelos da classe, mesmo sendo comunicado pelo Conselho Regional de Medicina (CRM). “Os médicos estão unidos, mas são desrespeitados repetidas vezes pelo superintendente do HU. A situação está insustentável”, afirmou.

Inaugurado em novembro de 2012 (prestes a completar um ano de existência) com a promessa de melhorar o atendimento de média e alta complexidade, o HU acabou se transformando num monumento ao desperdício do dinheiro público.

Quando inaugurado, a expectativa era de que, num primeiro momento, o HU funcionasse com 50% de sua capacidade e 18 mil atendimentos por mês. Hoje em dia o atendimento não passa de 4 mil pessoas por mês.

(Imagens: 180graus)

360grauspi

Fukushima: o perigo de um cenário apocalíptico

Retirada de combustível em Fukushima poderá criar cenário apocalíptico (Divulgação)

Uma operação com consequências potencialmente “apocalípticas” deve começar em cerca de duas semanas – “em torno de 8 de novembro” – no reator 4 de Fukushima, que está danificado e vazando. É aí que a operadora da usina, a TEPCO, vai tentar remover 1.300 bastões de combustível gastos de um depósito completamente estragado no andar superior da usina. Os bastões têm radiação equivalente a 14 mil bombas como as que foram jogadas em Hiroshima.

Apesar de o prédio do reator 4 em si não ter sofrido um colapso, ele passou por uma explosão de hidrogênio, e está indo de mal a pior, e a chance de aguentar mais um abalo sísmico é zero.

O Japan Times explicou:

“Para remover os bastões, a TEPCO colocou um guindaste de 273 toneladas por cima do prédio, que será operado remotamente, de uma sala separada. […] os bastões gastos vão ser retirados das armações em que eles estão armazenados um a um e inseridos em uma pesada câmara de aço, com as peças ainda submersas debaixo da água. Quando essa câmara for retirada da água e depositada no chão, será transportada até outra piscina em um prédio intacto para armazenamento.

Em circunstâncias normais, uma operação como essa demoraria três meses. Mas a TEPCO esperar completar essa antes do início do ano fiscal de 2014.”

Um coro de vozes têm soado como um alarme contra o plano – nunca algo assim já foi feito – de remover manualmente 400 toneladas de combustível gasto da TEPCO, que tem sido responsabilizada por problema atrás de problema na danificada usina nuclear.

Arnie Gunderson, engenheiro nuclear veterano dos EUA e diretor da Fairewinds Energy Education, alertou, nesse verão, que “eles terão dificuldade na remoção de um número significativo dos bastões”, e disse que “daí se pular direto para a conclusão de que vai dar tudo certo é um belo salto no escuro”. Paul Gunter, diretor do Reactor Oversight Project, também deu o alarme, afirmando ao Commom Dreams que “dadas as incertezas sobre as condições objetivas e a disposição de centenas de toneladas de partes, vai ser como um perigosíssimo jogo de pega varetas radioativo”. Gunter fez a seguinte analogia sobre o perigoso processo de remover os bastões de combustível gastos:

“Se você pensar na armação nuclear como um maço de cigarros, se você puxar um cigarro direto, ele sai – mas essas armações sofreram danos. Agora, quando eles forem puxar o cigarro direto para cima, ele vai provavelmente quebrar e soltar Césio e outros gases, Xenônio e Criptônio, no ar. Suspeito que quando chegar novembro, dezembro, janeiro, vamos ouvir que o prédio foi evacuado, que eles quebraram um dos bastões, que os bastões estão liberando gases. […]

Suspeito que vamos ter mais liberações no ar à medida que eles tiram o combustível. Se eles puxarem rápido demais, quebram o bastão. Acho que as armações foram retorcidas, o combustível superaqueceu – a piscina ferveu – e o efeito é que provavelmente, boa parte do combustível vai ficar lá por muito tempo.”

O Japan Times acrescentou:

“A remoção dos bastões costuma ser feita por computador, que sabe a localização de cada uma das peças com precisão milimétrica. O trabalho às cegas em um ambiente altamente radioativo faz com que haja um risco de o guindaste danificar um dos bastões – um acidente que deixaria ainda mais miserável a região de Tohoku.”

Como explicou Harvey Wasserman, ativista contra atividade nuclear de longa data:

“Os bastões gastos de combustível precisar ser mantidos resfriados o tempo todo. Se eles forem expostos ao ar, seu revestimento de liga de Zircônio vai pegar fogo, os bastões vão se queimar e grandes quantidades de radiação serão liberadas. Se os bastões encostarem um no outro, ou se eles se desfizerem numa pilha grande o suficiente, pode haver uma explosão.”

RT ainda acrescenta que, na pior das hipóteses: “a piscina pode desabar no chão, derrubando os bastões uns sobre os outros, o que poderia provocar uma explosão muitas vezes pior do que a que aconteceu em março de 2011.”

Wasserman diz que o plano é tão arriscado que merecia uma intervenção global, um pedido do qual Gunter compartilha, afirmando que “a perigosa tarefa não deveria ficar nas mãos da TEPCO, deveria envolver a supervisão e o gerenciamento de especialistas internacionais independentes”.

Wasserman disse ao Commom Dreams que:

“A retirada dos bastões de energia da unidade 4 de Fukushima pode bem ser a missão mais perigosa da engenharia até hoje. Tudo indica que a TEPCO é incapaz de fazer isso sozinha, ou de informar de maneira confiável à comunidade internacional o que está acontecendo. Não há razões para se acreditar que o governo japonês também faria isso. Esse é um trabalho para ser feito pelos melhores engenheiros e cientistas do mundo, com acesso a todos os recursos que poderiam ser necessários

A potencial liberação de radiação em um caso desses pode ser descrita como apocalíptica. Só o Césio equivale a 14 mil bombas como as que foram jogadas sobre Hiroshima. Se algo der errado, a radiação poderia forçar que todos os seres humanos no local sejam evacuados, e poderia provocar a falha dos equipamentos eletrônicos. A humanidade seria forçada a assistir sem poder fazer nada enquanto bilhões de curies de radiação mortal são jogadas no ar e no mar.”

Por mais ousado que possa parecer o alerta de Wasserman, ele encontra ressonância na pesquisadora de fallout de radiação Christina Consolo, que disse ao RT que na pior das hipóteses o cenário é de apocalipse. O alerta de Gunter também foi ousado.

“O tempo é curto enquanto nos preocupamos que outro terremoto pode danificar ainda mais o complexo do reator e o depósito do resíduos nucleares”, continuou ele. “Isso poderia literalmente reinflamar o acidente nuclear a céu aberto e incendiar até alcançar proporções hemisféricas”, disse Gunter.

Wasserman diz que, dada a gravidade da situação, os olhos do mundo deveriam estar voltados para Fukushima.

“Essa é uma questão que transcende ser antinuclear. O destino da Terra está em jogo aqui, e o mundo todo deve acompanhar cada movimento daquele local a partir de agora. Com 11 mil bastões de energia espalhados pelo local, e com um fluxo constante de água contaminada envenenando o oceano, é a nossa sobrevivência que está em jogo.”

Andrea Germanos, Common Dreams / Tradução: Rodrigo Mendes

Igreja Mundial pede que fiéis finjam que foram curados

Uma carta da Igreja Mundial pede a fiéis que, em testemunhos nos programas da TV da igreja e em viagens a templos, finjam que foram curados de doenças e que são ex-drogados ou ex-aleijados, de modo que assim incentivem o aumento das contribuições, o suficiente para ajudar na compra do canal 32, da MTV. A Editora Abril estaria vendendo a emissora por R$ 500 milhões.

O colunista Daniel de Castro, do Uolinformou que várias cópias da carta foram encontradas em uma sala do templo da Mundial da Avenida João Dias, na zona sul de São Paulo. Nela, há um espaço em branco para que o fiel coloque o seu nome [ver reprodução abaixo].

A carta diz que se trata de um pedido “feito diretamente pelo apóstolo Valdemiro Santiago” (foto) e que haverá uma “ajuda de custo” no caso de viagem. Acrescenta que quem não puder colaborar deve destruir o impresso, sem falar dele para ninguém.

A Mundial foi questionada pelo portal Uol, e o bispo Jorge Pinheiro, da direção da igreja, apenas respondeu que “a informação não procede”, deixando de explicar, portanto, a origem das cópias da carta encontradas no templo.

A Mundial está sob forte crise financeira em decorrência, entre outros motivos, de desvio do dízimo por parte de alguns de seus próprios pastores. Um deles seria Josevaldo, que até recentemente era o segundo na hierarquia da denominação. Ele cuidava das finanças e da administração da Mundial. Valdemiro o transferiu para bem longe, Portugal.

De acordo com um porta-voz da Igreja que falou à Istoé, o que houve é que uma “quadrilha de pastores ladrões se infiltrou na Igreja” e que Josevaldo nada tem a ver com isso. Contudo, o ex-segundo da Igreja tem se mantido calado, longe de jornalistas, apesar das insinuações publicadas na imprensa e internet que envolvem o seu nome.

No caso da carta que pede a fiéis que enganem telespectadores, com relatos de curas milagrosas, trata-se de um crime que deveria ser apurado pelo Ministério Público.

Íntegra da carta

Paulopes, com UOL

Túmulo de homossexual assassinado por neonazistas vira santuário

Daniel Zamudio (Arquivo)

O túmulo de um jovem homossexual morto depois de ser atacado por quatro homens em 2012 se transformou em um santuário no Chile.

A gaveta temporária que abriga o corpo de Daniel Zamudio no Cemitério Geral de Santiago está coberto de frases como “Dani lindo, anjinho bonito, cuide de nós”, ou “Daniel, onde estiver, rogue por nós. Respeito para você”, “Cuide de nós e nos liberte, nos ajude a seguir em frente”.

O jovem morreu em 2012 aos 24 anos, depois de ser atacado por quatro homens em um parque no centro da capital chilena. De acordo com o veredito dado em outubro, os agressores agiram com “crueldade extrema e total desprezo pela vida humana”.

A comoção causada pelo crime levou à aprovação de uma lei contra a discriminação que leva o nome de Zamudio. No entanto, esta lei não tem aplicação retroativa.

Por isso, os agressores responsáveis pela morte de Zamudio não enfrentaram o agravante de discriminação pela condição sexual. Porém, foram todos condenados pelo crime. Um deles foi sentenciado à prisão perpétua e os outros três a penas que variam entre sete e 15 anos.

‘Animita’

Entre outros golpes, os agressores acertaram Zamudio com os chutes, socos, cortes e queimaduras, desenharam suásticas no abdome da vítima com cacos de vidro e, com uma pedra de oito quilos, fraturaram a perna direita de Zamudio.

O jovem foi encontrado por um guarda na manhã do dia 3 de março de 2012. O guarda declarou que “nunca havia visto uma agressão tão brutal”.

Ele permaneceu em coma em um hospital público durante quase um mês.

Quando a morte de Zamudio foi anunciada, uma multidão acendeu velas na porta do hospital e cerca de duas mil pessoas acompanharam o enterro.

Mais de um ano depois da morte, os funcionários do cemitério sabem onde fica seu túmulo e dão informações aos visitantes que querem deixar suas homenagens ao jovem. Entre os frequentadores estão estudantes, casais, homens e mulheres.

“Rezam, falam com ele, se benzem, pedem coisas”, contam os funcionários, que já conhecem bem o fenômeno chamado no Chile de “animitas”, a criação de lugares de peregrinação, geralmente ligados a mortes violentas ou injustas.

“Daniel Zamudio tem todos os elementos para se transformar em uma animita”, afirma Claudia Lira, pesquisadora de cultura popular e tradicional da Universidade Católica de Santiago.

“É uma morte cruel, inesperada, onde há muito derramamento de sangue, há uma tragédia. As pessoas sentem que esta morte é injusta, porque ele era uma pessoa discriminada, morreu indefeso, na rua”, acrescentou.

“Na cosmovisão chilena, mesmo que exista um processo judicial, ele se converte em um mártir, uma concepção que vem do catolicismo e que se junta com a idiossincrasia chilena; a pessoa pode estar mais próxima de Deus porque o sofrimento a transformou e, portanto, se pode pedir coisas a esta pessoa”, afirmou.

Cartas

Parte dos bilhetes deixados no túmulo de Daniel Zamudio são guardados pelo Movimento de Integração e Liberação Homossexual do Chile, o Movilh.

“Vamos quase todas as semanas ver Daniel e recolhemos muitas cartas que as pessoas escrevem por razões diferentes. Meninos, meninas que pedem ajuda, ou mensagens de carinho”, contou presidente do Movilh, Rolando Jiménez.

“A última vez que contei tínhamos entre 150, 200 (cartas)”, disse o ativista, que espera incorporar os textos de alguma forma ao túmulo e memorial à diversidade que o movimento está construindo no Cemitério Geral de Santiago e para onde pretende levar de forma definitiva os restos de Zamudio.

“Não temos vínculos com nenhuma religião ou crença. Somos ateus, entre outros motivos, pelo papel da Igreja Católica na difusão e promoção da homofobia no nível cultural”, afirmou.

“Mas se as pessoas sentem uma proximidade com Daniel a partir desta lógica, respeitamos. E no túmulo memorial haverá espaço para que as pessoas continuem deixando suas cartas e as coisas que que hoje levam, presentes, brinquedos, corações.”

O Movilh também planeja instalar algum memorial no parque onde Zamudio foi atacado.

Atualmente apenas uma cruz e flores marcam o local do ataque.

Paula Molina, BBC Mundo

North Shopping Joquei é inaugurado em Fortaleza com geração de dois mil empregos

Com área construída de 75 mil m² e investimento de R$ 260 milhões, será inaugurado nesta quarta-feira (30), o Norh Shopping Jóquei, localizado no bairro Jóquei Clube, em Fortaleza. Localizado em  na esquina das Avenidas Lineu Machado e Senador Fernandes Távora, o North Shopping Jóquei  terá 205 lojas, 18 megalojas, 5 lojas-âncora, 155 satélites, cinemas, 27 pontos de fast food, além de uma praça de alimentação com vista panorâmica e 1.500 lugares. Com o novo shopping, 2 mil vagas de empregos diretos foram geradas na capital cearense. O shopping estará aberto ao público a partir das 18 horas desta quarta-feira.

De acordo com a administração do empreendimento, o novo shopping deverá atrair a população de  55 bairros da sua área de influência. Pesquisa realizada pelo Ibope mostra que o mercado da área de influência do shopping conta com uma população residente de 1,2 milhão de pessoas e 345 mil domicílios, com renda média familiar de R$ 2.241,00 por mês.

No terreno de 180.000 m² do antigo Jóquei Clube, onde foi construído o shopping – que ocupa ¼ do terreno – também está instalado o Hospital da Mulher, da rede municipal de saúde. No mesmo terreno está sendo implantado um conjunto residencial  com 1.314 unidades de 48 a 62m². A área residencial será formada por cinco grandes condomínios independentes que contemplarão, cada um, área de lazer com piscina, salão de festas, churrasqueira, praças e playground.

Os edifícios terão apartamentos de dois ou três dormitórios, com suíte e opções de uma a duas vagas na garagem. As áreas de convivência dos condomínios, e as ruas que serão construídas, receberão projeto paisagístico que estimulará a convivência dos futuros moradores. As quatro quadras que compõem o terreno serão interligadas por novas vias de acesso, calçadões modernos, área verde e praça central.

(G1 Ceará)

Fortaleza: Órgão que emite RG está atendendo novo endereço

A sede da Coordenadoria de Identificação Humana, em Fortaleza está fechada para realização de reforma. O atendimento foi transferido para uma sede provisória Avenida Heráclito Graça, número 600, e deve receber a população a partir desta terça-feira (29), das 7 horas e 17 horas. A coordenadoria atende diariamente em torno de 1.300 pessoas por dia.

A reforma no prédio da identificação, no Bairro Benfica, prevê a reforma da infraestrutura de banheiros, salão de atendimento, salão de espera, rede elétrica, rede de dados, sistema de ventilação, além da mudança de todos os móveis. O prazo para conclusão da obra é de aproximadamente 45 dias.

A Coordenadoria de Identificação emite a carteira de identidade (1ª via e 2ª via) e atestado de antecedentes criminais (folha corrida).

Outros postos
A Perícia Forense do Ceará informou que o atendimento realizado nas Casas do Cidadão dos shoppings Benfica e Diogo, postos de identificação do Conjunto São Francisco, Bairro Tancredo Neves, Morro Santa Terezinha e Assembleia Legislativa não sofrerá alterações.

(G1 Ceará)

Auditores da gestão Kassab são presos por fraude de ao menos R$ 200 milhões

Marcos Moraes/Brazil Photo Press/Folhapress

Quatro funcionários da prefeitura de São Paulo foram presos na manhã desta quarta-feira após ação conjunta do Ministério Público paulista (MP-SP) com a Controladoria Geral do Município (CGM). Entre os detidos, ligados à Subsecretaria da Receita da prefeitura durante a gestão do prefeito Gilberto Kassab (PSD), estão um ex-subscretário e dois ex-diretores, além de um agente de fiscalização. 

Segundo o MP paulista, os quatro são apontados como integrantes de um grande esquema de corrupção que causou prejuízos calculados em pelo menos R$ 200 milhões aos cofres públicos, somente nos últimos três anos. Segundo a prefeitura de São Paulo, o valor pode chegar a R$ 500 milhões, se considerado todo o tempo em que o grupo atuou. 

Todos são investigados pelos crimes de corrupção, concussão (exigir vantagem ou dinheiro em razão da função), lavagem de dinheiro, advocacia administrativa e formação de quadrilha. 

As investigações apontam que os quatro auditores fiscais montaram um grande esquema de corrupção envolvendo os valores do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) cobrado de empreendedores imobiliários.  

O MP não divulgou os nomes dos detidos, mas afirmou que, na operação foram presos R.B.R., ex-Subsecretário da Receita Municipal (exonerado do cargo no dia 19 de dezembro de 2012); E.H.B., ex-Diretor do Departamento de Arrecadação e Cobrança (exonerado do cargo em 21 de janeiro deste ano); C.d.L.L.A., ex-Diretor da Divisão de Cadastro de Imóveis (exonerado do cargo em 05 de fevereiro deste ano), e o agente de fiscalização L.A.C. de M..  

Além das prisões, foram cumpridos mandados de busca e apreensão nas residências dos servidores e de terceiros, assim como nas sedes das empresas ligadas ao esquema. 

A operação ocorreu em São Paulo e também em Santos e Cataguases (MG). Cerca de 40 pessoas participaram da ação, entre promotores de Justiça, agentes da Controladoria Geral do Município, e das polícias civis de São Paulo e de Minas Gerais. Também foi determinado pela Justiça o sequestro dos bens dos envolvidos e das empresas operadas por eles.  

Segundo o MP, as investigações começaram há cerca de seis meses e contaram com o apoio da Secretaria Municipal de Finanças e Desenvolvimento Econômico e da Agência de Atuação Integrada de Combate ao Crime Organizado (Secretaria de Segurança Pública,Polícia Civil e Polícia Federal).  

O MP afirma que o grupo passou a ser investigado depois que a CGM, criada na gestão do prefeito Fernando Haddad (PT), identificou evolução patrimonial incompatível do grupo. Também foi identificado que a análise da cobrança de ISS de grandes empreendimentos imobiliários em São Paulo era direcionada para o grupo criminoso e que dois desses servidores atuavam em um mesmo setor, responsável pela arrecadação do imposto para emissão do habite-se de empreendimentos imobiliários recém-construídos. 

O recolhimento do ISS – calculado sobre o custo total da obra – é necessário para que o empreendedor obtenha o “habite-se”. Os auditores fiscais emitiam guias com valores ínfimos e exigiam dos empreendedores o depósito de altas quantias em suas contas bancárias. Sem isso, os certificados de quitação do ISS não eram emitidos e o empreendimento não era liberado para ocupação.

Grupo tinha escritório próximo à prefeitura
Por meio de análise estatística, a CGM constatou que, nas obras sob a responsabilidade do grupo de auditores, a arrecadação do ISS era menor ao percentual arrecadado pela média dos outros servidores que atuavam na mesma área. 

Em um dos casos, uma empreendedora recolheu, a título de ISS, uma guia no valor de R$ 17,9 mil e, no dia seguinte, depositou R$ 630 mil na conta de uma empresa que pertence a um dos auditores fiscais, valor que corresponde a 35 vezes o montante que entrou nos cofres públicos. 

Em dezembro de 2010, uma construtora efetuou uma transferência no valor de R$ 407.165,65 para a conta da empesa de um dos fiscais. No dia seguinte (03/12/2010), a mesma empresa obteve o certificado de quitação do ISS, mediante o recolhimento aos cofres públicos municipais no valor de R$ 12.049,59, valor cerca de 34 vezes menor que aquele depositado na conta da empresa do servidor. 

As investigações também descobriram que empresas incorporadoras depositaram, em um período inferior a 6 meses, mais de R$ 2 milhões na conta bancária da mesma empresa.  

O esquema tinha como foco prédios residenciais e comerciais de alto padrão, com custo de construção superior a R$ 50 milhões. O Ministério Público investiga se as empresas foram vítimas de concussão, porque não teriam outra opção para  obter o certificado de quitação do ISS,  ou se praticaram crime de corrupção ativa, recolhendo aos cofres públicos valor abaixo do devido. 

Grande parte do dinheiro obtido ilicitamente era depositada na conta de uma empresa de administração de bens em nome de L. A. C. de M. e da esposa dele. Depósitos em cheque também foram identificados.  

Um dos membros do grupo, R. B. R., mantinha um escritório no Largo da Misericórdia, a 300 metros da prefeitura de São Paulo. O local era usado para atender aos interesses do grupo. 

O Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime de Formação de Cartel e à Lavagem de Dinheiro e de Recuperação de Ativos (GEDEC) apurou que os quatro auditores fiscais construíram patrimônio superior a R$ 20 milhões com o dinheiro desviado dos cofres públicos.  

Dentre os bens adquiridos criminosamente e sequestrados estão apartamentos de luxo, flats, prédios e lajes comerciais, em São Paulo e Santos, barcos e automóveis de luxo, uma pousada em Visconde de Mauá (RJ) e um apartamento duplex em Juiz de Fora (MG).  

Na operação desta quarta-feira foram apreendidos com os quatro investigados  motos e carros importados, grande quantidade de dinheiro – reais, dólares e euros -, documentos, computadores e pen-drives.  

Além disso, testemunhas foram ouvidas e confirmaram a extorsão efetuada e o “modus operandi” da organização criminosa, informando detalhes e o nome de outros possíveis agentes que supostamente também atuavam no esquema. 

Segundo a prefeitura, a CGM irá instaurar processo disciplinar para apurar as responsabilidades, na esfera administrativa, dos servidores envolvidos. 

Uma força-tarefa será formada para avaliar medidas para o ressarcimento dos valores desviados aos cofres municipais. As empresas envolvidas no esquema podem ser cobradas. 

(Portal Terra)

Economia Itaú ganha R$ 4 bi no 3º trimestre, maior lucro da história dos bancos

O Itaú Unibanco, maior banco privado do país, divulgou nesta terça-feira (28) lucro líquido ajustado de R$ 4,022 bilhões no 3º trimestre, alta de 17,8% em relação ao mesmo período do ano passado (quando ganhou R$ 3,412 bilhões). Em relação ao lucro do 2º trimestre, que foi de R$ 3,583 bilhões, o banco registrou alta de 12,25%.

MAIORES LUCROS DE BANCOS NO 3º TRIMESTRE

Banco Lucro (em R$ bilhões) Ano
Itaú Unibanco 4,022 2013
Itaú Unibanco 3,807 2011
Itaú Unibanco 3,372 2012
Bradesco 3,064 2013
Itaú Unibanco 3,034 2010
Banco do Brasil 2,945 2011
Bradesco 2,862 2012
Bradesco 2,815 2011
Banco do Brasil 2,728 2012
Banco do Brasil 2,625 2010
  • Fonte: Economatica

É o maior lucro na história do setor para o período, segundo levantamento da consultoria Economatica. 

Com isso, no acumulado do ano, o Itaú registra ganhos de R$ 11,222 bilhões.

O resultado foi beneficiado pela queda na inadimplência. A taxa de inadimplência de operações vencidas há mais de 90 dias ficou em 3,9% no terceiro trimestre, um recuo ante os 4,2% do trimestre imediatamente anterior e os 5,1% do período de julho a setembro de 2012.

No mesmo sentido, as despesas com provisões para devedores duvidosos recuaram para R$ 4,53 bilhões no período, valor 25,8% menor ante igual período de 2012 e 7,6% menor do que no segundo trimestre deste ano.

O Retorno Sobre Patrimônio Líquido anualizado (ROE), medida de rentabilidade para bancos, foi de 20,8%, ante 17,5% no mesmo intervalo de 2012.

A carteira de crédito (incluindo avais e fianças) encerrou o terceiro trimestre em R$ 456,5 bilhões, alta de 9,3% ante o mesmo trimestre do ano passado.

Bradesco e Santander

Bradesco, que abriu a safra de balanços de bancos brasileiros na semana passada, registrou lucro líquido ajustado de R$ 3,082 bilhões no terceiro trimestre, alta de 6,5% superior ao mesmo período do ano passado. 

Na quinta-feira, foi a vez do Santander divulgar o resultado do terceiro trimestre. O banco reportou um lucro ajustado de R$ 1,407 bilhão, uma queda de 6,3% em relação ao mesmo período do ano passado. 

Itaú reforça aposta no mercado de cartões

O Itaú Unibanco reforçou seu foco no setor de cartões ao anunciar no início do mês o lançamento de uma bandeira nacional de cartão de crédito chamada Hiper, que será aceita em toda a rede Redecard, e foi criada a partir da experiência do banco com a bandeira já existente Hipercard.

A intenção é atingir consumidores de diferentes classes sociais, inclusive os brasileiros que contam com cartões de bandeiras internacionais, pois o público nacional tem o costume de utilizar diferentes cartões.

Segundo o banco, o Hiper tem uma base potencial de 40 milhões de clientes, sendo aceita em mais de um milhão de estabelecimentos credenciados pela Redecard. Os não-correntistas também são alvo da instituição.

(Com agências)

Empresário denunciado por calote contra times no Ceará nega crime

O empresário Fabiano Xaxá, reponsável pela Xaxá Produções, negou nesta segunda-feira (28) ter dado calote em clubes e nas federações estaduais de futebol do Ceará e de São Paulo. Ele foi denunciado pelo presidente Federação Cearense de Futebol (FCF), Mauro Carmélio, de não ter pago o valor acertado em contrato com a realização do jogo Portuguesa e Flamengo, no domingo (27), na Arena Castelão, em Fortaleza. O jogo teve uma renda de R$ 810 mil.

Documento mostrado pelo empresário como suposta prova do pagamento dos valores (Foto: Reprodução)

“Tudo foi pago, as federações, todos os quadros móveis, bilheteiro, o pessoal da catraca, a segurança, policiamento, ambulância, só não concordamos com um valor de 10% do aluguel do estádio. Não podemos pagar um imposto sobre um imposto”, disse Fabiano Xaxá, em entrevista ao G1.

Na tarde desta segunda-feira, o consórcio Arena Castelão afirmou que ia denunciar o empresário pelo suposto calote. Fabiano Xaxá afirma que vai processar o presidente da FCF, Mauro Carmélio, e o consórcio Castelão, por suposta calúnia. “Eles falaram na televisão que eu sou caloteiro, tenho isso gravado, e é mentira. O meu advogado já está vindo para cá para acertamos tudo, tenho todos os comprovantes de pagamento”, diz.

O consórcio Arena Castelão afirma ainda que a Portuguesa, mandante da partida, é a “responsável direta pelo pagamento das despesas, taxas e demais valores”. Em nota, o clube diz que “no prazo máximo de 72 horas, os pagamentos faltantes serão integralmente quitados”.

Mais cedo, Carmélio afirmou que vai acionar o departamento jurídico da entidade.  “Vamos conversar com o jurídico para entrar com representação criminal contra eles na próxima terça-feira (29). Por se tratar de um crime de defraudações. Estamos solidários em relação à Federação Paulista e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF)”, disse.

O prejuízo da entidade cearense foi de R$ 4 mil, segundo o presidente. “Estou fazendo isso em solidariedade à Federação Paulista de Futebol e à CBF, porque o jogo não é nosso [da FCF]. O prejuízo da FCF foi apenas por volta de R$ 4 mil, referentes às despesas do nosso pessoal: bilheteiros, maqueiros etc.”, afirmou Carmélio. A Arena Castelão informou que deve emitir uma nota sobre o caso ainda nesta segunda.

Vagner Estivo, gerente do hotel onde a Portuguesa se hospedou, afirma que as despesas do time foram pagas uma semana antes, ainda assim o hotel também prestou BO para se prevenir já que ainda havia representantes da organizadora hospedados até o início desta segunda-feira (28). “A conta da hospedagem foi paga com uma semana de antecedência pela empresa. O boletim de ocorrência foi registrado pelo hotel por precaução, já que todos os envolvidos foram fazer o BO Mas não ficou nenhum débito da empresa. Os funcionários que já deixaram o hotel, todos quitaram suas dívidas. Restam somente três funcionários da empresa e já estão indo embora neste momento”, disse.

(G1 Ceará)

Loja Insinuante é multada e interditada pelo Decon por violar direitos do consumidor

Foto meramente ilustrativa

A secretária-executiva do Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Decon) do Ministério Público do Estado do Ceará, Ann Celly Sampaio, multou e interditou hoje (23) a Loja Insinuante (da rua Gomes de Matos, no bairro Jardim América). A multa foi aplicada no valor de 120.000 Unidades Fiscais de Referência do Estado do Ceará (Ufirce), pelo descumprimento de direitos básicos dos consumidores. A penalidade administrativa equivalente a R$ 364.884,00, uma vez que o valor da Ufirce para o exercício de 2013 foi estabelecido em R$ 3,0407.

A decisão administrativa de multar e interditar a empresa ocorreu depois de uma fiscalização que constatou a prática de entrega aos consumidores, sem o seu conhecimento e sem solicitação prévia, de serviços, tais como: títulos de capitalização, sem o número a ser sorteado, seguro de morte acidental, garantia estendida (contrato de seguro) e curso online no sítio eletrônicowww.crescabrasil.com.br. Estas práticas violam os artigos 6º, incisos III e IV; 31 e 39, incisos I, III e IV, da Lei Federal nº 8.078/90 (Código de Defesa do Consumidor).

Além disso, diversos consumidores, inclusive idosos, formalizaram várias reclamações contra a referida loja junto ao Decon. A partir das citadas manifestações, foi determinado pela Secretaria Executiva uma fiscalização com o intuito de averiguar as irregularidades, as quais foram constatadas. Notificada para se manifestar, nos termos da Lei Complementar Estadual nº 30, de 26 de julho de 2002, e art. 42 do Decreto 2.181/97, a empresa não apresentou defesa escrita, nem tomou qualquer medida para sanar as irregularidades, tendo transcorrido o prazo legal para tanto. A Insinuante tem o prazo de 10 dias para apresentar recursos à Junta Recursal do Decon (Jurdecon).

Via http://blogs.diariodonordeste.com.br/

Região Metropolitana de Fortaleza pode ganhar inclusão de mais 4 municípios

Visando atualizar a zona de abrangência da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), foi apresentado, nesta quarta-feira (23), na Assembleia Legislativa do Ceará (AL), o projeto de Lei Complementar que inclui os municípios de Paracuru, Paraipaba, Trairi e São Luis do Curu na RMF.

De acordo com o autor do projeto, o deputado Lula Morais (PC do B), devido ao surgimento de novas áreas de influência econômica, como do Complexo Industrial e Portuário do Pecém (Cipp), existe uma necessidade de ampliar a Região Metropolitana. 

“A RMF tem um novo perfil devido às aglomerações urbanas que se formaram em razão de milhares postos de empregos oriundos da construção da Refinaria, da Siderúrgica, da Zona de Processamento de Exportação, da Ampliação do Porto do Pecém e das centenas de empresas e indústrias que estão sendo implantadas nos municípios de Caucaia, São Gonçalo do Amarante, Paracuru, e São Luís do Curu”, destaca o parlamentar.

O domínio dessas novas atividades econômicas, conforme o deputado, vem fazendo com que os limites físicos das cidades sejam ultrapassados. “O nível de integração econômica, política e de mobilidade urbana suscita a necessidade de se discutir esta a ampliação para que se minimizem os problemas comuns e maximizem as potencialidades”, defende.

Benefícios para os municípios
          
Lula Morais argumenta ainda que, caso o projeto seja aprovado, os novos municípios integrados na RMF terão benefícios fiscais e econômicos. “Em função de fazer parte da Região Metropolitana, essas cidades terão direito a recursos federais destinado a RMF”.

Projeto segue para análise

Para que ocorra a aprovação, a matéria segue agora para análise da Comissão de Constituição e Justiça. “Ainda é possível que tenha que passar pela Comissão de Desenvolvimento Regional”, acrescenta o deputado. Após as análises, o projeto segue para votação no plenário.

15 cidades fazem parte da RMF

A Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), é integrada, atualmente, por 15 municípios: Fortaleza, Caucaia, Maranguape, Pacatuba, Aquiraz, Maracanaú, Eusébio, Itaitinga, Guaiuba, Chorozinho, Pacajus, Horizonte, São Gonçalo do Amarante, Pindoretama e Cascavel.

(Diário do Nordeste)

“Frankie” Leal: Boxeador mexicano morre após sofrer nocaute e ficar três dias em coma

Nesta terça-feira, uma tragédia abalou o mundo do boxe. O atleta peso-pena Francisco “Frankie” Leal faleceu, aos 26 anos, após ter ficado três dias em coma, devido a um nocaute sofrido no último sábado. O boxeador mexicano havia enfrentado o compatriota Raul Hirales na cidade de Cabo San Lucas, no México, e foi nocauteado no oitavo round do combate.

Durante a luta, Francisco Leal, que é apelidado de “Pequeno Soldado” sofreu dois duros golpes em sequência e acabou caindo no chão do ringue. O boxeador ainda tentou se levantar, mas desabou novamente, e o juiz declarou a vitória de Hirales por nocaute. De acordo com o site da “ESPN” americana, após o duelo, Francisco foi levado diretamente ao hospital e depois transferido para San Diego, onde ficou em coma por três dias e faleceu.

Confira o nocaute de Raul Hirales em Francisco Leal:

Depois da notícia da morte do lutador, o proprietário da “Zanfer Promotions”, empresa organizadora do evento que aconteceu no último sábado, prometeu dar total apoio à família do atleta. Fernando Beltran afirmou ainda que Francisco era um “grande guerreiro” dentro e fora do ringue.

– Isso machuca muito. Frankie Leal era um bom garoto, grande lutador e guerreiro dentro e fora do ringue. Como companhia, nós assumimos responsabilidade e fizemos o que era possível para tentar salvar sua vida. Agora, estamos unidos no sofrimento de sua família e sua família do boxe. Vamos tentar ajudar em tudo que for necessário – disse o promotor, ao site americano.

Francisco Leal era lutador profissional de boxe desde 2005. No ano passado, o atleta já havia sofrido um forte nocaute, quando foi derrotado por Evgeny Gradovich e teve de ser levado de maca para o hospital. De lá para cá, Frankie chegou a realizar mais cinco combates.

(MinutoL/Esportes, O Povo Online)

Botequim dos Bancários (Edição Outubro Rosa) traz mistura de ritmos e muita animação

A sétima edição do Botequim dos Bancários acontece no dia 25/10, a partir das 18h30, e traz, como sempre, uma seleção de atrações para todos os gostos e muita animação.

O quadro “Conversa de Botequim”, receberá o médico Luiz Gonzaga Porto Pinheiro, professor titular de mastologia da UFC, líder do grupo e pesquisa Educação e Estudos Oncológicos (GEEN), presidente da Sociedade Cearense de Cancerologia e chefe do serviço de Mastologia da Maternidade Escola Assis Chateaubriand. Ele vai falar sobre a campanha “Outubro Rosa” que acontece mundialmente durante todo mês de outubro para chamar atenção para o câncer de mama e sobre projetos e campanhas desenvolvidas no Ceará na prevenção e combate ao câncer de mama. O Dr. Luiz Gonzaga Porto Pinheiro é graduado em medicina pela Universidade Federal do Ceará em 1975, tem mestrado em cirurgia pela Universidade Federal Fluminense em 1985 e doutorado em cirurgia pela Universidade Federal de Pernambuco em 2000. Ele será entrevistado por Sônia Olímpio, bancária aposentada da CEF, com atuação na ONG Moradia e Cidadania e em vários projetos sociais.

No quadro Talento Bancário, Francisco Vitor de Sousa Frota, funcionário do Bradesco, interpreta grandes sucessos da MPB, incluindo Caetano Veloso, Paralamas do Sucesso, Renato Russo, entre outros. Em seguida, o bancário do BNB, Gildomar Marinho, lança o CD Tocantes. Maranhense de Santa Inês, o bancário se apresentou na primeira edição do Botequim dos Bancários e agora lança seu terceiro trabalho acompanhado dos músicos Dudu Holanda (violão, guitarra e viola), Herlon Robson (teclados), Nélio Costa (baixo) e Hoto Júnior (percussão e bateria eletrônica). Seu trabalho tem raízes nas suas incursões pelo interior do Nordeste e moldado nos palcos e bares do Ceará e Maranhão.

Na sequência, o Balé Folclórico Arte Popular de Fortaleza faz uma apresentação especial.
Encerrando a noite, teremos o show da banda Mix Brasil, com uma fantástica mistura de ritmos e sons, incluindo samba, forró, axé, músicas caribenhas e sucessos internacionais.

O Botequim dos Bancários de outubro terá ainda a participação especial do humorista Titela.

Promoção Vale Conta – Quem é bancário sindicalizado pode se cadastrar no site do Sindicato (www.bancariosce.org.br/sorteio.php – em breve disponível no site) para, durante o Botequim, concorrer a quatro vales conta no valor de R$ 100,00 cada. As inscrições podem ser feitas até às 14 horas do dia da festa, 25/10.

Clone – O Sindicato dos Bancários do Ceará oferece desde a 1ª edição do Botequim clone de cerveja, refrigerante, água e whisky. Significa que ao adquirir umas das bebidas mencionadas, o bancário recebe outra grátis.

Estacionamento grátis – Os bancários sindicalizados terão acesso gratuito ao estacionamento localizado em frente à sede do Sindicato (Rua 24 de Maio, 1250 – esquina com a Rua Meton de Alencar), até a sua lotação. As vagas serão ocupadas por ordem de chegada e serão disponibilizadas mediante apresentação da carteira de sindicalização.

(Sindicato dos Bancários do Ceará)

Faculdade Católica do Ceará fecha as portas no fim do ano


Todos os funcionários da Faculdade Católica do Ceará serão demitidos com o fechamento da instituição

Após 10 anos de funcionamento, a Faculdade Católica do Ceará vai encerrar as atividades no final do ano. O anúncio foi feito na noite desta quinta-feira (17), na sede da faculdade, no Centro.

Com a decisão, 835 estudantes terão que continuar o ensino superior em outra instituição. Isac do Carmo, estudante do último semestre de Design de Moda, reclamou que a informação foi divulgada de forma tardia pela instituição. “Eles podiam ter avisado no começo do semestre, para eu me programar. Sabíamos de boatos, mas, mesmo assim, ninguém da faculdade confirmava”, disse. Os estudantes alegaram que as desconfianças aumentaram quando a faculdade decidiu não organizar o vestibular para o atual semestre letivo.

Em nota, a União Norte Brasileira de Educação e Cultura (UBEC), mantenedora da faculdade, justificou o fechamento devido a um “desejo de reposicionamento no exercício da missão”. Segundo José de Assis, vice-presidente da UBEC, o fechamento vinha sendo estudado desde o ano passado. “Nós estamos agindo dentro de todos os prazos, junto ao Ministério da Educação (MEC). Não negamos informações aos alunos. O momento do anúncio foi muito bem planejado”, explicou José de Assis.

Segundo alguns estudantes, os diretores foram vaiados e não houve espaço para diálogo durante o anúncio do fechamento. “Muitos professores choraram na nossa frente”, disse um dos alunos, que não quis se identificar. Todos os trabalhadores da faculdade serão dispensadosno final de dezembro. De acordo com o vice-presidente da UBEC, a instituição firmou parceria com o Centro Universitário Estácio do Ceará (Estácio/FIC) para absorver alunos e, se houver necessidade, alguns ex-funcionários.

prédio centenário onde funciona a Faculdade Católica, ocupado anteriormente pelo extinto Colégio Cearense, será desativado. A UBEC informou que ainda não há planos para o imóvel. A faculdade comunicou que, a partir de desta sexta (18), a secretaria da instituição estará disponível para solucionar dúvidas dos estudantes.

Homem é executado a tiros dentro do Terminal do Antônio Bezerra

Um homem  de 28 anos foi assassinado na noite desta quinta-feira (17), dentro do terminal de ônibus do Antônio Bezerra, em Fortaleza. Segundo a Polícia Militar, a vítima já respondia por vários assaltos. Ainda de acordo com os policiais, ele voltava da casa da mãe no Bairro Vila Velha e estava com a esposa em uma das paradas de ônibus quando um homem se aproximou e disparou seis tiros.  A esposa da vítima está grávida e passou mal quando viu o marido ser baleado.

A administração do Terminal do Antônio Bezerra acionou uma equipe do Programa de Policiamento Ronda do Quarteirão, mas a polícia não conseguiu prender o suspeito que fugiu a pé em direção ao Bairro Barra doCeará.

O cobrador Daniel Santos disse que tudo foi muito rápido e que passageiros ficaram assustados.  “O rapaz estava esperando o ônibus na parada com a esposa, quando de repente um homem apareceu e disparou seis tiros. Todo mundo ficou em pânico”, disse.

A vendedora  Ana Paula Ribeiro afirmou que depois dos disparos os passageiros tentaram se esconder dentro dos estabelecimentos comerciais do terminal.  “Todo mundo correu para as lojas por causa dos disparos. Muitos tiros na hora na hora do pico. Foi terrível”, afirmou.

(G1 Ceará)

Psoríase: doença provoca danos psicológicos e sociais

Uma doença crônica, não contagiosa e que pode ser controlada, mas que compromete a autoestima e se não tratada adequadamente pode acarretar outros problemas de saúde. Para marcar o Dia Mundial da Psoríase, dermatologistas cearenses farão, no sábado, 29, uma campanha de esclarecimento à população na Praça do Ferreira, das 9 às 12 horas. Os especialistas irão distribuir folhetos explicativos para orientar a população sobre como identificar a doença, a importância de procurar um dermatologista para o diagnóstico, quais as formas de tratamento, além de ajudar a reduzir o preconceito contra o mal que atinge cerca de 2% da população brasileira.

A presidente da SBD-CE e coordenadora da campanha no Ceará, a dermatologista Maggy Poti, explica que os prejuízos psicológicos e sociais provocados pela psoríase são enormes. “O preconceito é ainda um dos grandes empecilhos na luta contra a doença. Por isso, é tão importante a informação sobre o que é a psoríase, como tratá-la, minimizando os danos emocionais e sociais causados às vítimas do transtorno”, ressalta.

Um dos maiores pesquisadores em psoríase no mundo, o dermatologista Alan Menter, diz que a psoríase causa um impacto devastador na qualidade de vida dos doentes. “Ela chega a ser tão impactante quanto o câncer e a insuficiência cardíaca. A doença está associada a problemas de coração, diabetes, obesidade, casos de depressão e suicídio”, enfatiza.

Causas e tratamentos

A psoríase é uma inflamação da pele que se manifesta por lesões róseas ou avermelhadas recobertas com escamas esbranquiçadas que aparecem, em geral, no couro cabeludo, cotovelos e joelhos. Também podem ser acometidas as unhas e as articulações. O mal pode se manifestar em qualquer fase da vida, mas, na maioria das vezes, se apresenta antes dos 35 anos. A incidência é a mesma para homens e mulheres. É uma doença que apresenta uma tendência genética podendo ser desencadeada por estresse emocional, alcoolismo, tabagismo, infecções de vias áreas superiores e medicamentos usados no controle da pressão arterial e antidepressivos.   

O tratamento depende do quadro clínico do paciente, variando de aplicação de medicações tópicas, nos casos mais brandos, a tratamentos mais complexos, com remédios imunossupressores e biológicos, estes a mais nova e promissora arma no combate à doença por atuar no sistema imunológico controlando a inflamação e são utilizados nos casos mais graves.

Via http://www.oestadoce.com.br

Políticos do Brasil pesam 6 vezes mais no bolso que dos Estados Unidos

São Paulo – O Brasil gasta seis vezes mais de sua própria riqueza para manter o poder Legislativo funcionando que os Estados Unidos, nove vezes mais que o Reino Unido e 11 vezes mais que a Espanha. A conclusão é da ONG Transparência Brasil, em estudo que compara o custos de casas legislativas em 12 países desenvolvidos e emergentes.

A pesquisa mostra que 0,19% do PIB nacional é usado para manter o Congresso. Ou seja, de cada 100 reais produzidos aqui, 19 centavos vão para o Legislativo federal.

O número pode parecer pequeno, mas colegas americanos e ingleses gastam bem menos: 0,03% e 0,02%, respectivamente (veja tabela completa abaixo).

Além disso, a cada minuto que passa, são gastos 16,1 mil reais com toda a estrutura existente para manter otrabalho de deputados e senadores. Dos 12 países analisados, o valor só não é maior que dos Estados Unidos.

O problema nisso é a desproporção. Os norte-americanos até gastam 10% a mais por minuto – 17,8 mil reais – mas têm uma economia quase seis vezes mais rica.

A conta utiliza o critério de paridade do poder de compra, que procura neutralizar os efeitos do câmbio na conta.

Confira os dados completos na tabela abaixo:

País Custo do respectivo Congresso em relação ao PIB (%) Congresso brasileiro custa quantas vezes mais? Custo por minuto do Congresso em 2013 Custo por parlamentar em 2013
Brasil 0,19   R$ 16,1 mil R$ 14,3 milhões
Argentina 0,14 1,3x mais R$ 2,5 mil R$ 4 milhões
Itália 0,09 1,9x mais R$ 7 mil R$ 3,93 milhões
Portugal 0,08 2,3x mais R$ 800 R$ 1,8 milhões
Chile 0,06 2,8x mais R$ 942 R$ 3,1 milhões
México 0,06 2,9x mais R$ 4,7 mil R$ 3,97 milhões
França 0,04 4,7x mais R$ 3,4 mil R$ 1,96 milhão
EUA 0,03 6x mais R$ 17,8 mil R$ 17,5 milhões
Canadá 0,02 6,7x mais R$ 1,5 mil R$ 1,9 milhão
Alemanha 0,02 6,8x mais R$ 3,3 mil R$ 2,5 milhões
Reino Unido 0,02 8,9x mais R$ 1,7 mil R$ 635 mil
Espanha 0,1 10,9x mais R$ 958 R$ 820 mil
 

(Marco Prates, Exame Online)

13 atitudes que fazem os chefes perderem seus funcionários

São Paulo –  Ser uma empresa reconhecida no mercado, oferecer muitos benefícios e um alta remuneração. Nada disso é suficiente para manter um funcionário, caso quem esteja nos cargos de liderança não sirva de exemplo e inspiração. Veja 13 atitudes dos chefes que podem direcionar os melhores funcionários de uma companhia direto para a concorrência, segundo especialistas:

1 Não agir conforme o próprio discurso

“Faça o que eu digo, não faça o que faço”. Praticada pela liderança, esta “filosofia” pode causar incômodo e irritação na equipe e levar até mesmo a desligamentos. O coach e sócio fundador da Alliance Coaching Sílvio Celestino chama isso de falta de integridade. “É a incapacidade do líder de fazer aquilo que ele diz que é necessário. Por exemplo: ele pede que todo mundo seja pontual, mas nunca chega no horário. Ou até mesmo diz que é preciso reduzir custos e depois faz um gasto excessivo em um evento, ou almoço com clientes”, explica. 

2 Não saber dialogar

Aqui entra todo tipo de comunicação ineficaz: desde o diálogo lacônico, em que o líder fala pouco e resume demais o conteúdo da conversa, até grosserias. “Falta de orientação, de feedback, estressa os funcionários e chega uma hora em que ninguém aguenta. A qualidade de vida das pessoas dentro de uma empresa é proporcial à dos diálogos que nela existem, e isso é responsabilidade do líder”, diz Celestino. 

3 Ignorar o potencial de crescimento da equipe

Quem é que deseja ficar estagnado na profissão, fazendo sempre a mesma a coisa, sem se desenvolver? Chefes que não reconhecem o potencial de crescimento da equipe e não promovem funcionários nem disponibilizam novas ferramentas e oportunidades de trabalho só provocam desestímulo, segundo Clara Linhares,  professora da área de pessoas da Fundação Dom Cabral.  

4 Prometer e não cumprir

A clássica promessa não cumprida já foi apontada por especialistas consultados por EXAME.com com uma das piores coisas que os chefes podem dizer aos funcionários. Pois ela também pode ser a gota d’água para quem não está muito satisfeito com o emprego pedir logo a demissão. Prometer promoção ou férias e depois dizer que não vai mais ser possível, são as mais comuns, segundo Celestino. 

5 Viver no passado (tecnológico)

Aquele chefe que, em vez de usar as redes sociais impede os seus funcionários de acessá-las, se enquadra neste quesito. É preciso acompanhar as mudanças tecnológicas e entender que o uso de novas ferramentas pode contruibuir para a produtividade, segundo Celestino. “Não dá para se desatualizado em um tempo em que tudo acontece tão rápido. Vejo muito funcionários de hotéis buscando táxis nas ruas. Se eles recebessem um smartphone para ter acesso a um aplico que faz esse serviço automaticamente, economizariam tempo e ganhariam em eficiência”, exemplifica. 

6 Ser “imprevisível”

“É horrível trabalhar com alguém que a cada hora pede que uma tarefa seja feita de um jeito, que marca uma reinão e desmarca dois minutos antes do horário agendado, que não considera mais importante aquilo que no mês anterior era imprescindível”, explica Celestino. 

7 Fazer cortes na equipe para alcançar resultados, sem uma estratégia

Líder que não pensa estrategicamente, não é eficiente. Para Silvio Celestino, um dos principais erros de não planejar os negócios adequadamente é fazer muitos cortes na equipe, na ânsia de obter resultados. “Aí, em uma área em que deveria haver cinco pessoas trabalhando, há somente uma, trabalhando que nem um camelo. Isso não resolve nada!”, afirma. 

8 Não permitir inovações

É claro que padrões precisam ser seguidos em qualquer tipo de organização. Permitir e adotar pequenas inovações, porém, é necessário para que uma empresa consiga se manter sempre renovada. “Hoje as pessoas querem liberdade. Portanto, é inviável trabalhar com um chefe que mantém sempre a mesma rotina e quer que tudo seja feito do jeito dele”, diz Celestino. 

9 Controlar em excesso

“Ninguém gosta de trabalhar para um chefe que é autoritário a ponto de controlar rigorosamente tudo o que a pessoa faz dentro da empresa, desde a hora em que ela chegou até a que vai embora; que trata os funcionários como se a vida deles se resumisse ao que eles fazem dentro da empresa; que associa empenho a horas trabalhadas, e não a resultados”, afirma Celestino. 

10 Colocar apelidos nos funcionários

 

Chefes que desqualificam o pessoal, se referem aos funcionários de forma pejorativa e colocam apelidos são praticamente um convite para deixar o trabalho, de acordo com Clara Linhares. 

11 Não ouvir

De acordo com o coach Homero Reis, o chefe que não tem abertura para ouvir outros pontos de vista pode, sem querer, incentivar a perda de talentos na sua companhia. “É aquele que diz: eu sou uma pessoa fácil, basta que você me obedeça e me dê o seu melhor”. 

12 Levar tudo para o lado pessoal

Segundo Homero Reis, esta é uma questão de pura imaturidade emocional. É o líder que trata relacões de trabalho de forma pessoal, que “acredita que alguém discorda dele, e não da ideia”. Por outro lado, tratar todo mundo superficialmente, também não é um comportamento positivo. “Ele demonstrar preoucupação sobre como o funcionário está na carreira e na vida particular”, diz Clara Linhares.

13 Não ter visão do grupo

Tratar cada funcionário individualmente é muito importante, mas não se pode esquecer do grupo como um todo, segundo Reis. 

Luisa Melo, Exame Online

Horário de verão começa domingo, dia 20/10

Brasília – O horário de verão começa à 0 hora deste domingo, 20, e termina à 0 hora de 16 de fevereiro. Na madrugada de domingo, os estados das Regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste devem adiantar os relógios em uma hora.

De acordo com o secretário de Energia Elétrica do Ministério de Minas e Energia, Ildo Grüdtner, com o horário de verão, os estados conseguem reduzir oconsumo em 0,5%, além da demanda por energia no horário de pico, entre 19h e 21h.

Nas regiões Sudeste e Centro-Oeste, em termos de consumo, a economia será de 194 MW médios, o equivalente a 25% do consumo mensal de energia da cidade de Brasília. Já demanda por energia no horário de pico deve cair 4,6%, ou 2.065 MW.

No Sul, a economia do consumo de energia será de 53 MW médios, o equivalente a 75% do consumo mensal de energia da cidade de Curitiba. A demanda deve cair 5%, ou 630 MW.

Segundo Grüdtner, os ganhos com o horário de verão têm sido semelhantes nos últimos anos. “Em termos porcentuais, a demanda costuma cair entre 4,5% e 5%, e o consumo de energia, em média, 0,5%”, disse.

Esse é o 38º ano em que o governo adota o horário de verão. Com isso, as empresas de geração e transmissão evitam investimentos da ordem de R$ 4,6 bilhões.

Além disso, há uma redução na necessidade de geração da energia gerada pelas usinas térmicas, o que gera uma economia estimada de cerca de R$ 400 milhões.

(Exame Online)

Facebook agora permite que menores de idade façam posts públicos

Os adolescentes do Facebook podem querer perder um pouco mais de tempo para aperfeiçoar sua nova foto de auto-retrato (“selfie”), uma vez que agora eles podem compartilhar essa imagem com o mundo.

O Facebook alterou suas regras nesta quarta-feira, 16/10, para permitir que os jovens de 13 a 17 anos tornem seus posts “públicos” na rede social. Até então, eles só podiam compartilhar suas publicações com “amigos” e “amigos de amigos”.

“Os jovens estão as pessoas que mais usam redes sociais, e seja sobre assuntos como engajamento civil, ativismo, ou suas opiniões sobre um filme, eles querem ser ouvidos”, afirma o Facebook no anúncio sobre a novidade.

Alguns estudos já mostraram que os jovens estão um pouco menos ligados no Facebook atualmente, e essas alterações deixam a política do Facebook alinhada com o Twitter e o Instagram, do próprio Facebook.

O site de Mark Zuckerberg reconheceu que estava um pouco atrás em relação a outros serviços de mídias sociais. A opção de compartilhamento público dá aos jovens a chance de compartilhar de forma mais ampla, afirma o Facebook, “assim como em outras redes sociais”.

Além disso, os jovens agora podem habilitar a função “Seguir” (“Follow”), para que seus posts públicos possam ser vistos nos Feeds de Notícias de outras pessoas, informa o Facebook.

Apesar da mudança, o Facebook continua de olho em seus usuários menores de idade. A rede social lembra a eles o que significa compartilhar posts de forma pública. A rede também evita que informações de conta e aniversário desses usuários apareçam em buscas públicas.

Via http://idgnow.uol.com.br

Conheça as 8 novas doenças provocadas pelo uso da Internet. Você tem alguma?

A Internet é um buffet infinito de vídeos de gatos, TV e Instagrams de celebridades. Mas ela também pode estar aos poucos levando você à beira da insanidade. E não estamos aqui usando nenhuma figura de linguagem.

À medida que a Internet evoluiu para ser onipresente da vida moderna, testemunhamos o aumento de uma série de transtornos mentais distintos ligados diretamente ao uso da tecnologia digital. Até recentemente, esses problemas, amenos ou destrutivos, não tinham sido reconhecidos oficialmente pela comunidade médica.

Algumas dessas desordens são novas versões de aflições antigas, renovadas pela era da banda larga móvel, enquanto outras são criaturas completamente novas. Não fique surpreso se você sentir uma pontinha de – pelo menos – uma ou duas delas.

Síndrome do toque fantasma

O que é: quando o seu cérebro faz com que você pense que seu celular está vibrando no seu bolso (ou bolsa, se você preferir).

Alguma vez você já tirou o telefone do bolso porque o sentiu tocar e percebeu depois que ele estava no silencioso o tempo todo? E, ainda mais estranho, ele nem estava no seu bolso para começo de conversa? Você pode estar delirando um pouco, mas não está sozinho.

Segundo o Dr. Larry Rosen, autor do livro iDisorder, 70% dos heavy users (usuários intensivos) de dispositivos móveis já relataram ter experimentado o telefone tocando ou vibrando mesmo sem ter recebido nenhuma ligação. Tudo graças a mecanismos de resposta perdidos em nossos cérebros.

“Provavelmente sempre sentimos um leve formigamento no nosso bolso. Há algumas décadas nós teríamos apenas assumido que isso era uma leve coceira e teríamos coçado”, diz Rosen em entrevista ao TechHive. 

“Mas agora, nós configuramos o nosso mundo social para girar em torno dessa pequena caixa em nosso bolso. Então, sempre que sentimos um formigamento, recebemos uma explosão de neurotransmissores do nosso cérebro que podem causar tanto ansiedade quanto prazer e nos preparam para agir. Mas ao invés de achar que é uma coceira, reagimos como se fosse o telefone que temos que atender prontamente”, completa.

No futuro, com a computação vestível, há o risco da doença evoluir para novas formas, como, por exemplo, usuários de Google Glass começarem a ver coisas que não existem porque seu cérebro está ligado a sinais típicos do aparelho.

Nomophobia

O que é: a ansiedade que surge por não ter acesso a um dispositivo móvel. O termo “Nomophobia” é uma abreviatura de “no-mobile phobia” (medo de ficar sem telefone móvel).

Sabe aquela horrível sensação de estar desconectado quando acaba a bateria do seu celular e não há tomada elétrica disponível? Para alguns de nós, há um caminho neural que associa diretamente essa sensação desconfortável de privação tecnológica a um tremendo ataque de ansiedade.

A nomophobia é o aumento acentuado da ansiedade que algumas pessoas sentem quando são separadas de seus telefones. E não se engane, pois não se trata de um #FirstWorldProblem (problema de primeiro mundo). O distúrbio pode ter efeitos negativos muito reais na vida das pessoas no mundo todo. E é mais intenso nos heavy users de dispositivos móveis

Tanto que essa condição encontrou seu caminho na mais recente edição do Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders (DSM-5, ou Manual Diagnóstico e Estatístico de Distúrbios Mentais) e levou a um programa de tratamento dedicado à Nomophobia no Centro de Recuperação Morningside em Newport Beach, Califórnia.

“Estamos condicionados a prestar atenção às notificações dos nossos telefones”, disse Rosen. “Somos como os cães de Pavlov, de certa forma. Você vê as pessoas pegarem seus celulares e dois minutos depois fazerem a mesma coisa, mesmo que nada tenha ocorrido. Isso é impulsionado pela ação reflexa, bem como pela ansiedade para se certificar de que não ter perdido nada. É tudo parte da reação FOMO (Fear Of Missing Out, ou medo de estar perdendo algo).”

Náusea Digital (Cybersickness)

Fonte: TechHive

O que é: a desorientação e vertigem que algumas pessoas sentem quando interagem com determinados ambientes digitais.

A última versão do iOS, sistema operacional móvel da Apple, é uma reivenção plana, versátil e bonita da interface do usuário móvel. Infelizmente, ela também faz as pessoas vomitarem e forneceu o mais recente exemplo da doença.

Assim que a nova versão do iOS foi liberada para os usuários de iPhone e iPad no mês passado, os fóruns de suporte da Apple começaram a encher com reclamações de pessoas que sentem desorientação e náuseas depois de usar a nova interface

Isso tem sido atribuído em grande parte ao efeito que faz com que os ícones e a tela de abertura pareçam estar se movendo dentro de um mundo tridimensional abaixo do visor de vidro.

Essas tonturas e náuseas resultantes de um ambiente virtual foram apelidadas de ciberdoença. O termo surgiu na década de 1990 para descrever a sensação de desorientação vivida por usuários iniciais de sistemas de realidade virtual. É basicamente o nosso cérebro sendo enganado e ficando enjoado por conta da sensação de movimento quando não estamos realmente nos movimentando.

Depressão de Facebook

Fonte: TechHive

O que é: a depressão causada por interações sociais (ou a falta de) no Facebook.

Os seres humanos são criaturas sociais. Então você pode pensar que o aumento da comunicação facilitada pelas mídias sociais faria todos nós mais felizes e mais contentes. Na verdade, o oposto é que parece ser verdade.

Um estudo da Universidade de Michigan mostra que o grau de depressão entre jovens corresponde diretamente ao montante de tempo que eles gastam no Facebook.

Uma possível razão é que as pessoas tendem a postar apenas as boas notícias sobre eles mesmos na rede social: férias, promoções, fotos de festas, etc. Então é super fácil cair na falsa crença de que todos estão vivendo vidas muito mais felizes e bem-sucedidas que você (quando isso pode não ser o caso).

Tenha em mente que esse crescimento da interação das mídias sociais não tem que levar ao desespero. 

O Dr. Rosen também conduziu um estudo sobre o estado emocional dos usuários do Facebook e identificou que, enquanto realmente há uma relação entre o uso do Facebook e problemas emocionais como depressão, os usuários que possuem um grande número de amigos na rede social mostraram ter menor incidência de tensão emocional. 

Isso é particularmente verdade quando o uso da mídia social é combinado com outras formas de comunicação, como falar ao telefone.

Moral da história: 1) não acredite em tudo o que seus amigos postam no Facebook e 2) pegue o telefone de vez em quando.

Transtorno de Dependência da Internet

Fonte: TechHive

O que é: uma vontade constante e não saudável de acessar à Internet.

O Transtorno de Dependência da Internet (por vezes referido como Uso Problemático da Internet) é o uso excessivo e irracional da Internet que interfere na vida cotidiana. Os termos “dependência” e “transtorno” são um pouco controversos na comunidade médica, já que a utilização compulsiva da Internet é vista frequentemente como sintoma de um problema maior, em vez de ser considerada a própria doença.

“Diagnósticos duplos fazem parte de tratamentos, de modo que o problema está associado a outras doenças, como depressão, TOC, Transtorno de Déficit de Atenção e ansiedade social”, diz a Dra. Kimberly Young. A médica é responsável pelo Centro de Dependência da Internet, que trata de inúmeras formas de dependência à rede, como o vício de jogos online e jogos de azar, e vício em cibersexo.

Além disso, ela identificou que formas de vício de Internet geralmente podem ser atribuídas a “baixa autoestima, baixa autossuficiência e habilidades ruins”.

Vício de jogos online

Fonte: TechHive

O que é: uma necessidade não saudável de acessar jogos multiplayer online.

De acordo com um estudo de 2010 financiado pelo governo da Coreia do Norte, cerca de 18% da população com idades entre 9 e 39 anos sofrem de dependência de jogos online. O país inclusive promulgou uma lei chamada “Lei Cinderela”, que corta o acesso a games online entre a meia-noite e às 6 da manhã para usuários com menos de 16 anos em todo o país.

Embora existam poucas estatísticas confiáveis ​​sobre o vício em videogames nos Estados Unidos, o número de grupos de ajuda online especificamente destinados a essa aflição aumentou nos últimos anos. Exemplos incluem o Centro para Viciados em Jogos Online e o Online Gamers Anonymous, que formou o seu próprio programa de recuperação de 12 passos.

Embora a atual edição do Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders não reconheça o vício em jogos online como um transtorno único, a Associação Psiquiátrica Americana decidiu incluí-lo em seu índice (ou seção III), o que significa que estará sujeito a mais pesquisa e pode eventualmente ser incluído junto a outras dependências não baseadas em substâncias químicas, como o vício em jogos de azar.

“Quando você é dependente de algo, seu cérebro basicamente está informando que precisa de certas substâncias neurotransmissoras, particularmente a dopamina e a serotonina, para se sentir bem”, diz o Dr. Rosen. “O cérebro aprende rapidamente que certas atividades vão liberar essas substâncias químicas. Se você é um viciado em jogos de azar, tal atividade é o jogo. Se você é um viciado em jogos online, então a atividade é jogar vídeogames. E a necessidade de receber os neurotransmissores exige que você faça repetidamente a atividade para se sentir bem.”

Cibercondria, ou hipocondria digital

Fonte: TechHive

O que é: a tendência de acreditar que você tem doenças sobre as quais leu online.

O corpo humano é um magnífico apanhado de surpresas que constantemente nos presenteia com dores misteriosas, aflições e pequenos inchaços que não estavam ali da última vez que verificamos. Na maioria das vezes, essas pequenas anormalidades não dão em nada.

Mas os vastos arquivos de literatura médica disponíveis online permitem que a nossa imaginação corra solta em todos os tipos de pesadelos médicos!

Teve uma dor de cabeça? Provavelmente não é nada. Mas, de novo, a WebMD diz que essas dores de cabeça são um dos sintomas de tumor no cérebro. Há uma chance de você morrer muito em breve! É esse o tipo de pensamento que passa pela cabeça de um cibercondríaco – que juntam fatores médicos para chegar às piores conclusões possíveis.

E isso está longe de ser incomum. Em 2008, um estudo da Microsoft descobriu que autodiagnósticos feitos a partir de ferramentas de busca online geralmente levam os “buscadores aflitos” a concluir o pior. A hipocondria sempre existiu, claro, mas antes as pessoas não tinham a Internet para ajudar a pesquisar informações médicas às três da manhã. A cibercondria é apenas uma hipocondria com conexão banda larga.

“A Internet pode exarcebar os sentimentos existentes de hipocondria e, em alguns casos, causar novas ansiedades. Porque há muita informação médica lá fora, e algumas são reais e válidas e outras contraditórias”, disse o Dr. Rosen. “Mas, na Internet, a maioria das pessoas não pratica a leitura literal da informação. Você pode encontrar uma maneira de transformar qualquer sintoma em milhares de doenças terríveis. Você alimenta essa sensação de que está ficando doente.”

O efeito Google

Fonte: TechHive

O que é: a tendência do cérebro humano de reter menos informação porque ele sabe que as respostas estão ao alcance de alguns cliques.

Graças à Internet, um indivíduo pode facilmente acessar quase toda a informação que a civilização armazenou ao longo de toda sua vida. Acontece que essa vantagem acabou alterando a forma como nosso cérebro funciona.

Identificada algumas vezes como “The Google Effect” (ou efeito Google) as pesquisas mostram que o acesso ilimitado à informação faz com que nossos cérebros retenham menos informações. Ficamos preguiçosos. Em algum lugar do nosso cérebro está o pensamento “eu não preciso memorizar isso porque posso achar no Google mais tarde”. 

Segundo o Dr. Rosen, o Efeito Google não é necessariamente uma coisa ruim. Ele poderia ser visto como o marco de uma mudança social, uma evolução que apontaria para o nascimento de uma população mais esperta e mais informada. Mas também é possível, admite ele, que tenha resultados negativos em certas situações. Por exemplo, um jovem adolescente não memorizar a matéria das provas porque ele sabe que a informação estará no Google quando ele precisar, diz o médico.

Via http://ht.ly/pV7Bt

Gestão Roberto Cláudio mantém dívida de R$ 26 milhões com empresa de obras da Copa

Alegando a falta de repasse de pagamento da Prefeitura de Fortaleza, a empresa responsável por obras de mobilidade urbana para a Copa 2014 está demitindo trabalhadores da construção civil. Segundo o Sindicato da Construção Civil, 300 trabalhadores já receberam aviso prévio. A prefeitura afirma haver uma dívida de R$ 26 milhões.

Segundo a prefeitura, o problema ocorre por questões burocráticas. Em nota, a Prefeitura de Fortaleza afirma que se esforça para “solucionar os entraves burocráticos relacionados à continuação da liberação dos recursos advindos do financiamento, os quais são sistemáticos para empreendimentos desse porte e complexidade”.

Ainda na nota, o poder municipal cita “problemas da gestão passada”, “onde havia atrasos que emperravam o andamento dos processos”. A Prefeitura já efetuou  R$ 15,8 milhões, sendo R$ 6,9 milhões oriundos do Financiamento e R$ 8,9 milhões do tesouro municipal. Em relação ao trabalho já efetuado há uma dívida de aproximadamente R$ 26 milhões.

Entre as obras que a empresa é responsável estão túneis, viadutos e modernizações de avenidas como Alberto Craveiro, Padre Antônio Tomás e Santos Dummont.

Histórico

Em 2012, a Prefeitura de Fortaleza rompeu contrato com a Delta, empresa que havia vencido a licitação para a realização de obras da Copa. A empresa é acusada de ter ligação com o contraventor Carlinhos Cachoeira, que está preso após denúncia de comandar uma quadrilha de jogo ilegal. Além disso, a Delta era uma das empreiteiras com maior volume de obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do governo federal.

Leia a íntegra da nota da Prefeitura de Fortaleza:
A Prefeitura de Fortaleza vem envidando todos os esforços administrativos para solucionar os entraves burocráticos relacionados à continuação da liberação dos recursos advindos do financiamento, os quais são sistemáticos para empreendimentos desse porte e complexidade. Nas reuniões, quase que diárias, todos os partícipes acompanham de forma clara e transparente, as evoluções e desafios relativos aos processos dessas obras.

Vale destacar também o importante papel desempenhado pela Caixa Econômica Federal, agente financiador, sempre presente e colaborando com a agilização dos processos. Sobre os pagamentos, a Prefeitura já efetuou, até o momento, mais de R$ 15,8 milhões, sendo R$ 6,9 milhões oriundos do Financiamento e R$ 8,9 milhões do tesouro municipal. E relativo às medições efetuadas, ainda resta uma dívida de aproximadamente R$ 26 milhões.

Vale ressaltar a situação herdada pelo Prefeito Roberto Cláudio da gestão passada, onde havia atrasos que emperravam o andamento dos processos. Entretanto, a Prefeitura conseguiu atingir o objetivo em entregar as metas pactuadas para a Copa das Confederações. Portanto, as obras continuam em ritmo acelerado, na busca pelo cumprimento das metas e por fim, o benefício da população de Fortaleza, deixando um legado imensurável para a cidade.

(G1 Ceará)

Bandidos armados assaltam Habib’s da Washington Soares, em Fortaleza

Cinco homens armados invadiram, na tarde desta quinta-feira (17), o fast-food Habib’s, localizado na Avenida Washington Soares, em Fortaleza. Eles roubaram o total de R$ 3 mil.

Segundo a polícia, os assaltantes chegaram em um Gol branco e renderam o vigilante. Eles entraram pelos fundos e também renderam os funcionários, levando-os para um compartimento do estabelecimento.

Ainda de acordo com a polícia, os criminosos perguntaram pelo cofre e levaram todo o dinheiro que estava guardado. Os clientes permaneceram no local sem ter noção do assalto. Várias crianças brincavam no local durante todo o momento.

Os assaltantes fugiram no mesmo carro em que chegaram. A polícia investiga a placa, que não era falsa, para chegar até eles.

(Tribuna do Ceará)

Salários de servidores fantasmas da Câmara de Fortaleza custam quase R$ 200 mil mensais

Via Tribuna do Ceará

Oito comissões fantasmas foram criadas na Câmara Municipal de Fortaleza e oficializadas em documentos do Diário Oficial do Município neste ano, custando quase R$ 190 mil mensais aos cofres públicos. Ao todo, 67 servidores apadrinhados recebem mensalmente salário – que varia entre R$ 1,8 mil a R$ 5,9 mil –, mesmo sem ter comprovação específica de frequência e de função dentro da Casa.

A denúncia publicada, na terça-feira (15), pelo jornal O Povo, apontou que entre os apadrinhados nomeados para cargos fantasmas, estão parentes de políticos, ex-vereadores não reeleitos e um assessor de vereador do Psol. Além disso, o número de servidores fantasmas pode ser ainda maior, já que o presidente da Câmara, Walter Cavalcante (PMDB), manteve indicações de antigos presidentes.

No caso do assessor de um parlamentar, o sociólogo Rodrigo Santaella seria contratado pela Comissão de Títulos Honoríficos, mas na verdade atua na assessoria do vereador João Alfredo (Psol). Após a denúncia, João Alfredo se manifestou abertamente, afirmando que vai devolver o cargo do funcionário e que ele será remanejado oficialmente para sua equipe.

Além desse caso, o vereador Evaldo Lima (PCdoB) negou que um advogado que integraria a Comissão de Auditoria Contábil e Financeira seja assessor de seu gabinete. O advogado Bruno Araripe foi nomeado para a comissão em março de 2013, e Evaldo admitiu que ele faz “colaborações” para o parlamentar, mas que é funcionário da Câmara. Porém, o nome de Araripe aparece como membro da assessoria de gabinete do vereador em publicação do mandato do parlamentar, referente a agosto deste ano e que consta no site do próprio Evaldo.

Em reunião com os demais vereadores, Walter Cavalcante decidiu realizar concurso público para pelo menos 109 vagas que não abriguem apadrinhados políticos. Agora, é acompanhar o caso.

Oito comissões fantasmas foram criadas na Câmara Municipal de Fortaleza e oficializadas em documentos do Diário Oficial do Município neste ano, custando quase R$ 190 mil aos cofres públicos.

Fortaleza: Bazar Elo Fashion oferece 80% de desconto em marcas e produtos

Quem está precisando dar um up no guarda roupa e não tem muito dinheiro para investir, não pode perder o Bazar Elo Fashion. Com até 80% de desconto em produtos de marcas, o bazar acontece no dia 26 de outubro, no Siará Hall, de 9h às 20h. A entrada para o evento é 1kg de alimento não perecível ou R$1.

No bazar, será possível encontrar roupassapatosacessóriosbolsasmoda praialingerie e até peças masculinas e infantis. Serão 19 marcas presentes que oferecerão grandes descontos em todos os produtos.

Música e moda

Além das promoções imperdíveis, o bazar  também oferecerá muita música com DJs tocando ao vivo, uma praça de alimentação e um parque infantil para as crianças brincarem e curtirem enquanto a mulherada aproveita as ofertas.

Sempre engajado em uma causa social e com o objetivo de beneficiar uma instituição diferente a cada edição, o bazar neste ano, irá doar os alimentos recebidos e todo o dinheiro arrecadado da entrada para o Instituto de Promoção da Nutrição e do Desenvolvimento Humano (Iprede).

Espaço das blogueiras

As mais conceituadas blogueiras de Fortaleza estarão presentes no Bazar Elo Fashion para dar muitas dicas de moda e esclarecer dúvidas sobre combinações e novidades do mundo fashion.

O Espaço das Blogueiras será formado por Amanda Estanislau, Victória Rocha, Natasha Brígido, Lívia Brasil, Mônica Pinto e Jessica Castro.

Coquetel de lançamento

O coquetel de lançamento do Bazar Elo Fashion acontece no próximo sábado (19), às 15h, no salão Naugusto & Sávia (Rua Coronel Jucá, 1373). No lançamento, será possível conhecer as blogueiras que estarão presentes no evento e também um pouco mais das marcas que oferecerão os melhores descontos.

Serviço:

Data: 26 de outubro (sábado)
Local: Siará Hall
Horário: 9h às 20h
Entrada: 1kg de alimento não perecível ou R$1
Formas de pagamento aceitas: dinheiro e cartões de débito e crédito
Contato: bazarelofashion@gmail.com
Facebook: Bazar Elo Fashion

(Renatta Pimentel, Tribuna do Ceará)

Justiça divulga lista dos bandidos mais procurados do Ceará

Diariamente inúmeros casos de violência são registrados no Ceará. A população, cada vez mais assustada, passou a divulgar ocorrências também nas mídias sociais na tentativa de chamar a atenção dos órgão públicos para a questão da segurança no Estado.

Embora já tenham sido condenados, alguns dos maiores criminosos ainda estão foragidos. Por isso, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) divulgou o nome dos 19 homens mais procurados atualmente no Ceará, na tentativa de facilitar a captura dos mesmos. Eles são acusados por crimes que vão desde formação de quadrilha e assalto a banco a homicídios e sequestros.

Alguns deles também são procurados em outros Estados, como é o caso de Robson Carlos Muniz, vulgo carioca, que também possui antecedentes criminais no Rio de Janeiro e Pernambuco. Outro destaque são Fernando de Carvalho Pereira, Fernandinho, e Marcos Rogério Machado Morais, Rogério Bocão, que participaram dofurto ao Banco Central, em 2005.

A SSPS pede ajuda à população para denunciarem caso encontrem algum dos nomes divulgados. As denúncias podem ser realizadas por meio do serviço Disque Denúncia 181 que garante o anonimato do denunciante. As ligações são gratuitas e podem ser feitas a qualquer hora do dia ou da noite.

Confira a lista dos homens mais procurados do Ceará. 

(Aline Lima, Tribuna do Ceará)

Fortaleza é a cidade que mais aprovou no ITA nos últimos 10 anos

Na turma de Ronaldo Chaves, há cearenses na cadeira da esquerda, da direita, da frente e de trás. O característico sotaque arrastado, presente nas salas e corredores, passa a ideia de estar na terra natal, mas ele mora a 2,3 mil quilômetros de distância. Em São José dos Campos (SP), onde estuda no Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA). Na faculdade, que forma a elite da engenharia no país, a invasão do Ceará chama a atenção de quem chega. Mas os números comprovam que isso não é só impressão.

Levantamento do Tribuna do Ceará indica que Fortaleza aprovou 23,5% dos novos alunos na última década(veja quadro abaixo). Líder nacional nesse quesito, essa foi a cidade onde estudavam 305 dos 1.296 aprovadosentre 2004 e 2013. Quem chega mais perto é São José dos Campos, sede de vários cursos preparatórios para a faculdade, com 291 (22,5%). Abaixo, os outros 54% são pulverizados entre duas dezenas de cidades, nenhuma com índice tão significativo. “Nossos colegas perguntam o que colocam na nossa farinha”, ri Ronaldo.

Não existem dados consolidados sobre a naturalidade dos “iteanos”, como são chamados os estudantes da faculdade. Se houvesse, o domínio cearense ficaria ainda mais evidente. “Dos 43 aprovados de Fortaleza em 2013, a maioria é de cearenses, talvez um ou outro piauiense que estuda na cidade. Enquanto isso, dos 41 de São José dos Campos, três ou quatro são daqui”, constata Luiz Carlos Rossato, que coordena o vestibular do ITA há 25 anos.

Esse fenômeno, sem paralelo no país, despertou o interesse da universidade. Especialmente de Rossato, que já fez algumas visitas a Fortaleza para entender os motivos dessa disparidade. “Os alunos cearenses são os mais bem preparados do país”, assegura o professor. Não à toa, eles quase sempre formam toda a seleção brasileira em olimpíadas internacionais de matemática, física e química – disciplinas essenciais dos cursos de engenharia oferecidos pelo ITA.

“Os alunos cearenses são os mais bem preparados do país”. (Luiz Carlos Rossato, coordenador do vestibular do ITA desde 1988)

A receita desse sucesso foi maturada nas últimas três décadas, num trabalho de base aperfeiçoado que nem o de potências do esporte. Começou com o extinto colégio GEO Studio, que criou as primeiras “turmas olímpicas” na década de 1980. Quando a escola passou a aprovar em massa no ITA e no Instituto Militar de Engenharia (IME), do Rio de Janeiro, suas técnicas de aulas voltadas para o vestibular ganharam força no ensino privado de Fortaleza.

Passada uma geração, quatro escolas da cidade se sobressaem em grandes vestibulares do país: Ari de Sá, Farias Brito, 7 de Setembro e Christus. Juntos, os colégios concentram 35 mil alunos, 15% do ensino privado em Fortaleza. É desse universo onde uma seleção realizada ainda no último ano do ensino fundamental pinça as mentes brilhantes com potencial elevado em disciplinas exatas. Esses jovens são tratados como estrelas nos três anos seguintes.

“Antes eram dadas bolsas de estudo para atletas. Hoje a gente premia os alunos que recebem boas notas”, explicou Tales de Sá Cavalcante, diretor superintendente do Farias Brito, ao programa Câmera 12, da TV Jangadeiro/Band, que abordou o tema em março passado. O professor é um dos entusiastas desse modelo de ensino, marcado por anúncios publicitários em jornais e TVs locais com o rosto dos aprovados em grandes universidades ao fim de cada semestre. “Formamos jovens altamente capacitados para o mercado”.

Essa indústria, que levou ao quadro atual de domínio no vestibular mais difícil do Brasil, está baseada num tripé que combina, além de estudantes de alto nível, professores muito bem remunerados, material didático específico e aulas em tempo integral(confira quadro abaixo). Esses fatores, segredo cearense para o ITA, serão destrinchados a seguir.

Estudar é a alma do negócio

Jonab Fernandes chega ao colégio às 6h45, diariamente. Dois dias na semana, tem aulas também à tarde. Independente disso, de segunda a sexta ele fica na escola até 21h, revisando as aulas passadas ou preparando as seguintes. No sábado é a vez dos testes simulados, e aos domingos a maratona é em casa. “Em três anos, a gente vive para estudar”, reconhece o estudante do 3º ano de turma ITA do Ari de Sá.

A política do tempo integral é o principal fator da formação de alunos de alto desempenho. Nos grandes colégios cearenses, os estudantes são distribuídos em três grupos: os de turmas ITA, olímpicas (com potencial para grandes vestibulares) e tradicionais. Nas duas primeiras, a carga horária ganha duas horas a mais que o normal e três a mais que no ensino público. “A divisão adequa os diferentes níveis de conhecimento”, explica Leonardo Bruno, coordenador das turmas ITA do Ari de Sá.

Leonardo foi um ex-aluno do Ari de Sá que concluiu Engenharia da Computação no ITA, em 2010, e voltou no ano seguinte para formar futuros iteanos no colégio onde estudou. Ser aprovado na faculdade é difícil porque o exame exige um alto grau de acerto de questões complexas em 4 horas, além de resistência para os quatro dias de testes. “Nos dois primeiros anos do ensino médio, o aluno aprende com profundidade. No último, ele desenvolve soluções rápidas para problemas complicados”, detalha Leonardo.

10 motivos para o sucesso dos cearenses no ita

Assim como o professor, uma geração de ex-alunos geniais voltou para os colégios depois de terminar a faculdade. Em 1991, Silvio Mota e mais seis cearenses eram os componentes do Brasil na Olimpíada de Matemática do Cone-Sul, no Chile. Uma equipe toda local. “Essas competições são ótimas para treinar alunos de alto desempenho”, avalia Silvio, hoje supervisor do Pré-Vestibular do 7 de Setembro.

Para otimizar o tempo dos alunos, as disciplinas de humanas – biologia, história e geografia – foram deixadas em segundo plano nas turmas ITA. O foco são as disciplinas de exatas – matemática, física e química –, além de português e inglês. Nas três primeiras, a prova apresenta 30 questões cada, sendo uma disciplina para cada dia de exame, enquanto no quarto dia é a vez de 20 questões nas duas outras matérias, além do teste de redação.

Com o tempo, ITA virou sinônimo de vestibular complicado. “É o teste mais difícil do Brasil”, atesta Onofre Campos, professor de turmas ITA do 7 de Setembro, Christus e Master. Para selecionar apenas 120 estudantes em uma média de 7 mil inscritos altamente capacitados, a prova precisa ser muito complexa. Por isso, não é raro alunos mais bem preparados para o teste que os próprios professores dos colégios.

Estudar no ITA é sonho

Tarcisio Lima Verde Neto chegou a São José dos Campos aos 16 anos. Na turma do colégio Ari de Sá, havia colegas de 23 anos (idade limite de ingresso no ITA) que colecionavam sucessivas aprovações em cursos de engenharia das melhores universidades do país, inclusive do IME, mas recusavam a chamada em nome do sonho. “Eles não desistiam do ITA. Achava aquilo magnífico”, relembra o jovem de 24 anos, que concluiu Mecânica Aeronáutica em 2010.

Tanta luta tem seus motivos. Atualmente, o ITA conta com cerca de 600 estudantes em seis cursos: Engenharias Aeronáutica, Eletrônica, Mecânica Aeronáutica, Civil Aeronáutica, Aeroespacial e da Computação. “Daqui sai a elite da engenharia no país”, aponta o coordenador do vestibular do ITA, Luiz Carlos Rossato.

Bancada pela Aeronáutica, a escola foi fundada em 1950, pelo cearense Casimiro Montenegro. O orçamento é de R$ 100 milhões por ano, usado para manter a estrutura de 12 km² projetada por Oscar Niemeyer, situada dentro do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial, em São José.

Os alunos não pagam mensalidade. Para custear alojamento, alimentação e assistência médica, é cobrada taxa de R$ 50 por mês. Um investimento irrisório diante dos benefícios que o diploma iteano garante ao futuro.

Entre os cearenses que estudam no ITA e os que buscam chegar lá, Igor de Sousa Almeida, ex-aluno do Ari de Sá, é uma inspiração. Formado em Engenharia da Computação, ele foi contratado pelo Google. Mora nos Estados Unidos e recebe salário anual de US$ 200 mil.

Para chegar a esse nível, é cobrado do aluno uma postura de honestidade. É um código de conduta chamado de Disciplina Consciente. “Morávamos em alojamentos, e era comum deixarmos os quartos destrancados, com notebooks e objetos de valor. E as provas, muito difíceis, podiam ser feitas no quarto, e ninguém burlava as regras”, conta Tarcisio. Para o ITA, esse valor é essencial. Mais até que a capacidade intelectual de suas mentes brilhantes.

Fortaleza é a cidade que aprovou mais alunos no ITA nos últimos 10 anos

 

Leia artigo de Wanderley Filho (Blog do Wanfil) sobre o tema, onde ele cobra uma política de retorno dos cearenses formados no ITA.

Câmera 12, da TV Jangadeiro/Band, já mostrou realidade dos cearenses no ITA:

 

(Tribuna do Ceará)

SEEB-CE realiza Curso Preparatório ao Concurso da Caixa

Em parceria com a Academia dos Módulos (Master Concursos), o Sindicato dos Bancários do Ceará abre inscrições para curso preparatório ao concurso da Caixa Econômica Federal. Será ofertada uma turma para bancários sindicalizados e seus dependentes.

O Curso terá carga horária total de 220 h/a (aulas diárias de 45 min), com início programado para o próximo dia 4/11/2013 e término em 15/02/2014. O recesso acontecerá de 21/12 a 6/1. As aulas serão ministradas no auditório do Sindicato e acontecerão de segunda a sexta-feira, das 19h às 22h, e aos sábados, das 8h às 11h e de 14h às 17h; ressalvando o caso de feriados, que serão devidamente compensados em horários a serem acertados posteriormente. O curso iniciará com no mínimo 40 alunos e contemplará até 70 pessoas.

Do conteúdo programático constam disciplinas como Língua Portuguesa, Matemática, História e Estatuto da Caixa, Conhecimentos Bancários, Ética e Atendimento. Após a conclusão da carga horária total (220 h/a), será oferecido ainda um aulão específico de cada disciplina gratuito para todos os alunos.

Segundo a diretora da Secretaria de Formação, Iêda Marques, “esta parceria foi mais uma iniciativa do Sindicato em favor da categoria. Além da defesa pelos direitos dos trabalhadores, também é papel da entidade promover a qualificação do público bancário”, afirma.
Matrículas – As matrículas serão feitas diretamente na secretaria de Formação do Sindicato (Rua 24 de Maio, 1289 – Centro), pessoalmente, no período de 22/10 a 1º/11, obedecendo aos critérios das vagas disponíveis, de segunda a sexta, das 08h às 18h.

Desconto especial – O valor deste curso ofertado pela Academia dos Módulos (Master Concursos) em sua sede é de R$ 920,00. Através da parceria com o Sindicato, o valor cobrado será de R$ 440,00, sendo concedido ainda um percentual de desconto no valor do curso de 30% para os bancários sindicalizados e de 20% para os dependentes dos bancários sindicalizados. Com os descontos ofertados pelo SEEB/CE o bancário sindicalizado pagará pelo curso o valor de R$ 308,00 e os dependentes pagarão R$ 352,00. O pagamento será feito no ato da matrícula, em dinheiro ou cheque. Os alunos que desistirem do curso deverão arcar com a restituição do valor do desconto concedido pelo Sindicato.
Bolsas – Durante a aula inaugural será realizado o sorteio de cinco bolsas integrais entre os alunos devidamente matriculados e presentes em sala de aula. Os contemplados com as bolsas integrais terão ressarcidos os seus valores devidos no final do curso após comprovação de frequência mínima de 80% (oitenta por cento) das aulas.

Mais informações através do telefone: (85) 3252 4266, falar com a Secretaria de Formação.

(Sindicato dos Bancários do Ceará)

Carta à menina execrada por um vídeo de celular

A graça com a desgraça dos outros: internautas fazem o sinal de OK em referência ao vídeo de Fran (Na Pimentaria)

Nathalia Ziemkiewicz, Pimentaria

Fran,

Meu celular acabou de apitar avisando uma mensagem nova no Whatsapp. Era um vídeo de 13 segundos em que você aparece fazendo um boquete e perguntando ao câmera: “quer meu c*zinho apertadinho?” – fazendo um sinal de OK. Eu deveria ter achado graça, caído na gargalhada e compartilhado com outros contatos. Porque, afinal, é só mais uma “vagabunda que se deixou filmar” e cujas imagens acabaram vazando para milhares (milhões?) de desconhecidos. Como se nenhuma moça “direita” pudesse chupar um pau ou ficar de quatro. Como se ninguém falasse baixarias a dois. Como se fosse absurdo realizar a fantasia de ser filmada enquanto transa.

Eu não te conheço, mas descobri que você é uma universitária de 19 anos e mora em Goiânia. Não sei quem era o cara do vídeo nem a relação que você tinha com ele. Se era amante, namorado, marido, affair de uma noite. Se você foi “ingênua” ou “safada”, se tem uma índole boa ou ruim. Simplesmente não interessa. Nada disso justifica o massacre contra você e sua família. Qual o tamanho da sua dor agora? Soube que você não está frequentando as aulas e foi afastada da loja de roupas em que trabalhava por causa do assédio. A delegada que cuida do seu caso disse que você disfarçou a aparência para não ser reconhecida, que está abatida de tão triste.

Lamento muito por todos os comentários grotescos e ofensivos que têm circulado na internet. Eles foram feitos pelas mesmas pessoas que acreditam que, se estava de saia curta na rua, pediu para ser estuprada. Tipo: não queria ser exposta, então não deveria ter se deixado filmar. É uma lógica machista que inverte os valores. Você é puta – e não o cara, um mau-caráter. Querida, nossa sociedade está mergulhada nos próprios pudores. Não há nada de errado no que você fez. A cretinice da história toda pertence somente àquele(a) que primeiro repassou o vídeo de um celular privado para uma rede infinitamente invisível.

Espero que você tenha visto a página Apoio à Fran, já com quase 20 mil apoiadores no Facebook: “ela é a vítima”. Sabe, em 2006, uma jornalista que eu venero contou uma história parecida com a sua. Fotos de uma garota de 20 anos transando com dois caras foram parar no Orkut. Ela e a família precisaram mudar de cidade para recomeçar a vida publicamente destroçada. Eu desejo que você consiga se perdoar. Posso imaginar a culpa e a vergonha que você está sentindo. E torço para que os leitores dessa carta sejam mais humanos e menos hipócritas do que eu tenho visto por aí.

Atualização: Uma amiga de Fran me contou que ela só sai de casa para ir aos advogados e à delegacia. Está em pânico, morre de medo de ser reconhecida.

Biografias: Alceu se opõe a Chico, Caetano, Gil e Roberto

Farofafá

O cantor e compositor pernambucano Alceu Valença se pronunciou sobre a questão das biografias emsua conta no Facebook, em linha oposta àquela encampada pelo grupo Procure Saber, dos colegas Chico Buarque, Roberto Carlos, Gilberto Gil, Caetano Veloso, Milton Nascimento, Erasmo Carlos e Djavan.

“A ideia de royalties para os biografados ou herdeiros me parece imoral”, afirmou Alceu, sem meias-palavras. “Falem mal, mas me paguem…(?) é essa a premissa??? Nem tudo pode se resumir ao vil metal!”, completou, ecoando verso de “Como Nossos Pais” (1976), interpretada pela colega morta Elis Regina e composta pelo hoje sumido Belchior. Abaixo, o pronunciamento de Alceu, na íntegra:

“Pare, repare, respire, reveja, revise sua direção… Eu compus essa letra para o disco Maracatus, Batuques e Ladeiras, que lancei em 1994. Desde ontem, um assunto tomou conta dos meus pensamentos. No fim da manhã, recebi um telefonema de uma jornalista que solicitava minha posição acerca da polêmica que vem acontecendo em torno da autorização ou não de biografias. Como já estava na hora de buscar meu filho no colégio, pedi para ela me ligar à tarde. Dali em diante, fiquei remoendo o assunto e aguardando seu novo contato, o que não veio a acontecer.

“A questão não é simples. Pesei costumes e comportamentos. Refleti sobre o tempo e a história. Considerei valores e conceitos. Cheguei a uma conclusão que envolve 4 pontos essenciais:

“Ética. O assunto até parece démodé, mas deveria estar intrinsecamente no centro de diversas situações que vivemos hoje em dia. Inclusive, neste caso. Óbvio que o conceito é subjetivo e, até, utópico. No entanto, sem a sua prática, o desequilíbrio é evidente. Fala-se muito em biografias oportunistas, difamatórias, mas acredito que a grande maioria dos nossos autores estão bem distantes desse tipo de comportamento. Arrisco em dizer que cerceá-los seria uma equivocada tentativa de tapar, calar, esconder e camuflar a história no nosso tempo e espaço. Imaginem a necessidade de uma nova Comissão da Verdade daqui a uns 20 anos…

“Assim entramos em outro conceito, igualmente amplo, delicado e precioso: liberdade de expressão. Aliás, tão grandioso que deveria estar na frente de qualquer questão. O que é pior: a mordaça genérica ou a suposta difamação?

“Eficiência e celeridade processual são princípios que devemos reivindicar para garantia dos nossos direitos. Evitar a prática de livros ofensivos e meramente oportunistas através do Poder Judiciário é uma saída muito mais eficaz e coerente com os fundamentos democráticos.

“Definitivamente, a questão não é financeira. A ideia de royalties para os biografados ou herdeiros me parece imoral. Falem mal, mas me paguem…(?) é essa a premissa??? Nem tudo pode se resumir ao vil metal!

“Com todo o respeito pelas opiniões contrárias, este é o meu posicionamento. Viva a democracia!

Alceu Valença”.