Arquivo da categoria: Sociedade

Governo do Ceará convoca 238 aprovados em concurso da Perícia Forense

O governador Camilo Santana aprovou a convocação de 238 candidatos remanescentes, aprovados na 1ª fase do concurso da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce). A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado, nesta quinta-feira, 26.

As vagas são para cargos de Médico Perito Legista, Perito Criminal, Perito Legista e Auxiliar de Perícia. Os candidatos deverão realizar a matrícula para a 2ª turma do Curso de Formação Profissional e entregar a Ficha de Informações Confidenciais (FIC).

A matrícula será realizada em duas fases. A primeira será nos dias 6 e 7 de abril, via internet. O candidato deverá preencher a ficha de matrícula, que ficará disponível até as 21 horas do dia 7.

Já a segunda fase será de forma presencial, com entrega da documentação. A FIC ficará disponível no endereço eletrônico (www.aesp.ce.gov.br) e deverá ser entregue, das 9 horas às 16 horas, do dia 9 a 10 de abril, na sede da Academia Estadual de Segurança Pública (Aesp), na avenida Costa e Silva, 1253, bairro Mondubim.

O curso terá duração de no mínimo quatro meses e será realizado pela Aesp. A Prova de capacidade física, a avaliação psicológica e a investigação social serão realizadas durante o curso.

Redação O POVO Online

Estado americano aprova lei que permite proibição de gays em estabelecimentos

Washington, 26 mar (EFE).- O governador de Indiana, nos Estados Unidos, o republicano Mike Pence, aprovou nesta quinta-feira uma lei que dá carta branca aos comércios desse estado para proibir a entrada de casais de homossexuais em nome da “liberdade religiosa”.

“Este projeto de lei não é discriminatório, e se eu pensasse que legaliza a discriminação de alguma maneira, o teria vetado”, defendeu Pence, que disse que a lei garante que “a liberdade religiosa esteja totalmente protegida sob a legislação de Indiana”.

“A Constituição dos Estados Unidos e a Constituição de Indiana proporcionam um forte reconhecimento da liberdade de religião mas, hoje em dia, muitas pessoas de fé sentem que sua liberdade religiosa está sendo atacada pela ação do governo”, argumentou.

Esta nova legislação anularia as leis estaduais e locais que “impedem” a habilidade das pessoas, incluídos negócios e associações, de seguirem suas crenças religiosas.

A controvertida iniciativa despertou a oposição de associações defensoras dos direitos dos homossexuais e da Associação Nacional Atlética Colegial (NCAA), que deve jogar a final de basquete masculino daqui a duas semanas em Indianápolis, a capital de Indiana.

“Estamos examinando os detalhes desta lei. No entanto, a NCAA está comprometida com um ambiente inclusivo, onde todos os indivíduos podem desfrutar do mesmo acesso aos eventos”, disse em comunicado o grupo da NCAA de Indianápolis.

A Indiana é o primeiro estado a aprovar uma mudança legislativa deste tipo, e no estado da Califórnia uma iniciativa popular também provocou nesta semana a firme rejeição de organizações defensoras dos direitos dos homossexuais.

(EFE)

Bandidos invadem sauna gay, estupram clientes e são presos de cueca no telhado

Você já deve ter ficado meio chocado logo no título, né? Mas o bafo é sério: seis homens armados (com armas de verdade) renderam cerca de 50 pessoas em um assalto dentro de uma sauna gay na 503 Sul, área central de Brasília, na noite da última quarta-feira (25). Testemunhas que estavam no local afirmam que três clientes foram abusados sexualmente. Os quatro adultos e dois adolescentes foram rendidos pela Polícia Militar quando tentavam fugir pelo telhado. Alguns deles ainda estavam de cueca.

Por volta das 22h, três homens teriam abordado os usuários, dando coronhadas e chutes nas pessoas que não quisessem se deitar. Enquanto isso, os outros três pegavam itens no armário e no caixa e revistavam o estabelecimento. Ao todo, foram roubados 12 celulares, dinheiro e relógios.

“Eles já subiram anunciando o assalto. Aí cada bandido já subiu para um andar do prédio e foi mandando todo mundo descer para um local só, para a recepção. Todo mundo ficou na recepção e mandavam deitar, entendeu, eles mandavam deitar”, disse uma vítima.

Um funcionário conseguiu escapar e chamou a polícia. O aspirante Guilherme Fonseca conta que a equipe foi imediatamente para o local. “Vimos a porta do estabelecimento semiaberta, e nesse momento a gente avistou um dos indivíduos que estava cometendo o assalto, e ele correu.”

Os adultos foram levados para a delegacia da região e os adolescentes para a unidade especializada. A Polícia Civil informou que investiga por quais crimes eles vão responder.

Vídeo do Youtube: 

Senador José Pimentel eleito vice-presidente da CCJ do senado federal

O senador cearense José Pimentel (PT) foi eleito, nesta quarta-feira, 25, por aclamação, vice-presidente da Comissão de Constituição e Justiça do Senado. O presidente do colegiado é o senador José Maranhão (PMDB-PB). Pimentel agradeceu a confiança dos membros da CCJ, que o elegeram por unanimidade, e assumiu um compromisso: “Quero trabalhar ao lado do presidente José Maranhão e dos nossos pares para que possamos ter, ao final do período, uma boa produtividade e, acima de tudo, a aprovação de boas leis”.

Quase todas as propostas em análise no Senado passam pela Comissão de Constituição e Justiça, considerada uma das comissões mais importantes da Casa. Além de dar parecer sobre o mérito das matérias, a CCJ tem a atribuição de opinar sobre a constitucionalidade e juridicidade das propostas.

(Com Agência Senado)

DISPUTAS POLÍTICAS E JORNALISMO MARRON ANIMAM REDES SOCIAIS

Gaudêncio Lucena X Ciro Gomes

Ceará 247 – O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), está sendo vítima de uma página falsa, na rede social Facebook. Essa semana, o portal Radar Online, publicou uma nota intitulada: “Santana contra Cunha“. A imagem que ilustrava a nota era um print screen doFacebook fake de Camilo. A página “Camilo Santana Governador do Ceará 13“, não é a que o chefe de estado usa para divulgar o trabalho. A coluna não teve o cuidado de verificar a origem e publicou como se fosse uma declaração pessoal de Camilo Santana.

A página verdadeira de Camilo Santana é “Camilo Governador“. Na página, o governador do Ceará publica suas atividades institucionais como chefe do executivo cearense.

Uma das personalidades que usa muito as redes sociais para fazer disputa política é o ex ministro e ex governador Ciro Gomes. Ainda esta semana, Ciro usou, mais uma vez, a rede social Facebook para expor sua opinião sobre os inimigos políticos. Nessa quinta-feira, 25, feriado no Ceará, compartilhou uma atualização – linguagem usada da rede – do vice-prefeito de Fortaleza,Gaudêncio Lucena (PMDB), que por sua vez também compartilhou o artigo de um jornalista cearense com o seguinte título: “Cid Gomes, a Casa de Brasília e o jeitinho a favor de amigos e parentes“. Ao contrário do que aconteceu com o governador Camilo Santana, na página de Ciro são expressas, de fato, a opinião dele.

Em resposta a Gaudência Lucena, Ciro, compartilhou em sua página, um postreferindo-se ao senador Eunício Oliveira (PMDB): “Enquanto isso Eunic$$o e sua,quadrilha da,qual este cidadão faz parte vai faturar quase UM BILHÃO DE REAIS junto à assaltada PETROBRAS. Atenção autoridades, só uma empresa desta quadrilha conseguiu um contrato SEM LICITAÇÃO e claramente SUPERFATURADO de TREZENTOS MILHOES DE REAIS! O nome da empresa é MANCHESTER! E a ouvidora da PETROBRAS fez ouvidos moucos para as denúncias!”

A publicação contou com 78 curtidas e 11 comentários apoiando a acusação de Ciro. Também no último dia 21 de março, Ciro compartilhou outra atualização de Gaudêncio, que, usou também seu perfil na rede para repercutir o artigo de uma revista nacional, cujo o título era: “O degradante espetáculo de Cid Gomes, o ministro que não foi. Nessa vez, como na última, Ciro defendeu o irmão Cid se referindo diretamente ao vice-prefeito de Fortaleza. ‘Este picareta gaudencio é da mesma quadrilha’, escrevei Ciro. Essa publicação rendeu 150 curtidas e mais de 30 comentários”.

Ciro tem usado sua página pessoal para defender o irmão e confrontar os inimigos políticos, sobretudo, peemedebistas. Lá, ele convida seus “amigos” para participarem da página criada por aliados de Cid: “Eu exijo a renúncia de Eduardo Cunha”, que está atualmente com mais de 23 mil curtidas.

(Brasil 247)

BNTM será realizada no Centro de Eventos do Ceará, de 27 a 31/05

Ceará 247- O Ceará vai receber em maio, no Centro de Eventos, a 24ª Brazilian Tourism Mart (BNTM), evento que tem como foco a divulgação do Nordeste para o mercado internacional. Entre os dias 27 e 31 de maio, serão expostos destinos e produtos turísticos em busca da realização de negócios e parcerias comerciais entre compradores internacionais convidados (buyers) e fornecedores nacionais (suppliers).

Pela importância que tem o evento para o Nordeste, o Ministério do Turismo (MTur), o Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), a companhia aérea TAP Air Portugal e a Secretaria do Turismo do Ceará (Setur) definiram, no início deste mês de março, um conjunto de estratégias de promoção do evento, durante o primeiro dia da Feira Internacional de Turismo (BTL – Portugal).

Do encontro foi anunciada a participação do MTur e da Embratur no comitê gestor da BNTM, para, em conjunto com a Setur e a CTI Nordeste, buscarem apoios e patrocínios e trabalharem na melhor seleção dos buyers e dos profissionais da imprensa que serão convidados. A TAP confirmou a condição de “transportadora oficial” para os participantes do continente europeu.

O evento é realizado anualmente, desde 1992, sendo sempre sediado em um dos estados nordestinos. Durante a sua trajetória, a BNTM se firmou como a única bolsa de negócios turísticos realizada no Brasil, conseguindo, portanto, fomentar a comercialização dos produtos e destinos turísticos do Nordeste brasileiro junto a importantes agentes de viagens e operadoras internacionais que atuam nos principais mercados emissores de turistas para o Brasil.

Conforme a CTI Nordeste, a cada edição da BNTM, o turismo na região tem um crescimento de 8% a 10%. Para o estado anfitrião, esse percentual pode chegar a 14%. “O Ceará estará na vitrine da 24ª BNTM, apresentando suas novas infraestruturas, como o próprio Centro de Eventos, local de realização das rodadas de negócios, além dos seus destinos e produtos qualificados nos padrões internacionais, com excelentes perspectivas de negócios e projeção”, destaca Arialdo Pinho, titular da Setur.

 

Márcio Fortes, ex-tesoureiro de Serra e FHC, tinha conta secreta na Suiça

por Rodrigo Vianna

O que você acha que aconteceria se Delúbio Soares (ex-tesoureiro do PT) ou João Vaccari (atual tesoureiro) aparecessem numa lista de brasileiros com contas secretas na Suíca, ao lado de vereador, suplente de senador e outros políticos de menor expressão?

Qual seria a manchete? “Políticos de vários partidos têm contas na Suíça”. Não!!! Mil vezes não.

“Tesoureiro do PT escondia 2 milhões na Suíca“, diria a Folha. “A prova que faltava: até conta na Suíça – saiba os valores e entenda porque o PT virou um ninho de corruptos com contas no exterior”, diria a Veja. Só no pé da matéria, haveria citação dos outros envolvidos.

Pois bem, é escandalosa a forma como UOL trata a presença (não fictícia, mas absolutamente real) do tucano Márcio Fortes na lista do HSBC. Não houve qualquer destaque para  o fato de ele ter sido tesoureiro de campanhas de Serra a presidente (com um papel central em 2002), ou de ter sido o principal doador do PSDB.

Não! A manchete no UOL era insípida: “Políticos de 6 partidos têm elos com contas secretas”confira aqui.

Fortes tinha um saldo de 2,4 milhões em uma das contas – que por sua vez não aparece na declaração que ele apresentou à Justiça Eleitoral quando foi candidato pelo PSDB. Ou seja: parece ser uma conta irregular, além de secreta.

Mas Fortes surge perdido na tal lista, em meio a um vereador petista e a um suplente de senador do PMDB. Não há contexto, não há qualquer destaque. O UOL quase pede desculpas por citar o sujeito na lista.

O perfil publicado no site da família Frias sequer informa que Fortes foi captador de recursos para as campanhas de Serra, ou tesoureiro do PSDB. Nada, nem uma palavra sobre isso.

Um amigo paulista, que foi filiado ao PSDB, se disse espantado: “todo mundo sabe que o Fortes é Serra, são quase uma coisa só quando se trata de campanha; o UOL nem cita que ele foi coordenador, ou arrecadador”.

O vazamento das contas secretas do HSBC (um escândalo mundial) é absolutamente controlado e seletivo no Brasil. Todos sabemos por que: estão na lista donos de jornais, artistas e (até agora) dois tucanos graúdos – Armínio Fraga e Marcio Fortes.

Lily Marinho (viúva de Roberto Marinho) e Luis Frias (dono do UOL) aparecem na relação – clique aqui pra saber mais sobre isso. Mas o fato não ganhou qualquer destaque! Tudo noticiado de forma discreta. Quase secreta (se não fosse o barulho dos blogs e das redes sociais).

Aliás, ‘O Globo’ usou o nome do primeiro marido de Lily, para tentar desvincular a família Marinho da conta secreta na Suíça. Já os Frias alegam que não lembram de terem aberto a conta. E fica tudo em casa.

É a grande hipocrisisa da elite nacional, como se os tucanos e empresários (de mídia, inclusive) dissessem: nós podemos ter conta secreta, nós podemos transgredir e sonegar. É nosso direito inalienável! e abaixo a corrupção do PT!

O Marcio Fortes, tesoureiro de Serra (que por sua vez é amigo dos Frias) não tem com o que se preocupar. A não ser… A não ser que a CPI e a internet cumpram o papel de espalhar a notícia e investigar o fato, traçando as ligações de Fortes com o senador  (e eternamente presidenciável) José Chirico Serra. E mostrando que Fortes é também próximo de FHC.

Veja abaixo como o UOL deu o perfil de Fortes, evitando usar o nome de Serra e  FHC (no entanto, Fernando Gabeira – que foi companheiro de chapa dele numa campanha a governador – foi citado sim).

Curioso critério jornalístico. Para os tucanos, vale sempre a regra de ouro: #podemostirartirarseacharmelhor.

===

Do UOL

MÁRCIO FORTES (PSDB)

Na relação de clientes do HSBC na Suíça consta ainda o nome do primeiro vice-presidente do PSDB no Rio, Márcio Fortes. Também integrante da Comissão Executiva Nacional do PSDB e deputado federal por 3 mandatos, Fortes, de 70 anos, atuou como presidente do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) e do Banerj e foi secretário-geral do Ministério da Fazenda.

Conforme os dados do SwissLeaks, o tucano tinha o seu nome relacionado a 3 contas no HSBC em Genebra em 2006 e 2007, sendo que uma delas ainda estava ativa naquela época –com um saldo de US$ 2.413.260,28. Fortes é do ramo de construção civil e é um tradicional doador para campanhas eleitorais.

No ano 2000, por exemplo, Fortes foi a pessoa física que mais doou dinheiro ao PSDB –o equivalente a 21% do total arrecadado pela legenda nessa modalidade de financiamento.

Em 2010, Fortes concorreu ao cargo de vice-governador do Rio na chapa encabeçada por Fernando Gabeira (PV). À Justiça Eleitoral, o tucano comunicou que tinha na época um patrimônio de R$ 4.442.412,71, sendo 13 imóveis, um carro e R$ 117.342,03 na CEF. Assim como Lirio Parisotto, o peessedebista não declarou possuir conta no HSBC.

Na eleição de 2010, Fortes fez uma doação de R$ 500 mil para a campanha ao governo do Rio. Dias antes, Gabeira havia dito que os partidos aliados o apoiavam “muito mal” e que, por esse motivo, poderia “dar uma banana” se fosse necessário.

Em 2006, Fortes concorreu a deputado federal pelo PSDB fluminense. À época, sua conta identificada como “Aframfran Holdings Limited” tinha um saldo de US$ 2,413 milhões no HSBC da Suíça. Esse bem, entretanto, não aparece na declaração de patrimônio que o tucano entregou à Justiça Eleitoral.

Via http://www.revistaforum.com.br/rodrigovianna/plenos-poderes/manchete-que-voce-jamais-vera-uol-ou-globo-tesoureiro-psdb-tem-conta-secreta-na-suica/

Repórter do UOL se recusa a entregar dados do caso HSBC a parlamentares

Brasília – O repórter Fernando Rodrigues, do portal UOL, primeiro jornalista do país a divulgar o escândalo das contas secretas de brasileiros existentes no HSBC da Suíça, afirmou hoje (26), durante depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Senado criada para investigar o caso, que tentou um contato com representantes do governo, por meio de órgãos como o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) e a Receita Federal, em 2014. Mas, segundo contou, encontrou atitudes que considerou como “desídia, preguiça e má vontade” por parte dos integrantes destes órgãos para entrar nas apurações.

Rodrigues classificou as conversas mantidas com representantes destes e de outros órgãos de “epidérmicas”. Sem entrar em muitos detalhes, o jornalista afirmou que para divulgar as informações precisa atender aos critérios estabelecidos pela associação internacional de jornalistas investigativos – que primeiramente teve acesso à lista – e que os nomes dos correntistas só serão divulgados se forem de pessoas sobre as quais exista um “interesse público” de divulgá-los. Acrescentou que, mesmo assim, essa divulgação só ocorrerá após todos serem ouvidos e prestarem seus esclarecimentos.

Ele criticou a divulgação de alguns nomes pela Receita Federal para determinados veículos, feita recentemente. Destacou que as informações foram “seletivas” e ainda por cima “apresentaram imprecisões quanto aos valores existentes nas contas dos correntistas que tiveram seus nomes expostos”.

‘Conheço as CPIs’

Diante da solicitação de vários dos senadores para que entregasse a lista e os dados que já dispõe à CPI com o compromisso de que as informações seriam mantidas em caráter sigiloso, como forma de ajudar nas apurações destes parlamentares, o jornalista se recusou. Disse que ficava até mesmo “sensibilizado” com o pedido dos parlamentares e que acredita na intenção deles de manter a tutela dos dados com responsabilidade.

Mas em função da sua profissão, já acompanhou muitas CPIs, nos últimos anos, e considera “uma temeridade” da sua parte atender ao pedido, “sabendo como funciona o Congresso Nacional e as CPIs”. Fernando Rodrigues argumentou, ainda, que os dados estarão disponíveis para os parlamentares por meio do governo francês que não se opõe a oferecer todos os nomes.

‘Responsabilidade e obrigação’

O presidente da CPI, senador Paulo Rocha (PT-BA), rebateu Fernando Rodrigues diante da sua recusa. Rocha afirmou que não tem problema ele negar a lista, porque a presidência da comissão tem “a responsabilidade e a obrigação” de requerer a relação, independente da vontade dele e do critério da associação internacional de jornalistas investigativos para dar publicidade a tais nomes.

Rodrigues disse que entende a posição do senador Paulo Rocha e que ele está certo. Ressaltou que os senadores “têm obrigação de solicitar estas informações” e repetiu que a forma “mais correta, célere e produtiva para a CPI” é a busca pelo governo francês.

Rocha reiterou que o Senado tem o compromisso de guardar toda informação sigilosa com responsabilidade e que, no encaminhamento dos trabalhos da comissão, vai atuar no sentido de fazer com que qualquer informação não seja divulgada com o intuito de ser utilizada “por interesses de disputa política ou de qualquer outro tipo”.

Durante a instalação da comissão, na última terça-feira, Paulo Rocha já tinha dito que irá fazer de tudo para evitar que a CPI seja “palco de espetáculos”. “É preciso que as investigações aconteçam com equilíbrio, segurança, serenidade e responsabilidade e é por isso que vou lutar”, acentuou.

A reunião teve início às 8h30 e durou mais de três horas. Foi dividida em duas etapas, de forma a possibilitar que, além do depoimento dos convidados, os senadores também pudessem apreciar requerimentos. Eles aprovaram, antes de ouvir Rodrigues e o jornalista Chico Otávio, de O Globo, um plano de trabalho para a CPI para os próximos 180 dias.

(Por Hylda Cavalcante, RBA)

Entre 700 políticos, UOL e O Globo encontram apenas 5 com contas na Suíça

Jornal GGN – Entre cerca de 700 políticos da atualidade, o UOL e O Globo afirmam que apenas cinco possuem ou já possuíram contas no HSBC da Suíça. Nesta quinta-feira (26), os dois veículos – que detêm exclusividade na apuração do caso SwissLeaks relacionado a brasileiros – divulgou os nomes de figuras que se encaixam em cinco partidos: Márcio Fortes, da direção executiva nacional do PSDB; Marcela Arar, ex-tucano que hoje é vereador pelo PT do Rio de Janeiro; o bilionário da Forbes Lirio Parisotto, suplente de senador pelo PMDB; Jorge Roberto, ex-prefeito de Niterói pelo PDT e Daniel Tourinho, presidente nacional do PTC. Entre familiares e assessores de políticos estão duas irmãs de Paulo Maluf (PP), um assessor de Silveira, e três filhos do prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda (PSB).

Leia mais:

Para entender a lista do HSBC no Globo

Contas secretas no HSBC paralisam o mundo, menos o Brasil

Segundo o UOL e O Globo, antes de divulgar essa lista, os veículos se debruçaram sobre o cruzamento de dados com os nomes de todos os atuais 513 deputados federais, os 81 senadores titulares, os 162 senadores suplentes, Dilma Rousseff (PT) e seus antecessores na Presidência, o vice Michel Temer (PMDB), os deputados estaduais de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro, além dos vereadores da capital paulista, de Belo Horizonte e do Rio.

Todos os listados negaram irregularidades. Apenas os filhos do socialista Marcio Lacerda apresentaram provas de que as contas foram declaradas às autoridades brasileiras e, portanto, são legais.

Márcio Fortes (PSDB)

Vice-presidente do PSDB no Rio, Márcio Fortes também integra a Comissão Executiva Nacional do PSDB e foi deputado federal por três mandatos. Com 70 anos, atuou como presidente do BNDES e do Banerj, além de ter sido secretário-geral do Ministério da Fazenda.

Pelos dados do SwissLeaks, o tucano tinha o seu nome relacionado a três contas no HSBC em Genebra em 2006 e 2007, sendo que uma delas ainda estava ativa naquela época – com um saldo de US$ 2.413.260,28. Fortes atua no ramo da construção civil e é um grande doador para campanhas eleitorais. Em 2000, ele foi a pessoa física que mais doou dinheiro ao próprio partido: equivalente a 21% do total arrecadado nessa modalidade de financiamento.

Nas vezes em que disputou eleição, não declarou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que dispunha de contas na Suíça. Segundo O Globo, ele disse “acreditar” que duas contas “abertas em 1991, já encerradas, possam estar relacionadas a um trabalho que ele prestou para a organização WBSC (World Business Council for Sustainable Development), entidade sediada em Genebra”, em função da conferência Rio-92. Já a terceira conta, aberta em 2003 e ainda ativa em 2006 e 2007, com saldo de US$ 2,4 milhões, Fortes disse que não se lembra dela.

Lirio Parisotto (PMDB)

Suplente do senador Eduardo Braga, Lirio Parisotto, dono de um patrimônio de 1,6 bilhão de dólares, segundo a Forbes, tem o seu nome relacionado a cinco contas ativas no HSBC na Suíça nos anos de 2006 e 2007, todas abertas no período de 2001 a 2005. Os saldos à época variavam de apenas US$ 1.013 a US$ 45,873 milhões. Ele também não declarou nada sobre as contas ao TSE.

Ao O Globo, Parisotto informou, “por meio de sua empresa, a Videolar, que já havia se manifestado, em fevereiro deste ano, sobre suas contas no HSBC da Suíça às revistas Época e IstoÉ Dinheiro. Naquela ocasião, ele disse que todos seus bens e valores haviam sido declarados à Receita Federal e ao Banco Central, mas não apresentou documento” ao jornal fluminense.

Marcelo Arar (PT)

O petista Arar, que já foi filiado ao PSDB e atuou no ramo de eventos, aparece com duas contas no HSBC. Segundo o UOL, uma havia sido aberta em 1990 e fechada em 1998. “A outra, identificada pelo código alfanumérico 29821 BB foi criada em 23 de março de 1998 e permanecia ativa até 2007, com saldo de US$ 247.812. Também estavam ligados a essa conta André Arar e Eliane Bagrichevsky Arar, parentes do vereador.”

Ele disse ao O Globo que está “completamente surpreso” ao ser lista como cliente do HSBC da Suíça e que desconhece qualquer conta no exterior. “Em 1990 (ano de abertura da primeira conta), eu tinha 15 anos de idade. Entrei para política em 2011, aos 36 anos”.

José Roberto Silveira (PDT) e Mocarzel

O ex-prefeito de Niterói pelo PDT e o ex-secretário de Obras do município José Roberto Vinagre Mocarzel também tiveram seus nomes relacionados a contas do HSBC na Suíça. No entanto, em 2006/2007, os seus saldos estavam zerados, afirma o UOL.

“Jorge Roberto Silveira e José Roberto Vinagre Mocarzel mantiveram contas no HSBC de Genebra por períodos semelhantes. O ex-prefeito de Niterói começou a fazer depósitos em julho de 1993 e encerrou sua relação com o banco em abril de 2003. Morcazel abriu sua conta um pouco antes, em janeiro de 1991 e a fechou também em abril de 2003.”

Mocarzel é servidor de carreira da Superintendência de Desportos do Estado do Rio de Janeiro, mas está lotado no gabinete do deputado estadual Paulo Ramos (PSOL-RJ). Seu salário bruto atual é de R$ 8.502,00.

O Globo entrou em contato com o advogado de Silveira, que não quis comentar a presença de seu cliente nas planilhas do HSBC. Já Mocarzel afirmou, por meio de advogado, que desconhece a existência de contas na Suíça.

Daniel Tourinho (PTC)

O presidente do Partido Trabalhista Cristão esteve nos arquivos do HSBC entre 2 de março a 6 de novembro de 1992. Nesse período, teve duas contas relacionadas a seu nome. Como estavam zeradas em 2006, não é possível saber o saldo que existiu anteriormente. O Globo e UOL não conseguiram localizar o dirigente, mas destacaram que ele já sustentou a campanha presidencial de Dilma em 2010 e, em 2014, apoiou Aécio.

Irmãs Maluf

Therezinha Maluf Chamma e Nelly Maluf Jafet eram clientes do HSBC em 2006/2007. Therezinha, 86, surge relacionado a 4 contas, com saldos variando de US$ 20.741 a US$ 1.737.251, à época. Essas contas foram abertas em datas diferentes, de 1990 a 1996. Já a conta ligada a Nelly estava com saldo zero nos anos de 2006 e 2007. Ela morreu em 2014, aos 89 anos.

Procurada, Therezinha disse ao O Globo que “se tiver dinheiro lá, o senhor pode ficar com ele”. Ela ainda negou relações financeiras com o irmão. “Sou parente de político, mas não falo com ele (Paulo Maluf) há mais de um ano. Não tenho negócios com ele.”

Com informações do UOL e O Globo

Sindicato dos Advogados de SP pede ao MP que investigue Aécio Neves

Hoje de manhã o Sindicato dos Advogados de São Paulo protocolou junto ao Procurador Geral da República Rodrigo Janot uma representação requerendo do Ministério Público Federal a abertura de investigação criminal em relação ao senador Aécio Neves (PSDB-MG).

A representação se refere à delação do doleiro Alberto Yousseff, de que  “o PSDB, por intermédio do Senador Aécio Neves, possuiria influência junto a uma diretoria de FURNAS, conjuntamente com o PARTIDO PROGRESSISTA, e haveria o pagamento indevido de valores de empresas contratadas”.

Na sequência, o doleiro afirma que “o PSDB, por meio de Aécio Neves, “dividiria” uma Diretoria em FURNAS com o PARTIDO PROGRESSISTA, por meio de José Janene. Afirmou que ouviu que Aécio também teria recebido valores mensais, por intermédio de sua irmã, de uma das empresas contratadas por FURNAS, a empresa BAURUENSE, no período entre 1994 e 2000/2001”.

Segundo a representação, “no entendimento do PGR referidos fatos estariam completamente dissociados da investigação central (…) não havendo, por isso, indícios concretos para dar andamento a uma investigação formal contra o aludido parlamentar”.

Aí começa o questionamento do Sindicato dos Advogados.

Apesar dos fatos não estarem relacionados com a Petrobras, “é de se ter em vista a inequívoca existência de fatos e indícios contundentes acerca do flagrante envolvimento do Senador Aécio Neves da Cunha em graves ilicitudes relacionadas à estatal ‘FURNAS’”.

A representação anota que, apesar de ter requerido o arquivamento do procedimento criminal, o PGR não livrou Aécio das suspeitas sobre Furnas: “De qualquer modo, nunca é demais se frisar que não se está fazendo nenhum juízo insuperável acerca da procedência ou não de eventual participação do parlamentar referido no suposto fato relacionado a FURNAS”, escreve o PGR.

Se o PGR não endossa nem a inocência nem a culpa de Aécio Neves, fica clara a “necessidade de investigação dos fatos narrados como condutas ilegais”.

A peça do PGR reforça essa necessidade.

“Conforme apurado por esta Procuradoria-Geral da República”, continua a representação , “(…) a acusação tecida em face do atual Senador mostra-se gravíssima, haja vista que eventual comprovação denotará não somente o cometimento de crimes contra a Administração Pública, como também a caracterização de ilícitos que perpetraram expressivo e imensurável prejuízo ao patrimônio público quando conjugados o extenso período de recebimento das verbas ilícitas e a dimensão financeira da estatal”.

A relevância das informações

A representação levanta um argumento irrespondível: se a delação-premiada do doleiro Alberto Yousseff é tão relevante a ponto de servir de base para toda a operação Lava Jato, como desconsiderá-las em relação ao senador Aécio Neves?

São informações relevantes, continua a peça, “porquanto advém de depoimentos de delator-premiado cuja atuação na intermediação do pagamento de verbas ilícitas é inconteste: assim, não cabe tratar como elementos insuficientes as acusações sobrevindas daquele que tem o dever de falar a verdade por força da celebração de acordo de cooperação premiada”.

Lembra a representação que “investigação criminal, como sabido, é um instrumento de natureza administrativa que tem por finalidade justamente expor o crime em sua primeira fase, a fim de que se descubra a autoria, a materialidade, suas circunstâncias etc. Quer dizer, é o veículo previsto na legislação processual penal para que sejam perscrutados os fatos e produzidas provas, seja para reforçar os indícios iniciais, seja para refutá-los (…) Porém, se esta Procuradoria-Geral, mesmo ante esta inegável imputação delituosa, resolve encerrar o caso, ainda antes de verificar minimamente a sua real ocorrência, a Sociedade fica totalmente indefesa”.

A representação remete a outro trecho da peça de Janot:

“Nunca é demais se frisar que não se está fazendo nenhum juízo insuperável acerca da procedência ou não de eventual participação do parlamentar referido no suposto fato relacionado a FURNAS”.

Diz a representação: “se não há evidência da “não participação” do parlamentar no suposto esquema criminoso apontado pelo delator-premiado Alberto Youssef” houve equívoco no arquivamento.

 

Luis Nassif, via http://jornalggn.com.br/noticia/sindicato-de-advogados-de-sp-defende-inquerito-sobre-aecio

Fortaleza é a 3ª cidade mais procurada entre destinos para a Semana Santa

O site Trivago, que compara preço de hotéis da atualidade, revelou quais são os destinos preferidos dos interessados em viajar pelo mundo na Semana Santa em 2015. Rio de Janeiro está em primeiro lugar, seguido de Natal, no Rio Grande do Norte.

Fortaleza está em terceiro lugar dos mais procurados, ficando na frente de vários destinos, como Porto Seguro,Gramado e Nova Iorque. Além dos destinos nacionais, há mais quatro cidades internacionais que integram a lista: Orlando, Miami, Paris e Buenos Aires.

Confira o ranking:

1 – Rio de Janeiro (Brasil)
2 – Natal (Brasil)
3 – Fortaleza (Brasil)
4 – Armação dos Búzios (Brasil)
5 – Porto Seguro (Brasil)
6 – Orlando (Estados Unidos)
7 – Nova York (Estados Unidos)
8 – Gramado (Brasil)
9 – Porto de Galinhas (Brasil)
10 – Florianópolis (Brasil)
11 – Maceió (Brasil)
12 – Buenos Aires (Argentina)
13 – Foz do Iguaçu (Brasil)
14 – Paris (França)
15 – São Paulo (Brasil)
16 – Paraty (Brasil)
17 – Balneário Camboriú (Brasil)
18 – Miami Beach (Estados Unidos)
19 – Cabo Frio (Brasil)
20 – Salvador (Brasil)

(Rádio Verdes Mares)

Assembleia e Câmara de Fortaleza aprovam moção de repúdio a Eduardo Cunha

A expulsão da “claque” formada por políticos cearenses que compareceram a Câmara para prestar solidariedade ao ex-ministro Cid Gomes, quando de seu depoimento naquela casa sobre sua declaração de que existem 300 achacadores entre os deputados federais, rendeu nesta quinta-feira (26) moções de repúdio aprovadas pela Assembleia Legislativa do Ceará e Câmara Municipal de Fortaleza.

Entre os expulsos estava o presidente do Legislativo da Capital, vereador Salmito Filho (PROS) e o da Assembleia, Zezinho Albuquerque (PROS)

Na Assembleia houve até ameaça a integridade física do presidente da Câmara dos Deputados. O deputado estadual Tin Gomes (PHS) afirmou que se o caso acontecesse fora da Câmara ou mesmo na rua, Eduardo Cunha teria “apanhado”. As duas casas expedirão ofícios à presidência da Câmara dos Deputados comunicando o repúdio.

Se na Assembleia Legislativa, a maioria dos deputados fez criticas a postura considerada autoritária de Eduardo  Cunha e aprovou com folga a moção, com 25 votos a favor e oito contra, na Câmara Municipal, a votação foi equilibrada, resultando em  nove votos favoráveis e oito contra. A bancada do PMDB rejeitou a proposta e houve até bate boca entre a vereadora Magaly Marques (PMDB) e bancada do Pros.

(Ceará Agora)

Dezoito bares concorrem ao título de melhor boteco de Fortaleza

Na Kina do Feijão Verde, cliente pode experimentar a Tulipa ao molho do Kina (Foto: Comida di Buteco/Divulgação)

Pelo quinto ano, estabelecimentos de Fortaleza participam do concurso “Comida di Buteco”. Este ano, 18 bares concorrem no título de “melhor boteco da cidade”. Os participantes de 2015 estão localizados nos bairros da Aldeota, Montese, Joaquim Távora, Centro, Praia de Iracema, Gararapes, Benfica, Bairro de Fátima e José Bonifácio. O concurso será realizado de 10 de abril a 3 de maio.

Os concorrentes devem apresentar um tira-gosto especial para o concurso, de acordo com a temática do ano. Esta edição, foi escolhido um ingrediente obrigatório, qualquer fruta. De acordo com a organização do Comida di Buteco, a fruta não precisa ser protagonista do petisco. Pode participar até mesmo como decoração, desde que seja comestível.

Como a eleição do melhor boteco da cidade, além do petisco, o público e o corpo de jurados devem avaliar outros quesitos, como higiene, atendimento e temperatura da bebida. O voto do júri vale 50% e do público 50%. O Instituto de Pesquisas Vox Populi é o responsável pela apuração dos votos em todas as cidades.

Conheça os botecos e tira-gostos que concorrem no Comida di Buteco 2015 em Fortaleza:

Alpendre: Cajumôndegas (Fruta: Caju)
Bar Chá da Égua: Carneiro Tropical (Fruta: Abacaxi)
Bar do Ciço: Croquete Especial (Fruta: Maracujá)
Bar do Helano: Filé à moda do Helano (Fruta: Maçã)
Bar do Camocim: Pernil Surpresa (Fruta: Banana)
Birosca da Farra: Camarão na farra com o kiwi (Fruta: Kiwi)
Boteco do Barão: Bolinho de pernil suíno (Fruta: Abacaxi e frutas vermelhas)
Bar do Mincharia: Espetinho Regional (Fruta: Banana passa)
Estoril: Arroz de camarão com abacaxi do Papai (Fruta: Abacaxi)
Feijão Maravilha: Frango Maravilha (Fruta: Maracujá)
Flórida Bar: Carneiro Flórida (Fruta: Abacaxi)
KIina do Feijão Verde: Tulipa ao molho do Kina (Fruta: Uva)
Noite a Fora: Sol a dentro (Fruta: Banana)
O Assis: Tomate Tentação (Fruta: Manga e melão)
Paladar: Balancê (Fruta: Manga)
Suvaco de Cobra: Filé a Carmen Miranda (Fruta: Banana, Caju e abacaxi)
Teresa & Jorge: Asinha invertida com geleia de laranja (Fruta: Laranja)
Tronco do Gaúcho: Clássico Rei da Paz (Fruta: Abacaxi)

(G1 Ceará)

Pão de Açúcar reinaugura lojas em Fortaleza

O Pão de Açúcar reinaugurou nesta quinta-feira, 26/03, às 8h, as lojas Cocó e Shopping Aldeota após reformas com investimentos totais de R$ 5 milhões. Os supermercados foram modernizados e contam com novo layout e um sortimento ainda melhor em produtos e novos serviços, reforçando os diferenciais da marca Pão de Açúcar no mercado cearense. “Cada detalhe dessas reformas foi pensado para agradar e oferecer ainda mais praticidade, comodidade e qualidade aos nossos clientes”, explica Weidja Rocha, Gerente Regional do Pão de Açúcar no Nordeste.

A loja Shopping Aldeota terá entre as suas novas seções Espaço Sushi, Galeteria, Rotisserie e Padaria de fabricação própria e Tapiocaria. Além disso, o Açougue, o Espaço Café e a Padaria foram ampliados e aprimorados. Os clientes irão desfrutar, ainda, do atendimento diferenciado de profissionais como Consultora de Clientes, Sushi Man, Peixeiro e Açougueiro. Reforçando os programas sustentáveis da rede, a loja continua participando dos programas Caixa Verde (reciclagem pré-consumo) e Pilhas e Baterias, apostando no descarte correto destes produtos.A loja Pão de Açúcar Shopping Aldeota tem com área de vendas de 1.550 m², nove caixas e funciona de segundaàsábado, das 7h à 0h, e aos domingos e feriados, das 7h às 22h.

A loja Cocópassou por reforma interna e teve também a sua fachada remodelada. Os clientes poderão desfrutar de melhorias na Padaria, no Açougue e nos Espaços Sushi e Café, além de novos serviços, como Galeteria, Rotisserie, Pizzaria e Padaria de fabricação própria. A loja continua contando com os serviços de Consultora de Clientes, Atendentes de Queijos e de Vinhos, Sushi Man, Peixeiro e Açougueiro e, além do Caixa Verde e da coleta de Pilhas e Baterias, a loja possui Estação de Reciclagem Pão de Açúcar Unilever. Localizada no Casa Blanca Mall, a loja Cocó possui 1.000m² de área de vendas, 10 checkouts e 128 vagas de estacionamento, das quais 56 são cobertas. A loja funciona de segunda à sábado, das 6h à 0h, e aos domingos e feriados, das 6h às 22h.

Entre as seções e serviços que os clientes irão encontrar, destacam-se:

Sushi Bar e Rotisserie: com um espaço moderno e aconchegante, os clientes que desejam fazer um lanche rápido e saudável contarão diariamente com uma ampla variedade de lanches, tapiocas e deliciosos sushis e sashimis fresquinhos.

Massas, Vinhos e Empório: dentro da lógica de compras, a conjugada variedade de opções em massas frescas está junto às massas secas industrializadas e próximas aos molhos e azeites. Queijos especiais, nacionais e importados, também estão devidamente apresentados no ambiente. Na área existe, ainda, a adega com ampla variedade de vinhos nacionais e importados escolhidos pelo consultor Carlos Cabral.

Atendentes de Vinhos e Queijos:As lojas contam com Atendentes de Vinhos, um serviço pioneiro no Pão de Açúcar. Treinados por Cabral, os profissionais orientam os clientes sobre os rótulos disponíveis, esclarecendo dúvidas e indicando as melhores opções a partir do que a pessoa deseja. Inspirado nos profissionais da França, os clientes contam também com o serviço de Atendentes de Queijos com o propósito de auxiliar  o cliente no entendimento das variedades, nuances e harmonização de toda a variedade disponível nas lojas, com informações e sugestões de produtos, receitas e degustações.

 

Padaria: a completa padaria abre o apetite para o consumo de pães frescos, dos tradicionais franceses, saídos na hora, à reunião de itens de produção própria e de grifes com pães portugueses, sírios, australianos, croissants, baguetes, árabes, italianos, recheados doces e salgados. São cerca de 200 tipos de pães, bolos e afins, ladeados por biscoitos, torradas e uma série de itens complementares como cafés, sucos industrializados, chás, iogurtes, laticínios e matinais, entre outras escolhas.

Açougue e Peixaria: opções de alta qualidade, das melhores marcas do mercado, cortadas na frente do cliente ou pré-embaladas. Destaque para as carnes rastreadas e produzidas sob critérios rígidos de sustentabilidade desenvolvidos pelo programa Qualidade Desde a Origem, com objetivo desenvolver a cadeia produtiva, proporcionar ao consumidor o conhecimento da região produtora e transmitir maior confiabilidade na compra de frutas, legumes e verduras nas lojas. Na Peixaria, frutos do mar frescos e congelados e produtos diferenciados como king crab, bacalhau dessalgado, camarões e cortes especiais de salmão.

Frutas, Legumes e Verduras: sempre muito frescos e cuidadosamente expostos em um ambiente que transmite a qualidade e variedade característica do Pão de Açúcar. Amplo sortimento de saladas prontas, frutas cortadas, além de temperos e ingredientes para compor os mais diferentes tipos de saladas. Ampla oferta de orgânicos com cerca de 300 itens por loja.

 

Consumo Consciente: de acordo com as pesquisas sobre tendências e hábitos de consumo e que direcionam o formato das lojas e o posicionamento da rede, o consumidor tem atribuído grande importância a sustentabilidade. O Pão de Açúcar se destaca neste cenário: foi pioneiro no Brasil ao disponibilizar as Estações de Reciclagem Pão de Açúcar Unilever, o Caixa Verde (reciclagem pré-consumo), coletores de Pilhas e Baterias e o Alô Recicle, para correto descarte de pilhas, baterias, celulares e assessórios.

Programa de Sacolas Retornáveis:O Pão de Açúcar contribui para reduzir o consumo de sacolas plásticas e favorece a preservação do meio ambiente, oferecendo aos clientes a oportunidade de adquirir reutilizáveis nas próprias lojas. A bandeira oferece vários modelos com diferentes materiais, sendo um deles confeccionado a partir de garrafas PET, e tem parte da renda revertida para a Fundação SOS Mata Atlântica.Programa Mais: a rede dá 10 pontos aos clientes do Programa Mais que utilizam alternativas reutilizáveis para transportarem suas compra.

 

Sobre o Pão de Açúcar

Supermercado de vizinhança, que prima pela variedade e qualidade em produtos e serviços. Com 182 lojas distribuídas em dez estados brasileiros e Distrito Federal, o Pão de Açúcar caracteriza-se pela ampla oferta de soluções e pioneirismos lançados ao longo da história do varejo brasileiro.

 

Serviço:

 

Pão de Açúcar Shopping Aldeota

Endereço: Avenida Dom Luís, 500, loja 40 – Shopping Aldeota

Funcionamento: de segunda à sábado, das 07h à meia-noite; domingos e feriados, das 07h às 22h

 

Pão de Açúcar Cocó

Endereço: Avenida Engenheiro Santana Júnior, 2277 – Shopping Molina

Funcionamento: de segunda à sábado, das 06h à meia-noite; domingos e feriados, das 06h às 22h

* postado por Oswaldo Scaliotti

Via Portal Cnews

Outback Steakhouse abre 130 vagas para segunda unidade em Fortaleza

O Outback Steakhouse inaugurará seu segundo restaurante em Fortaleza e, para isso, inicia o processo de seleção de sua equipe na cidade. De 30/03 a 10/04, de segunda a sexta-feira, os interessados em trabalhar na rede devem comparecer ao Shopping Iguatemi (Sala Associação dos Lojistas), das 9h às 17h, para preencher uma ficha de inscrição e participar da primeira entrevista. As vagas são para as funções de atendentes de restaurante e bar, recepcionista, auxiliar de limpeza e auxiliar de cozinha.

Os candidatos podem ser homens ou mulheres com mais de 18 anos, preferencialmente estudantes (universitários ou pessoas com ensino médio/técnico completo ou cursando), que tenham disponibilidade de horário, inclusive para finais de semana e feriados. Há oportunidades destinadas também a pessoas com deficiência e jovens aprendizes. A rede procura pessoas dedicadas, com perfil dinâmico e vontade de crescer.

“O Outback possui um ambiente de trabalho alegre e informal, o que é uma vantagem para quem trabalha com a gente. Todos os Outbackers, como são chamados nossos colaboradores, são incentivados a agir com espírito empreendedor, com o objetivo de conquistar seus clientes. Outra vantagem muito importante é que a rede acredita no desenvolvimento das pessoas e por isso incentiva na sua preparação para que, eventualmente, possam assumir novas posições no restaurante”, explica Paulo Meneses, sócio-regional do Outback Steakhouse.

A rede oferece oportunidade de carreira, assistência médica e odontológica e muitos outros benefícios. Durante o processo seletivo os candidatos passam por entrevistas e provas específicas de acordo com o cargo pretendido. Os outbackers selecionados após estas etapas passam por um treinamento no restaurante.

 

Processo de seleção – 130 vagas – Outback Iguatemi Fortaleza

Período: 30/03 a 10/04 (de segunda a sexta-feira)

Horário: 9h às 17h

Local: Avenida Washington Soares, 85 – Piso Térreo – Sala Associação dos lojistas – Shopping Iguatemi Fortaleza

Documentos necessários: RG, Carteira de Trabalho e foto 3×4, para preencher uma ficha de inscrição e participar da primeira entrevista.

Cargos disponíveis: atendentes de restaurante, atendentes de bar, recepcionistas, auxiliares de cozinha e auxiliares de limpeza. Há vagas destinadas para pessoas com deficiência e jovens aprendizes.

Requisitos: ensino médio cursando ou completo; disponibilidade de horário, inclusive aos finais de semana e feriados; segundo idioma será um diferencial.

Faixa etária: maiores de 18 anos.

Remuneração: variável de acordo com o cargo exercido e as horas trabalhadas.

Benefícios: vale-transporte, refeição no local, seguro saúde e seguro odontológico (os dois últimos após o período de experiência).

Etapas do processo seletivo e duração: Durante o processo seletivo os candidatos passam por entrevistas e provas específicas da rede de acordo com o cargo pretendido.

Mais informações:  www.outback.com.br/trabalhe-conosco?

 

Sobre o Outback Steakhouse

A rede Outback Steakhouse possui 65 restaurantes no Brasil, está presente em 33 cidades, 14 Estados brasileiros e Distrito Federal. No mundo está em 22 países entre Américas, Ásia e Oceania. O primeiro restaurante no país foi inaugurado na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, em 1997. Com seus cortes de carne especiais e aperitivos icônicos como a Bloomin’ Onion®, o Outback caiu no gosto do brasileiro graças à qualidade, fartura e sabor marcante da culinária oferecida somados à descontração no atendimento e as instalações aconchegantes.

* postado por Oswaldo Scaliotti

via http://cnews.com.br

Grupo Aço Cearense oferta mais de 100 vagas de emprego

O Grupo Aço Cearense está oferecendo oportunidades de emprego na sua unidade industrial, a Aço Cearense Industrial. Ao todo são mais de 100 vagas, inclusive para deficientes físicos. Entre os cargos que dispõem de oferta, estão o de auxiliar de operação de máquina, auxiliar de expedição, auxiliar de estoque, auxiliar administrativo, assistente de operação de logística, saladeiro, supervisor de alimentação, copeiro, pedreiro, eletricista, auxiliar de eletricista e servente de pedreiro.

Além do salário, os candidatos selecionados contarão com plano de saúde, plano odontológico, transporte da empresa, refeição na empresa, cartão alimentação, seguro de vida em grupo e participação nos resultados.

Os interessados devem enviar seus currículos para selecao@acocearense.com.br ou entregar no setor de Recursos Humanos da empresa, na antiga Rodovia BR 222, S/N°, Km 19, Caucaia.

Via Diário do Nordeste

Saiba como o PL 4330, da terceirização, prejudica os trabalhadores

Em trâmite no Legislativo, o Projeto de Lei 4330, de 2004, é uma grande ameaça aos direitos da classe trabalhadora, especialmente da categoria bancária. Sob o pretexto de regulamentar a terceirização no país, acaba por legalizar a fraude e a precarização do emprego. Isso porque permite que as empresas terceirizem até mesmo sua atividade-fim, aquela que caracteriza o objetivo principal da empresa, seu empreendimento.

Atualmente, a Súmula 331 do Tribunal Superior do Trabalho (TST) considera ilegal a terceirização na atividade-fim do empregador, permitindo-a apenas nas atividades consideradas meio, ou seja, aquelas que, apesar de necessárias, não são inerentes ao objetivo principal da empresa. Se o PL 4330 foi aprovado pelo Congresso Nacional, o entendimento do TST não mais valerá e cairá a Súmula 331, hoje única defesa contra a terceirização sem limites.

Súmula 331 – Hoje os trabalhadores ainda conseguem vitórias na Justiça graças à Súmula 331, que entende a terceirização da atividade-fim como uma maneira de o empregador intermediar mão de obra de forma fraudulenta, visando barateá-la. Muitos terceirizados conseguem, assim, provar que exerciam funções similares aos contratados diretos e os juízes reconhecem seu vínculo com a empresa, determinando o pagamento de direitos, como, no caso dos bancários, os que estão na CCT. Isso não mais ocorrerá se os parlamentares aprovarem o PL 4330.

“Há um forte lobby da CNI (Confederação Nacional das Indústrias) e da Fenaban (federação dos bancos) para que o PL seja aprovado, porque está de acordo com os interesses da classe empresarial”, ressalta a presidenta do Sindicato, Juvandia Moreira.

No caso dos bancos, isso já acontece em muitos setores, mas se o PL 4330 for aprovado pode se agravar ainda mais. A secretária-geral do Sindicato, Ivone Maria, lembra que na década de 1980 a categoria bancária reunia cerca de 1 milhão de trabalhadores. “Mas ao longo das últimas décadas, foi reduzida pela metade. E isso não aconteceu porque o setor financeiro diminuiu. Ao contrário, as instituições financeiras cresceram, seus lucros cresceram mais de 1.000% em termos reais desde 1994. Além disso, o volume de contas correntes mais que dobrou nos últimos anos, bem como a relação crédito/PIB.”

Qual foi a “mágica” então? “Os banqueiros terceirizaram. Os postos de trabalho bancário diminuíram porque foram ocupados por funcionários de outras empresas que, apesar de realizarem os mesmos serviços, ganham em média 1/3 do salário, têm jornadas bem maiores e não usufruem dos direitos previstos da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), como a PLR. Ou seja, muitos que eram bancários são hoje terceirizados e se o PL 4330 for aprovado, outros tantos podem perder seus empregos pois os bancos não terão mais nenhum impedimento legal para contratar terceiros.”

Responsabilidade solidária – Além de liberar a terceirização nas atividades essenciais da empresa, o PL 4330 acaba com a responsabilidade solidária. Isso equivale a dizer que se a terceirizada não arcar com as obrigações trabalhistas, a tomadora de serviços (no nosso caso, o banco) pode não ter qualquer responsabilidade pelos trabalhadores que prestavam serviço a ela e nem ser cobrada na Justiça.

Veja os pontos mais nocivos do projeto

Empresas sem empregados – O projeto autoriza a contratação de serviços terceirizados desde que a empresa seja “especializada”. Assim, acaba por permitir que as empresas terceirizem até suas atividades-fim, o que hoje é proibido pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST). Isso, segundo a CUT, seria o sonho dos empregadores: a possibilidade de uma empresa sem empregados.

Responsabilidade subsidiária – No caso de a terceirizada não pagar suas obrigações trabalhistas, o projeto determina a responsabilidade subsidiária da contratante. Isso significa que ela só poderá ser acionada na Justiça após encerradas todas as possibilidades de cobrança da terceirizada. A CUT defende a responsabilidade solidária, de acordo com a qual, as duas empresas respondem pelas dívidas.

Sem isonomia – O PL 4330 defende isonomia apenas no direito de terceirizados usarem os mesmos banheiros, refeitórios, ambulatórios e creches da empresa contratante. Mas a CUT quer isonomia de salários e direitos entre terceirizados e funcionários diretos.

Quarteirização – O projeto também permite que a prestadora de serviços contrate outra empresa para tal. Isso se chama quarteirização e apresenta ainda mais riscos aos direitos dos trabalhadores.

Correspondentes bancários – Determina que as prestadoras de serviço tenham um objeto social único, mas essa regra não se aplica ao setor financeiro, pois o projeto permite o funcionamento dos correspondentes bancários. Por exemplo, o objeto social de lojas de roupa é vender roupas, mas muitas lojas podem, além disso, realizar operações bancárias.

Queda de qualidade – Com salários baixos, alta rotatividade, jornada extensa e pouco treinamento entre os empregados, os serviços prestados pelas terceirizadas em geral são de baixa qualidade. Com isso perdem também os consumidores.

Mais acidente e adoecimento – De cada dez acidentes de trabalho, oito envolvem funcionários de terceiras. As condições precárias de trabalho vitimam os trabalhadores e resultam em gastos previdenciários e com saúde, ou seja, toda a sociedade paga o preço.

Outras ameaças

PLS 87 – O PL 4330 não é a única ameaça aos direitos dos trabalhadores. Tramita no Senado Federal um projeto similar, que assim como o 4330, libera a terceirização nas atividades-fim. Trata-se  do PLS 87/2010, de autoria do ex-senador tucano Eduardo Azeredo.

Ameaça no STF – Além dos perigos no Congresso, os trabalhadores ainda enfrentam ameaças no Supremos Tribunal Federal (STF), onde tramitam três ações que querem a liberação da terceirização nas atividades-fim: a da Celulose Nipo Brasileira (Cenibra), da Associação Brasileira do Agronegócio (Abag) e de empresas de call center. Todas querem que o STF julgue inconstitucional a Súmula 331.

A CUT ingressou com pedido de amicus curiae – recurso pelo qual se manifesta parte interessada e pede para ser ouvida no processo – na ação da Cenibra e prepara intervenção junto à ação da Abag, por serem os casos mais próximos de decisão. Além disso, CUT, Força Sindical, Nova Central e CTB cobram do ministro Luiz Fux, relator da ação da Cenibra, a realização de uma audiência pública para discutir o tema.

Conheça os deputados que votarão o PL 4330 da Terceirização e pressione para que votem CONTRA.

(SEEB/SP)

Documentário mostra efeitos nefastos da terceirização

No momento atual em que o argumento da moralidade esparrama pelo país, nada mais oportuno que examinar o fenômeno da terceirização, sobretudo pela coincidência de que nesse mesmo momento o setor econômico, ligado às grandes corporações (muitas delas envolvidas com os escândalos da corrupção), pressiona o Congresso Nacional (PL 4.330/04) e mesmo o Supremo Tribunal Federal (ARE 713211) para conseguir ampliar, de forma irrestrita, as possibilidades jurídicas da intermediação de mão-de-obra.

A contradição é latente uma vez que a terceirização nos entes públicos constitui uma das maiores facilitações para o desvio do erário, ao mesmo tempo em que conduz os trabalhadores, ocupados nas atividades atingidas, a uma enorme precarização em suas condições de trabalho e em seus direitos.

Além disso, o projeto constitucional, inaugurado em 1988, em consonância, enfim, com os ditames da Constituição da OIT, de 1919, elevou os direitos trabalhistas a direitos fundamentais, ampliando o conceito de direito de greve e no aspecto da moralidade administrativa estabelecendo o concurso como forma obrigatória de acesso ao serviço público, prevendo exceções que em nada se assemelham às contratações de empresas para prestação de serviços “terceirizados”.

“Terceirizado, um trabalhador brasileiro”, produzido pelo Grupo de Pesquisa Trabalho e Capital, da Faculdade de Direito da USP, sob coordenação do professor Souto Maior, é um documentário-denúncia, que mostra alguns dos efeitos nefastos da terceirização para os trabalhadores, notadamente no setor público, e o grave problema da perda de compromisso dos próprios entes públicos, no Executivo, no Legislativo e no Judiciário, com o respeito à Constituição, vez que esta, como dito, toma os direitos dos trabalhadores como fundamentais e não autoriza a terceirização no serviço público, ainda mais em atividades tipicamente administrativas, cabendo deixar claro, em razão das confusões ideológicas do momento, que a prática inconstitucional da terceirização obteve impulso decisivo nos anos 90, como efeito do projeto neoliberal do governo do PSDB, mas que não foi obstado nos anos seguintes, como se vê, no documentário, o que demonstra que os problemas de moralidade, hoje na mira midiática, não são “privilégio” deste ou daquele governo, mas um dado endêmico do modelo de sociedade capitalista.

As perguntas que o documentário deixa no ar são: se você soubesse o que acontece com os trabalhadores terceirizados, o que você faria? Não daria a menor importância? E mais: estamos mesmo, todos nós, dispostos a fazer com que se cumpram os preceitos da Constituição Federal de 1988? Ou os interesses econômicos particulares, a busca de “status”, a afirmação das desigualdades, as conveniências políticas partidárias e as lógicas corporativas continuarão ditando nossos comportamentos?

Fato é que o tema da terceirização nos obriga a um posicionamento expresso, não deixando margem a dissimulações, dada a sua inevitável materialidade, que gera, no plano formal, uma afronta direta à Constituição, mesmo no que se refere às atividades empresariais na iniciativa privada, já que o projeto constitucional é o da valorização social do trabalho, a eliminação de todas as formas de discriminação, a elevação da condição social dos trabalhadores e a organização da economia seguindo os ditames da justiça social.

As imagens e relatos apresentados no documentário são irrefutáveis, servindo como um grande instrumento de luta para a defesa dos direitos da classe trabalhadora, além de se prestar a um questionamento crítico da sociedade como um todo e sobre o papel do Estado.

Lançamento e debate
Nesta quinta-feira (26), às 20h, haverá uma sessão de lançamento do filme “Terceirizado, um trabalhador Brasileiro”, seguida por debate com o professor Jorge Luiz Souto Maior, na Sala João Monteiro (2º andar do prédio histórico da Faculdade de Direito da USP) promovida pelo Grupo de Pesquisa Trabalho e Capital.

Autor: Jorge Luiz Souto MaiorFonte: Viomundo

Gentil Barreira lança livro e exposição ‘Coração Sertão’ em Fortaleza

O sertão de Quixadá; retratado por Gentil Barreira (Foto: Gentil Barreira/Divulgação)

As viagens realizadas pelo fotógrafo Gentil Barreira nos últimos três anos pelo interior do Ceará resultaram no livro “Coração Sertão”, que será lançado nesta quinta-feira (26), em Fortaleza. Na ocasião, também será uma exposição de fotografias, que mostram o contraste do sertão de chuva e estiagem, que compõem a publicação. O evento será às 19h30 na Imagem Brasil Galeria.

,em umaimersão no contraste do sertão de chuva e estiagem, resultaram no livro “Coração Sertão”, com lançamento nesta quinta-feira, 26 de março, às 19h30, na IMAGEM BRASIL Galeria. Na ocasião, será aberta a exposiçãode uma série especial de fotografias que compõem a publicação.

O cenário percorrido no atual trabalho de Gentil Barreira é o mesmo das memórias da infância vivida na fazenda dos avós, mas também toma outro rumo quando, entre os anos de 2012 a 2014,  a estiagem foi a mais intensa das últimas décadas. A dor e lamento da escassez dialoga com a esperança de uma salvação vinda dos céus, com as chuvas.

O ensaio fotográfico traz trechos de obras de autores da literatura cearense, que revelaram em palavras as duas faces do sertão. Os textos criam uma narrativa imaginária, como se o sertão fosse revivido por vários autores. São trechos de obras de José de Alencar, Domingos Olímpio, Rodolfo Teófilo, Manuel de Oliveira Paiva, Adolfo Caminha, Antônio Sales, Demócrito Rocha, Gustavo Barroso, Leonardo Mota, Herman Lima, Jáder de Carvalho, Patativa do Assaré, Rachel de Queiroz, João Climaco Bezerra, Francisco Carvalho e Natércia Campos.

A coordenação literária da publicação é do escritor Gylmar Chaves e de Patricia Veloso, que assina também a coordenação editorial. A exposição “Coração Sertão” fica em cartaz até 27 de abril. A visitação pode ser feita de segunda a sexta, das 9h às 19h.

Gentil Barreira 
Autodidata, Gentil Barreira iniciou as primeiras experiências com fotografia aos 11 anos, montando um pequeno laboratório para revelar seus filmes. Cursou Arquitetura e Urbanismo em São Paulo, mas antes de concluir os estudos resolveu voltar a Fortaleza, onde vive até hoje. Ingressou e frequentou por dois anos a faculdade de Comunicação na Universidade Federal do Ceará, período em que profissionalizou-se como fotógrafo.

Serviço
CORAÇÃO SERTÃO – Lançamento do livro e abertura de exposição – Dia 26 de março de 2015, às 19:30h, na Imagem Brasil Galeria (Rua Rocha Lima 1707 – Aldeota). O livro será vendido no lançamento por R$ 70. Já à venda também nas livrarias Cultura, Saraiva, Ler, Nobel e Leitura.  “Coração Sertão” permanece em exposição até 27 de abril de 2015. Visitação: De segunda a sexta, das 9h às 19h.

Via http://www.centralizado.com.br

Camilo Santana discute com titular da SSPDS as promoções dos PMs

O governador Camilo Santana (PT) receberá em audiência, às 11 horas desta quinta-feira, o secretário da Segurança Pública e Defesa Social, Delci Teixeira. A pauta interessa, e muito, a tropa: os dois vão tratar sobre as promoções dos policiais militares.

Ainda nesta quinta-feira, ao meio-dia, no Palácio da Abolição, o governador assinará ato de nomeação dos novos auditores da Controladoria Geral do Estado (CGE).

Camilo ainda receberá, às 15 horas, a titular da Controladoria Geral de Disciplina (CGD), Socorro França.

Via http://blog.opovo.com.br/blogdoeliomar

Alô, Camilo Santana! É hora de tirar do papel a Coordenadoria LGBT do Ceará

O Núcleo LGBT do Partido Verde está cobrando do governador Camilo Santana o funcionamento da Coordenadoria Especial de Políticas Públicos para LGBT. De acordo com o organismo, Camilo tomou posse, mas ainda não fez essa coordenadoria sair do papel. Em nota, o PV Diversidade externa sua preocupação, que chegou também a todos os deputados estaduais.

O Núcleo quer que a bancada estadual intervenha junto ao Governo do Estado cobrando a nomeação de um profissional para ser o titular dessa pasta, além da retomada dos trabalhos desse organismo. Em nota, Thiago Costa, ativista Núcleo PV Diversidade acentua:

“Precisamos urgentemente que sejam retomados os trabalhos da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas LGBT do Governo do Estado do Ceará, pois é inadmissível esse retrocesso. As denúncias não estão sendo devidamente apuradas e, mais que isso, muitas das conquistas estão sendo violadas”.

Via http://blog.opovo.com.br/blogdoeliomar/alo-governador-e-hora-de-tirar-papel-coordenadoria-lgbt-ceara/

PF cumpre mandado em Juazeiro do Norte contra suspeito de fraude na Receita Federal

FOTO MERAMENTE ILUSTRATIVA

A Polícia Federal cumpriu um mandado de busca e apreensão da operação Zelotes em Juazeiro do Norte, no Sul do Ceará, no início da manhã desta quinta-feira (26). Foram apreendidos computadores, celulares, dois veículos e documentos, segundo o delegado da Polícia Federal, Samuel Elânio.

O mandado é um dos 41 da operação deflagrada em São Paulo, Brasília e Ceará nesta quinta-feira  para desarticular organizações criminosas que podem ter causado prejuízo de até R$ 19 bilhões à Receita Federal.  Ainda não há informações sobre prisões.

A PF disse que os grupos agiam no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais, órgão que julga os recursos administrativos das autuações promovidas pelo Fisco.

As investigações começaram em 2013 e apontaram que servidores manipulariam o trâmite de processos e o resultado de julgamentos junto ao conselho. Entre os investigados há um conselheiro e um ex-presidente da entidade. De acordo com a PF, a organização buscava corromper os conselheiros com o objetivo de anular ou diminuir as multas aplicadas.

(G1 Ceará)

Convênios com hospitais de Fortaleza terão corte de 20% pelo Estado

Da Coluna Vertical, no O POVO desta quinta-feira (26):

Dentro da política de contenção de despesas, o governo estadual deverá cortar 20% dos convênios que a Secretaria da Saúde do Estado mantém com grandes hospitais de Fortaleza. Anuncia o secretário Carlile Lavor, explicando que, nesses tempos de poucos recursos, priorizará o atendimento no Interior, onde o quadro de cobertura é frágil.

Ele não adiantou nomes de unidades nem impactos em matéria de redução de leitos, por exemplo, mas foi pragmático: “É escolher onde prejudica menos!”.

A questão, de acordo com Carlile, reside no fato de que o MS fez corte geral, o que afetou repasses estaduais. Ele garante que o básico não será atingido porque o Estado tem uma rede reforçada com o advento dos hospitais regionais, UPAS e Policlínicas.

Detalhe: a pasta já estava cortando 20% de suas despesas.

PF faz operação no Ceará, Brasília e São Paulo contra suspeitos de fraudar até R$ 19 bi da Receita Federal

A Polícia Federal realiza na manhã desta quinta-feira (26) operação para desarticular organizações criminosas que podem ter causado prejuízo de até R$ 19 bilhões à Receita Federal. De acordo com a corporação, são cumpridos 41 mandados de busca e apreensão em Brasília, São Paulo e Ceará. Não há informações sobre prisões.

Operação Zelotes
Estimativa de prejuízo R$ 19 bilhões
Fraude já comprovada R$ 5,7 bilhões
Estados envolvidos DF, CE e SP
Mandados de busca e apreensão 41
Policiais federais atuando na operação 180
Fiscais da Receita auxiliando ação 55
Fonte: Polícia Federal

A PF disse que os grupos agiam no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais, órgão que julga os recursos administrativos das autuações promovidas pelo Fisco. Até as 10h, policiais haviam apreendido mais de R$ 1 milhão em espécie em duas casas em Brasília, além de carros de luxo.

As investigações começaram em 2013 e apontaram que servidores manipulariam o trâmite de processos e o resultado de julgamentos junto ao conselho. Entre os investigados há um conselheiro e um ex-presidente da entidade. De acordo com a PF, a organização buscava corromper os conselheiros com o objetivo de anular ou diminuir as multas aplicadas.

Ainda segundo a polícia, os servidores repassavam informações privilegiadas para escritórios de assessoria, consultoria ou advocacia nas três unidades da federação. Esses locais usariam os dados para captar novos clientes, diz a polícia. A entidade afirma ainda que há constatação de tráfico de influência.

A PF afirmou que já foi comprovado prejuízo de R$ 5,7 bilhões. Os investigados vão responder pelo crime de advocacia administrativa fazendária, tráfico de influência, corrupção passiva, corrupção ativa, associação criminosa, organização criminosa e lavagem de dinheiro. Somadas, as penas ultrapassam 50 anos de prisão.

A ação foi batizada de Operação Zelotes, que significa falso cuidado ou cuidado fingido, de acordo com a Polícia Federal. Além de 180 policiais federais, 55 fiscais da Receita Federal participam da operação.

A previsão é que a corporação faça uma coletiva de imprensa às 10h30 desta quinta.

(G1)

Copa do Nordeste 2015: Fortaleza e Ceará vencem e abrem vantagem nas quartas de final

Três jogos abriram, na noite desta quarta-feira, as quartas de final da Copa do Nordeste. Fora de casa, o Ceará venceu o Salgueiro por 2 a 0, gols de Fernandinho e Ricardinho, e será semifinalista mesmo se for derrotado por um gol de diferença no jogo de volta, no próximo sábado, em Fortaleza. 

No Castelão, o Fortaleza saiu na frente do Sport ao vencer por 1 a 0, gol de Éverton. Com isso, joga pelo empate no domingo, na Ilha do Retiro. Em Campina Grande-PB, Campinense e Bahia empataram sem gols. A vaga será decidida sábado, na Fonte Nova. 

América-RN e Vitória fazem o último jogo de ida das quartas de final, nesta quinta, na Arena das Dunas, em Natal. 

Da Redação com informações da FPF

Fortaleza e Jericoacoara estão os 10 melhores destinos de viagem do Brasil

Jericoacoara

Fortaleza e Jericoacoara ficaram entre os dez melhores destinos de viagem do Brasil, no prêmio Traveler’s Choice 2015, promovido pelo site TripAdvisor. A Capital conquistou a décima colocação, enquanto Jeri ficou em sétimo lugar.

Gramado, no Rio Grande do Sul, ficou em primeiro lugar. A cidade obteve ainda a terceira colocação no ranking que considera as cidades preferidas da América do Sul, de acordo com votação dos usuários do site.

A lista inclui, ainda, Rio de Janeiro e São Paulo entre os três destinos mais desejados do País. O Rio de Janeiro aparece também como quinto melhor destino da América do Sul.

O ranking mundial é liderado pela cidade de Marrakech, no Marrocos. O resultado levou em consideração a quantidade e a qualidade das avaliações de hotéis, atrações e restaurantes localizadas em cada destino.

Veja a lista completa dos destinos mais procurados:

Brasil

1) Gramado (RS)

2) Rio de Janeiro (RJ)

3) São Paulo (SP)

4) Florianópolis (SC)

5) Foz do Iguaçu (PR)

6) Salvador (BA)

7) Jericoacoara (CE)

8) Ipojuca (PE)

9) Curitiba (PR)

10) Fortaleza (CE)

América do Sul

1) Buenos Aires (Argentina)

2) Cusco (Peru)

3) Gramado (Brasil)

4) San Carlos de Bariloche (Argentina)

5) Rio de Janeiro (Brasil)

6) Cartagena (Colômbia)

7) Mendoza (Argentina)

8) Santiago (Chile)

9) Lima (Peru)

10) Bogotá (Colômbia)

(Diário do Nordeste)

“Tuitaço” em favor da Caixa 100% pública movimenta as redes sociais

Empregados, concursados à espera de convocação, entidades do movimento sindical e associativo, movimentos sociais, clientes, usuários e sociedade em geral. Todos expressando a posição contrária a qualquer proposta de abertura de capital da Caixa Econômica Federal. Assim foi o tuitaço em defesa do banco 100% público, realizado na noite desta quarta-feira (25). Nas redes sociais, principalmente no Twitter, o recado foi dado: a Caixa é um patrimônio dos brasileiros, que não pode ter parte entregue ao capital privado.

No Twitter, foram centenas de mensagens com a hashtag #DilmanãovendaaCaixa. Algumas delas: “a Caixa é o maior, mais eficaz e capilar balcão de atendimento das necessidades da população”; “os bancos públicos, aqui e mundo afora, têm papel fundamental para o fomento e o desenvolvimento”; “o maior programa social do Brasil, o Bolsa Família, tem na Caixa um agente imprescindível para sua execução”; “para garantir inclusão dos menos privilegiados e instrumento do Estado na economia”; “é essa a Caixa que queremos”. Centenas de outras postagens foram feitas no Facebook.

Para o presidente da Fenae, Jair Pedro Ferreira, a mobilização nas redes sociais mostrou, mais uma vez, que não há motivos para abrir o capital do banco. “Essa proposta só interessa aos bancos privados, que estão incomodados com o crescimento da Caixa, que avança no mercado sem deixar de lado o forte papel social”, diz. Ele acrescenta: “Há notícias de que a presidenta Dilma desistiu da ideia, mas é preciso uma posição oficial do governo a favor da manutenção da Caixa 100% pública. Ainda não tivemos resposta para os pedidos de audiência que fizemos”.

Fabiana Matheus, coordenadora da Comissão Executiva dos Empregados (CEE/Caixa-Contraf/CUT), avalia: “o tuitaço teve um impacto muito importante, a exemplo do Dia Nacional de Luta em Defesa da Caixa 100% Pública, em 27 de fevereiro, quando milhares de trabalhadores do banco postaram fotos nas redes sociais segurando o cartaz que foi enviado para todas as unidades do Brasil. Mais uma vez, venceremos essa luta contra todos aqueles que querem o fatiamento do banco”.

Tuitaço e outras ações
A realização do tuitaço foi decidida pelo Comitê Nacional em Defesa da Caixa 100% Pública, durante reunião realizada no dia 6 de abril, em Brasília (DF). O fórum é integrado por Fenae, Contraf, CUT, CTB, Intersindical e CSP-Conlutas. Outra ação importante foi a criação de comitês estaduais, cujo objetivo é estimular o debate e organizar atividades locais. Os estados de São Paulo, Bahia, Espírito Santo, Paraná e Maranhão, além da região de Criciúma (SC), já instalaram os colegiados.

“Ações como o tuitaço são importantes porque envolvem toda a sociedade no debate. A mobilização vai continuar até que o governo diga, de forma oficial, que desistiu de abrir o capital da Caixa. Por isso, é essencial envolver não apenas os mais de 100 mil empregados, mas toda a sociedade”, afirma Jair Pedro Ferreira. O Comitê Nacional voltará a se reunir na primeira quinzena de abril. O indicativo da data é o dia 10, novamente em Brasília (DF). Na ocasião, novas atividades devem ser propostas e agendadas.

(APCEF SP)

CURSO MATEMÁTICA DO ZERO COM PROF. THIAGO PACÍFICO REINICIA DIA 26/3

O curso Matemática do Zero, promovido pela Secretaria de Formação do Sindicato dos Bancários do Ceará, reinicia suas aulas no próximo dia 26/5 com o primeiro encontro do módulo Matemática Básica.

Serão oito encontros no total, às quintas-feiras, na sede do Sindicato, no horário das 19h às 22h, com o professor Thiago Pacífico. Este é o terceiro módulo do curso onde já foram ministrados Estatística e Raciocínio Lógico.

Quem desejar cursar somente este módulo, o investimento será de R$ 80,00 para bancários sindicalizados e seus dependentes.

Mais informações: 85 3252 4266, na Secretaria de Formação.

(Sindicato dos Bancários do Ceará)

Polícia Federal desarticula quadrilha de estelionatários em Fortaleza

A Polícia Federal (PF), em uma ação denominada “Operação Fidúcia“, desarticulou, na manhã desta terça-feira (24), uma organização criminosa de Fortaleza envolvida em fraudes milionárias junto à Caixa Econômica Federal (CEF). O prejuízo causado pela quadrilha pode chegar aos R$ 100 milhões.
As investigações da PF apontaram que a organização fraudava contratos de financiamentos em agências bancárias da Caixa. Ao todo, a 32ª Vara da Justiça Federal expediu 56 mandadosjudiciais, sendo 5 mandados de prisão preventiva, 12 mandados de prisão temporária, 14 mandados de condução coercitiva e 25 mandados de busca e apreensão contra empresários e servidores do banco envolvidos no esquema.
Os crimonosos faziam financiamentos e empréstimos bancários com uso documentos falsos eempresas de fachada, causando, à primeira vista, um prejuízo de aproximadamente R$ 20 milhões. A Polícia Federal acredita, no entanto, que o rombo pode chegar até a R$ 100 milhões após o término da análise dos documentos apreendidos.
Depois de criar as empresas de fachada para serem beneficiárias dos empréstimos, o grupofalsificava a documentação para viabilizar a concessão dos financiamentos. Os servidores aliciados manipulavam os processos de concessão, ignorando normas básicas de segurança, como a verificação da documentação necessária, detalhou a PF.
Todos os envolvidos no esquema tiveram os bens bloqueados. Os integrantes da quadrilha responderão, na medida de suas participações, por associação criminosa, uso de documento falso, corrupção ativa e passiva, estelionato e evasão de divisa.

Confira o que abre e fecha em Fortaleza no feriado da abolição da escravatura

O Ceará comemora com um feriado, nesta quarta-feira (25), a declaração da abolição da escravatura, realizada em 1884, quatro anos antes da assinatura da Lei Áurea, tornando o estado como a primeira província a decretar, oficialmente, o fim da escravidão no Brasil.

Embora a data oficial seja 25 de março de 1884, alguns historiadores consideram que o evento ocorreu no dia 01 de janeiro de 1883, em frente à igreja Matriz, na Vila do Acarape, atual município de Redenção, em um ato marcado pela entrega das cartas de alforria às116 pessoas escravizadas ali existentes, na presença de José do Patrocínio e de outros abolicionistas.

Saiba como funcionarão as principais áreas comercias da cidade:

Shoppings

Nos shoppings, praças de alimentação e cinemas funcionarão normalmente.

Supermercados 

A Associação Cearense de Supermercados (Acesu) informou que os supermercados e hipermercados irão funcionar normalmente.

Coelce

A Companhia Energética do Ceará (Coelce) trabalha em regime de plantão. Os clientes podem entrar em contato com a empresa pelo telefone 0800 2850196. O atendimento funciona 24h. O contato também pode ser feito pelas redes sociais da Coelce.

Comércio

O Sindicato dos Lojistas do Ceará (Sindilojas-CE) informou que devido a falta de acordo com os lojistas o feriado será de portas fechadas.

Correios

As agências e serviços de distribuição dos Correios, no Ceará, não vão funcionar em todo o Ceará. As atividades devem ser retomadas na quinta-feira (26).

(Diário do Nordeste)

Ceará: Postos de combustíveis vão funcionar no feriado desta quarta-feira

Os postos de combustíveis vão abrir normalmente no feriado do Dia da Abolição da Escravidão no Ceará, nesta quarta-feira, 25, conforme o Sindicato dos Empregados em Postos de Serviços de Combustíveis e Derivados de Petróleo no Estado do Ceará (Sinpospetro-CE).

Os trabalhadores entraram em acordo com o Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do Estado do Ceará (Sindipostos), em reunião na manhã desta terça-feira, 24. Na semana passada, cerca de 80% dos postos de combustíveis de Fortaleza não funcionaram. O transtorno se estendeu a outras cidades do Estado.

De acordo com o a Lei 11603/2007, os postos de combustíveis desenvolvem atividade típicas de comércio e seu funcionamento em domingos e feriados está submetido ao que dispõe a lei.

O Artigo 6º autoriza a sua abertura, desde que tenha acerto em convenção coletiva, que, conforme o Sinpospetro,havia espirado em 31 de dezembro de 2014. Na reunião desta terça, as pendências foram negociadas.

Os postos de Juazeiro do Norte, na região do Cariri, não abriram nesta terça-feira, 23, feriado em homenagem ao aniversário de Padre Cícero, afirma o presidente do Sinpospetro.

Redação O POVO Online

Senac oferta 20 vagas em curso de fotografia gratuito em Fortaleza

Estão abertas 20 vagas para curso de fotografia básica na unidade do Sesc Iracema. As inscrições podem ser realizadas até o dia 30 de março, das 8h às 20h na unidade. O curso possui uma carga horária de 190 horas/aulas e é dividido nos seguintes módulos: Módulo Integrador (30h); Básico em Fotografia (50h);Iluminação (65h) e Tratamento de Imagem (45h).

As aulas acontecem de 6 de abril a 21 de junho, todas às terças, quintas e sextas-feiras. Apenas o módulo inicial será ministrado de segunda à sexta-feira. A capacitação é ofertada gratuitamente pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura de Fortaleza de Fortaleza (Secultfor).

Serviço:

Inscrições: De 18 a 30 de março, de 8h às 20h
Local: Unidade Sesc Iracema (Rua Boris, 90 C – Praia de Iracema)
Documentação necessária: RG, CPF, comprovante de residência e de escolaridade.
Mais informações: 3452.7065 / 3105.1358/ 34527065

(Rádio Verdes Mares)

 

Fortaleza coloca 50 mil ingressos à venda para o jogo contra o Sport

Com a expectativa de casa cheia, o Fortaleza iniciou no começo da tarde desta segunda-feira (23) a venda de ingressos para o jogo de idas das quartas de final da Copa do Nordeste, contra o Sport.

Os preços são os mesmos que o torcedor já está acostumado: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia) na arquibancada inferior e R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) nas cadeiras inferiores da Arena Castelão. Há entradas ainda no setor premium, ao valor DE R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia), e setor especial, custando R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia).

Para esse jogo, a diretoria fez uma promoção especial, em que mulher terá direito a meia-entrada em todos os setores.

Ao todo, a diretoria do Fortaleza preparou para esse jogo uma carga de 50 mil ingressos. A diretoria já se pronunciou afirmando que esperapelo menos 40 mil pagantes no duelo desta quarta-feira (25), às 22h, na Arena Castelão.

Confira os pontos de venda de ingresso:

Estádio Alcides Santos (Pici)
Leões do Pici Store
Fortaleza Store
Loja Benfica
Lojão do Ariosvaldo
Loja Caldeirão (Shopping Riomar)
Tricolaço
Amor Eterno
Aguerrido Store
Loja Bom Jardim

(Esportes, O Povo)

“Maníaco da Seringa” é detido (e solto) pela quarta vez em Fortaleza

Um homem foi detido acusado de tentar ferir pessoas com uma seringa no Centro de Fortaleza. Essa é a quarta ocasião em que Francisco Nogueira, de 41 anos, é encaminhado para delegacia pelo mesmo motivo, já sendo conhecido como“Maníaco da Seringa”. Desta vez, o caso foi registrado no último sábado (21).

Segundo o delegado Romero Almeida, o homem foi preso em flagrante e levado ao 34º Distrito Policial, no Centro. De acordo com ele, a suposta vítima não falou com convicção sobre a tentativa de ferimentos, e também não prestou queixa.

Em virtude disso, o delegado liberou o suspeito, já que não há nada de concreto. Não foi realizado exame de sangue na suposta vítima, nem no material hospitalar utilizado.

Fama na cidade

Em maio de 2013, ele já havia sido preso, no Bairro Benfica. Durante a abordagem, não foi encontrada nenhuma seringa com Francisco, no entanto, quatro vítimas foram à delegacia e o reconheceram. Ele já havia sido detido mais duas vezes, próximo ao Instituto Dr. José Frota, no Centro, e ao Terminal do Siqueira, mas foi solto em seguida.

Em abril de 2013, um homem foi acusado de ter perfurado duas mulheres com uma seringa, no Centro. Na mesma semana, outras pessoas foram a unidades de saúde afirmando terem sido vítimas.

(Tribuna do Ceará)

Aliados de Cid Gomes falam em ‘voo político mais alto’ em 2018

(Foto: Agência Brasil)

Desde que bateu boca com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), no plenário da Casa e acabou demitido pela presidente Dilma Rousseff, o ex-ministro da Educação Cid Gomes (PROS) mantém-se recluso em seu apartamento em Fortaleza. Mas seus aliados avaliam que a repercussão do episódio, considerada positiva, especialmente nas redes sociais, para a imagem do ex-ministro, pode levá-lo a “voos maiores”. Já existe em seu grupo quem acredite que Cid poderá repetir trajetória do irmão Ciro Gomes e ser candidato à Presidência da República em 2018.

“Cid se cacifou para voos políticos maiores”, diz o deputado estadual Wellington Landim (PROS). “A sociedade pede mudança e renovação e o Cid pode falar para eles.” Ciro Gomes foi candidato pelo PPS à Presidência em 1998 e em 2002.

Para os aliados do ex-ministro, Cid saiu do ministério com a imagem de que tem coragem de falar a verdade e que não está disposto a qualquer atitude para ter cargos públicos. “Se a condução dele no ministério mostrou sua grandeza como gestor, a atitude o fez maior ainda, pois isso demonstrou desapego”, defende o prefeito de Sobral, berço político da família Gomes, Clodoveu Arruda (PT).

Na quarta-feira passada, 18, Cid foi ao plenário da Câmara convocado pelos deputados para explicar declaração de que a Casa tinha “de 300 a 400 achacadores”, feita há quase um mês num evento fechado em Belém. A sessão transformou-se em intenso bate-boca e o ex-ministro chegou a apontar Eduardo Cunha e dizer que preferia “ser acusado de mal educado do que ser como ele, acusado de achaque”. Do Congresso, Cid foi diretamente ao Palácio do Planalto, de onde saiu já fora do cargo de ministro.

No dia seguinte, o ex-ministro da Secretaria dos Portos no primeiro governo Dilma Leônidas Cristino (PROS-CE), aliado dos Gomes, publicou artigo na imprensa local em que disse que a sociedade deveria “agradecer” a Cid: “As instituições republicanas e a própria democracia devem agradecê-lo pela atitude”, escreveu. “Antes de ser interpretada como um ato de arrogância, afronta ou petulância, a forma como agiu na sessão representa muito mais um alerta ao Poder Legislativo.”

Cid Gomes ganhou o apoio nas redes sociais após o bate-boca no Congresso. Simpatizantes se organizam para defender a renúncia do presidente da Câmara em protestos convocados pela internet para o dia 12 de abril. A convocação está sendo feita pela página “Eu exijo a renúncia do Eduardo Cunha”, compartilhada por Ciro Gomes na última sexta-feira.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Luizianne Lins revela interesse em concorrer à Prefeitura de Fortaleza

Durante entrevista à Rádio Campo Maior de Quixeramobim, na tarde desta terça-feira, 17, o deputado federal do PSDB, Raimundo Gomes de Matos, revelou que em 2016 o Partido dos Trabalhadores (PT) vai ter um racha no Ceará ainda maior.
Segundo o parlamentar, a ex-prefeita e agora deputada federal pelo PT, Luizianne Lins, revelou a ele durante vôo que pensa em concorrer à Prefeitura de Fortaleza em 2016: “No vôo que eu vinha de Brasília a ex-prefeita Luizianne vinha também e nós dialogamos. Ela se propõe a ser candidata pelo PT, e o PT tende a rachar, porque o candidato do Camilo é o Roberto Cláudio, não é a Luizianne”, disse Matos.
Com essas declarações a ex-prefeita pretende colocar o governador Camilo Santana entre a cruz e a espada. De um lado a força de seu partido e do outro a aliança com Roberto Cláudio e os Ferreira Gomes. É como diz a música: “Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come”.

Moroni Torgan pode disputar Prefeitura de Fortaleza em 2016

O deputado federal Moroni Torgan (DEM) é cotado pelos colegas de partido para disputar a Prefeitura de Fortaleza, nas eleições municipais de 2016. A informação é do deputado João Jaime (DEM).

Segundo Jaime, a temática passará ainda por uma discursão interna. “A expectativa do partido é que Moroni seja candidato ao cargo”,aponta.

Credenciais
João Jaime analisa que, caso Moroni resolva entrar na disputa, será um candidato “forte”, podendo até ganhar a eleição no primeiro turno, porque a população, segundo o democrata, quer mudança.

João Jaime lembra ainda que Moroni foi o parlamentar mais bem votado no último pleito, com folga de mais de 57 mil votos do segundo candidato, Genecias Noronha (SD), o que o credencia para disputar novamente a administração fortalezense.

Segurança
Além disso, de acordo com o parlamentar, o democrata é bastante conhecido na Capital. Moroni sempre teve como plataforma principal de suas campanhas a segurança pública. Ele está na quarta legislatura como deputado federal e já foi vice do ex-governador Tasso Jereissati (PSDB) de 1995 a 1998.

 

Via http://www.politicacomk.com.br/joao-jaime-diz-que-moroni-pode-disputar-prefeitura-de-fortaleza/

Fortaleza enfrenta o Sport na Arena Castelão nesta quarta feira (25/03)

Classificado para as semifinais do Campeonato Cearense, o Fortaleza agora volta todas as atenções para a Copa do Nordeste. E na quarta feira (25) tem Fortaleza X Sport Recife, na Arena Castelão, com uma promoção sensacional.

Para o grande duelo que envolve duas das maiores forças do futebol nordestino, a diretoria manteve os preços dos ingressos, só que com uma novidade, as mulheres pagam meia-entrada em qualquer setor do estádio, é realmente pra lotar a Arena Castelão.

Esse jogo entre Fortaleza e Sport não é um jogo qualquer, pois é o primeiro tempo de uma disputa de 180 minutos que vale vaga nas semifinais da Copa do Nordeste. E é de fundamental importância para o Leão do Pici fazer um resultado positivo em casa, pois o segundo jogo é na Ilha do Retiro.

E pela qualidade e tradição do adversário, único clube nordestino na Série A do Campeonato Brasileiro, será uma batalha das mais difíceis, elevando ainda mais a necessidade do nosso principal aliado que é a torcida, que passa a ser um ingrediente indispensável nessa disputa, para que o Leão consiga seguir em frente no torneio.

Os ingressos já estão disponíveis nas bilheterias do Pici, e a partir do meio dia o torcedor já poderá adquiri-los nos demais pontos de vendas credenciados. Depois é aguardar o grande jogo e incentivar o Tricolor de Aço do começo ao fim, levando-o a uma grande vitória.

SERVIÇO

Ingressos para FORTALEZA X SPORT – Quartas de finais da Copa do Nordeste

Preços:

Cadeiras Superiores – R$ 30,00/15,00
Cadeiras Inferiores – R$ 40,00/20,00
Setor Especial – R$ 50,00/25,00
Setor Premium – R$ 100,00/50,00

*MULHER PAGA MEIA EM QUALQUER SETOR

Pontos de vendas:
Estádio Alcides Santos
Leões do Pici Store
Fortaleza Store
Loja Benfica
Lojão do Ariosvaldo
Loja Caldeirão (Shopping Riomar)
Tricolaço
Amor Eterno
Aguerrido Store
Loja Bom Jardim

DA REDAÇÃO O ESTADO ONLINE
Fonte: FSC

Colombianos são condenados por tráfico de drogas em Fortaleza

Os colombianos Hermes Audrey Lara Alferez e Pablo Andes Pedraza Torres e o brasileiro Sirdes Mendes Cavalcante Júnior foram condenados por tráfico de drogas e associação para o tráfico. Hermes cumprirá 12 anos. Os outros dois tiveram as penas fixadas em 11 anos.

A decisão é do juiz Flavio Vinicius Bastos Sousa, titular da 3ª Vara de Delitos de Tráfico de Drogas de Fortaleza. De acordo com o magistrado, a autoria dos crimes “é certa e a materialidade dos delitos está comprovada pelo auto de apreensão e laudo toxicológico definitivo”. As penas serão cumpridas em regime fechado e os réus não poderão apelar em liberdade.

Segundo os autos (nº 0786808-34.2014.8.06.0001), policiais receberam denúncia anônima informando que Sirdes e os colombianos vendiam entorpecentes em um veículo. Em 18 de setembro de 2014, o carro foi abordado na avenida nº 1, bairro Castelão, na Capital. Sirdes era o condutor e levava a dupla como passageiro.

Na ocasião, os policiais apreenderam 5 kg de cocaína e 14 kg de um pó branco utilizado na droga. Os acusados foram presos em flagrante. Em juízo, Hermes confessou o crime, mas os outros dois negaram.

Ao analisar o caso no último dia 11, o juiz destacou que, para caracterizar o tráfico, são suficientes “os depoimentos testemunhais, aliados às demais circunstâncias da prisão dos réus e documentos anexados aos autos”.

Também considerou que os acusados se associaram para praticar o crime porque o brasileiro alugou casa para os colombianos (onde estes moravam e guardavam a droga), além de transportá-los para distribuir o entorpecente. A decisão foi publicada no Diário da Justiça Eletrônico do último dia 16.

FONTE: TJ-CE

Procon Fortaleza divulga pesquisa de produtos da Semana Santa

FOTO MERAMENTE ILUSTRATIVA

O Procon Fortaleza pesquisou o preço de 80 produtos típicos da Semana Santa, entre ovos de chocolate, vinhos, peixes e pães de coco. O levantamento foi realizado entre os dias 16 e 17 de março em 10 supermercados da Capital. A maior variação encontrada foi no ovo de chocolate, que pode sair até 54% mais caro. O pão de coco também está entre os que apresentaram maior diferença de preços, variando até 35% entre os estabelecimentos pesquisados.

Todas as variações de preços levaram em consideração as mesmas marcas e a quantidade exata no peso do produto, o que proporciona ao consumidor a confiança e fidelidade de análise da tabela de preços.

A maior diferença encontrada foi de 54% no ovo de chocolate Garoto Clássicos, de 215g, que é vendido por R$ 19,50 em um supermercado e pode chegar a R$ 29,98 em outro estabelecimento.

Clique aqui e confira aqui a pesquisa completa.

Para a diretora geral do Procon Fortaleza, Cláudia Santos, a grande novidade da pesquisa deste ano é que aumentou o número de itens consultados. “Em comparação com a pesquisa do ano passado, passamos de 30 para 80 produtos pesquisados. Isso possibilita ao consumidor avaliar melhor o que cabe no orçamento, além de um conjunto maior de opções”, destacou.

Outra novidade foi a inclusão de vinhos na pesquisa de preços, isso porque aumenta o consumo desse produto durante a Semana Santa. O mesmo item (vinho) de 700ml vai de R$ 8,79 a R$ 10,90, ou seja, uma variação de 24%.

Entre os peixes, as maiores variações foram nos preços do quilo do filé de tilápia (R$ 32,89 a R$ 39,99), e no quilo da cavala em posta (R$ 28,60 a R$ 35,85), um percentual de variação de 22% para ambos produtos. Já o preço do tradicional bacalhau chegou a uma variação máxima de 7% (R$ 27,99 a R$ 29,90).

Dicas

O Procon alerta para uma tendência de aumento de preços com a proximidade da Semana Santa. Na compra dos ovos de chocolate, o consumidor deve ficar atento às informações detalhadas sobre data de validade do produto, peso e composição. A embalagem deve estar em boas condições de armazenamento, verificando se não há amassados ou furos que podem contaminar o produto.

Pesquise preços e a qualidade dos produtos, pois o barato pode sair caro. Por exemplo, ovos de páscoa caseiros sempre são mais baratos, entretanto, temos que saber de sua procedência.

Em relação aos peixes frescos, o cuidado deve ser a conservação, pois devem estar bem armazenados e em gelo. Verifique sua aparência observando se os olhos estão brilhantes e as escamam bem presas ao corpo. Quanto ao bacalhau, procure conhecer sua procedência, uma boa pesquisa de preços, tipos e qualidade podem levar a uma compra mais acertada.

(Prefeitura de Fortaleza)

Fortaleza e Caucaia vacinam contra sarampo pessoas com até 29 anos

A vacinação contra o sarampo das crianças, adolescentes e adultos jovens na faixa etária dos 5 aos 29 anos começou nesta segunda-feira, 23 de março, em 89 postos de saúde de Fortaleza e 47 de Caucaia. Na Capital, as unidades básicas de saúde do município vacinam de segunda a sexta-feira, das 7 às 19 horas. Também funcionarão para vacinação no sábado e domingo, 28 e 29 de março, e nos sábados dias 4 e 11 de abril. Em Caucaia são 46 postos de saúde e a Comunidade Indígena Pe. Júlio Maria que vacinam de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas. As unidades básicas de saúde de Caucaia também abrirão para vacinação no sábado, 28 de março, no dia D de mobilização da campanha. 

A campanha de intensificação da vacinação contra o sarampo para a imunização de toda a população na faixa etária de 5 a 29 anos deverá vacinar até o dia 18 de abril 1.125.085 pessoas em Fortaleza e 164.517 em Caucaia, mesmo aquelas já vacinadas contra a doença, com meta mínima de cobertura de 95%. A população-alvo da campanha de intensificação receberá uma dose da vacina dupla viral, que também protege contra a rubéola. Sábado, dia 28 de março, será o dia D de mobilização da vacinação nos dois municípios. Na vacinação de rotina continuam sendo imunizadas contra o sarampo as crianças quando completam 6 meses, de novo quando fazem 1 ano da vida e ainda com 1 ano e três meses. 

A ampliação da faixa etária para a vacinação contra o sarampo se deve à alta incidência da doença entre a população de 5 a 29 anos. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado na sexta-feira, 20 de março, pela Secretaria da Saúde do Estado, dos 86 casos de sarampo confirmados este ano, 28 casos, 32,6% do total, ocorreram em crianças de 6 meses a menos de 5 anos e 44 caso, 55,6% do total, na população de 5 a 29 anos. Há, ainda, 51 casos em investigação em 11 municípios – Guaiúba, Trairi, Fortaleza, São Gonçalo do Amarante, Caucaia, Maranguape, Pentecoste, Aracati, Maracanaú, Horizonte e Pacajus. Dos casos em investigação, 22, ou 43,1% do total, são em crianças com menos de 5 anos e 35,3%, 18 casos, na população de 5 a 29 anos. Do total de casos em investigação, 19 são de Fortaleza e 13 de Caucaia. Somados, esses 32 casos representam 62,7% dos 51 casos em investigação. 

Segundo o boletim epidemiológico, o Ceará tem nove municípios em surto de sarampo – Fortaleza, Caucaia, Trairi, Itaitinga, Guaiúba, Aquiraz, Pacajus, Maracanaú e Beberibe. Nesses municípios, os maiores números de casos confirmados estão em Caucaia, com 37 casos, e Fortaleza, com 32. Para o surto ser declarado encerrado, o município deve passar 90 dias sem registro de casos de sarampo. Desde o início do surto no Ceará, em 25 de dezembro de 2013, foram confirmados no Estado 785 casos da doença. 

Veja onde se vacinar em Fortaleza e Caucaia
23.03.2015

Assessoria de Comunicação da Sesa
Selma Oliveira / Marcus Sá /  ( selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5221 / 3101.5220)
Twitter: @SaudeCeara
http://www.facebook.com/SaudeCeara

Médica tucana que vaiou cubanos assumirá Sindicato dos Médicos do Ceará

A médica Mayra Pinheiro – que ficou conhecida após participar de protesto contra vinda de médicos cubanos ao Estado – assumirá nesta terça-feira, 24, o comando do Sindicato dos Médicos do Ceará (Simec). Filiada ao PSDB, ela comanda cerimônia de posse nessa sexta, 27, no Centro Eventos. Ato promete discursos contra o governo federal.

Mayra disputou eleição para cargo de deputada federal em 2014. Em sua campanha, ela focou discurso crítico contra a gestão Dilma Rousseff (PT), sobretudo no programa Mais Médicos. Terminou o pleito como segunda mais votada candidata do PSDB, com 25,8 mil votos. Desde então, tem participado de atos contra a petista na Capital.

O Simec é crítico do Mais Médicos, sobretudo pela ausência de revalidação do diploma de profissionais “importados” de outros países. Segundo eles, ação prejudica qualidade do atendimento e seriam risco para a população. Em 2013, ato de médicos cearenses recepcionou profissionais cubanos com vaiase gritos de “escravos”. Imagens do ato ganharam repercussão nacional.

Na página do Simec na internet, são várias as mensagens contrárias ao Mais Médicos publicadas. Protesto contrário a Dilma Rousseff realizado no último dia 15 também tem é exibida com destaque na página inicial. Mayra assume no lugar de José Maria Pontes, ex-vereador petista que também vinha adotando discurso crítico contra o partido.

Redação O POVO Online

Atores e diretores da Globo, escritores, músicos e criador do Rock in Rio possuem contas no HSBC suíço

Figuras conhecidas da cultura brasileira constam na lista do Swiss Leaks | Montagem/Estadão Conteúdo

Figuras conhecidas da cena cultural brasileira estão listadas no #SwissLeaks, dados do banco HSBC na Suíça que mostram detalhes sobre mais de 100 mil correntistas e movimentações entre 1988 e 2007. Entre as 6,6 mil contas ligadas a 8.667 clientes brasileiros aparecem vários atores e diretores da Rede Globo, escritores, cineastas e nomes ligados à música, segundo informações divulgadas nesta segunda-feira (23) no blog do jornalista Fernando Rodrigues (UOL).

Em comum, essas celebridades já obtiveram recursos advindos de leis de fomento, como a Lei Rouanet e o Fundo Nacional de Cultura, mas não é possível fazer relação entre esse dinheiro e aquele que circulou nessas contas do HSBC na Suíça.

A atriz Claudia Raia e o seu ex-marido, o ator Edson Celulari – ambos grandes captadores de recursos de incentivo no Brasil –, aparecem na relação. Na época, o saldo da conta dos dois era de US$ 135 mil. As atrizes Maitê Proença e Marília Pêra, e o ator Francisco Cuoco, também constam na lista divulgada por Rodrigues. Ainda entre globais, consta o nome do apresentador Jô Soares, que chegou a possuir quatro contas no HSBC, segundo a lista.

Entre os escritores, constam na lista os nomes de quatro membros da família deJorge Amado (1912-2001). Além do escritor, constam a sua mulher, Zélia Gattai(1916-2008), e os dois filhos, Paloma e João Jorge. Com três contas, Paulo Coelho(que hoje reside na Suíça) também é citado. Na área cinematográfica, os diretoresAndrucha e Ricardo Waddington (este da Globo), e também Hector Babenco, aparecem listados como titulares de contas.

Na música, Tom Jobim (1927-1994) e sua última mulher, Ana Lontra Jobim, são mencionados. O criador do Rock in Rio, o empresário Roberto Medina, possuiu uma conta entre 1990 e 2000 no HSBC. Ele é um dos grandes captados de leis de incentivo entre os listados, tendo obtido R$ 13,6 milhões para a realização das edições 2013 e 2015 do festival.

De acordo com Rodrigues, quase todos os citados na relação disseram ter realizado as operações financeiras dentro da lei ou negaram terem possuído qualquer conta no HSBC. Já Francisco Cuoco, Marília Pêra, Claudia Raia, Edson Celulari, Andrucha Waddington e os representantes de Tom Jobim não responderam.

É importante ressaltar é que qualquer brasileiro pode ter contas no exterior, desde que informe ao Banco Central sobre a saída do dinheiro e declare a existência dos valores à Receita Federal. Quando isso não acontece, há o crime de evasão de divisas – cuja pena pode variar entre dois e seis anos de prisão, incluindo multa. A prescrição de tal crime não acontece antes de 12 anos.

Ex-presidente do Banco Central também listado

Segundo dados divulgados no fim da semana passada, o ex-presidente do Banco Central, Armínio Fraga Neto (indicado por Aécio Neves como seu ministro da Fazenda, caso tivesse sido eleito à Presidência da República), é um dos 16 grandes doadores da campanha eleitoral do ano passado que, em algum momento, tiveram recursos depositados em contas do HSBC na Suíça.

De acordo com o levantamento feito por Rodrigues, 142.568 pessoas físicas doaram para campanhas políticas em 2014 – nem sempre dinheiro, mas também algum serviço ou produto que foi precificado na prestação de contas. Nesse universo, apenas 976 doaram R$ 50 mil ou mais para candidatos no ano passado. Além de Fraga, outros nomes conhecidos, como o do apresentador Carlos Roberto Massa, o Ratinho (SBT), aparecem nesse nicho de doadores.

Entre as campanhas, Aécio e Marina Silva (PSB) receberam doações do grupo de 16 financiadores listados no Swiss Leaks. Já a presidente Dilma Rousseff não recebeu diretamente, mas o seu partido, o PT, foi alvo de doações. Aécio e outros candidatos do PSDB e diretórios do partido receberam R$ 2,925 milhões. Já o PT e seus candidatos tiveram R$ 1,505 milhão de doações desses financiadores em 2014.

A maioria dos listados negou qualquer irregularidade e, em alguns casos, até apresentaram documentos para comprovar a legalidade de suas movimentações.

Congresso quer entrar com mais força no caso

A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara dos Deputados vai ouvir, em audiência pública, o presidente do banco HSBC no Brasil,André Guilherme Brandão. O objetivo dos deputados é esclarecer as investigações jornalísticas divulgadas em fevereiro sobre o escândalo financeiro conhecido como SwissLeaks. O Brasil aparece como o quarto país em número de clientes que usam contas secretas na filial suíça do banco.

As denúncias apontam para o total de US$ 7 bilhões em depósitos mantidos por mais de 6 mil brasileiros em contas secretas. Dentre os clientes brasileiros, estão alguns investigados na Operação Lava Jato, como o ex-gerente da PetrobrasPedro Barusco.

Autor do requerimento para a audiência, o deputado Heráclito Fortes (PSB-PI) acredita que o debate pode acalmar investidores e correntistas do HSBC. “Nós queremos saber do presidente exatamente como isso começou, como um banco que era um banco de respeito, um banco de tradição internacional, de repente derivou para essas contas suspeitas. O esclarecimento dele será muito importante para estabilizar o sistema financeiro”, ressaltou.

O líder da Minoria na Câmara, deputado Bruno Araújo (PSDB-PE), acha que a audiência pública na Câmara pode ajudar as investigações no âmbito da CPI do Senado Federal que vai investigar contas de brasileiros no banco HSBC na Suíça.

“É mais uma contribuição na medida em que algo bem efetivo, que é a CPI do HSBC no Senado Federal, que vai ter poderes de fato de investigação, poderes judiciais, para poder quebrar sigilos, determinar diligências, e vão apresentar sobre esses brasileiros que tinham conta quantos não tinham esses recursos apresentados à Receita Federal”, destacou Bruno. “Para que a Receita possa cobrar os recursos oriundos de impostos não recolhidos e possa ser apreciado na esfera do Ministério Público eventual crime de evasão de divisas”, emendou.

Para o senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP), que propôs a instalação desta CPI no Senado, o trabalho da comissão, cujos integrantes foram indicados na semana passada, deve ser de muita responsabilidade e terá grande repercussão. “Eu acho que cada vez que surgem novos fatos envolvendo funcionários públicos e figuras de destaque da elite brasileira a CPI aumenta a sua dimensão e também aumenta a necessidade de sua instalação”, avaliou.

(Com Agência Câmara e Agência Senado)

Mirian Belchior diz que não existe estudo para abertura de capital

A presidente da Caixa Econômica Federal, Miriam Belchior, assegurou que não está sendo realizado estudo visando a abertura de capital do banco. A declaração foi feita nesta quinta-feira (19), durante reunião do Conselho de Administração (CA), após ser questionada pelo conselheiro eleito pelos empregados Fernando Neiva.

A afirmação de Belchior foi reforçada pelos demais conselheiros do CA, que garantiram que o tema não chegou a ser debatido antes dos eleitos serem empossados.

Segundo Neiva, “a presidente da Caixa disse que não tinha conhecimento de uma proposta de abertura de capital”. O conselheiro eleito destacou que “a Contraf-CUT e o movimento dos empregados estão mobilizando a sociedade brasileira e realizando importantes seminários, sendo que os bancários da Caixa são contrários à abertura de capital e defendem a sua manutenção como empresa 100% pública”.

“Esperamos que o governo e a Caixa se posicionem publicamente contra a abertura de capital”, salientou Neiva.

Para a conselheira eleita suplente pelos empregados, Maria Rita Serrano, “esse recuo é uma vitória clara dos empregados, das entidades sindicais e associativas, dos movimentos sociais e de todos os que lutaram e lutam pela importância das empresas públicas para o desenvolvimento do país”.

No entanto, conforme avaliação dos representantes eleitos, é preciso um pronunciamento oficial da presidenta Dilma Rousseff, assegurando que não haverá abertura de capital da Caixa para encerrar de uma vez por todas as especulações em torno do tema.

A próxima reunião do Conselho de Administração da Caixa será realizada na próxima quinta-feira (26).

Mobilização

Enquanto o governo não afasta oficialmente a possibilidade de abertura de capital da Caixa, as entidades continuam mobilizadas. Na segunda-feira (16), o Comitê Nacional em Defesa da Caixa 100% Pública, integrado pela Contraf-CUT, Fenae, CUT, CTB, Intersindical e CSP-Conlutas, protocolou ofícios nos quais reforça o pedido de audiência com Dilma e com o ministro Miguel Rossetto, da Secretaria-Geral da Presidência da República, para cobrar posição oficial do governo.

Nos documentos, as seis entidades lembram que a primeira solicitação foi feita no dia 23 de dezembro, logo que foram veiculadas as primeiras notícias de que o governo estaria estudando a abertura de capital da Caixa.

Ofícios reiterando o pedido foram enviados em 9 de fevereiro. Já no dia 6 de março, o Comitê Nacional, após reunião realizada em Brasília, solicitou audiência com a nova presidente do banco, Miriam Belchior. Nenhuma resposta foi dada até o momento.

Tuitaço

Na próxima quarta-feira (25), a partir das 20h, será realizado um “tuitaço” contra a proposta de abertura de capital do banco. Empregados da instituição, dirigentes de entidades do movimento sindical e associativo e todos os brasileiros que apoiam a causa devem postar, no Twitter, mensagens com a hashtag #DilmanãovendaaCaixa.

Para ampliar a mobilização, a hashtag pode ser usada em outras redes sociais, como Facebook e Instagram.

Fonte: Contraf-CUT com Fenae

Banco do Brasil é o novo patrocinador do estádio do Palmeiras

O estádio do Palmeiras tem um novo patrocinador: o Banco do Brasil. Com contrato de um ano assinado, a instituição financeira vai aproveitar o Allianz Parque para divulgar a marca e, principalmente, fazer relacionamento com clientes.

Enquanto isso, a primeira ação da parceria já foi definida: os clientes portadores de cartão Ourocard terão benefícios exclusivos em eventos realizados no ex-Parque Antártica.

O desconto já vai funcionar, por exemplo, no Allianz Parque Tour, as visitas guiadas oferecidas pela Futebol Tour, que começarão a acontecer no dia 26 de março – os clientes pagarão 10% a menos no valor do ingresso.

O Banco do Brasil foi um dos financiadores da obra realizada pela WTorre. Segundo a assessoria de imprensa da instituição financeira, que confirmou o acordo de patrocínio, esse é o primeiro vínculo estabelecido com arenas.

Como nem todas as contrapartidas e propriedades foram definidas, os valores do apoio ao estádio podem variar. A estimativa é de que o acordo renda entre R$ 3 milhões e R$ 6 milhões no ano, com expectativa de renovação por pelo menos cinco anos.

(ESPN)

Cientistas desenvolvem dieta contra Alzheimer e outras doenças

Foto: Júlio Cordeiro / Agencia RBS

Uma nova dieta — chamada de mind (mente, em português) — promete diminuir em até 53% o risco de desenvolver Alzheimer. As recomendações, desenvolvidas por cientistas da Rush University Medical Center — foram publicadas no Journal of the Alzheimer’s Association.

Os pesquisadores afirmam que mesmo quem não seguiu rigorosamente a mind conseguiu reduzir em 35% o risco de desenvolver a doença.

Alimentação pode reverter os sinais do Alzheimer, diz pesquisa

A dieta mind é uma mistura da mediterrânea e da dash (uma dieta inglesa contra hipertensão). E, além de prevenir Alzheimer, reduz o risco de doenças cardiovasculares, ataques cardíacos e derrames. Se aderida por longo tempo, pode proteger também contra a demência.

O novo cardápio é mais fácil de ser seguido do que o mediterrâneo, disseram os cientistas. A dieta é composta por 15 alimentos, sendo 10 com efeito direto sobre a saúde cerebral (vegetais de folhas verdes, outros vegetais, nozes, frutas, grãos, cereais integrais, peixe, aves, azeite e vinho). Os outros componentes compreendem carnes vermelhas, manteiga, margarina, queijo, bolos e doces ou frituras.

Confira a dieta mind:

— Pelo menos três porções de grãos integrais

— Uma salada

— Um outro vegetal

— Um copo de vinho

— Uma porção de feijão a cada dois dias

— Aves duas vezes por semana

— Peixe pelo menos uma vez por semana

— Menos de uma colher de sopa por dia de manteiga

— Menos de uma porção por semana: queijo, frituras ou fast food

Via http://zh.clicrbs.com.br

Maior aquífero do mundo fica no Brasil e abasteceria o planeta por 250 anos

Carlos Madeiro, Uol Maceió

Imagine uma quantidade de água subterrânea capaz de abastecer todo o planeta por 250 anos. Essa reserva existe, está localizada na parte brasileira da Amazônia e é praticamente subutilizada.

Até dois anos atrás, o aquífero era conhecido como Alter do Chão. Em 2013, novos estudos feitos por pesquisadores da UFPA (Universidade Federal do Pará) apontaram para uma área maior e nova definição.

“A gente avançou bastante e passamos a chamar de SAGA, o Sistema Aquífero Grande Amazônia. Fizemos um estudo e vimos que aquilo que era o Alter do Chão é muito maior do que sempre se considerou, e criamos um novo nome para que não ficasse essa confusão”, explicou o professor de Instituto de Geociência da UFPA, Francisco Matos.

Segundo a pesquisa, o aquífero possui reservas hídricas estimadas preliminarmente em 162.520 km³ –sendo a maior que se tem conhecimento no planeta. “Isso considerando a reserva até uma profundidade de 500 metros. O aquífero Guarani, que era ao maior, tem 39 mil km³ e já era considerado o maior do mundo”, explicou Matos.

 

O aquífero está posicionado nas bacias do Marajó (PA), Amazonas, Solimões (AM) e Acre –todas na região amazônica– chegando até a bacias sub-andinas. Para se ter ideia, a reserva de água equivale a mais de 150 quadrilhões de litros. “Daria para abastecer o planeta por pelo menos 250 anos”, estimou Matos.

O aquífero exemplifica a má distribuição do volume hídrico nacional com relação à concentração populacional. Na Amazônia, vive apenas 5% da população do país, mas é a região que concentra mais da metade de toda água doce existente no Brasil.

Por conta disso, a água é subutilizada. Hoje, o aquífero serve apenas para fornecer água para cidades do vale amazônico, com cidades como Manaus e Santarém. “O que poderíamos fazer era aproveitar para termos outro ciclo, além do natural, para produção de alimentos, que ocorreria por meio da irrigação. Isso poderia ampliar a produção de vários tipos de cultivo na Amazônia”, afirmou Matos.

Para o professor, o uso da água do aquífero deve adotar critérios específicos para evitar problemas ambientais. “Esse patrimônio tem de ser visto no ciclo hidrológico completo. As águas do sistema subterrâneo são as que alimentam o rio, que são abastecidos pelas chuvas. Está tudo interligado. É preciso planejamento para poder entender esse esquema para que o uso seja feito de forma equilibrada. Se fizer errado pode causar um desequilíbrio”, disse.

Mesmo com a água em abundância, Matos tem pouca esperança de ver essa água abastecendo regiões secas, como o semiárido brasileiro. “O problema todo é que essa água não tem como ser transportada para Nordeste ou São Paulo. Para isso seriam necessárias obras faraônicas. Não dá para pensar hoje em transportar isso em distâncias tão grandes”, afirmou.

Via http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2015/03/21/maior-aquifero-do-mundo-fica-no-brasil-e-abasteceria-o-planeta-por-250-anos.htm

Homofobia motivou um assassinato a cada 27 horas em 2014 no Brasil

Em 2014, 326 pessoas morreram no Brasil em razão da homofobia, o que significa um assassinato a cada 27 horas.  Os dados fazem parte do Relatório Anual de Assassinatos de Homossexuais no Brasil, divulgado em fevereiro pelo GGB (Grupo Gay da Bahia). 

O levantamento é feito com base em notícias veiculadas na imprensa. De acordo com o documento, o número de casos cresceu em 4,1 % na comparação com 2013.

A subnotificação impede uma radiografia fiel da realidade.  O antropólogo Luiz Mott, fundador do GGB e coordenador da pesquisa,  estima que todos os dias, no mínimo, um homicídio com motivação homofóbica ocorra no País, o que coloca o Brasil no topo do ranking.

— Hoje, 50% dos assassinatos de pessoas trans no mundo acontecem no Brasil.

Mott afirma que os crimes contra os LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais) são marcados pela imprevisibilidade.

— A falta de um padrão sistemático, regular da intolerância e da violência é um problema. A única tendência fixa é que sempre são mais gays [vítimas]. Em segundo lugar, as travestis e, em terceiro, as lésbicas.

O antropólogo completa, enfatizando que, em termos relativos, travestis e transgêneros estão mais expostos, uma vez que essa população não chega a 1 milhão no País, enquanto a de gays está na casa dos 20 milhões, conforme organizações que atuam junto a esses segmentos. Uma das explicações para essa vulnerabilidade estaria no estilo de vida marginalizado.

— Ninguém quer empregar uma travesti. Na escola, elas são humilhadas, expulsas e a prostituição se torna meio de sobrevivência.

Dos 326 mortos registrados no levantamento de 2014, 163 eram gays, 134 travestis, 14 lésbicas.

Disque 100

Dados do Disque 100, serviço mantido pela SDH/PR (Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República), apontam que das denúncias de violência homofóbica recebidas no ano de 2014, em 67,10% as vítimas eram homens; 19,45%, mulheres e, em 13,45% dos registros, o sexo não foi informado.

Conforme as estatísticas do serviço, os alvos mais recorrentes são gays (20,05%), travestis (11,57%), lésbicas (9,51%) e transexuais (8,31%). A faixa etária mais vulnerável é a de 18 a 24 anos, que corresponde a 31,71% das vítimas, segundo a SDH/PR.

Violência física e psicológica

?Entre as denúncias de violência física contra LGBTs recebidas pelo Disque 100, a lesão corporal foi a mais frequente, totalizando 188 registros. Maus-tratos e homicídio aparecem na sequência, com 148 e 35 casos, respectivamente.

Já quando a violência é psicológica, a humilhação está no alto da lista. Foram 659 denúncias levadas à central em 2014. Em segundo lugar, vem a hostilização (592), seguida por ameaça (349), Calúnia/injúria/difamação (149) e perseguição (111).

Os tipos de violações contra LGBT mais recorrentes no ano passado foram: discriminação, com 864 registros (85,29%);  violência psicológica, com 781 (77,10%) e violência física, com 284 (28,04%).

No acumulado, o número de denúncias de violência homofóbica recebidas pelo serviço foi de 1.013, 40% a menos do que em 2013 (1.695 registros).

País de contradições

Na análise do antropólogo e ativista Luiz Mott, o Brasil é permeado por contradições.

— O Brasil tem um lado cor-de-rosa:  a maior parada gay do mundo, a maior e mais dinâmica associação LGBT do mundo [ABGLT], as novelas estão cada vez mais incluindo personagens gays, lésbicas e trans. Há ainda conquistas institucionais importantes, como o casamento homoafetivo, o nome social para travesti em mais de 20 entidades, universidades e até Ministério Público. Mas, ao mesmo tempo, há um lado vermelho sangue, que é representado pelos assassinatos. Diferentemente do Irã, do Sudão, onde há pena de morte contra os homossexuais, o Brasil não tem legislação punitiva, mas aqui se mata muitíssimo mais do que nos países onde há pena de morte.

Para a especialista em questões de gênero, escritora, psicanalista e professora da USP (Universidade de São Paulo) Edith Modesto, o aumento da aceitação das diferenças de orientação sexual por parte da sociedade e a maior incidência do tema nos meios de comunicação explicariam, de certa forma, as reações violentas contra a população LGBT.

— As pessoas com problema, que a costumamos chamar de homofóbicas, ficam muito amedrontadas quando veem que isso está caminhando. É uma dialética. A coisa está melhorando por um lado, o respeito é maior, está havendo um movimento interno nas pessoas de aceitação, de acolhimento das diferenças. Por outro lado, aqueles que já têm o problema mais acentuado ficam apavorados e  começam até a recrudescer. Então, o preconceito vira rejeição, intolerância e passa da paixão para a ação. Assassinato, agressão física, xingamento.

Na avaliação da psicanalista, apesar da sensação de que há um retrocesso, hoje o homossexual “existe” socialmente.

— O homossexual já “existe”. Mesmo que a pessoa não aceite. Antes, ele nem podia existir, não era um sujeito, tinha que viver à margem da sociedade, porque não tinha um lugar como cidadão. As coisas melhoraram um pouco. Mas pouco.

A professora da USP entende que a intervenção do Estado na questão, por meio de projetos e de leis, é fundamental para contornar o problema das agressões contra os LGBTs e para evitar que essa população fique à margem.

— Eu luto para ter uma casa de passagem para jovens, para que eles possam estudar, viver fora da família enquanto houver essa dificuldade […] Penso também que temos que ter leis que protejam as diferenças. Por exemplo, as diferenças étnico-raciais estão protegidas. As diferenças de orientação sexual e de identidade de gênero não estão. A proteção legal é fundamental. É preciso leis que protejam essas pessoas para que elas sejam respeitadas mesmo por aqueles que não são a favor das diferenças.

Luiz Mott também enfatiza a urgência na aprovação de leis para frear a violência anti-homossexual, que, segundo estatísticas do GGB, atingiu nos últimos quatro anos patamares nunca vistos – média de 310 assassinatos anuais.

— Do mesmo modo que hoje em dia todo mundo se policia para não fazer piada racista, eu tenho muita convicção de que a penalização da homofobia com multa e com prestação de serviços em Organizações Não Governamentais LGBT vai ter um impacto importante, sobretudo, com o apoio da mídia e com o governo fazendo seu papel.

Além de legislação que garanta a cidadania da população LGBT, Mott defende como medida de erradicação dos crimes homofóbicos, a educação sexual para ensinar o respeito aos direitos humanos dos homossexuais e a exigência de que a polícia e a Justiça investiguem e punam esse tipo de crime. Para ele, é importante ainda que gays, lésbicas, travestis e transexuais  evitem situações de risco.

Via Tribuna Hoje

Orgulho e Preconceito vai virar musical brasileiro fora do comum

Por Vitória Pratini

Orgulho e Preconceito é um clássico, concorda? Depois de ganhar uma versão em série, diversas versões cinematográficas, sendo uma delas em 2006 com Keira Knightley, agora vai ganhar mais uma: Orgulho e Preconceito e Zumbis, uma adaptação trash do livro de Jane Austen. Mas a história do amor entre Elizabeth Bennet e Fitzwilliam Darcy não para por aí!

Nenhuma das versões anteriores são musicais, certo? (Já pensou a Keira cantando que lindo que seria? – a gente sabe que ela consegue, já vimos em Mesmo Se Nada Der Certo). Agora, a história vai ganhar sim uma versão cantada. Nos teatros. No Brasil.

Você leu certo: Brasil! E põe versão brasileira nisso, já que as canções do musical serão da dupla Chitãozinho e Xororó (!!!!), com arranjos um pouco diferentes, mas sem perder suas características.

Os personagens não serão os mesmos de Austen – apesar dos nomes serem parecidos. A trama, inspirada no livro, contará a história de amor entre Bete Borba e Darcy: uma filha de caminhoneiro e um advogado arrogante de origem humilde. Os dois têm o desejo de se envolverem no mundo da música.

Atualmente em audição, o musical chamado “Nuvem de Lágrimas” será digirido por Tania Nardini e Luciano Andrey e escrito por Anna Toledo, e está previsto para estrear em setembro deste ano no Teatro Villa Lobos, em São Paulo.

Sem Keira Knightley mas com música sertaneja! Dá para imaginar? Falando na atriz, um de seus últimos filmes, Encalhados, foi exibido no Festival de Toronto e está sendo lançado hoje em dvd.

Via http://www.adorocinema.com

Dia Internacional pela Eliminação da Discriminação Racial é comemorado neste sábado

Portal EBC

Neste sábado, 21 de março, comemora-se o Dia Internacional pela Eliminação da Discriminação Racial. A data foi instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU), em memória à tragédia que ficou conhecida como “Massacre de Shaperville”, em 1960, na cidade de Joanesburgo, na África do Sul.

Na ocasião, vinte mil negros protestavam contra a lei do posse — que os obrigava a portar cartões de identificação, especificando os locais por onde eles poderiam transitar na cidade — quando se depararam com tropas do exército, que abriram fogo sobre a multidão, matando 69 pessoas e ferindo outras 186.

No Brasil, esta data marca também a criação da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SEPPIR), criada pela Medida Provisória n° 111, de 2003, a partir do reconhecimento das lutas históricas do Movimento Negro brasileiro. 

Tema

A Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura – UNESCO, neste ano, adotou como tema para a data “Aprender com tragédias históricas para combater a discriminação racial hoje”.

Em mensagem,a diretora-geral da UNESCO, Irina Bokova, afirmou que “as tragédias do passado  lançaram luz sobre a coragem e a determinação daqueles que proporcionaram avanços da dignidade humana, lutando contra a opressão até a abolição da escravidão”.  Ainda segundo Bokova, “essa determinação deve nortear a luta contra as formas modernas de escravidão, opressão e discriminação”.

Afrodecada

A ONU lançou no dia 10 de dezembro de 2014, em Nova York, a “Década Internacional de Afrodescendentes”, criada pela resolução da Assembleia Geral da ONU. Com o tema “Afrodescendentes: reconhecimento, justiça e desenvolvimento”, a década será celebrada de 2015 a 2024. A iniciativa tem como objetivo reforçar o combate ao preconceito, à intolerância, à xenofobia e ao racismo.

*Colaborou Carol Lira