Mãe indiana publica anúncio para encontrar noivo para o filho

Por Felipe Sousa

Uma mãe indiana decidiu publicar um anúncio no jornal para encontrar um marido para o seu filho. O candidato deve ter entre “25 e 40 anos”, deve gostar de animais, e ser vegetariano. Porém, como muitos devem saber, o casamento homossexual é ilegal na índia, chegando até mesmo em pena de morte. A corajosa atitude da mãe foi noticiada pela imprensa local.

O noivo em questão é Harish Iyer, um famoso ativista indiano conhecido por defender a igualdade de direitos da comunidade LGBT no país. “A minha mãe é como outra qualquer. Ela quer ajudar-me a encontrar um parceiro. Isto só é notícia porque ela procurou por um homem e não por uma mulher”, conta o jovem à CNN. O ativista já chegou a ser citado pelo jornal “The Guardian” como um dos 100 homens mais influentes na luta pelos direitos homossexuais.

Sachin Kalbag, diretor do jornal responsável pela publicação, revelou que decidiu publicar o anúncio porque apoia a igualdade de direitos, independente da religião, da casta, da orientação sexual ou da raça. “Quando o anúncio de matrimônio gay chegou aos nossos escritórios, não pensamos duas vezes e publicamos”, conta. Kalbag também afirmou que é muito comum pessoas conseguirem se casar por meio de anúncios em jornais.

Iyer diz que embora respeite a iniciativa da mãe, Padma Iyer, caso alguém responda ao anúncio ele é que terá a decisão final. Ele afirma que não espera encontrar um “casamento combinado”. “A minha mãe só está tentando arranjar encontros. Mas o fato de o anúncio ter sido rejeitado por vários jornais, tornou-se uma luta pela igualdade de direitos”, revelou.

Via http://pheeno.com.br/2015/05/indiana-coloca-anuncio-em-jornal-a-procura-de-um-noivo-para-o-filho-gay/

Com dez mil quartos, o maior hotel do mundo está sendo construído na Arábia Saudita

Perspectiva artística do maior hotel do mundo, com 10 mil quartos, que será construído em Meca (imagem divulgação Dar Group)

Las Vegas (Estados Unidos), onde estão os maiores hotéis do mundo em número de apartamentos, vai perder o “reinado”. O maior hotel do mundo, também nesse quesito, será construído em Meca, a cidade mais sagrada para os muçulmanos – local de nascimento do profeta Maomé –, na Arábia Saudita: terá 10 mil quartos.

Segundo o jornal Telegraph Travel, o hotel será parte de um complexo multiuso orçado em US$ 3,5 bilhões. Deve estar concluído em 2017 e vai estar a dois quilômetros da Masjid al-Haram (Mesquita Sagrada, em árabe). O projeto é do escritório Dar Group.

Há demanda de hóspedes – e como. Meca recebe milhões de peregrinos muçulmanos por ano. Segundo a tradição islâmica, o muçulmano deve ir a Meca pelo menos uma vez na vida. Segundo a ONU, há cerca de de 1,5 bilhão de praticantes da religião no mundo, e o país com o maior número deles é a Indonésia.

Para efeito de comparação, o The Venetian e o The Palazzo, que operam como um só hotel, ambos em Las Vegas e de propriedade do bilionário norte-americano Sheldon Adelson, somam 7.117 quartos. É o maior do mundo. Logo atrás, na mesma cidade, está o MGM Grand, com 6.852 apartamentos, o segundo maior do planeta.

Via http://www.panhoteis.com.br

Marcas de luxo Gucci e Yves Saint Laurent processam Alibaba por vender falsificações

Alibaba emprega cerca de 2 mil funcionários para combater falsificações (Foto: Reuters)

A francesa Kering S/A, dona de marcas de luxo como Gucci e Yves Saint Laurent, voltou a processar, em busca de compensações, o maior grupo de comércio eletrônico da China, Alibaba, sob alegação de facilitar a venda de produtos ‘piratas’ em suas plataformas.

A petição levada à Justiça de Nova York na sexta-feira, 15/5, sustenta que o grupo chinês “encoraja, assiste e lucra com a venda de produtos falsificados em suas plataformas online”.

De sua parte, a Alibaba, que opera as plataformas de e-commerce mais populares da China, como Taobao e Tmall, reagiu lamentando que “infelizmente, o Grupo Kering escolheu o desperdício de um litígio no lugar de uma cooperação construtiva”.

Como o problema não é novo, o grupo Alibaba já se manifestou anteriormente apontando que a oferta de produtos falsificados é um ‘câncer’ em suas plataformas. A empresa sustenta que remove ofertas e bane vendedores dos portais quando isso acontece.

O movimento do grupo francês também não é novo. No ano passado as marcas de luxo do mesmo Kering propôs um processo semelhante, mas que acabou sendo retirado poucas semanas depois – quando as duas empresas divulgaram um comunicado sustentando que adotariam um “diálogo construtivo”.

* Com informações da CNN

Alemã de 65 anos e mãe de 13 dá à luz quadrigêmeos

Foto de arquivo de alemã com seus filhos em um programa de TV, em 2005. (Foto: AFP PHOTO/DPA/JOERG CARSTENSEN)

Uma alemã de 65 anos, que já era mãe de 13 filhos e trabalha como professora de russo e inglês, deu à luz quadrigêmeos ontem à noite em um hospital de Berlim, informou neste sábado a rede de televisão “RTL”.

Segundo a emissora, a mãe, Annegret Raunigk, que também tem sete netos, teve os quadrigêmeos por cesárea, após uma gestação de 26 semanas.

Os bebês – uma menina e três meninos – nasceram com peso entre 655 e 960 gramas e medindo entre 30 e 32,5 centímetros e, como é habitual em partos prematuros, estão em incubadoras.

Raunigk se submeteu a vários tratamentos de implante de óvulos por inseminação artificial fora da Alemanha depois que uma de suas filhas, Lelia, que hoje tem 9 anos, lhe pediu para ter um novo irmão.

As possibilidades de sobrevivência dos quadrigêmeos é bastante alta, embora não se possa descartar complicações.

Sem inseminação artificial, as chances de ter quadrigêmeos é estimada em 1 entre 600 mil.

A “RTL” informou que a mãe não dará entrevistas e, por enquanto, não serão divulgados nem o nome do hospital nem o dos médicos que a atenderam.

 (EFE)

Vitória do “sim” ao casamento gay na Irlanda

Foto: Getty Images

Representantes da campanha do “não” reconheceram a derrota no plebiscito que decidirá sobre a legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo na Irlanda. Ministros do governo também afirmaram que o “sim” venceu.

Caso o resultado se confirme, a Irlanda – um país de forte tradição católica – será o primeiro país do mundo a legalizar o casamento gay por voto popular.

Mais de 3,2 milhões de pessoas foram às urnas – muitos irlandeses que não moram no país voltaram só para participar da votação.

A contagem dos votos teve início na manhã deste sábado e os resultados oficiais só devem sair no final da tarde (no horário local).

David Quinn, do Instituto Iona, um grupo católico, disse que foi “obviamente uma vitória muito impressionante do ‘sim'”.

“Obviamente há um certo grau de decepção, mas sou filosófico sobre o resultado”, disse ele ao canal irlandês RTE.

“Era uma batalha difícil – havia muito menos organizações no lado do ‘não’, enquanto todos os grandes partidos políticos apoiavam o ‘sim’ e tivemos grandes corporações vindo a público pela primeira vez para dizer como deveríamos votar em um assunto particular”, afirmou.

Ministros do governo – que apoiaram o “sim” – descreveram o dia como histórico.

O ministro da Igualdade, Aodhan O Riordain, disse no Twitter: “É isso. Urnas chaves já foram abertas. Deu sim. E foi uma avalanche em Dublin. Estou tão orgulhoso de ser irlandês hoje.”

O ministro da Saúde, Leo Varadkar, que no início do ano foi o primeiro ministro na história da Irlanda a se assumir abertamente como gay, disse que a campanha foi “quase uma revolução social”.

Ele disse ao canal irlandês RTE que aparentemente 75% dos votos de Dublin que já haviam sido contados eram a favor do casamento entre homossexuais.

A expectativa pelo resultado é grande. Uma parte do castelo de Dublin foi aberta a um público de 2.000 pessoas para que elas possam assistir à declaração final do resultado em um telão.

Nas urnas, os eleitores tiveram que responder se concordavam com a frase “O casamento pode ser contraído de acordo com a lei por duas pessoas, sem distinção do seu sexo”.

O plebiscito ocorreu 22 anos após atos homossexuais serem descriminalizados na Irlanda.

Em 2010, o governo aprovou uma lei de união civil que deu reconhecimento legal a casais gays.

Mas há diferenças entre união civil e casamento. A principal delas é que o casamento é protegido pela Constituição, enquanto a união civil não é.

Na Irlanda, qualquer emenda constitucional tem de ser aprovada pelo Parlamento e levada à votação popular.

Igreja
Se a medida for aprovada as igrejas católicas ainda vão poder decidir se celebram este tipo de casamento.

O líder da Igreja Católica na Irlanda, Eamon Martin, disse que a igreja poderá analisar se continuará a fazer a parte civil da cerimônia se a mudança for aceita.

Atualmente, o casamento entre pessoas do mesmo sexo é legal em 19 países do mundo, inclusive no Brasil.

Fonte: G1

American Airlines discrimina brasileiro afrodescendente

A America Airlines tem 48 horas para se retratar publicamente com um passageiro brasileiro e com o próprio Brasil. Na quinta-feira (21), no aeroporto de Miami, um brasileiro afrodescendente foi barrado por um funcionário da companhia aérea ao tentar embarcar no voo 905, que vinha para o Rio de Janeiro. “Sua vez não é agora. Só estamos embarcando a classe business”, afirmou, imaginando que, por ser negro, aquele passageiro não poderia integrar aquela classe.

A americano, que assiste nas últimas semanas a trágicos episódios envolvendo racismo e a morte de negros inocentes nos EUA, não imagina que poderia ser da classe business um brasileiro afrodescendente. Esta é uma discriminação odienta.

Se eles matam seus cidadãos negros, este é um lamentável fato que deve ser resolvido pelo governo americano. Mas discriminar um brasileiro é um problema nosso.

Link: http://www.jb.com.br/informe-jb/noticias/2015/05/22/american-airlines-discrimina-brasileiro-afrodescendente/

(Jornal do Brasil)

Polícia Federal prende Wagner Canhedo Filho, filho do dono da Vasp

O empresário Wagner Canhedo Filho foi preso nesta sexta-feira (22), em flagrante, por porte ilegal de armas em meio à operação Patriota, deflagrada pela Polícia Federal (PF) e pela Procuradoria da Fazenda Nacional, em Brasília. Ele era um dos alvos da operação que investiga um esquema de fraude fiscal superior a R$ 875 milhões.

Os gestores do grupo Canhedo, que administram, entre outros negócios, empresas de ônibus, de turismo e o hotel Nacional –que inspirou o nome da operação–, são suspeitos de usar empresas de fachada para ocultar faturamento de empresas e, com isso, não pagar multas e débitos tributários.

As investigações começaram no ano passado, depois que fiscais da Procuradoria da Fazenda Nacional tentaram bloquear o faturamento de seis empresas do grupo para pagamento de débitos junto à Receita Federal mas não tiveram sucesso. Isso porque, apesar de ativas, essas empresas não tinham faturamento.

Com as investigações, a PF e a Procuradoria da Fazenda Nacional identificaram que empresas de fachada eram usadas pelos gestores do grupo Canhedo para ocultar o faturamento das empresas em débito com a Receita Federal.

Ao todo, foram cumpridos 11 mandados de condução coercitiva e 15 de busca e apreensão, sendo um deles na casa do empresário Wagner Canhedo.

Canhedo ficou conhecido nacionalmente na década de 1990, após comprar a companhia de Viação Aérea São Paulo (Vasp). A empresa decretou falência em 2008, com dívidas superiores a R$ 1,5 bilhão.

Os suspeitos responderão por falsidade ideológica, formação de quadrilha, lavagem de dinheiro e de capitais. Wagner Canhedo Filho foi levado para a Superintendência Regional da Polícia Federal, no Distrito Federal, e foi estipulada fiança no valor de R$ 38 mil.

Via http://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2015/05/22/operacao-da-policia-federal-prende-empresario-wagner-canhedo-filho.htm

PF abre inquérito para apurar pagamento de “propinas” pelo Banco Safra, no valor de R$ 28 milhões

Dilma veta limite maior para empréstimo consignado e fim de sigilo do BNDES

Roberto Stuckert Filho/PR

SÃO PAULO (Reuters) – A presidente Dilma Rousseff vetou o aumento do limite de crédito consignado de 30 para 40 por cento da renda do trabalhador e o fim do sigilo a qualquer operação do BNDES, ao sancionar nesta sexta-feira lei que garante crédito de até 30 bilhões de reais ao banco de fomento.

No caso dos empréstimos com desconto em folha de pagamento, a presidente argumentou que “sem a introdução de contrapartidas que ampliassem a proteção ao tomador do empréstimo, a medida proposta poderia acarretar um comprometimento da renda das famílias para além do desejável e de maneira incompatível com os princípios da atividade econômica”.

“A proposta levaria, ainda, à elevação do endividamento e poderia resultar na ampliação da inadimplência, prejudicando as próprias famílias e dificultando o esforço atual de controle da inflação”, segundo publicado no Diário Oficial da União.

A presidente também vetou artigo da lei dizendo que não poderia “ser alegado sigilo ou definidas como secretas as operações de apoio financeiro do BNDES, ou de suas subsidiárias, qualquer que seja o beneficiário ou interessado, direta

ou indiretamente, incluindo nações estrangeiras.”

No entendimento de Dilma, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) “já divulga em transparência ativa diversas informações a respeito de suas operações, tais como clientes, projetos e, no caso de operações internas, os valores contratados em cada empréstimo”.

“A divulgação ampla e irrestrita das demais informações das operações de apoio financeiro do BNDES feriria sigilos bancários e empresarias e prejudicaria a competitividade das empresas brasileiras no mercado global de bens e serviços”, complementou.

Também foram vetados outros três artigos, um deles que autorizaria o BNDES a refinanciar dívidas de mutuários com renda anual acima de 2,4 milhões de reais no segmento de transporte rodoviário de carga, sem subvenção de juros pela União.

Segundo texto no Diário Oficial, “o dispositivo ampliaria consideravelmente o escopo de refinanciamento ao incluir empresas de todos os portes, o que traria impactos financeiros negativos” para o banco de fomento.

None

(Por Cesar Bianconi – Reuters)

Marinha Mercante abre novas 395 vagas para formação de oficiais

A Diretoria de Portos e Costas, da Marinha Mercante, abriu novo concurso público com 395 oportunidades. De acordo com o edital simplificado, divulgado no Diário Oficial da União desta segunda-feira, as chances são para admissão às Escolas de Formação de oficiais do Centro de Instrução Almirante Graça Aranha (230), no Rio de Janeiro, e do Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar (165), em Belém.
Podem concorrer candidatos de ambos os sexos, com idade entre 17 e 23 anos, e que tenham concluído o nível médio escolar até o dia 11 de janeiro de 2016.
As inscrições começam no dia 2 de maio, mediante pagamento da taxa de R$ 50, e vão até 18 de junho, pelo site www.mar.mil.br. Em 25 de julho haverá provas de português, inglês e redação, e no dia seguinte serão aplicados testes de matemática e física. O concurso ainda conta com seleção psicofísica e teste de suficiência física. O curso de formação tem início em fevereiro do ano que vem.

Diário de Pernambuco

Itaú, Bradesco e Santander disputam HSBC Brasil

Segundo informações da coluna Radar Online, da Veja, de Lauro Jardim, a disputa pelos ativos do HSBC Brasil segue, mas o BTG Pactual teria saído do páreo.

Os três maiores bancos do país, Itaú Unibanco, Bradesco e Santander Brasil, são os que seguem no páreo pela disputa da compra do controle das operações nacionais do banco britânico.

Segundo a coluna, o banco BTG teria desistido de fazer uma oferta pela aquisição da operação brasileira do banco, enquanto investidores estrangeiros, em especial chineses, também estariam fora das negociações, ao contrário do que se especulava no mercado financeiro nos últimos dias. Os rumores de que o HSBC venderia suas operações no Brasil começaram no mês passado e vem agitando o mercado desde então. Em relatório do começo do mês, o Deutsche Bank destacou estimar um valuation potencial dos ativos do banco de R$ 10 bilhões a 14 bilhões e viu que faria mais sentido para o Santander Brasil comprar parte das operações do HSBC.

“Achamos que há menor necessidade do Itaú ou Bradesco para adquirir HSBC, como eles já têm franquias bancárias dominantes no Brasil”, afirma.

Via http://www.amanha.com.br/posts/view/451

HSBC confirma que pode vender unidade brasileira

O banco britânico HSBC anunciou nesta sexta-feira (21) que está examinando a possibilidade de vender suas atividades no Brasil, mas informou que até o momento não tomou uma decisão a respeito.

“O HSBC confirma que está explorando diversas opções estratégicas para suas operações no Brasil, incluindo uma potencial venda”, afirma o banco em um comunicado.

O banco destaca que ainda não tomou nenhuma decisão sobre uma eventual operação e também não menciona um valor ou um comprador potencial.

O principal executivo do banco espanhol Santander no Brasil, Jesús Zabala, declarou na terça-feira que estudaria a possibilidade de adquirir a atividade brasileira do HSBC.

O banco britânico tem mais de 21.000 pessoas funcionários no Brasil e mais de 850 agências no país.

O HSBC adotou um plano que inclui demissões em todo o mundo para reduzir os custos e a concentração do grupo nas atividades consideradas estratégicas.

(France Presse)

Confira os concursos mais esperados para o 2º semestre de 2015

A crise econômica tem obrigado milhares de profissionais a migrar de empresas privadas para a carreira pública. Veja cinco grandes concursos públicos que podem animar você a fazer o mesmo

Sofrendo o impacto da crise econômica que aflige todo o país, muitos profissionais têm procurado migrar da iniciativa privada para a carreira pública, em busca, principalmente, de estabilidade.

Enquanto empresas do setor privado anunciam demissões em massa, no funcionalismo público grandes concursos intermediarão milhares de contratações entre este ano e o próximo.

Só para o segundo semestre, são aguardados pelo menos cinco concursos de órgãos bastante disputados. Há previsão de mais de 5 mil oportunidades distribuídas por todos os Estados do país, destinadas a candidatos de todos os níveis escolares e com remunerações de até R$ 16,8 mil por mês. Confira:

Concurso INSS
Com a aprovação do Orçamento Federal pela presidente Dilma Rousseff, no fim de abril, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) está prestes a receber autorização para seu próximo concurso. A solicitação enviada ao Ministério do Planejamento pede a abertura de 4.730 vagas de níveis médio e superior, mais especificamente para os cargos de técnico do seguro social, analista do seguro social e perito médico previdenciário. Deputados se movimentam pedindo celeridade no aval.

Concurso Polícia Federal
A próxima seleção que será realizada pela Polícia Federal (PF) anunciará a abertura de 558 vagas para os cargos de delegado e perito, ambos exigem nível superior completo. Segundo responsáveis pelo setor de recrutamento e seleção da corporação, na última semana o processo do concurso retornou à PF para que fossem atualizadas as informações do impacto financeiro das novas contratações. A atualização já foi feita e encaminhada para análise junto ao Ministério da Justiça, que repassará as informações ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), último passo para que possa ser dado início ao processo de elaboração dos editais. Com isto, segundo os responsáveis pelo setor de recrutamento, a intenção é de que a publicação dos editais ocorra no segundo semestre, com aplicação das provas prevista para o início de 2016.

Concurso Correios
Os Correios (Empresa Brasileira de Correios Telégrafos – ECT) pretendem lançar o tão esperado concurso, destinado ao provimento de diversos cargos, nos próximos meses. De acordo com a assessoria de imprensa da empresa, o concurso que será lançado será voltado para contratação por prazo determinado para substituição de mão-de-obra temporária. Informações da assessoria indicam que a realização do processo seletivo “ocorrerá após discussões entre a empresa e representações sindicais nas reuniões do Sistema Nacional de Negociação Permanente nos meses de abril e maio”. Ainda não há informações sobre em quais Estados serão lotados os aprovados e nem para quais cargos serão. Fato é que o concurso precisa ser agilizado, pois a empresa sofre com escassez de mão de obra.

Concurso Banco do Brasil
O edital do novo concurso para escriturário do Banco do Brasil (BB) poderá ser publicado nos próximos meses, anunciando a abertura de vagas imediatas – e não mais apenas de cadastro reserva, como é de costume da empresa. A seleção, que não depende de autorização governamental, preencherá oportunidades nos Estados do Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e parte do Amazonas. O cargo requer nível médio completo e apresenta remuneração inicial de R$ 3.280,42, já incluindo os benefícios.

Concurso Receita Federal
A Receita Federal do Brasil (RFB) pretende não só abrir concurso, como também iniciar as convocações ainda este ano. Em reunião com o Sindicato Nacional dos Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (Sindireceita), o novo secretário da RFB, Jorge Rachid afirmou que a abertura do processo seletivo para os postos de auditor-fiscal e analista-tributário, bem como para áreas administrativas, acontecerá tão logo o Ministério do Planejamento e Orçamento (MPOG) dê o aval. Segundo o subsecretário de Gestão Corporativa, Marcelo Melo, a realização do processo seletivo é considerada “prioritária” pelo Governo.

Surpresas
Além das cinco seleções citadas acima, ainda há algumas outras que poderão ser autorizadas e publicadas ainda este ano, surpreendendo concurseiros de plantão. É o caso, por exemplo, do edital da Polícia Rodoviária Federal (PRF), além de diversos ministérios e agências reguladoras, que também já se movimentam pleiteando a realização de novos concursos.

Via http://blog.euvoupassar.com.br/2015/05/confira-os-concursos-mais-esperados-para-o-2o-semestre/

Polícia Federal deflagra ‘Operação Loop’ em Fortaleza, Eusébio, Guaramiranga, Ibaretama e Indendência

A Polícia Federal (PF) deflagrou, na manhã desta sexta-feira, a Operação Loop, com a finalidade de instruir investigação que tramita em segredo de Justiça na qual está sendo apurada a atuação de uma associação criminosa de empresários e agentes públicos vinculados a prefeituras, no cometimento de crimes como desvio de recursos públicos federais e municipais, fraudes em licitações e lavagem de dinheiro.

Estão sendo cumpridos – por 42 policiais federais –  9 mandados de busca e apreensão em Fortaleza e nos municípios de Eusébio, Guaramiranga, Ibaretama e Independência. Os crimes investigados têm penas que variam de 1 a 12 anos de prisão, sendo que parte dos investigados já foi alvo de ações anteriores da Polícia Federal.

Uma coletiva de imprensa será concedida à imprensa nesta manhã na Sede da Superintendência Regional da Polícia Federal no Ceará para dar mais detalhes sobre a operação.

De acordo com a PF, o termo “Loop” faz alusão a uma linguagem de programação em que um comando é utilizado para repetir uma ação (atuação policial) enquanto determinada condição (crime) ocorrer.

(Diário do Nordeste)

Acidente mata ex-deputado estadual Airton Maia e o advogado Abel Castelo Branco

Um grave acidente de trânsito, ocorrido na tarde desta quinta-feira (21), causou a morte de duas importantes personalidades da política e da administração pública do Interior do Estado do Ceará. O advogado Abel Castelo Branco dos Santos, ex-servidor do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM); e o ex-deputado estadual e também conselheiro do TCM, Aírton Maia Nogueira, faleceram em decorrência do desastre.

O acidente ocorreu por volta das 15 horas na rodovia estadual CE-371, que liga os Municípios de Morada Nova e Jaguaretama, na região do Vale do Jaguaribe, na altura da localidade de Sítio Sabiá. O veículo em que as duas vítimas viajavam, no sentido Fortaleza-Interior, capotou seguidas vezes e foi parar, de pneus para cima, fora da estrada.

Leia a reportagem completa aqui.

(CearaNews7)

Marcha da Maconha acontece no próximo domingo (24) em Fortaleza

No próximo domingo (24), às 14 horas, a edição 2015 da Marcha da Maconha de Fortaleza deve ocupar a Praia de Iracema. Realizada em Fortaleza desde 2008, o evento já é consolidado no calendário de manifestações da cidade, e é aguardada a presença de cerca de 10 mil pessoas.
O encontro objetiva levantar discussões acerca da criação espaços onde interessados possam debater a legalização da maconha, estimular reformas nas Leis e Políticas Públicas sobre a maconha e seus diversos usos, além de exigir que as formas de elaboração e aplicação dessas leis que sejam mais transparentes.
Além disso, a Marcha da Maconha pretende ajudar a criar contextos sociais, políticos e culturais onde todos os cidadãos brasileiros possam se manifestar de forma livre e democrática a respeito das políticas e leis sobre drogas.
A Marcha da Maconha é um evento internacional que acontece todos os anos ao redor do mundo desde 1999. Atualmente, mais de 300 cidades realizam o evento no mês de maio. No Brasil, a manifestação acontecerá em 28 municípios.
(Diário do Nordeste)

II casamento coletivo LGBT de Fortaleza está com inscrições abertas

Em 2014, a cerimônia coletiva casou 30 casais em Fortaleza – Tatiana Fortes/O Povo

O segundo casamento homoafetivo coletivo de Fortaleza está com inscrições abertas até o dia 8 de junho. Desta vez serão 50 casais LGBTs participando da cerimônia.

Cada casal terá direito a buffet e decoração, e poderá convidar 10 pessoas para participar do evento, que ocorrerá no dia 28 de junho. A data registra o Dia Mundial do Orgulho LGBT e Dia Municipal da Consciência e Cidadania LGBT.

A cerimônia, que em 2014 casou 60 pessoas (30 casais), será celebrada no Parque das Crianças, no Centro de Fortaleza. A iniciativa é do vereador Paulo Diógenes (PSD), também responsável pelo requerimento do primeiro evento.

Inscrições

Os interessados deverão comparecer ao Centro de Referência LGBT Janaína Dutra, na rua Pedro I, 461, bairro Centro, e realizar o cadastro. Confira a relação de documentos necessários:

Solteiros: RG e Certidão de Nascimento;
Divorciados: RG e Certidão de casamento com averbação de divorcio;
Viúvos: RG, Certidão de casamento com anotação de óbito ou certidão de óbito do cônjuge e cópia do formal de partilha;
Estrangeiros Solteiros: Passaporte ou RNE (Registro Nacional de Estrangeiros), certidão de nascimento consularizada e declaração do estado civil consularizada;
Estrangeiros Divorciados: Passaporte ou RNE (Registro Nacional de Estrangeiros), Certidão de casamento original consularizada; Certidão de divorcio consularizada.

O Povo

SIP exige que justiça brasileira investigue morte de jornalista decapitado em MG

Entidade pede investigação do caso para não ficar impune – Crédito: Reprodução

Na última quarta-feira (20/5), a Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) lamentou a morte do jornalista Evany José Metzker, que foi encontrado decapitado em Padre Paraíso (MG) na segunda (18/5). A organização ainda alertou sobre os “numerosos crimes impunes” contra a imprensa no Brasil.

Segundo a AFP, o presidente da SIP, Gustavo Mohme, pediu às autoridades que investiguem com urgência os motivos da morte do jornalista, que foi assassinado enquanto procurava informações a respeito do tráfico de drogas e da prostituição infantil na região.
“A banalização da violência através da impunidade parece estimular ainda mais os constantes ataques contra os jornalistas no Brasil”, disse Mohme.
Em comunicado, o responsável pela liberdade de expressão da SIP, Claudio Paolillo, afirmou que o principal problema do alto índice de violência brasileira se dá pela falta de apoio governamental. “Causa preocupação que as agressões e ameaças sigam ocorrendo, enquanto as medidas anunciadas pelo governo brasileiro para prevenir o crime e combater a impunidade não são aplicadas”, afirmou.
Outras ameaças
De acordo com o presidente do Sindicato dos Jornalistas de Minas Gerais, Kerison Lopes, dois jornalistas – que optaram pelo anonimato – também afirmam terem sido ameaçados recentemente. Segundo Lopes, os profissionais disseram que as ameaças na região são recorrentes e que Metzker acabou morto por ser “destemido e não ter receio de prosseguir com as investigações”.

“O clima na região é de medo. Esse tipo de crime tenta semear o medo para os outros profissionais da região e precisamos mostrar que estamos unidos. Precisamos de uma rápida solução do caso e a punição dos culpados para que nossa imagem não seja manchada”, ressaltou Lopes.
Nesta quinta (21/5), o requerimento para a realização da audiência pública deve ser aprovado pela Comissão de Direitos Humanos e pela Comissão de Participação Popular da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). Se aprovado, o crime deve começar a ser julgado na próxima segunda (25/5), na cidade de Medina, onde o jornalista morava.

Via http://www.portalimprensa.com.br

Crise! Revista Veja demite editores Vilma Gryzinski, Isabela Boscov, Karina Pastore e o colunista Leonel Kaz

[Vilma Gryzinski participando do Mundo Livre, da TVVeja, com os jornalistas Diogo Schelp e Duda Teixeira]

Segundo o Portal dos Jornalistas, a revista “Veja” demitiu 49 profissionais — 32 em São Paulo —, nas últimas semanas. Os últimos demitidos são da comissão de frente, editores consagrados, responsáveis pelo sucesso da publicação: Vilma Gryzinski, Isabela Boscov e Karina Pastore, além do colunista Leonel Kaz.

Vilma Gryzinski, como editora-executiva, era a principal responsável pela cobertura internacional da “Veja”. Durante anos, editou as reportagens e escreveu textos de qualidade. O Portal dos Jornalistas apresenta-a como ex-responsável pelos núcleos de comportamento, estilo e moda. Jornalista de primeira linha, vai continuar como colaboradora na TV Veja, no programa “Mundo Livre”.

Karina Pastore, do núcleo de saúde, é outra jornalista experimentada. É uma das raras jornalistas patropis com formação científica adequada para atuar na cobertura de saúde.

Isabela Boscov (foto acima), que vai produzir vídeos para o Youtube e lançar um blog sobre cinema e séries, vai colaborar nas versões impressa e online da revista.

Diogo Xavier Schelp é o único editor-executivo que permanece na “Veja”. Carlos Graieb foi promovido a diretor de redação da Veja.com e Jaime Klintowitz se aposentou.

O Portal dos Jornalistas diz que a TVVeja “está bombando”. Por isso a Editora Abril vai investir na sua expansão, com novos programas e contratações.

Via http://www.jornalopcao.com.br

A hipocrisia da punição aos ginastas que brincaram com o colega

Ao longo de minha vida, desde a adolescência, pude frequentar diversos ambientes: o do ativismo estudantil, o ambiente musical, o esportivo (em meus tempos da seleção de tênis de mesa da Caldense), o militar (no Tiro de Guerra), o jornalístico, o empresarial.

Os ambientes de maior camaradagem e menor preconceito sempre foram o esportivo, o militar e o musical. O esportivo ainda conseguiu a disciplina e o corporativismo do militar com a informalidade do musical.

Digo isso a respeito da punição aos três jovens ginastas por brincadeiras com o amigo negro.

O vídeo incriminador é claro. No começo brincadeiras com a cor do amigo. O amigo não gosta. Na sequência, os três gozadores pulam na cama do amigo, cobrindo-o de carinho para tirar-lhe a má impressão.

Aí o show encontra o grande tema para mostrar como é politicamente correto, o bode expiatório, tema que, permitindo à imprensa o exercício do linchamento, purga todos os seus pecados habituais, de prática recorrente do assassinato de reputação. Tudo dentro das boas normas, porque é permitido linchar o suposto linchador.

Sob o título “Setores da sociedade condenam injúrias raciais ao colega negro Ângelo Assumpção” o jornal comanda o linchamento.

“Aparentemente inofensivo, um vídeo com conversas entre atletas da seleção brasileira masculina de ginástica olímpica que estão treinando em Portugal, visando aos Jogos Pan-Americanos, expôs ao país uma faceta nada agradável do esporte brasileiro: as injúrias raciais”.

E aí levanta a bola para o exibicionismo amplo dos que gostam de exercitar o politicamente correto em temas irrelevantes.

Os quatro atletas – os três mais Ângelo – aparecem em vídeo explicando que era uma brincadeira entre amigos. Mas como Ângelo – a suposta vítima – ousa sair do papel de vítima apenas para atrapalhar a indignação dos homens de bem?

O Globo, do grupo que endossa as arbitrariedades do mais insidioso representante do retrocesso moral no país – Eduardo Cunha – levanta a bola para o secretário-executivo da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial da Presidência, Giovanni Harvey, cortar e desmentir a suposta vítima: não houve brincadeira, mas racismo.

“— No vídeo de desculpas, Ângelo está constrangido. Não contentes em discriminar Ângelo, postam isso — declarou. — Aguardo a manifestação da Confederação Brasileira de Ginástica (CBG), cujo código disciplinar, no Artigo 89, estabelece punições de advertência a desfiliação. Aguardo um pronunciamento do Comitê Olímpico do Brasil (COB), cujo superintendente Marcus Vinícius Freire afirmou em janeiro que racismo tem de ser punido igual ao doping”.

Hipócritas, todos vocês.

Por Luis Nassif

Deputados aprovam a criação de banco de desenvolvimento do Brics

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (21) a criação de um banco de desenvolvimento com atuação internacional ligado ao Brics – bloco formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.
O objetivo é financiar projetos de infraestrutura e de desenvolvimento sustentável (públicos e privados) dos próprios membros do bloco e de outras economias emergentes.
A nova instituição, que recebeu o nome de Novo Banco de Desenvolvimento (NBD), decorre de acordo assinado pelos integrantes do bloco no ano passado em Fortaleza. O texto aprovado é o do Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 63/15.
O NBD será uma instituição aberta a qualquer membro das Nações Unidas. Os sócios fundadores, no entanto, manterão um poder de voto conjunto de pelo menos 55%. Além disso, nenhum outro país individualmente terá o mesmo poder de voto de um membro dos Brics.
O acordo aprovado integra a mensagem 444/14, do Executivo, que recebeu parecer favorável do relator, deputado Raul Jungmann (PPS-PE). O deputado ressaltou que a nova instituição vai representar uma “fonte alternativa de investimentos, aumentando a oferta de recursos para os entes públicos e privados no Brasil”. O Brics representa 42% da população mundial, 26% da superfície terrestre e 27% da economia mundial.
No total, o acordo autoriza o banco a operar com um capital de US$ 100 bilhões. Esse valor pode ser alterado a cada cinco anos pelo Conselho de Governadores, órgão máximo da administração do NBD, formado por ministros dos países fundadores.
Com sede em Xangai (China) e escritórios nos demais países, o banco terá capital inicial subscrito de 50 bilhões de dólares. Este valor será dividido da seguinte forma: 10 bilhões de dólares em ações integralizadas (dinheiro que será efetivamente colocado pelos acionistas, ao longo de sete anos), e 40 bilhões de dólares em ações exigíveis (a incorporação no capital será condicionada à demanda do NBD por mais recursos para empréstimos).
O poder de voto de cada membro no banco deverá ser igual ao número de suas ações subscritas no capital social. O atraso no pagamento das parcelas referentes às ações integralizadas inabilitará o sócio pelo tempo que persistir a inadimplência. O país terá seu poder de voto reduzido na mesma proporção das parcelas em aberto.
O texto pactuado pelos Brics determina que o Conselho de Governadores elegerá um presidente, proveniente de um dos fundadores. O órgão vai se reunir uma vez por ano ou sempre que ele próprio decidir ou for convocado pelo Conselho de Diretores, instância imediatamente inferior e responsável pelo dia-a-dia da instituição.
O banco dos Brics está autorizado a tomar empréstimos em países membros ou em outros locais, comprar ou vender ações (inclusive as de emissão própria), e subscrever valores mobiliários emitidos por qualquer entidade ou empreendimento, desde que compatíveis com o objetivo da instituição.
Além dos empréstimos, o NBD poderá fornecer assistência técnica para a preparação e implementação de projetos de infraestrutura e desenvolvimento sustentável aprovados pela instituição; criar fundos de investimento próprios; e cooperar com organizações internacionais e entidades nacionais, públicas ou privadas.
Pelo acordo, os bens do banco estarão isentos de todos os impostos nos países-membros. Nenhum imposto será cobrado também sobre os salários e emolumentos pagos aos diretores e empregados do NBD.

Fortaleza é o 8º principal destino de brasileiros em julho, diz pesquisa

Fortaleza, capital do Ceará, é o 8º principal destino dos brasileiros para o mês de julho, segundo pesquisa divulgada nesta quinta-feira (21) pelo site de viagens TripAdvisor. A pesquisa revela um ranking com as dez cidades mais requisitados pelos brasileiros para o mês, além do custo médio de uma semana nos locais, levando em conta gastos com hospedagens, refeições e passagens aéreas.

A pesquisa aponta Gramado como o destino favorito dos brasileiros que estão planejando viajar no meio deste ano. Os outros representantes nacionais são Rio de Janeiro, Fortaleza e Natal. No entanto, entre os 10 destinos mais pesquisados pelos viajantes nacionais para o mês, seis são internacionais. Orlando lidera as preferências e a lista também inclui Bariloche e  Santiago, entre outros.

Ainda de acordo com a pesquisa, o custo médio de uma diária em hotel em Fortaleza é R$ 289; nas demais cidades, esse valor oscila entre R$ 247 (Natal, no Rio Grande do Norte) e R$ 860 (Nova York).

Segundo o TripAdvisor o período mais econômico para viagens é a última semana de cada mês (com exceção de Santiago, cuja semana mais barata é a do dia 20). Neste período, segundo o site, as despesas podem cair até 20%.

Confira os 10 principais destinos de brasileiros em julho:
1. Gramado, Brasil
2. Orlando, EUA
3. Bariloche, Argentina
4. Santiago, Chile
5. Nova York, EUA
6. Rio de Janeiro, Brasil
7. Paris, França
8. Fortaleza, Brasil
9. Natal, Brasil
10. Cancún, México

(G1 Ceará)

Imparh oferece 792 vagas para cursos de idiomas em Fortaleza

O Centro de Línguas do Instituto Municipal de Desenvolvimento de Recursos Humanos (IMPARH) abre inscrições para cursos de idiomas com 792 vagas para os cursos de idiomas. Os cursos oferecidos são de Italiano, Francês, Espanhol, Inglês, Português, Alemão e Japonês, este último, incluído no semestre passado. As inscrições podem ser feitas até 16 de junho.

Interessados devem preencher o formulário eletrônico, e efetuar o pagamento do boleto no valor de R$ 60. Podem participar da seleção candidatos que tenham concluído ou estejam cursando, no mínimo, o 9º ano do ensino fundamental e com idade mínima de 14 anos completos.

A seleção reserva 50% das vagas para estudantes de escolas públicas. Estes deverão apresentar uma declaração da instituição de ensino em que estuda, na qual deverá ser informada a série em que se encontra regularmente matriculado, juntamente com as cópias do comprovante de inscrição e do seu documento de identidade.

A documentação deve ser entregue à Diretoria de Concursos e Seleções (DCS) do Imparh, de 8 a 18 de junho, das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 16h30, exceto aos sábados, domingos e feriados.

(G1 Ceará)

Vila das Artes está com inscrições abertas para o curso Treinamento Técnico para o Ator

Até a próxima terça-feira (19), a Vila das Artes, em parceria com o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura e Porto Iracema das Artes/IACC, está com inscrições abertas para o curso Treinamento Técnico para o Ator, que será ministrado pelo ator-pesquisador Jesser S. de Souza. O curso, gratuito, acontece nos dias 21 e 22, 25 e 26 de maio, das 18h30 às 22h, na Vila.

Destinado a estudantes e profissionais de artes cênicas, o curso oferece uma vivência do treinamento cotidiano, sistematizado pelos atores do coletivo LUME Teatro, por meio do reconhecimento e dilatação das capacidades expressivas do corpo.

Através de metodologias concretas, o Treinamento aborda temas relacionados ao trabalho do ator: ética (autodisciplina e autonomia), preparação e prontidão (aquecimento do corpo-mente e presença), aspectos energéticos e técnicos do ofício (transformação do peso em energia, dinâmica das ações no espaço e no tempo e modulação da energia).

O Grupo Lume Teatro é um coletivo composto por sete atores que se tornou referência internacional para artistas e pesquisadores da área de artes cênicas. Ao longo de quase 30 anos, criou mais de 20 espetáculos e mantém 14 em repertório. Com sede em Campinas (SP), o grupo difunde sua arte e metodologia através de oficinas, intercâmbios, cursos e projetos itinerantes.

Para se inscrever no curso, os interessados devem preencher a Ficha de Inscrição disponibilizada aqui  e aguardar o resultado da seleção, que sai dia 20 de maio.

Serviço:

O que: Curso Treinamento Técnico para o Ator

Quem: Jesser S. de Souza

Onde: Vila das Artes (Rua 24 de maio, 1221 – Centro)

Quando: Dias 21, 22, 25 e 26/5, das 18h30 às 22h

Mais informações: (85) 3252.1444

Gratuito

Inscrições: até 19 de maio de 2015 (Inscrições eletrônicas, através da Ficha de Inscrição)

Resultado da seleção: 20 de maio de 2015

Público-alvo: Estudantes e profissionais de artes cênicas

 Mais informações: 85 3252.1444

(Tribuna do Ceará)

UFC abre inscrições para minicurso sobre licitações e contratos administrativos

O investimento é de R$ 15. Os participantes do minicurso receberão certificado de quatro horas-aula (FOTO: Reprodução)

Estão abertas até 27 de maio as inscrições para o minicurso Licitações e Contratos Administrativos, que será ministrado pela Profª Nirleide Saraiva, do Departamento de Contabilidade da UFC. A instrução ocorre no dia 30 de maio, das 8h às 12h, no auditório do novo prédio da Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade (FEEAC  Rua Marechal Deodoro, 400, Benfica).

O evento é promovido por estudantes do Curso de Ciências Contábeis, com apoio do Centro Acadêmico Assis Barbosa, formado por alunos do Curso. As inscrições podem ser feitas pelos telefones (85) 9748.9588, 8504.1805 ou ainda 9702.2943. O investimento é de R$ 15. Os participantes do minicurso receberão certificado de quatro horas-aula.

(Tribuna do Ceará)

Exército abre 500 vagas em seleção para o Curso de Formação de Oficiais das Armas

Em caso de aprovação em todas as etapas da seleção, o candidato é matriculado e passa a ser militar da ativa do Exército Brasileiro, na condição de Aluno da EsPCEx (FOTO: Tereza Sobreira)

A Escola Preparatória de Cadetes do Exército (EsPCEx), localizada na cidade de Campinas, em São Paulo, está com inscrições abertas , até o dia 10 de julho, para o ingresso no Curso de Formação de Oficiais das Armas, do Quadro de Material Bélico ou do Serviço de Intendência. A seleção é feita anualmente, por meio de um concurso de admissão de âmbito nacional, no qual são oferecidas cerca de 500 vagas.

Para concorrer às vagas, o candidato deve ser brasileiro nato, do sexo masculino; possuir idade de, no mínimo, 17 (dezessete) e, no máximo, 22 anos, completados até 31 de dezembro do ano da matrícula; e ter concluído ou estar cursando (no ano da inscrição) a 3ª série do Ensino Médio. As inscrições para o concurso são feitas pela internet no site da Escola Preparatória de Cadetes do Exército.

O concurso é composto por exame intelectual, inspeção de saúde, exame de aptidão física, comprovação de requisitos biográficos e averiguação de idoneidade moral.

Em caso de aprovação em todas as etapas da seleção, o candidato é matriculado e passa a ser militar da ativa do Exército Brasileiro, na condição de Aluno da EsPCEx. Se concluir o curso com aproveitamento, prosseguirá para a Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), em Resende (RJ), onde, após 4 anos, concluirá o Curso de Formação e será declarado Aspirante a Oficial das Armas, do Quadro de Material Bélico ou do Serviço de Intendência do Exército Brasileiro.

Confira Edital.

(Tribuna do Ceará)

São João de Maracanaú homenageará Renato Aragão

O humorista Renato Aragão é um dos homenageados do “São João de Maracanaú”, que ocorrerá de 3 a 18 de julho próximo, na Avenida I, do Conjunto Jereissati.

A informação é do secretário de Relações Institucionais e de Energia da Prefeitura de Maracanaú, Roberto Pessoa.

Além de Renato Aragão, está na lista dos homenageados Humberto Teixeira (in memoriam), que foi parceiro de Luiz Gonzaga, o “Rei do Baião”.

O “São João do Maracanaú” contará com festival de quadrilha junina e muitas atrações locais e nacionais. Nessa lista, Aviões do Forró e Tiaguinho.

(Blog do Eliomar de Lima)

Júlio Ponte rompe com Valdetário Monteiro e anuncia: é candidato a presidente da OAB/CE

O presidente da Caixa de Assistência dos Advogados (Caace), Júlio Ponte, é candidato a presidente da Ordem dos Advogados do Brasil , regional do Ceará. Mas ele não será candidato apoiado pelo atual presidente da entidade, Valdetário Monteiro.

Durante reunião sobre o pleito, realizada nesta manhã de quinta-feira, na sede da OAB, Júlio Ponte acabou rompendo com Valdetário, informando que não aceitaria uma série de cláusulas colocadas no processo da sucessão da Ordem.

Entre as exigências, o candidato teria que largar o magistério e a advocacia, já a partir de agosto, para se dedicar à campanha.

“Eu não aceitei isso e, portanto, vou ser candidato a presidente da OAB”, afirmou Julio Ponte.

Há expectativas de que Valdetário Monteiro possa apoiar Marcelo Mota, o tesoureiro da atual diretoria, para seu sucessor. Entre outros candidatos, há previsão de Erinaldo Dantas concorrendo.

O pleito na OAB ocorrerá em outubro próximo.

(Blog do Eliomar de Lima)

CRC do Ceará divulga nota repudiando fala de Aécio Neves

A presidente do Conselho Regional de Contabilidade, Clara Germana, divulgou nota, nesta quinta-feira, de repúdio ao presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves. O tucano, abordando o cenário econômico do País, ironizou o ajuste fiscal e disse que o ministro Joaquim Levy (Fazenda), agia feito um contabilista. Ou seja, deu a impressão de que essa categoria não tem sensibilidade social.Confira:

NOTA DE REPÚDIO

O Conselho Regional de Contabilidade do Ceará, irmanado aos demais conselhos estaduais de todo o país, vem a público repudiar a declaração do senador Aécio Neves, em que compara atitudes do ministro da Fazenda, Joaquim Levy, às de “um contabilista”.
Infeliz e inoportuna comparação foi feita ontem (20/5), em contexto de avaliação das medidas de ajuste fiscal propostas pelo Governo, as quais o citado senador considera equivocadas, e, em seguida veiculadas pela imprensa nacional, denegrindo a reputação de uma classe.

Além do desserviço de levar a sociedade brasileira a associar decisões supostamente equivocadas à profissão de contabilista, o senador demonstra desconhecer o papel de uma classe comprometida com decisões científicas e racionais, lícitas e éticas.

Reiterando o repúdio do CRCCE, sugere-se, ao bem do que combina com o decoro de um parlamentar da República, um pedido formal e público de desculpas por parte do senador a 507 mil profissionais indignados de todo o país.

* Clara Germana Rocha

Presidente do Conselho Regional de Contabilidade do Ceará.

(Blog do Eliomar de Lima)

Fortaleza recebe encontro de noivas juninas de 11 estados do Brasil

Durante os dias 22 a 24 de maio, 60 noivas de quadrilhas juninas estarão em Fortaleza, para a abertura oficial do São João do Ceará, na Praça Almirante Saldanha, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, a partir das 20h.

São noivas juninas de quadrilhas de onze estados (Piauí, Alagoas, Sergipe, Bahia, Rio Grande do Norte, Minas Gerais, Goiás, Roraima, Paraíba, Amazonas e Distrito Federal), que estarão reunidas para realizar o I Encontro de Noivas Juninas do Brasil. O evento idealizado pelo grupo Noivas Juninas do Brasil em parceria com a União Junina do Ceará.

Nos três dias de encontro, as noivas devem participar de workshops, palestras, plenárias internas, passeios turísticos e festas. Estarão ainda na abertura oficial do São João do Ceará, durante os dias 22 e 23 de maio. A programação é gratuita.

Segundo a presidente do grupo, Cida Salles, o movimento surgiu no aplicativo de mensagens instantâneas whatsapp, por ela e outras “irmãs de branco” (como elas se intitulam), em agosto do ano passado.

Confira a programação do I Encontro de Noivas Juninas do Brasil:

22 de maio (Sexta – feira)
14h – Credenciamento – Fort Praia Hotel
18h – Jantar – Centro Dragão do Mar de arte e Cultura
19h – Saudação – Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
20h – Abertura do São João – Destaques Juninos (Regionais) – Centro Cultural Dragão do Mar

23 de maio (Sábado)
7h – Café da Manhã – Hotel Fort Praia
9h – Abertura do Encontro – Centro Dragão do Mar de Arte e cultura
10h – Processos internos do grupo de noivas – Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
12h – Almoço – Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
13h – Workshop Maquiagem – Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
16h – Descontração – Aniversariantes do mês e dinâmicas – Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
18h – Jantar – Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
19h – Concurso Destaques Juninos – Centro Cultural Dragão do Mar
00h – Festa O Grande Encontro do São João – Localizando Shows e Eventos

24 de maio (Domingo)
7h – Café da Manhã – Fort Praia Hotel
9h – Passeio Turístico
12h – Almoço – Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
14h – Encerramento – Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura

Via http://g1.globo.com/ceara

CVC amplia em 30% a oferta de lugares para Fortaleza durante as férias de julho

Atenta ao grande volume de passageiros que buscam Fortaleza (CE) como destino para as férias de julho, a CVC acaba de abastecer seu sistema de vendas com 30% mais de ofertas de lugares para o destino turístico, com bloqueios aéreos partindo de várias origens do Brasil.

As saídas são diárias e, exclusivamente para as férias de julho, serão pelo menos 3 mil apartamentos reservados e garantidos pela CVC por dia em Fortaleza e, além das opções em pacotes aéreos, o agente de viagens encontram uma frota de mais de 2 mil automóveis à disposição, para locações feitas diretamente pela CVC junto às principais locadoras de automóveis que atuam na capital cearense. Esses bloqueios, reservados antecipadamente para a CVC, conseguirão atender a cerca de 30 mil turistas no período.

“Estamos ampliando as negociações com nossos fornecedores para tornar o Ceará um estado ainda mais atrativo nesta temporada de julho, afinal se trata de uma região com ampla rede hoteleira, malha aérea e atrativos turísticos que agradam diferentes faixas etárias”, citou o diretor geral de produtos nacionais da CVC, Claiton Armelin.

Armelin também antecipa que não apenas Fortaleza, mas todos os destinos do Nordeste, continuam em destaque na CVC. “Na próxima semana participaremos da Feira BNTM – Brazil National Tourism Mart, em Fortaleza, quando apresentaremos com a CTI-Nordeste um forte crescimento de turistas embarcados pela CVC nesse 1º trimestre de 2015, rumo a todos os destinos desta que é a região mais vendida pela operadora”, completou.

As saídas dos pacotes aéreos abrangem todas as regiões do Brasil, com embarques a partir de Belo Horizonte (MG), São Paulo (SP), Campinas e Ribeirão Preto (SP), Curitiba, Foz do Iguaçu e Maringá (PR), Brasília (DF), Florianópolis (SC), Cuiabá (MT), Belém (PA), Manaus (AM) e Recife (PE).

Para quem viaja com a família, a CVC também lança condições especiais com a hotelaria. O Beach Park Resorts, por exemplo, concede ao cliente CVC cortesia na hospedagem para até duas crianças, desde que hospedadas no mesmo apartamento de dois adultos pagantes. E, ainda, aqueles que optam por pacotes com meia pensão, para qualquer um dos resorts Beach Park, ganham acesso gratuito aos parques.

Os pacotes de 8 dias, incluindo passagens aéreas, hospedagem de sete noites em categoria turística, traslados e passeios tem valores promocionais (saindo de SP). Os clientes e agentes de viagens podem personalizar os pacotes de acordo com suas preferências.

É possível acrescentar ao pacote, por exemplo, diárias de locação de carros com tudo incluído – seguro total, km livre, taxas, ar condicionado, podendo o cliente esticar a viagem rumo a Jericoacoara, Canoa Quebrada, Cumbuco e Aquiraz (Beach Park), além dos roteiros pela Costa Oeste e Litoral Leste Cearense, em que o cliente pode adicionar noites extras em cada cidade. Outra vantagem é que a tarifa de locação fica ainda mais em conta na CVC se o cliente alugar o carro por oito dias seguidos, tendo uma economia de quase 20%.

“Em julho, Fortaleza também sediará mais uma edição do “Fortal”, carnaval fora de época ideal para quem gosta de agito”, lembrou o diretor-adjunto de produtos para o Ceará, Serguey Junior.

Informações: http://www.agentescvc.com.br

Tim inaugura sua primeira loja outlet

FOTO MERAMENTE ILUSTRATIVA

A Tim abre nesta quarta-feira sua primeira loja outlet do Brasil. A unidade, que fica no Shopping Outlet Premium, na Bahia, oferecerá aparelhos com descontos que variam de 15% a 30%. A previsão é de que mais um ponto com esse conceito seja inaugurado até o fim do ano, dessa vez no Rio. O formato diferenciado em relação às demais Tim Stores conta com 72 posições de aparelhos para degustação, sendo que 80% dos equipamentos têm preços mais baixos do que os encontrados em outras lojas da marca.

A operadora de telefonia investiu em visual merchandising, com o objetivo de passar uma imagem ao mesmo tempo industrial e tecnológica às unidades. Os lançamentos de smartphones e tablets estarão à venda no local, mas não terão preços especiais. Para a unidade já foram contratadas 11 pessoas.

(Mundo do Marketing)

O papel da agricultura familiar no combate à fome

O relatório SOFA apela para que os 500 milhões de agricultores familiares de todo o mundo sejam agentes de mudança

Nove em cada dez das 570 milhões de propriedades agrícolas no mundo são geridas por famílias, fazendo com que a agricultura familiar seja a forma mais predominante de agricultura e, consequentemente, um potencial e crucial agente de mudança para alcançar a segurança alimentar sustentável e a erradicação da fome no futuro. Os dados fazem parte do novo relatório das Nações Unidas.

A agricultura familiar produz cerca de 80% dos alimentos no mundo. A prevalência e a produção significam que “são vitais para a solução do problema da fome”, que atinge mais de 800 milhões de pessoas, escreveu o Diretor-Geral da FAO, José Graziano da Silva, na introdução do novo relatório da FAO de 2014 sobre o Estado da Alimentação e da Agricultura (SOFA 2014).

A agricultura familiar é também guardiã de cerca de 75% de todos os recursos agrícolas do mundo e, portanto, é fundamental para a melhoria da sustentabilidade ecológica e dos recursos. Estão também entre os mais vulneráveis às consequências do esgotamento dos recursos e às alterações climáticas.

Embora as evidências mostrem rendimentos impressionantes em terras geridas por agricultores familiares, muitas propriedades de menor escala são incapazes de produzir o suficiente para garantir meios de subsistência decentes para as famílias.

A agricultura familiar é, assim, confrontada com um triplo desafio: o aumento do rendimento agrícola para responder à necessidade mundial de segurança alimentar e de uma melhor nutrição; a sustentabilidade ambiental para proteger o planeta e para garantir a própria capacidade produtiva; e o aumento da produtividade e a diversificação dos meios de subsistência que lhes permita sair da pobreza e da fome. De acordo com o relatório SOFA, todos esses desafios implicam que os agricultores familiares têm de inovar.

“Em todos os casos, os agricultores familiares precisam ser líderes de inovação, pois só assim podem apropriar-se do processo e garantir que as soluções oferecidas respondem às necessidades”, afirmou Graziano da Silva. “A agricultura familiar é um componente essencial dos sistemas alimentares saudáveis ​​de que precisamos para levar uma vida mais saudável.”

O relatório chama a atenção do setor público, das organizações da sociedade civil e setor privado, para trabalhar com os agricultores, no sentido de melhorar os sistemas de inovação para a agricultura. Os sistemas de inovação agrícola incluem todas as instituições e atores que apoiam os agricultores no desenvolvimento e na adoção de melhores formas de trabalhar no mundo cada vez mais complexo de hoje. A capacidade de inovação deve ser promovida a vários níveis, com incentivos para os agricultores, investigadores, prestadores de serviços de assessoria e cadeias de valor integradas para interagir e criar redes e parcerias que permitam partilhar informações, segundo o SOFA.

Os responsáveis pelas políticas devem considerar também a diversidade da agricultura familiar em termos de tamanho, das tecnologias utilizadas, e da integração nos mercados, bem como as configurações ecológicas e socioeconômicas. Essa diversidade significa que os agricultores precisam de coisas diferentes dos sistemas de inovação. Ainda assim, todas as explorações agrícolas precisam de melhor governança, estabilidade macroeconômica, infraestruturas de mercado físicas e institucionais, educação, bem como de melhor investigação agrícola básica, de acordo com o SOFA.

O investimento público em pesquisas agrícolas, bem como em serviços de extensão e assessoria – que devem ser mais participativos – devem ser incrementados para enfatizar a intensificação sustentável e acabar com as diferenças de rendimento e produtividade da mão-de-obra que caracterizam os setores agrícolas em muitos países em desenvolvimento.

Embora os estudos agrícolas sejam feitos por empresas privadas na maioria dos casos, o investimento do setor público é indispensável para assegurar a pesquisa em áreas de pouco interesse para o setor privado – como pesquisa básica, culturas órfãs, ou práticas de produção sustentáveis​​. Essa pesquisa constitui um bem público com muitos potenciais beneficiários.

A agricultura familiar é vital

O relatório da FAO oferece um diverso conjunto de novos dados sobre a agricultura familiar. A maioria das propriedades agrícolas familiares é pequena. Oitenta e quatro por cento das culturas de todo o mundo têm menos de dois hectares. No entanto, o tamanho das propriedades agrícolas varia amplamente. De fato, as propriedades agrícolas com mais de 50 hectares – incluindo muitas de agricultores familiares – ocupam dois terços das terras agrícolas do mundo.

Em muitos países de elevado rendimento e de rendimento médio superior, as grandes propriedades agrícolas, responsáveis ​​pela maior parte da produção agrícola, detêm também ​​a maior parte das terras agrícolas. Mas, na maioria dos países de baixo rendimento e de rendimento médio inferior, as pequenas e médias propriedades agrícolas ocupam grande parte das terras para o cultivo e produzem a maioria dos alimentos.

As pequenas propriedades produzem uma proporção maior de alimentos no mundo em relação à quantidade de terras de que usufruem, já que tendem a ter rendimentos mais elevados do que explorações agrícolas com maiores dimensões dentro dos mesmos países e ambientes agro-ecológicos.

No entanto, a maior produtividade da terra na agricultura familiar implica uma menor produtividade ao nível da mão-de-obra, o que perpetua a pobreza e impede o desenvolvimento. Grande parte da produção mundial de alimentos envolve trabalho não remunerado realizado por membros da família.

O relatório sublinha que é imprescindível aumentar a produção por trabalhador, especialmente nos países de baixo rendimento, a fim de aumentar os rendimentos agrícolas e de promover o bem-estar econômico nas zonas rurais em geral.

Atualmente, a dimensão das propriedades agrícolas está cada vez menor na maioria dos países em desenvolvimento, onde muitas famílias rurais de pequenos agricultores obtêm a maior parte do rendimento a partir de atividades não-agrícolas.

As políticas devem aumentar o acesso a fatores de produção, como sementes e fertilizantes, bem como aos mercados e ao crédito, de acordo com o SOFA.

Organizações de produtores eficazes e inclusivas podem apoiar a inovação dos ccoperados, ajudando-os a ter acesso aos mercados, e a facilitar as ligações com os outros no sistema de inovação, além de garantir que os agricultores familiares tenham uma voz na formulação de políticas, destaca o relatório.

Para incentivar os agricultores familiares a investir em práticas agrícolas sustentáveis​​, que muitas vezes têm elevados custos e longos períodos de amortização, as autoridades devem procurar criar um ambiente favorável para a inovação.

Políticas destinadas a catalisar a inovação terão de ir além da transferência de tecnologia, de acordo com o SOFA. Têm também de ser inclusivas e adaptadas a contextos locais, para que os agricultores sejam proprietários da inovação, e de ter em consideração as questões intergeracionais e de gênero, envolvendo a juventude no futuro do setor agrícola.

Informe da FAO, publicado no Portal EcoDebate, 18/05/2015

Entenda o Marco da Biodiversidade sancionado por Dilma nesta quarta

O Marco da Biodiversidade reforça as regras criadas pela Medida Provisória 2.186-16, de 2001, que incorpora os compromissos assumidos pelo governo perante a Convenção da Diversidade Biológica (CDB), tratado internacional das Nações Unidas que regula o tema.

Apresentado pelo Executivo em 2014, o projeto de lei foi aprovado pela primeira vez na Câmara em fevereiro. Encaminhado ao Senado, recebeu 23 emendas que alteraram o texto. Por isso, teve que voltar a ser analisado pelos deputados. O documento foi aprovado em 27 de abril e encaminhado para sanção da presidente Dilma Rousseff.

O objetivo do projeto de lei da biodiversidade é reduzir a burocracia e estimular a pesquisa e inovação com espécies nativas. No entanto, alguns ambientalistas dizem que o projeto privilegia as empresas e amplia o acesso à biodiversidade sem proteger os povos indígenas e seus conhecimentos tradicionais.

No projeto de lei, patrimônio genético é definido como “informação de origem genética de espécies vegetais, animais, microbianas, ou espécies de outra natureza, incluindo substâncias oriundas do metabolismo destes seres vivos”.

Entre os principais pontos aprovados, estão a retirada de penalidades impostas a empresas que descumpriram regras ligadas à exploração de materiais provenientes de plantas ou animais e a criação de normas de pagamento pelo uso de recursos genéticos naturais por empresas — tanto para o governo, quanto para povos tradicionais, como os indígenas.

Veja os principais pontos da lei 7.735/2014, sancionada pela Dilma

Selo 1 (Foto: G1)

Modifica a forma de solicitar autorização para explorar a biodiversidade. Antes, as empresas tinham que submeter uma documentação ao Conselho de Gestão do Patrimônio Genético (CGen) e aguardar a aprovação para iniciar os trabalhos. Agora, organizações nacionais podem fazer um cadastro simplificado pela internet.


Selo 2 (Foto: G1)

Se um produto foi criado a partir de material existente na biodiversidade brasileira, a empresa terá que repassar de 0,1% a 1% da receita líquida anual obtida com a exploração econômica. O dinheiro será destinado ao Fundo Nacional de Repartição de Benefícios.


Selo3 (Foto: G1)

Segundo o projeto de lei, índios e povos tradicionais, como quilombolas e ribeirinhos, terão direito a participar da tomada de decisões sobre assuntos relacionados à conservação e ao uso sustentável de seus conhecimentos tradicionais.

Além disso, a exploração econômica de seus conhecimentos deverá ser feita com consentimento prévio por meio de assinatura por escrito, registro audiovisual, parecer de órgão oficial competente ou adesão na forma prevista em protocolo comunitário.


selo4 (Foto: G1)

Os benefícios obtidos da exploração do conhecimento tradicional podem ser pagos em dinheiro ou em ações “não monetárias”, como investimentos em projetos de conservação, transferência de tecnologias, capacitação de recursos humanos ou uso sustentável da biodiversidade.

Segundo ambientalistas, a alternativa “não monetária” pode prejudicar arrecadação de investimentos.


Selo5 (Foto: G1)

Microempresas, empresas de pequeno porte, microempreendedores individuais e cooperativas agrícolas estão isentos do pagamento pela exploração econômica do patrimônio genético de espécies encontradas no Brasil.


selo6 (Foto: G1)

Em relação às multas e condenações que foram aplicadas em razão de biopirataria, seguindo a lei anterior, todas as sanções ficam anistiadas a partir da assinatura da Medida Provisória e cumprimento do termo compromisso com a União.


Selo Repartição de benefícios (Foto: G1)

Povos indígenas e comunidades tradicionais somente receberão a repartição de benefício quando o seu conhecimento for considerado elemento principal de agregação de valor ao produto.

(Eduardo Carvalho, G1 SP)

Dilma sanciona lei que regulamenta acesso à biodiversidade

A presidente Dilma Rousseff sanciona o novo Marco Legal da Biodiversidade em solenidade no Palácio do Planalto – José Cruz/ Agência BrasilPor Luana Lourenço

A presidenta Dilma Rousseff sancionou hoje (20), com vetos, o novo Marco Legal da Biodiversidade, que regulamenta o acesso ao patrimônio genético e ao conhecimento tradicional associado. Os vetos não foram apresentados durante a cerimônia de sanção da lei, no Palácio do Planalto, e só serão divulgados no fim do dia, de acordo com a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira. “Os vetos foram pontuais e não descaracterizam o espírito da nova lei”, resumiu.

A nova legislação substitui medida provisória em vigor desde 2001, alvo de reclamações principalmente da indústria e da comunidade científica.

A lei define regras para acesso aos recursos da biodiversidade por pesquisadores e pela indústria e regulamenta o direito dos povos tradicionais à repartição dos benefícios pelo uso de seus conhecimentos da natureza, inclusive com a criação de um fundo específico para esse pagamento.

“Conseguimos elaborar uma lei que combina nossa capacidade de desenvolver, de incluir as pessoas nesse desenvolvimento e gerar inovação a partir de pesquisa em ciência e tecnologia. Estamos garantindo que haja um ambiente favorável, amigável, para que pessoas que têm o conhecimento tradicional tenham direito a uma participação, recebam o royalty [direito autoral]; estamos garantindo que pesquisadores não tenham limites para pesquisar; e estamos garantindo que empresas possam, sem conflitos e sem atribulações ou contestação, utilizar esse conhecimento”, disse.

Segundo Dilma, a nova legislação vai permitir que o Brasil avance na “corrida” pela inovação na área de biotecnologia. A presidenta também destacou a criação do fundo de repartição de benefícios, que deverá garantir repasses para as comunidades tradicionais mesmo quando um conhecimento não estiver atrelado a um grupo específico, como uma determinada tribo indígena. A lei determina que as empresas deverão depositar no fundo 1% da renda líquida obtida com a venda do produto acabado ou material reprodutivo oriundo de patrimônio genético, de acordo com o Ministério do Meio Ambiente.

“Esse processo integra quase 300 povos e comunidades tradicionais, o que mostra, por parte do Brasil, uma grande prova de capacidade de desenvolver-se sem deixar sua população para trás, sem fazer que sua população seja excluída disso. Eles vão ser respeitados, eles vão participar do processo de decisão. Enquanto aquilo [produto] estiver sendo comercializado, gerando valor, eles continuarão recebendo”, explicou Dilma.

Para os cientistas, a principal mudança na lei é a autorização para ter acesso aos recursos da biodiversidade para os estudos. A regra em vigor atualmente classificava como biopirataria as pesquisas feitas sem autorização do Conselho de Gestão do Patrimônio Genético, o que colocava muitos na ilegalidade. Agora, os cientistas farão um cadastro no Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação e poderão iniciar as pesquisas.

“Garanto aos pesquisadores que eles não serão mais molestados, não sofrerão mais o bullyngde terem suas plantas submetidas a processos ou ameaça de processo, que não são compatíveis com a ciência e com a pesquisa”, disse o ministro Aldo Rebelo.

Izabella Teixeira acrescentou que a nova lei vai melhorar a fiscalização por “permitir saber quais processos têm que ser fiscalizados”. A ministra também destacou que a sanção do novo marco regulatório impulsiona a ratificação, pelo Brasil, do Protocolo de Nagoya, instrumento de implementação da Convenção da Diversidade Biológica (CDB). “Deve propiciar uma nova interlocução a respeito da aplicação da CDB no Brasil, concluímos o arcabouço jurídico de aplicação da convenção. Espero que a gente possa agora, nesse novo patamar de consolidação e de entendimento, dialogar com o Congresso Nacional para ratificação do Protocolo de Nagoya”, avaliou.

Zelotes será desmembrada para que investigações avancem, dizem delegados

Por Pedro Peduzzi

Da Agência Câmara

A Operação Zelotes será desmembrada, de forma a facilitar as investigações e as instruções processuais relacionadas ao caso, informaram hoje (20) delegados da Polícia Federal (PF) envolvidos nas investigações.

Durante audiência pública na Câmara dos Deputados, eles recomendaram também uma reformulação estrutural do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), a fim de evitar a repetição das práticas criminosas investigadas.

Deflagrada em março pela Polícia Federal (PF), a Operação Zelotes investiga organizações que influenciavam e corrompiam integrantes do Carf. Dessa forma, manipularam trâmite e resultado de processos e julgamentos envolvendo empresas interessadas em anular ou diminuir os valores dos autos de infrações emitidos pela Receita Federal.

De acordo com o delegado da Divisão de Repressão a Crimes Fazendários da PF, Marlon Oliveira Cajado, o montante já julgado ou sob análise pelo Carf chega a R$ 1,3 trilhão. “Estima-se que cerca de R$ 5 bilhões tenham sido sonegados [de um total de] R$ 20 bilhões investigados em 74 processos”, disse o delegado.

A fim de dar celeridade e foco às investigações, Marlon Oliveira e o delegado da PF e coordenador-geral de Polícia Fazendária, Hugo de Barros Correia, defenderam que o Carf passe por reformulações, em especial, relacionadas à paridade entre representantes da Receita e contribuintes no tribunal. Cada turma que julga os processos, na chamada Câmara Baixa (primeira instância), é composta por três representantes da Receita Federal e três representantes dos contribuintes. Em caso de votação empatada, o voto decisivo é do presidente da turma, que é da Receita.

Segundo Marlon, o mais importante é o efeito pedagógico decorrente das investigações, no sentido de “colocar luz sobre o órgão”. Ele acrescentou que é possível “fechar torneiras” de recursos que causavam prejuízo à União. “A reformulação do Carf está sendo feita pelo Ministério da Fazenda. Na minha posição, enquanto contribuinte, mas tendo por base as investigações que estamos fazendo, o fim da paridade seria um bom começo”, disse.

Segundo o delegado Hugo de Barros, a sociedade foi prejudicada por uma série de irregularidades que precisam ser revistas. “Estado, Congresso e sociedade têm de refletir sobre a forma de atuação e de composição do Carf, órgão de grande importância para a arrecadação do Estado.”

De acordo com o delegado, o desmembramento do inquérito ajudará nas investigações. “Não adianta colocar 50 réus em um inquérito. Por isso, desmembrar o caso ajudará tanto as investigações quanto as instruções processuais”, argumentou. “Nossa preocupação [ao desmembrar a Operação Zelotes] é dar maior celeridade para dar uma resposta mais efetiva para a sociedade. Estamos elencando casos prioritários para começar a trabalhar neles. Havendo necessidade, novos inquéritos serão abertos”, acrescentou Marlon Oliveira.

Projeto aprovado: Guardas municipais de Fortaleza vão fiscalizar o trânsito

Sob vaias e gritos de agentes de trânsito, a Câmara Municipal de Fortaleza aprovou, na manhã desta quarta-feira (20), em primeira discussão, o projeto de Lei Complementar 13/2015 que atribui a fiscalização de trânsito também à Guarda Municipal. Até agora a competência exclusiva da fiscalização do trânsito na Capital era da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC).

A matéria enviada pelo prefeito, Roberto Cláudio (PROS), recebeu 25 votos a favor e 4 contra. As galerias da Casa estiveram lotadas durante toda a votação por membros dos Sindicatos dos Agentes de Trânsito e da Guarda Municipal de Fortaleza.

De acordo com a proposta, a Guarda Municipal deve passar a exercer as competências de trânsito mediante convênio celebrado com órgão de trânsito estadual e/ou municipal ou que lhe forem delegadas pelo chefe do Poder Executivo Municipal. O texto ainda salienta que a modificação busca adequar a legislação municipal à nacional.

(Diário do Nordeste)

Prefeitura de Fortaleza vai licitar 46 creches no valor de R$ 67 milhões

FOTO MERAMENTE ILUSTRATIVA

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, já pode antecipar um dos principais legados de sua administração: depois de incorporar 42 unidades à rede municipal de creches, nos dois primeiros anos de gestão, deve licitar, até o mês de junho, a construção de 46 novas creches. Nesta quarta-feira (20/05), em Brasília, o secretário da Educação de Fortaleza, Jaime Cavalcante, acompanhado do secretário de Infraestrutura de Fortaleza, Samuel Dias, foi recebido pelo presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Idilvan Alencar, quando trataram da autorização do processo licitatório para construção de novas creches para a capital cearense, no valor de R$ 67 milhões.

Durante a reunião, foram apresentadas as novas plantas referente aos novos modelos de creche, adotados pelo FNDE, que serão construídos em Fortaleza. Os Centros de Educação Infantil (CEI) terão mais espaços voltados para o aprendizado e bem-estar das crianças, além de atender um maior número de alunos. Com as novas unidades, pelo menos 5.500 crianças, com idade entre um e cinco anos, deverão ser beneficiadas.

Só de novas creches, a Prefeitura entregou, até o momento, nove Centros de Educação Infantil à população e outras onze unidades estão sendo construídas. Além disso, foi feita a manutenção em 43 unidades e mais 20 estão previstas. Esses equipamentos fazem parte do Pacote do Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição de Equipamentos para a Rede Escolar Pública de Educação Infantil, do próprio FNDE. Já dentro do Preurbis, estão previstas mais 12 novas creches para Fortaleza. Hoje, a Prefeitura dispõe de um total de 128 CEIs e 63 creches conveniadas, com um total de 37.627 crianças matriculadas.

(O Estado)

Lojas Rabelo é condenada a pagar indenização de R$ 15 mil a cliente por constrangimento

A 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) condenou uma empresa de eletrodomésticos a pagar indenização de R$ 15 mil a cliente que sofreu constrangimento ao ser acusado de clonar cartões de crédito. A decisão, proferida nessa segunda-feira (18/05), teve como relator o desembargador Paulo Airton Albuquerque Filho.

Segundo os autos, “no dia 13 de março de 2009, o eletricista E.S.O. foi a uma das lojas da Comercial Rabelo Som e Imagem para comprar uma impressora, mas o cartão de crédito foi recusado por estar rasurado. O cliente quebrou o cartão e apresentou um outro, que foi aceito. No entanto, ao sair do estabelecimento, foi cercado por dois homens que o acusaram de ser ‘cartãozeiro’ e o questionaram onde havia conseguido os cartões. Ainda perguntaram se havia ‘cheirado pó’, enquanto verificavam os documentos dele. Quando foi liberado, não recebeu explicações ou pedidos de desculpas”.

Sentindo-se constrangido, acionou a Justiça. Requereu indenização por danos morais. A empresa alegou litigância de má fé do cliente. Afirmou não estar comprovada nos autos a situação que o eletricista afirmou ter passado, pois considera que a nota fiscal apresentada só confirma a realização da compra e que o Boletim de Ocorrência (BO) pode ser confeccionado a qualquer tempo.

Ao julgar o caso, o juízo da 28ª Vara Cível de Fortaleza considerou que houve dano moral e condenou a empresa ao pagamento de indenização no valor de R$ 15 mil. Inconformada, a empresa recorreu ao TJCE para que a decisão fosse indeferida. Voltou a defender a inexistência de provas do suposto dano moral e alegou que o valor arbitrado supera os limites da razoabilidade e da proporcionalidade.

Ao julgar o caso, a 1ª Câmara Cível manteve inalterada a decisão de 1º Grau. Segundo o relator, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) “possui precedentes no sentido de que nem mesmo o montante de vinte mil reais fixados em decorrência de danos morais sofridos em razão da acusação da prática de crime por estabelecimento comercial se mostra exagerado”.

O desembargador ainda ressaltou que “a conduta dos prepostos da empresa apelante, de acusarem o autor da demanda da prática de crime, bem como de ter utilizado substâncias entorpecentes, na presença de outras pessoas, indubitavelmente, é circunstância apta a gerar constrangimento suficiente a ensejar indenização por danos de natureza moral”.

Via http://www.cearaagora.com.br

Programa Educa Mais Brasil oferece mais de 38 mil bolsas de estudo para o Ceará

O programa Educa Mais Brasil oferta mais de 38 mil bolsas de estudos em instituições privadas de mais de 20 municípios cearenses. Em Fortaleza há oportunidades para ensino básico, graduação, pós-graduação, cursos de idiomas, técnicos e profissionalizantes.

O benefício é concedido a alunos que não podem pagar o valor integral da mensalidade para capacitação profissional. As bolsas podem chegar até 70% de desconto  em diversos cursos. Diferente do financiamento estudantil, os alunos participantes do Educa Mais Brasil não ficam em débito com a as instituições após a formatura.

As inscrições são realizadas exclusivamente pela Internet e todo o processo é gratuito. Os interessados devem realizar cadastro no site, atualizando as principais informações. Em caso de aprovação, o programa envia uma carta que deve ser apresentada na instituição escolhida para garantir a bolsa de estudo.

Além de Fortaleza, há vagas abertas em estabelecimentos de ensino de Acaraú, Aquiraz, Aracati, Beberibe, Boa Viagem, Camocim, Cascavel, Caucaia, Eusébio, Itapipoca, Juazeiro do Norte, Limoeiro do Norte, Maracanaú, Maranguape, Pacajus, Pacatuba, Pedra Branca, Quixeramobim, Sobral, Tauá.

Para mais informações o Educa Mais Brasil disponibiliza uma central de atendimento com ligação gratuita: Capital e regiões metropolitanas 4007-2020 e demais localidades 0800 724 7202.

(Rádio Verdes Mares)

Ceará: caso o clube avance na Copa do Brasil, CBF vai ganhar um problema enorme. Entenda a bizarrice

Nesta quarta-feira o Ceará recebe o América-MG no PV, jogo da volta da segunda fase da Copa do Brasil. O time alvinegro precisa de um empate sem gols ou de qualquer vitória para avançar para a terceira fase e enfrentar o Tupi-MG.

Quem vai acompanhar o jogo de perto, preocupada, certamente é a CBF. A entidade sabe que o Ceará já tem vaga assegurada na Copa Sul-Americana em função de ter sido campeão da Copa do Nordeste. A previsão clara é do artigo 4o. do Capítulo II do Regulamento Específico da competição. Não há como essa situação ser mudada.

O grande problema para a CBF vai aparecer caso o Ceará chegue até a quarta fase da Copa do Brasil. Não há nada em regulamento algum que indique que o alvinegro tenha que fazer uma escolha entre uma competição ou outra. No atual formato, portanto, o Ceará tem que participar dos dois torneios, sem abrir mão de nada.

Assim, para impedir que o alvinegro jogue a quarta fase da competição nacional a única forma seria a CBF excluir o time do torneio. A situação que se apresenta é surreal. O Ceará, que até dias atrás achava que tinha que escolher algum dos torneios, já avisou que vai entrar com força máxima e espera conseguir avançar de fase na Copa do Brasil. E sua diretoria também não vai fazer qualquer consulta sobre o assunto na CBF. O clube quer disputar as duas competições porque há cotas importantes e prestígio. Agora, conseguindo a vaga, como a entidade então fará a tal exclusão do Ceará, se é que vai ter coragem de fazer algo assim? Uma portaria tirando da competição uma equipe que venceu em campo e que não é obrigada a desistir de torneio algum? E quem vai entrar no lugar?

É relevante lembrar que os times da Série A que avançarem para a quarta fase da Copa do Brasil abrem mão da vaga na Sul-Americana. Há essa previsão no regulamento da primeira divisão, mas não há previsão alguma no caso do Ceará, vencedor da Copa do Nordeste, detentor de uma vaga na Sul-Americana e participante da Série B.

Por omissão, a CBF pode ter arranjado um problema grande caso o Ceará passe de fase na Copa do Brasil, até porque as duas competições são disputadas nas mesmas datas. A única forma de se livrar do problema é o Ceará ser eliminado da Copa do Brasil.

Para o ano que vem a entidade máxima do futebol brasileiro já sabe: terá que incluir no regulamento da Copa do Nordeste que o campeão, caso chegue até a quarta fase da Copa do Brasil, não poderá disputar a Sul-Americana e que a vaga deverá ser preenchida pelo vice da Copa do Nordeste e assim por diante. Mais simples, impossível. Só não pode esquecer, como fez neste ano.

(Fernando Graziani, Blog Futebol do Povo/O Povo Online)

Universidade Estadual do Ceará tem concurso público com 99 vagas

A Fundação Universidade Estadual do Ceará (FUNECE) realiza concurso público para contratação de 99 professores. As vagas são para professor adjunto e professor assistente, e os candidatos devem curso nível superior completo.

Universidade Estadual
do Ceará (Uece)
Inscrições
Até 15 de junho
Vagas
99
Salário
Até R$ 11.793,95
Taxa
R$ 150
Provas
A definir

As inscrições podem ser feitas pela internet, no site da UECE, de 26 de maio a 15 de junho e custam R$ 150. Os salários variam de R$ 3.338,37 a R$ 11.793,95, para jornada de trabalho de 20 a 40 horas semanais. Os candidatos aprovados devem ter dedicação exclusiva à Universidade Estadual do Ceará.

Os candidatos serão selecionados por meio de prova escrita, didática e prova prática, além da análise de títulos. O horário, data e local das provas serão divulgados após a fase de inscrição, de acordo com a Uece.

O concurso tem validade de dois anos e pode ser prorrogado por mais dois, a partir da data de homologação do certame.

De acordo com o edital, dissertações de mestrado garantem 0,25 ponto ao candidato na avaliação do certame (no máximo de 4 pontos); monografias valem 0,1 ponto (no máximo de 2 pontos); e concurso público para o magistério superior, 0,5 ponto (no máximo de 3).

(G1 Ceará)

Universidade Federal da Ibiapaba em debate no MEC

A criação da Universidade Federal da Ibiapaba. Eis o pleito levado, nesta terça-feira, ao Ministério da Educação, em Brasília, durante audiência envolvendo o deputado federal Chico Lopes (PCdoB), o secretário de Educação Superior do MEC, Jesualdo Farias, e os prefeitos de São Benedito, Gadyel Gonçalves, e Ubajara, Zezinho Romano.

Chico Lopes destacou que uma nova universidade na Ibiapaba beneficiará a população de municípios como São Benedito, Croatá, Ubajara, Viçosa do Ceará, Carnaubal, Ibiapina, Tianguá, Guaraciaba do Norte, entre outros.

Na reunião, o secretário de Educação Superior do MEC, Jesualdo Farias, sugeriu ao deputado Chico Lopes e aos prefeitos que trabalhem inicialmente por um campus da UFC para a região da Ibiapaba. O prefeito Gadyel Gonçalves destacou que o município de São Benedito já tem um pré-projeto nesse sentido, um estudo apontando a cidade como a mais acessível para os estudantes da região, além de um terreno e um prédio já reservados para abrigar um possível campus da UFC na Ibiapaba.

(Foto – MEC)

Blog do Eliomar de Lima

Fortaleza inaugura primeira unidade especializada em coleta de leite materno

Fortaleza inaugura nesta segunda-feira (18) a primeira unidade de coleta de leite materno do Ceará. A “Sala de apoio à mulher que amamenta” está localizada no Posto de Saúde Rigoberto Romero, no bairro Cidade 2000. A unidade funcionará de 8h às 17h no atendimento às doadoras.

De acordo com a Secretaria de Saúde da Prefeitura de Fortaleza, todos os procedimentos terão o apoio de um enfermeiro e de um técnico de enfermagem. O leite coletado será encaminhado para o banco de leite humano do Hospital Geral de Fortaleza (HGF), onde será pasteurizado e distribuído.

O leite materno é considerado o alimento mais completo para os primeiros meses de vida. Nele estão contidas todas as proteínas, vitaminas, gorduras, água e os nutrientes necessários para o desenvolvimento saudável dos bebês. Para doar, conforme recomendação da Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano, a mãe precisa apresentar excesso de leite, deve ser saudável e não usar medicamentos que impeçam a doação.

Além da nova unidade especializada em coleta, o Ceará possui outros pontos de apoio para as interessadas em doar leite materno:

Barbalha – Hospital Maternidade São Vicente de Paulo
Banco de Leite Humano do Hospital Maternidade São Vicente de Paulo
Avenida Coronel João Coelho, 299, Centro
Tel.:88-3532-7100 – Fax: 88-3532-7109
hmsvp@netcariri.com.br

Fortaleza– Hospital Geral de Fortaleza
Banco de Leite Humano do Hospital Geral de Fortaleza
Rua Ávila Goulart, 900, Papicu
Tel.: 85-3101-3335
blh@hgf.ce.gov.br

Fortaleza – Maternidade Escola Assis Chateaubriand
Banco de Leite Humano da Maternidade Escola Assis Chateaubriand
Rua Coronel Nunes de Melo, s/n, Rodolfo Teófilo
Tel.: 85-3366-8509
blhmeac@meac.ufc.br

Fortaleza– Hospital Geral Dr. César Calls
Banco de Leite Humano do Hospital Geral Dr. Cesar Calls
Av. Imperador, 545, Centro
Tel.: 0800-2865678 / 85-3101-5367
bancodeleite@hgcc.ce.gov.br

Fortaleza – Hospital Infantil Albert Sabin
Banco de Leite Humano do Hospital Albert Sabin
Rua Tertuliano Sales, 544 , Vila União
Tel.: 0800-2804169 / 85-3101-4189 – Fax: 85-3101-4196
blh@hias.ce.gov.br

Juzeiro do Norte – Hospital Municipal São Lucas
Banco de Leite Humano do Hospital Municipal São Lucas
Rua São Benedito, 243, São Miguel
Tel.: 88-3587-3352
blh.juazeirodonorte@hotmail.com

Maracanaú– Hospital Municipal Dr. João Elísio de Holanda
Banco de Leite Humano do Hospital Municipal Dr. João Elísio de Holanda
Rua João de Alencar, s/n , Centro
Tel.: 85-3521-5545
vladiaac_hospital@maracanau.ce.gov.br

Quixadá – Hospital e Maternidade Jesus Maria José
Banco de Leite Humano do Hospital e Maternidade Jesus Maria José
Av. Francisco Almeida Pinheiro, 2.268, Plan. Universitário
Tel.: 88-3412-0681
blhquixada@hotmail.com

Sobral– Hospital Regional Norte
Banco de Leite Humano do Hospital Regional Norte
Avenida Jonh Sanford, 1.505, Dr. José Euclides Ferreira
Tel.: 88-3677-9413
bancodeleitehrn@isgh.org.br

(Rádio Verdes Mares)

Três cearenses conquistam prêmios na maior feira de ciências do mundo

Vanessa Oliveira Teodósio e Fátima Natanna de Miranda, de Bela Cruz (CE) – Divulga;’ao

Estudantes cearenses do Ensino Médio conquistaram três prêmios na maior feira de ciências pré-universitária do mundo, a Intel ISEF (Intel International Science and Engineering Fair). Os três jovens participaram de uma comitiva com 30 finalistas de diversos estados brasileiros que representou o País no evento que ocorreu durante uma semana nos Estados Unidos (EUA), e foi encerrado nesta sexta-feira, 15.

Com um projeto que busca soluções efetivas para o problema da Seca, as estudantes da Escola Estadual de Educação Profissional Júlio França, Maria Vanessa Oliveira Teodósio e Fátima Natanna de Miranda conquistaram dois prêmios, sendo um deles de caráter especial, no valor de US$ 10 mil, oferecido pela U.S. Agency for International Development.

O “SOS Seca” levou as meninas de Bela Cruz (CE) ao 4º lugar na feira de ciências, na categoria Ciências da Terra e Meio Ambiente, pelo qual receberam a premiação de US$ 500. A pesquisa visa construir de forma cooperativa sistemas de baixo custo de captação e dessalinização de água, com foco em aspectos ambientais, sociais e econômicos.

Já o adolescente Helyson Lucas Bezerra Braz, estudante do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará, do Campus de Limoeiro do Norte (CE), ficou com o 3º lugar da categoria Biomedicina e Ciências da Saúde, com o projeto “Ação sinergética de antiviral natural”, conquistando prêmio no valor de US$ 1 mil.

Apesar de nome aparentemente complicado, o projeto de Helyson traz soluções simples e importantes para o combate à gripe. Desenvolvido a base de frutas como acerola, caju e goiaba, adicionada de óleo extraído da semente de romã, o estudante criou uma polpa que tem efeitos de antigripal.

Foram realizados testes em humanos, e avaliada a resposta imunológica induzida pela polpa enriquecida, comprovando a rápida ação do antiviral na remoção dos sintomas da gripe, em comparação ao remédio.

Os estudantes brasileiros conquistaram no geral 12 prêmios, sendo quatro da feira e oito especiais, incluindo menções honrosas.

Segundo a Intel, neste ano foram distribuídos aproximadamente US$ 4 milhões em prêmios.

Olimpíada de Matemática

Outra equipe de brasileiros também teve destaque em uma competição que se encerrou nesta segunda-feira, 18. O primeiro lugar geral da Olimpíada de Matemática do Cone Sul, disputada na cidade de Temuco, no Chile, ficou com o estudante Pedro Henrique Sacramento de Oliveira, de São Paulo (SP).

Três medalhas de prata foram conquistadas por mais três brasileiros, entre eles o cearense Vitor Carneiro Porto, e os estudantes André Yuji Hisatsuga (SP) e Guilherme Goulart Kowalczuk, de Porto Alegre (RS).

Participaram da olimpíada, além de estudantes do Brasil, competidores da Argentina, Bolívia, Chile, Equador, Peru, Paraguai e Uruguai.

Redação O POVO Online

Humberto Gessinger comemora 30 anos de carreira com show em Fortaleza neste sábado, 23

O cantor Humberto Gessinger, ex-Engenheiros do Hawaii, apresenta neste sábado, 23, em Fortaleza, o show de lançamento do seu último trabalho, intitulado “inSULar Ao Vivo” e que acaba de conquistar o DVD de ouro. A apresentação, que acontece na Praça Verde do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, será também uma celebração pelos 30 anos de carreira do cantor.

Em carreira solo desde 2013, quando lançou o disco “Insular”, Humberto é acompanho pelo baterista Rafael Bisogno e o guitarrista Rodrigo ‘Esteban’ Tavares, ex-Fresno e Abril e que no domingo, 24, também apresenta seu projeto solo em Fortaleza, em show intimista no Teatro Ibeu.

No show, o cantor deve apresentar canções do “Insular”, como “Tchau Radar, a Canção”, “Sua Graça”, “Bora” e “Insular”. Além de clássicos do Engenheiros do Hawaii, como “Pra Ser Sincero”, “Dom Quixote”, “Somos Quem Podemos Ser”, “Eu Que Não Amo Você” e “Até o Fim”.

Além do Engenheiros do Hawaii e da carreira solo, Gessinger teve, entre os anos de 2008 e 2012 o projeto Pouca Vogal, ao lado do líder da banda Cidadão Quem, Duca Leindecker, e faz parte do Trio Rio Grande do Sul, ao lado de Rodrigo Tavares e Paulinho Goulart. Além disso, Humberto é multi-instrumentista e escritor.

O show é parte do festival Dragão Pop Music e contará ainda com as participações da Banda Reite e do DJ Greg Donini. Essa é a quinta edição do festival, que foi lançado em 2014 e já contou com as presenças de Cidade Negra, Detonautas, Ira!, Biquini Cavadão e Uns e Outros. Além das cearenses Donaleda e Capitão Eu e os Piratas Vingativos.

Serviço – Dragão Pop Music

Atrações: Humberto Gessinger, Banda Reite e DJ greg Doninni
Data: Sábado, 23 de maio de 2015, a partir das 20h
Local: Praça Verde Centro Dragão do Mar
Ingressos: Pista – R$ 45 (meia); Frontstage – R$ 80 (meia)
Pontos de Venda: Lojas Blinclass, Bilheteria do Dragão do Mar Quiosque da Bilheteria Virtual no shopping Del Paseo e no Site
Informações: (85) 3033.1010

Via http://blog.opovo.com.br/cearaerock

Inscrições abertas para estágio no banco Santander

O banco Santander está com inscrições abertas para seu Programa Contínuo de Estágio, destinado aos universitários de várias áreas para atuação em unidades distribuídas por todas as regiões do Brasil. O processo fica aberto o ano inteiro com diversas vagas oferecidas durante cada mês.

Podem se inscrever estudantes dos cursos de Administração de Empresas, Análise de Sistemas, Comércio Exterior, Finanças, Marketing, Recursos Humanos, Sistemas de Informação, Administração Pública, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Ciências Atuariais, Ciências Contábeis, Ciência da Computação, Ciências Econômicas, Comércio Exterior, Comunicação Social, Publicidade e Propaganda, Direito, Engenharias (todas as especialidades), Estatística, Física, Matemática, Psicologia, Relações Internacionais, Sistemas de Informação, Tecnologia da Informação e Tecnologia da Comunicação.

Além de ter a conclusão de curso prevista entre julho de 2016 e julho de 2017, o Banco exige que os candidatos tenham nível intermediário na língua inglesa, bom conhecimento no pacote Office (principalmente Excel) e disponibilidade para estagiar 30 horas semanais.

O programa

Com objetivo proporcionar experiências e aprendizados que complementam a formação curricular e acadêmica dos jovens, a instituição financeira busca novos talentos que procurem desenvolvimento profissional.

Os selecionados atuarão no sistema job rotation, ou seja, com parada programada em cada setor do Banco, de ciclo em ciclo, nas áreas de recursos humanos, administrativa, comunicação e riscos crédito e mercado.

As oportunidades estão distribuídas em diversas unidades nos Estados de São Paulo, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, além do Distrito Federal.

De acordo com o site da Cia de Talentos, consultoria responsável pela seleção dos candidatos, a remuneração é compatível com o mercado, oscilando conforme a localidade da vaga. Além disso, a instituição financeira oferece os benefícios vale-refeição, vale-transporte e férias após 11 meses de atividades.

Seleção

Os estudantes passarão por diversas etapas ao longo do processo seletivo. Após as inscrições on-line, os concorrentes serão submetidos a testes, também virtuais, de língua inglesa e raciocínio lógico. Quem obter um resultado satisfatório será convocado à próxima fase, que poderá ser presencial, ainda com a Cia de Talentos. Por fim, os aprovados serão entrevistados por gestor responsável do banco.

Apesar de o programa ter inscrições abertas durante todo o ano, é necessário que os universitários tenham disponibilidade para início imediato, já que podem ser convocados a qualquer momento, de acordo com a necessidade do Santander.

Como participar

Interessados devem se inscrever no site www.ciadetalentos.com.br, acessando a aba “Confira as oportunidades” e, em seguida, clicando no logo do banco Santander. Em caso de dúvidas, o estudante pode entrar em contato com a organizadora do processo seletivo, no telefone (11) 5112-3232, de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

Fonte: Agência JC&E

BNB inaugura a 61ª agência na Bahia

Por Redação Bocão News (Twitter: @bocaonews)

Nos últimos anos, o Banco do Nordeste tem expandido a rede de agências nos estados de atuação. Na Bahia, não é diferente. São 61 unidades bancárias. A última, inaugurada nesta segunda-feira (18), em Lauro de Freitas, Região Metropolitana.
A expectativa é abrir até o fim deste ano mais cinco agências no Estado, duas em Salvador e três no interior – Juazeiro, Formosa do Rio Preto e Mucuri. A informação é do superintendente do BNB na Bahia, Jorge Bagdêve.
Presente na cerimônia de inauguração, o governador Rui Costa entregou 158 motocicletas para a instituição financeira, com o objetivo de facilitar a prestação de serviço de financiamento agrícola ao produtor rural, através dos assessores de crédito que vão atender o trabalhador rural sem que precise ir ao banco.
A iniciativa faz parte da estratégia de desenvolvimento do Nordeste, priorizada a partir de 2003. Inclusive, o BNB tem atuação diferenciada e as atividades vão muito além da comercial. O banco cumpre um importante papel de fomento, visando reduzir as diferenças regionais.
Além da rede de agências, a instituição financeira deve ampliar o quadro de pessoal, hoje com 1.100 funcionários no Estado. A promessa é de contratar 200 bancários. O Sindicato da Bahia acha positivo. “Esperamos que a ampliação continue, no intuito de reduzir a sobrecarga de trabalho”, destaca o presidente do SBBA, Augusto Vasconcelos, presente na inauguração nesta segunda.
Também participaram, o prefeito de Lauro de Freitas, Márcio Paiva, o vice-governador, João Leão, e diversos secretários do Estado, como Álvaro Gomes (Setre) e Nelson Pelegrino (Turismo).

Bradesco passa HSBC e se torna o banco com maior volume de queixas

Na disputa acirrada para evitar a liderança das reclamações contra bancos, desta vez foi o Bradesco que acabou ficando no topo. Em março, o HSBC se tornou o primeiro colocado, ultrapassando a Caixa, que figurava com a instituição com maior volume de queixas em relação ao tamanho em fevereiro. Entram na lista formulada todos os meses pelo Banco Central, os bancos com mais de 2 milhões de clientes.

De acordo com o BC, em abril, o Bradesco recebeu 11,90 pontos ante 9,07 pontos de março, quando estava na segunda colocação. A instituição, que conta com 75,5 milhões de clientes, recebeu 899 queixas consideradas procedentes pelo órgão fiscalizador. Na segunda posição agora está o HSBC, que tem 10,1 milhões de clientes. O conglomerado teve 9,07 pontos ao receber 92 críticas dos consumidores avalizadas pelo BC.

Já a Caixa está na terceira posição, com 7,42 pontos provenientes de 562 reclamações de um total de 75,6 milhões de clientes. Essa classificação é gerada com base em um índice que leva em conta instituições que receberam o maior volume de queixas de usuários de seu serviço em relação ao total de clientes. Todas são avaliadas pelo BC pelo seu conglomerado.

Na quarta posição, com 5,23 pontos, está o Santander, que conta com uma base de 32,1 milhões de clientes – o total de críticas aos seus serviços em abril foi de 168, conforme o BC. Na quinta colocação, encontra-se o Banco do Brasil, que possui 55,6 milhões de clientes e foi apontado por erros e omissões por 260 vezes no mês passado.

Isso fez com que a instituição obtivesse 4,67 pontos no período. Da sexta até a décima colocação estão as seguintes casas: Itaú, Votorantim, Mercantil do Brasil, Banrisul e Banco do Nordeste do Brasil.

Tipos de reclamações. A queixa geral mais comum no mês passado foi sobre restrição à realização de portabilidade de operações de crédito consignado relativas a pessoas naturais por recusa injustificada, com um total de 849 indicações. O segundo maior motivo de queixas foi em relação a irregularidades relativas à integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade das operações e serviços (438) e, o terceiro, a débito em conta de depósito não autorizado pelo cliente (174). A insatisfação dos clientes com a resposta recebida da instituição financeira referente à reclamação registrada no Banco Central ficou em quarto lugar, com 121 críticas, e a cobrança irregular de tarifa por serviços não contratados, em quinto, com 108.

Além do volume de clientes e da inclusão de financeiras, a ampliação da base de clientes de cada instituição ou conglomerado foi alvo de mudança metodológica feita pela autarquia desde julho do ano passado. Até então, apenas os que faziam operações de depósitos com cobertura do Fundo Garantidor de Crédito (FGC) eram contabilizados.

Agora, outras operações de depósitos também podem entrar na apuração, como as de consumidores que fazem empréstimos ou investimentos em um banco mesmo sem ter conta na casa.

Fonte: Estadão

Acesse site do Senado e diga não à terceirização

São Paulo – O site do Senado está promovendo uma votação para saber a opinião dos brasileiros sobre a terceirização. Na página é possível votar a favor ou contra o projeto de lei 4330 que pretende liberar a terceirização irrestrita, até para a atividade-fim das empresas. No Senado o PL 4430 passou a chamar Projeto de Lei da Câmara (PLC) 30/2015 de 28 de abril de 2015.

Veja seu futuro se o projeto passar
> Como o PL da Terceirização prejudica

Até a manhã da segunda-feira 18, mais de 44 mil pessoas já tinham votado contra a terceirização, enquanto cerca de 7,3 mil manifestaram-se a favor. Para votar basta clicar aqui e cadastrar o nome completo e e-mail. Logo depois, você receberá um e-mail para que confirme seu voto.

O PL 4330 foi aprovado pela Câmara dos Deputados no dia 22 de abril e agora aguarda votação no Senado. Ao autorizar a terceirização para todas as atividades de qualquer setor em todas as empresas, ameaça os direitos dos trabalhadores e traz consigo precarização.

Dados do Dieese mostram que no Brasil os terceirizados ganham em média 25% menos, trabalham três horas a mais por semana e permanecem três anos a menos no emprego. A cada dez acidentes de trabalho, oito ocorrem com terceirizados.

No setor financeiro, que abusa da prática, é ainda pior: os terceirizados ganham cerca de 70% menos do que os bancários, com muito menos direitos.

(Luana Arrais, Sindicato dos Bancários e Financiários de SP e Região)