Aprendizes de feiticeiros no VI Festival Música na Ibiapaba

Evocando uma generosa simplicidade em nome da compreensão, a tarefa de criar um arranjo para uma música pode ser comparada ao desafio de escolher com que roupa vestir uma melodia. Um samba, por exemplo. Samba? Tudo bem… Mas qual samba? Samba de raiz, partido alto, samba-exaltação, samba-enredo, samba de morro, samba de roda, samba-funk, samba-rock? O leque de possibilidades é amplo, e esse é apenas um dos primeiros passos: a definição de um ritmo básico para o arranjo e de um andamento que indique com que velocidade a peça será executada.

A estruturação da música – a forma de tocar as partes “A”, “B” e, muitas vezes, “C” do tema criado pelo compositor – já conduz a outras interrogações. Tocar a música inteira, do começo ao fim, por duas vezes, ou repetir apenas a segunda parte? Fazer uma introdução ou ir “direto ao ponto”, ao início da melodia? E quanto ao final? Como encerrar a execução da música, fechando o desfile com a sensação de que se levantou a avenida, para merecidos aplausos?

Todas essas perguntas – e muitas outras – fazem parte do ofício do arranjador. Uma atividade também estudada pelos jovens participantes do VI Festival Música na Ibiapaba, que se estende até sábado, 1/8, no clima acolhedor de Viçosa do Ceará. Entre eles, os alunos da oficina “A Voz como Instrumento”, ministrada pelo baiano Hiran Monteiro, integrante do grupo Banda de Boca, referência nacional quando o assunto são arranjos vocais e gravações em que as vozes são os únicos instrumentos.

Não que essa escolha implique escassez de recursos e de possibilidades para os arranjos. Quem participa da oficina verifica que, na prática, ocorre o contrário. Além das tradicionais divisão e superposição de vozes, de acordo com os princípios do canto coral, há inúmeros caminhos possíveis para se percorrer.

É o que comprovaram os alunos que, na tarde de domingo, tiveram como ponto de largada uma partitura básica de “Maracangalha”, de Dorival Caymmi, e chegaram a uma sugestão de arranjo bem diferenciada – incluindo elementos do hip-hop ao humorístico, sem deixar de passar pela matriz do samba.

Experiente nesse tipo de atividade, a ponto de cativar muitos alunos que já participaram da oficina na edição passada do festival, Hiran vai, aos poucos, descortinando as questões. Se “randomizar” – ou escolher preferências – é um dos neologismos impostos em tempos de onipresença da Internet, os aprendizes de feiticeiros – ou de arranjadores – têm muitas, muitas escolhas a fazer, para começarem a responder, da sua maneira, a todas as perguntas listadas. E para vencerem o desafio proposto pelo professor, de partir de um arranjo vocal “basicão” para uma forma original e interessante de se “re-cantar” a eterna “Maracangalha”.

Obra coletiva –  Acomodados nas carteiras de uma das salas de aula do Patronato, em Viçosa, os alunos, agrupados em sopranos, baixos, contraltos e tenores, se mostram bem desinibidos diante do mestre e do próprio grupo. O clima é de descontração, e o entusiasmo é tanto que torna inevitáveis alguns pedidos de silêncio, em certos momentos. O comentário de Hiran sobre o arranjo em processo – “Pode ser louco, mas tem que ser organizado” – não deixar de servir para o espontâneo modo de trabalho dos próprios arranjadores, bastante participativos na concepção de sua obra coletiva. E as sugestões não tardam a brotar durante a oficina.

De um lado, um pandeiro é reinventado pelos vocais trabalhados de Amanda Nunes, estudante da graduação em música da Universidade Estadual do Ceará e integrante dos corais da UECE e Seios da Face. Aos 20 anos, a futura musicista já demonstra musicalidade de sobra, ao reproduzir a síncope do pandeiro, mantendo seguidamente o ritmo, em uma demonstração de talento que vai do “ouvido” para compreender e imitar o som do instrumento até o apuro das técnicas de apoio e respiração, necessárias à peculiar performance.

De outro, também convertendo a voz em instrumento, Dreivos de Souza, 27 anos, músico e educador em Croatá, surge como as batidas de uma “beat box”.

Participante do festival desde a segunda edição, acrescenta ao suingue da marcação rítmica versos improvisados e uma deixa para as vozes tomarem seu lugar no arranjo. A lista de possibilidades para o arranjo, esboçada no quadro pelo orientador, vai crescendo conforme as idéias se acumulam, entre sugestões bem aceitas pelo grupo e outras nem tanto. Um violino? Um trompete? Palmas? O canto de uma lavadeira? Mas quando? No começo, no meio ou no fim da música? O grupo vai, aos poucos, encontrando seu caminho, em uma construção literalmente a muitas vozes, com mudanças de rumo aceitas mesmo quando diferentes das impressões do professor.

Mais informações:

VI Festival Música na Ibiapaba – de 25 de julho a 1º de agosto em Viçosa do Ceará. Contato: (85) 3488-8601 ou presidencia@dragaodomar.org.br.

Matéria completa:  http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=658256

El Niño pode trazer seca ao nordeste e à Amazônia, diz agência dos EUA

A chegada do fenômeno climático El Niño poderá provocar seca no nordeste brasileiro e na região amazônica e enchentes no sul do país entre o fim deste ano e o começo de 2010, segundo avaliação da agência nacional e atmosférica dos Estados Unidos (NOAA, na sigla em inglês).

Após registrar um aumento constante das temperaturas da superfície do Oceano Pacífico central nos últimos seis meses, a NOAA confirmou o início do El Niño.

O fenômeno climático é caracterizado pelo aumento das temperaturas na zona equatorial do Pacífico, que ocorre a cada quatro ou cinco anos e afeta o clima em todo mundo.

Para muitos, a simples menção ao El Niño é um sinal de alarme. Há pouco mais de uma década, entre 1997 e 1998, ocorreu um dos mais fortes El Niño da história, com catástrofes climáticas que deixaram milhares de mortos.

Danos –  As inundações nas Américas (que afetaram principalmente vastas regiões do Chile, da Bolívia, do Equador e dos Estados Unidos) e na África destruíram colheitas na maioria dos países afetados.

As secas se propagaram pela Austrália e partes do sudeste asiático, provocando incêndios florestais. O fenômeno afetou ainda a pesca na América do Sul, por conta da redução nos estoques de peixes.

O furacão Mitch, em 1998, cuja força também foi relacionada ao fenômeno climático, provocou intensas inundações na América Central que deixaram mais de 9 mil mortos.

Calcula-se que os danos totais provocados pelo El Niño em todo o mundo chegaram a US$ 34 bilhões.

Prognósticos –  Ainda é cedo para prever se o fenômeno neste ano terá uma força semelhante à da década passada, mas os prognósticos da NOAA refletem um consenso sobre o seu crescimento e o seu desenvolvimento.

“As condições atuais e as tendências recentes favorecem o desenvolvimento contínuo de um fortalecimento de leve a moderado do El Niño até o outono de 2009 no hemisfério norte, com possibilidade de fortalecimento a partir de então”, diz a agência.

Segundo Michelle L’Heureux, diretora da NOAA para Previsão do El Niño, se a potência do fenômeno climático for de moderada a forte, “as condições no centro e no leste da Bacia Amazônica serão mais áridas que o normal entre novembro de 2009 e março de 2010, e entre janeiro e maio de 2010 estarão mais secas no nordeste do Brasil”.

“Ao mesmo tempo, as condições estarão mais úmidas na costa oeste da América do Sul. O Equador e o norte do Peru o sentirão entre janeiro e abril de 2010, e o Uruguai, o nordeste da Argentina e o sul do Brasil entre novembro de 2009 e fevereiro de 2010”, disse L’Heureux à BBC.

Efeitos positivos –  A pesar de a chegada do El Niño ser vista por muitos como um anúncio de tragédia a caminho, a especialista explica que os seus efeitos positivos ou negativos devem depender de sua força.

“O El Niño pode, por exemplo, trazer chuvas benéficas no fim do ano ao sudeste do Texas, que atualmente enfrenta uma seca. Mas se chover demais, isso pode se converter em uma ameaça, por causa das possíveis inundações”, diz L’Heureux.

Outro possível efeito positivo, segundo ela, seria a redução da intensidade dos furacões no Caribe.

L’Heureux diz ainda que não existem ainda evidências de que a incidência do El Niño poderia estar sendo reforçada pelo aquecimento global.

“O El Niño é um fenômeno natural que vem ocorrendo há milhares de anos. Até o momento não há evidências de uma relação entre esse fenômeno e as mudanças climáticas”, diz ela.

“O último relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas diz claramente que não há indícios consistentes sobre futuras mudanças na amplitude ou na freqUência do El Niño no século 21”, conclui.

Fonte: BBC Brasil

McDonald’s indenizará casal por golpe de funcionários

O golpe, que foi confirmado por um vídeo fornecido pelo próprio McDonald”s, mostrou que a ação era cometida com frequência pelos funcionários da lanchonete

 O Tribunal de Justiça do Rio condenou o McDonald”s a pagar R$ 20 mil a um casal vítima de um golpe cometido pelos funcionários de uma lanchonete num shopping, em Niterói, em junho de 2008. Thiago Silva da Silva e Elisandra Dioti teriam entregues duas notas de R$ 10 para comprar um lanche de R$ 11,25, mas o caixa afirmou ter recebido apenas uma.

O golpe, que foi confirmado por um vídeo fornecido pelo próprio McDonald”s, mostrou que a ação era cometida com frequência pelos funcionários da lanchonete. De acordo com o TJ, a relatora do processo Jacqueline Montenegro, afirmou que o caixa recebeu as notas e jogou uma delas no chão. Essa nota foi apanhada por sua colega de balcão e repassada a outro funcionário. A juíza considerou que houve falha na prestação de serviço e que o ocorrido é gerador de dano moral, pois os autores foram expostos a situação constrangedora diante de outros consumidores presentes na lanchonete.

Fonte: Agência Estado

ONU ameaça cortar envio de alimento à África por falta de verba

O Programa Mundial de Alimentos (PMA) pode ter de suspender dentro de algumas semanas os voos que levam agentes humanitários a alguns dos países mais pobres da África caso não receba novas doações, disse a agência da ONU (Organização das Nações Unidas) nesta sexta-feira.

O PMA se ressente neste ano das restrições orçamentárias dos países ricos num momento de crise. A agência disse que sua ponte aérea que atende trabalhadores humanitários no Chade, país em guerra na África Central, só tem dinheiro para funcionar até 15 de agosto.

O Serviço Aéreo Humanitário da ONU, operado pelo PMA, também só tem dinheiro para operar os voos para Libéria, Serra Leoa e Guiné até o final de agosto. O órgão precisa de US$ 10 milhões para manter essas operações até o final do ano.

“Esse é só um exemplo do estresse e das restrições a que estamos submetidos neste ano”, disse Greg Barrow, porta-voz do PMA em Roma. “Estamos tendo de suspender alguns programas ou reduzir rações. Esses voos estão muito próximos de serem reduzidos ou mesmo suspensos completamente, a não ser que recebamos mais financiamento.”

Em fevereiro, o PMA já teve de fechar o serviço aéreo para Costa do Marfim e Níger. O serviço no Níger, um dos países mais pobres e menos desenvolvidos do mundo, deve ser retomado em agosto, graças a uma doação do Fundo Comum de Auxílio Emergencial da ONU.

No Chade, seis aviões transportam em média 4.000 passageiros humanitários por mês a dez destinos. Essas pessoas prestam auxílio a 250 mil refugiados de Darfur e a 180 mil refugiados internos do leste do próprio Chade.

“Como o PMA atenderá os famintos? Como os médicos vão chegar aos seus pacientes? Como as pessoas terão água pura se os engenheiros que as ajudam a construir poços não conseguem chegar lá?”, perguntou Pierre Carrasse, diretor do departamento de aviação do PMA, em nota.

Barrow disse que, se os voos forem suspensos, os trabalhadores humanitários poderão viajar por terra, apesar das longas distâncias e das estradas perigosas.

Josette Sheeran, diretora-executiva do PMA, disse na última quarta-feira (29) que a organização havia recebido promessas para apenas 3,7 bilhões de dólares dos 6,7 bilhões necessários para 2009.

Fonte: Folha Online

Arcebispo argentino causa polêmica ao criticar manual de educação sexual

O presidente da Comissão de Educação do Episcopado da Argentina e arcebispo da cidade de La Plata, Héctor Aguer, provocou polêmica no país ao criticar a iniciativa dos Ministérios da Educação e da Saúde de elaborar e distribuir um manual sobre educação sexual para os professores de toda a rede de ensino.

“[O manual] tem inspiração ‘neomarxista'”, disse o arcebispo, em um documento divulgado pela imprensa argentina, porque interpreta a sexualidade “segundo a dialética do poder”.

“E entende-se [no manual] a educação sexual como o direito de fornicar o mais cedo possível e sem esquecer a camisinha”, acrescentou.

Aguer criticou o que considera um estímulo “ao uso exclusivo de preservativos como único meio de proteção eficaz nas relações sexuais contra o HIV”. Em vez disso, o arcebispo propõe que se ensine “a abstinência das relações sexuais prematuras e irresponsáveis”.

O Congresso Nacional argentino aprovou em 2006 uma lei que determina a educação sexual nas escolas públicas, privadas e laicas.

O Manual de Formação dos Professores, com capítulos dedicados à educação sexual e à prevenção contra a Aids, é distribuído desde 2007.

Camisinha – As afirmações de Arguer receberam críticas do ministro da Educação, Alberto Sileoni, que defendeu o manual como um instrumento para “promover valores”, e “não uma mera sexualidade”.

“O Estado tem a obrigação de fazer cumprir a lei de educação sexual em todas as escolas do país”, acrescentou Sileoni. O ministro destacou ainda que o manual é para a formação de adultos, com o objetivo de preparar melhor os professores para tratar do assunto.

As declarações de Aguer também levaram a presidente do Instituto Nacional contra a Discriminação (INADI), María José Lubertino, a pedir ao arcebispo uma “retificação” de suas afirmações.

“É um retrocesso ver que existem setores que são contra esses assuntos, que têm um claro consenso democrático”, afirmou. “É preocupante. Vamos analisar as declarações e que se retifique o que foi dito”.

Fonte: BBC Brasil

Morre Corazón Aquino, ex-presidente das Filipinas

A ex-presidente das Filipinas Corazón Aquino, que liderou a derrubada da ditadura de Ferdinando Marcos em 1986 e em seguida lutou para manter a democracia no país, morreu neste sábado (horário local) em um hospital de Manila, informou a família dela por meio de um comunicado.

A vida de Aquino, de 76 anos, corria sério perigo após a cirurgia à qual ela foi submetida em junho para a retirada de parte do cólon, afetado por um câncer. Segundo a família, ela morreu em consequência de um problema cardiorrespiratório.

Mulher do líder oposicionista Benigno Aquino, que foi assassinado no aeroporto de Manila ao tentar voltar ao país em 1983, ela esteve à frente da oposição nas eleições de 1986, mas foi derrotada por Marcos, que governava desde 1965, em eleições denunciadas como fraudulentas.

Ela então liderou a revolta pacífica do “poder popular” contra o governo repressivo de Marcos que, isolado e sem apoio norte-americano, foi forçado a deixar o país.

Aquino assumiu o governo e resistiu a sete tentativas de golpe de Estado, entregando o poder em 1992 ao seu sucessor, o general Fidel Ramos, chefe das Forças Armadas, que foi eleito com seu apoio.

O levante que ela liderou contra a ditadura de Marcos inspirou protestos não violentos em todo o mundo, incluindo os que marcaram o fim dos regimes comunistas na comunistas no Leste Europeu, no fim da década de 80.

Fonte: Folha Online

MEC prorroga pré-inscrição para cursos de formação de professores

O Ministério da Educação (MEC) prorrogou até o dia 9 de agosto as pré-inscrições para os cursos de formação de professores da educação básica. A princípio, elas terminavam nesta sexta-feira (31), mas a Plataforma Freire –site onde são feitos os registros– apresentou lentidão. Secretarias estaduais também pediram o adiamento.

Os cursos, que são oferecidos dentro do Plano Nacional de Formação de Professores, pretendem formar até 2011 docentes que dão aula na educação básica e não possuem graduação, professores que dão aula em uma área diferente da para qual foram formados e aqueles que lecionam em suas áreas, mas não possuem licenciatura.

O ministério estima que esses grupos representem quase 32% do 1,9 milhão de professores do país e quer colocar em universidades federais e estaduais e em outros institutos da União que oferecem graduação 331,4 mil docentes –52% deles em cursos presenciais.

Na segunda-feira (27), o secretário de Educação a Distância do ministério, Carlos Eduardo Bielschowsky, havia dito ao G1 que o MEC não trabalhava com a possibilidade de estender o prazo das pré-inscrições

Procura –  A procura pelos cursos aumentou nesta semana. No dia 23 de julho, somente 30% das vagas haviam sido solicitadas. No dia 27, às 12h30, o número havia subido para 75,12%. Nesta sexta, às 11h, 140,41% das vagas haviam sido pedidas. Como cada professor pode solicitar mais de um curso, o percentual docente/vagas era de quase 92%.

Apesar da possibilidade, cada um só poderá ser inscrito em uma das vagas solicitadas. A escolha de quem vai ocupar as vagas será feita pelas secretarias estaduais de educação, que vão determinar como será feita a alocação do professor. O MEC deve estender também o prazo para elas tomarem a decisão.

Na segunda-feira, como mostrou o G1, a licenciatura em língua portuguesa presencial ministrada na capital fluminense e oferecida pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) tinha uma quantidade de pedidos 27 vezes maior que o total de vagas, segundo informações do próprio MEC. Às 11h desta sexta, o índice já era 31,33 vezes maior. Neste semestre, 57.784 vagas estão disponíveis. 

Bielschowsky nega que tenha havido falta de planejamento e diz que todos os professores terão acesso às vagas –neste ou nos próximos semestres. “O quadro que vai emanar [das inscrições] vai ajudar a redesenhar o sistema. Este é um primeiro momento do projeto”, afirma.

Fonte: G1

Tarifa de telefonia: reajuste em agosto

RIO – A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) divulgou, na quinta-feira, o Índice dos Serviços de Telecomunicações (IST), que serve de parâmetro para a correção das tarifas cobradas pelas empresas de telefonia fixa e móvel. A alta, de maio de 2008 a maio deste ano, foi de 4,98%. Isso, contudo, não significa que o aumento será nesse patamar. Em 2008, o IST foi de 4,46%, mas o reajuste médio ficou em 3%.

As empresas, agora, vão procurar a Anatel, que deverá fixar, até o fim de agosto, o percentual que cada uma poderá aplicar a consumidores. Segundo uma reportagem publicada por “O Globo”, devido à expansão dos serviços de internet banda larga e à recuperação dos investidores decorrente das privatizações do setor, ocorridas em 1998, a correção poderá ser de 0,98%.

O Comitê de Política Monetária (Copom), do Banco Central (BC), prevê a manutenção dos preços da gasolina e do gás de botijão neste ano. Na ata da reunião, realizada nos dias 22 e 23 deste mês, o comitê afirma que, apesar da forte oscilação nos preços do petróleo, as cotações nos mercados futuros apresentaram baixa. Segundo documento, o cenário “prevê preços domésticos da gasolina inalterados no restante de 2009”.

Fonte: Jonral Extra

Grupo português prepara lançamento de jornal econômico no Brasil

Na manhã desta sexta-feira (31), no twitter e nos principais sites especializados em comunicação, o destaque era para a informação de que o grupo português dono do Diário Económico prepara lançamento de jornal de economia no Brasil.

O veículo, ainda sem nome anunciado, poderá circular em setembro. Segundo o ‘Comunique-se’, nas próximas semanas será montada a equipe e outros detalhes do projeto deverão ser definidos.

O Diário Económico pertence a Ongoing Strategy Investment, empresa controlada por Nuno Vasconcellos. O novo periódico de negócios e finanças “desembarca” no País pouco tempo depois que o primeiro jornal econômico do Brasil encerrou as atividades, a Gazeta Mercantil, que deixou de circular no dia 29/05.

Fonte: Blog Liberdade Digital

PF faz ação contra tráfico de mulheres e diz que grupo levava 200 por ano para o exterior

A PF (Polícia Federal) prendeu 12 pessoas na Operação Harém para desarticular uma suposta quadrilha que atua no tráfico de mulheres brasileiras para o exterior. Entre os presos estão três americanos. A polícia informou nesta sexta-feira que o grupo levava anualmente 200 mulheres, em média, para o exterior.

De acordo com as investigações, que duraram seis meses, as mulheres era levadas para os Estados Unidos, França e República Dominicana. A PF ainda não sabe há quanto tempo o grupo agia, mas estima que cada mulher gerasse US$ 40 mil por mês –também não se sabe quanto do valor ficava com a quadrilha.

De acordo com a PF, parte das mulheres sabia que trabalharia com prostituição. Outras eram atraídas com falsas promessas de emprego. Elas eram aliciadas no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Rio, Minas e Bahia.

Segundo o superintendente da Polícia Federal em São Paulo, Leandro Daiello Coimbra, o órgão já está colhendo os depoimentos das mulheres que retornaram ao Brasil. “Para o Brasil, estas mulheres são vítimas”, afirmou. Coimbra não soube informar se as brasileiras que continuam nos outros países devem ser extraditadas.

Para a ação, a Justiça expediu 15 mandados de prisão e dez de busca e apreensão. Foram presas seis pessoas em São Paulo –entre elas um americano detido ontem, quando se preparava para viajar–, três no Rio de Janeiro, uma em Curitiba e duas nos Estados Unidos. Faltam ser cumpridos dois mandados de prisão na República Dominicana e um na França.

A PF informou que foram bloqueadas dez contas bancárias e computadores foram apreendidos para investigação.

Investigação – Segundo a PF, as investigações sobre a quadrilha começaram no Estado do Espírito Santo, onde foi descoberto que mulheres brasileiras e levadas para o exterior, onde eram obrigadas a realizar programas de prostituição. A maior parte das vítimas do golpe eram levadas para Las Vegas, nos Estados Unidos, para trabalharem em cassinos de grande porte.

Durante o processo de investigação, a Polícia Federal brasileira teve a colaboração da Agência de Imigração Americana, ligada ao Serviço Secreto norte-americano.

Fonte: Folha Online

Conselho Federal pune psicóloga do Rio que oferece terapia para ‘curar’ homossexualismo

O Conselho Federal de Psicologia decidiu nesta sexta-feira aplicar uma censura pública à psicóloga carioca Rozângela Alves Justino, que oferecia terapia para que gays e lésbicas deixassem a homossexualidade.

Ela infringiu resolução do conselho, de 22 de março de 1999, na qual a entidade afirma que a homossexualidade “não constitui doença, nem distúrbio e nem perversão”.

O Conselho Federal de Psicologia manteve a punição que tinha sido aplicada à psicóloga pelo Conselho Regional de Psicologia do Rio de Janeiro.

O presidente do conselho, Humberto Verona, afirmou que a entidade não poderia agravar a punição, aplicando uma suspensão ou cassação do registro profissional, pelo fato de a própria psicóloga ter recorrido ao conselho.

Fonte: Folha Online

Vales-transporte de papel não serão válidos

Os vales-transporte que ainda estão sendo comercializados em papel serão integralmente substiuídos pelo cartão eletrônico com créditos, de acordo com o Sistema Metropolitano de Fortaleza. A partir desta sexta-feira, 31, somente os Cartões Vale Transporte Eletrônico (VTE) serão aceitos nos veículos e bilheterias que compõem o Sistema Regular de Transportes Coletivos de Fortaleza e sua Região Metropolitana.

A substituição do vale transporte em papel para o vale transporte eletrônico (VTE) vem sendo realizada pelo Sindiônibus desde 2004 como forma de aumentar os requisitos de segurança e garantir a integridade física dos passageiros. Atualmente, o VTE já é usado por mais 600.000 usuários em toda Região da Grande Fortaleza (Sistemas Urbano e Metropolitano de Transportes Coletivos).

Fonte: O Povo Online

Último dia para desbloquear carteiras de estudantes em Fortaleza

A sede da Empresa de Transportes Urbanos de Fortaleza (Etufor) voltou a receber pessoas em busca de desbloquear carteiras estudantis de 2009. Foi ontem, penúltimo dia para essa providência para os que vão utilizar a nova cédula estudantil a partir de amanhã, 1º de agosto. Hoje, 31, é o último dia. Ainda faltam em torno de 150 mil carteiras a serem desbloqueadas, conforme estimativa da Etufor. O órgão municipal calcula que cerca de 130 mil alunos já fizeram o desbloqueio.

Nesse cenário, o pessoal que costuma deixar tudo para a última hora enfrentou ontem e deve continuar enfrentando hoje longas filas desde as primeiras horas da manhã para ser atendido.

“Isso aqui é um desrespeito. É tudo desorganizado. O atendimento é lento, e as informações são todas desencontradas”, protestava a dona-de-casa Conceição Maria Brito, que disse ter chegado ao local às 8 horas, e só ter conseguido a senha 390. Conceição disse que não sabia que a carteira estudantil que a filha recebeu este ano precisava ser desbloqueada, de modo que só teve a atenção chamada sobre isso quando ouviu a informação divulgada na TV alertando que o prazo ficaria encerrado dia 31.

Também revoltada com a demora estava a estudante Isa Targino que reclamava dizendo que não estava ali pedindo nenhum favor, pois havia pago R$ 24 pela carteira dela e do filho. “Isso é um descaso, um absurdo, a gente chega aqui cedo, pega uma fila para receber uma senha e depois ainda fica até uma hora dessas esperando ser chamada”, dizia.

De acordo com Ivanderly Carvalho, gerente operacional estudantil da Etufor, apenas alunos da rede particular que receberam a carteira de 2009 bloqueada é que devem ir à Etufor. Ela diz que durante todo este mês foram atendidos os que estiveram na empresa para desbloquear as novas carteiras, no entanto a grande maioria das pessoas só deixou para providenciar a liberação do documento nos últimos dias, enfrentando todo o desconforto.

SERVIÇO
Etufor fica na avenida Expedicionários, 5.677

Fonte: O Povo Online

Brasil é penúltimo na América do Sul em participação da mulher na política, diz ONU

O Brasil é o penúltimo colocado no ranking que mede a participação feminina nas câmaras federais entre os países da América do Sul. A Argentina lidera o levantamento, com 40% de mulheres parlamentares. A última posição é da Colômbia, com 8,4% de assentos ocupados por mulheres. O Brasil, como penúltimo, tem apenas 9% das cadeiras.

Os números foram divulgados hoje (30) pela Organização das Nações Unidas (ONU), que lançou no Rio de Janeiro o relatório Progresso das Mulheres no Mundo 2008/2009. No mundo, o país com maior representatividade da mulher na política é a Suécia, com 47%. Depois vem Cuba, com 43%, Finlândia, com 41%, e Dinamarca.

A diretora da ONU do Fundo para a Mulher (Unifem), Inês Alberdi, comentou a posição brasileira em relação aos países sul-americanos. “Quanto à presença de mulheres nos parlamentos nacionais, o Brasil está muito atrás, tem um percentual muito baixo. Por outro lado, é líder nas iniciativas de combater as desigualdades e a violência”, disse.

Para a deputada estadual Inês Pandeló (PT), presidente da Comissão de Defesa das Mulheres da Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), não basta a legislação brasileira prever cota de 30% de candidatas mulheres nas eleições. “Onde tem cotas, foi ampliada a participação feminina em espaços de poder, incluindo na política. Mas estamos vendo que não basta só ter a vaga na chapa. São precisos outros instrumentos, como a reforma política, com o financiamento público de campanha e a possibilidade de mais mulheres assumirem esse espaço”, afirnou.

A Secretária Especial de Políticas Públicas para as Mulheres, a ministra Nilcéa Freire, também ressaltou a necessidade das mulheres assumirem maior poder político no país. “O Brasil figura quase como o lanterninha da representação das mulheres noParlamento. Nós acabamos de instituir uma comissão tripartite – Executivo, Parlamento e sociedade civil – para fazer uma revisão da legislação sobre cotas eleitorais”, informou. Segundo a ministra, o objetivo é examinar por que os 30% da cota obrigatória de candidatas não se transformam em um percentual semelhante de mulheres eleitas.

“Há que se verificar também a questão do financiamento, a capacitação das mulheres nos partidos políticos, destinação de recursos do fundo partidário para as candidaturas femininas, tempo nos programas eleitorais, se há proporcionalidade. Ou seja, trabalhar a questão da igualdade de oportunidades e tratamento, para que o percentual estabelecido como ação afirmativa possa ser garantido na prática”, disse.

Além de abordar a participação política das mulheres, o relatório também trata de questões como violência e saúde. A versão integral, em português, pode ser acessada no site http://www.unifem.org/progress/2008.

Fonte: Agência Brasil

Gripe suína: Ceará registra 40 casos, sendo 39 em Fortaleza

Quixadá, cidade do Sertão Central, foi a primeira do interior cearense a registrar um caso confirmado de Influenza A (gripe suína). E, desde a última segunda-feira, 27, quando foi feito o registro oficial, informa a coordenadora da Atenção Básica, mais sete casos suspeitos da doença estão sendo monitorados. “Só temos um caso confirmado”, ratifica Karine Matias. No Ceará, são 40 casos confirmados – 39 em Fortaleza, de acordo com a Secretaria da Saúde do Estado (Sesa).

A transmissão do vírus H1N1 (que provoca a gripe suína), no Ceará, ainda não se dá de forma sustentada, concordam os médicos Antônio Lima, coordenador da Vigilância Epidemiológica de Fortaleza, e Manoel Fonseca, presidente do Comitê Estadual de Prevenção e Controle do Vírus Influenza A. Ou seja, os pacientes têm sido contaminados em viagens a locais infectados ou no contato com pessoas afetadas pela gripe e que também trouxeram o vírus de fora.

Mesmo um dos últimos casos confirmados, em Fortaleza, o do jovem de 20 anos que não sabia como teria contraído a gripe, pois não havia viajado ou mantido contato com pessoas infectadas, não significa a transmissão sustentada do H1N1. “Ele esteve no Fortal (micareta realizada de 23 a 26 de julho e que, segundo a Polícia Militar, reuniu cerca de 700 mil foliões). Não podemos ainda caracterizar como de transmissão sustentada, porque ele esteve em um evento de grande porte (e com pessoas de diversos estados)”, considera Manoel Fonseca, lembrando a facilidade de propagação do vírus em aglomerações. O especialista ressalta ainda não haver a disseminação do H1N1 em Quixadá, apesar do aumento de casos suspeitos de gripe suína na cidade.

O paciente de Quixadá tem 31 anos e contraiu o vírus H1N1 em uma viagem a Brasília (DF). “Ele apresentou sintomas leves, como febre e tosse”, tranquiliza Karine. Ela esclarece que os casos suspeitos são identificados no município, mas os exames necessários são realizados por meio do Hospital São José, em Fortaleza. Karine ressalta que os profissionais locais de saúde já recebem treinamento para melhor identificar os sintomas da Influenza A e realizar o encaminhamento – hospitalar, ou não – mais adequado.

Também na Capital, reforço na prevenção e no diagnóstico. Nas últimas três semanas, sublinha o coordenador da Vigilância Epidemiológica de Fortaleza, houve “treinamento dos profissionais de saúde do município, tanto da rede básica quanto da rede hospitalar”. A ação abarcou os 91 postos de saúde, das seis Regionais, e cinco hospitais públicos: Frotinha de Antônio Bezerra, Gonzaguinha do José Walter, Gonzaguinha e Frotinha de Messejana e Hospital Nossa Senhora da Conceição (Conjunto Ceará). “Capacitamos, aproximadamente, 180 pessoas”, conclui.

Nos postos, um enfermeiro e um médico passaram pelo treinamento e tornaram-se multiplicadores das informações. Também 56 agentes da Defesa Civil receberam orientações sobre a Influenza A, para repassar à população em áreas de risco, escolas, shopping centers, eventos públicos. No início da próxima semana, profissionais da Santa Casa de Misericórdia, da Guarda Municipal e do Frotinha de Parangaba devem ser treinados. Como ainda não existe vacina contra a gripe suína, prevenir continua sendo a prescrição dos especialistas.

Fonte: O Povo Online

Enterros em casa são cada vez mais populares nos EUA

Para um crescente número de americanos, a perda de um ente querido já não significa uma separação física: o corpo de quem morreu permanece próximo, muitas vezes enterrado no jardim de sua própria casa.

Os enterros ou funerais em casa se popularizaram nos Estados Unidos nos últimos anos e cada vez mais as famílias escolhem esta opção que permite velar ou sepultar seus entes queridos de uma forma mais íntima, natural, além de econômica.

Em um momento no qual milhões de americanos passam apuros para cumprir com os pagamentos de suas hipotecas, pagar os mais de US$ 6 mil que cobram em média as funerárias –e que não incluem despesas de incineração ou enterro– é um luxo que muitos não podem se dar.

Dependendo do tipo de cerimônia, caixão e outros detalhes, um enterro pode chegar a sair pela bagatela dos US$ 20 mil. Sepultar um ente querido na própria casa pode custar poucas centenas de dólares, geralmente destinadas ao pagamento do caixão ou aos custos de cremação.

A fatura é pouco mais alta se os serviços de “diretor de funeral”, como já são conhecidos nos EUA, forem contratados, mas não superam nunca os US$ 3.000 (quase R$ 6.000). O “diretor de funeral” acompanha o luto e ajuda com todos os detalhes do desconhecido e nem sempre simples processo de se enterrar um corpo.

Muitas famílias optam por um cemitério tradicional, mas preferem contar com ajuda para organizar o velório na própria casa.

Com a crescente demanda e o interesse da geração do “baby boom” sobre a opção, já existem nos EUA pelo menos 45 organizações dedicadas a organizar funerais domésticos, 43 a mais que em 2007.

Uma das mais antigas é a Thresholds – Home and Family-Directed Funerals, de San Diego, que, em seis anos, já ajudou aproximadamente 50 famílias a sepultar ou velar seus entes queridos em casa. Kat Alessi, da organizadora de funerais, disse à agência de notícias Efe que a empresa oferece uma ampla gama de serviços a seus clientes, que vão desde ajudar com a preparação do corpo, facilitar trâmites burocráticos ou, simplesmente, consolar.

Segundo Kat, quanto mais apoiados se sentem as pessoas próximas ao morto, mais gostam de participar dos preparativos, algo que ajuda no processo de luto. “Se a família quiser, nós podemos lavar e vestir o corpo, mas quando apoiamos os parentes, normalmente preferem fazer eles mesmo”, disse.

Kat assegura que notou um recente crescimento na demanda de seus serviços, mas não acredita que esteja tão relacionado com a recessão econômica. “Mais gente vê que esta opção volta a ser possível”, afirma a especialista, que compara o fenômeno com o que está ocorrendo com a comida feita em casa, cada vez mais populares em algumas partes do país.

No entanto, decidir livremente onde enterrar um corpo pode se complicar no futuro devido aos impedimentos governamentais. Atualmente, 44 Estados dos EUA, além do Distrito de Columbia, dão total liberdade aos próximos para enterrar seus entes queridos. Geralmente, as famílias só necessitam de um atestado de óbito e uma permissão das autoridades locais se vão enterrá-lo em sua propriedade.

Apoiados pela indústria funerária, alguns Estados tomaram recentemente medidas para restringir a prática dos funerais domésticos.

Fonte: Folha Online

Estresse, falta de sono e deficiência de cálcio podem levar a ganho de peso

Pode soar como a desculpa mais esfarrapada de quem não consegue emagrecer: “Não como muito e engordo!”. No entanto, os lamentos daqueles que ganham peso independentemente da ingestão de calorias podem ser reforçados por explicações científicas – e conhecê-las também ajuda a obter bons resultados em um programa de perda de peso.

Há alguns anos, pesquisadores de todo o mundo buscam entender os motivos que têm levado a população a ganhar mais peso. “A epidemia de obesidade vem de 30 anos para cá. Pensa-se que as pessoas comem mais e estão mais sedentárias, mas há outras coisas que ajudam a explicar esse fato”, diz Alfredo Halpern, chefe do Grupo de Obesidade e Síndrome Metabólica do Hospital das Clínicas de São Paulo.

Não que a fórmula consagrada para emagrecer (ingerir menos calorias do que se gasta) não deva ser levada em conta, assim como a genética, fator predisponente por excelência. Porém, há situações e agentes externos que modificam o metabolismo e favorecem o acúmulo de gordura, estimulam o apetite ou dificultam a queima das células gordurosas.

“É preciso saber que a gente não controla absolutamente nosso peso. Existem mecanismos, alguns ainda desconhecidos, que também exercem controle. Não é só “fechar a boca”, é preciso identificar outras causas que podem estar interferindo no aumento do peso”, afirma Maria Tereza Zanella, endocrinologista da Sbem (Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia) e professora da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo).

A estudante de nutrição Paula Bokor, 28, sabe bem que parar de comer pode não ser suficiente para emagrecer. Desde que sua irmã mais nova morreu, há um ano, ela acumulou 11 quilos extras. O problema também atingiu seu irmão, que ganhou 20 quilos no período.

“Sempre controlei meu peso com alimentação e exercícios. Nesse ano, porém, não me pesava, não dava importância. Só recentemente eu me dei conta de que tinha engordado muito e de que isso poderia estar relacionado ao trauma”, diz.

Matéria completa: http://www1.folha.uol.com.br/folha/equilibrio/noticias/ult263u602556.shtml

Cômico! “Calcinha-voadora” provoca apagão em cidade britânica

Uma falha elétrica que deixou sem luz parte de um vilarejo no interior do Reino Unido pode ter sido causada por uma calcinha fio-dental. O “apagão” afetou dezenas de casas e sinais de trânsito de Leadenham, na quarta-feira (29).

Engenheiros rastrearam a falha e descobriram uma calcinha que provocou um curto-circuito em uma fiação da rede elétrica. Eles acreditam que a peça foi amarrada a um balão de hélio e lançada durante uma festa que ocorria na vizinhança.

“Achamos que o item ofensivo ficou preso nos fios durante um bom tempo, mas foram as fortes chuvas que levaram ao curto circuito”, disse Andrew Barrow, da Central Networks.

A culpa pelo incidente está sendo atribuída a um clube de pólo local, que realizou um baile anual. “Pode ser que nunca se prove de onde a calcinha veio, mas pode ter sido da nossa festa”, admitiu Emma Rose, representante do clube. “Deve ter sido uma brincadeira de alguém que tirou a peça de roupa de uma mochila e a amarrou no balão”, completou.

Fonte: BBC

Cristóvam Buarque, aprendiz de feiticeiro

Álvaro Dias (PSDB/PR) e José Serra (PSDB/SP) fazem escola nas artes da conspiração e confecção de dossiês, no submundo da política.

Ao que tudo indica, seu mais novo pupilo é Cristóvam Buarque (PDT/DF).

Por incrível coincidência, o delegado da Polícia Federal (PF) Marcelo Teixeira Andrade, é genro do senador Cristovam. Trata-se do chefe da Divisão Combate a Crimes Financeiros (Defin) em Brasília, a mesma que investiga Fernando Sarney (filho de José Sarney).

Quem será que vazou o relatório sigiloso da PF para a imprensa?

O trabalho da PF é sério, tirando um ou outro policial de má conduta, o relatório que levou ao indiciamento do filho do senador também é sério, aliás o que prova que não existe mais impunidade diante da PF. A PF persegue fatos, os envolvidos aparecem por conta própria.

O problema é quando conspiradores usam documentos sigilosos como instrumento político.

Imaginem se relatórios reservados da PF onde aparecem senadores da oposição, como Marconi Perillo, Agripino Maia, Arthur Virgílio, Flexa Ribeiro, Cícero Lucena, Heráclio Forte, Efraim Morais, Álvaro Dias, vazassem assim, convenientemente, para tirar um senador adversário do caminho… o que não estariam dizendo?

Por muito menos, diante da simples consulta na internet da ausencia de restituição do IR e da existência de dívidas na dívida ativa da União, por internautas, o senador Arthur Vírgilio deu o vexame de acusar a Receita Federal de quebrar seu sigilo fiscal, e o governo de querer chantagear, intimidar, de “estado policial”, e outras cobras e largatos.

Fonte: Blog Os Amigos do Presidente Lula

Artigo 171 do código penal: Arthur Virgílio é obrigado a devolver R$ 210 mil aos cofres públicos

Conforme nota de ontem, o Senador Arthur Virgílio Neto (PSDB/AM) afirmou que tomou conhecimento e autorizou um assessor a continuar recebendo salários do Senado, enquanto morava no exterior, por 18 meses, sem trabalhar.

Com a confissão, o senador tucano corre o risco de vir a ser enquadrado em crime tipificado no artigo 171 do código penal, com penas de 1 a 5 anos de prisão e multa.

O senador, depois que foi “pego com a boca na botija”, está obrigado a devolver o dinheiro aos cofres públicos, por bem ou por mal.

Para tentar escapar de um processo, com com base no artigo 171, do Ministério Público Federal e da Polícia Federal, o senador começou a devolver o dinheiro aos cofres públicos (a devolução do dinheiro é obrigação, é um atenuante, mas não elimina o suposto crime previsto no artigo 171).

A diretoria de Recursos Humanos do Senado, calculou que as despesas com o assessor de Arthur Virgílio, na folha de pagamento, sem trabalhar, custou R$ 210.696,58 aos cofres públicos.

O senador tucano, afirma que devolveu aos cofres públicos a primeira parcela, no valor de R$ 60.696,58.

Segundo o senador, essa primeira parte é resultado da venda de um terreno de sua mulher (o senador não declara nenhum imóvel em seu nome no imposto de renda, apesar de ser político profissional há 27 anos recebendo polpudos rendimentos).

Seria bom o senador exibir os comprovantes à Nação, tanto do depósito, quanto da escritura de venda do terreno, para comprovar a origem do dinheiro. Porque suas explicações anteriores não bateram com a verdade, quando ele disse que pagou com restituição do Imposto de Renda o empréstimo feito por Agaciel Maia para pagar suas contas em Paris, uma vez que ele não teve restituição de IR em 2005.

Arthur Virgílio informou que o restante será pago em três parcelas de R$ 50 mil pelos próximos três meses.

O assessor fantasma foi demitido em outubro do ano passado, em meio ao cumprimento da decisão judicial antinepotismo. Ele é filho do subchefe de gabinete de Arhtur Virgílio, Carlos Homero Nina.

Se não foi Arthur Virgílio quem embolsou o salário do fantasma, por que não é o assessor que recebeu o dinheiro, quem está devolvendo?

Se quem recebeu o dinheiro dos salários foi o assessor fantasma, então por que não é ele quem devolve?

Só faria sentido o senador tucano devolver o dinheiro de seu próprio bolso, se o próprio Arthur Virgílio tivesse embolsado o salário do funcionário fantasma, durante aqueles 18 meses.

É mais um mistério, nesta intrincada movimentação de dinheiro que ronda o gabinete do senador Arthur Virgílio Neto, envolvendo até empréstimos de Agaciel Maia.

Ainda falta muito mais do que R$ 210 mil para devolver aos cofres públicos

Arthur Virgílio quer parar nos R$ 210 mil (se é que vai pagar mesmo)?

E os R$ 723 mil indevidos pagos para o tratamento de saúde de sua mãe?

E os salários do professor de jiu-jitsu?

E os R$ 10 mil do Agaciel Maia, que não foi pago com a devolução do IR? Como é possível ter certeza de que não saiu do Senado?

O Conselho de ética precisa solicitar ao Instituto de Criminalística da Polícia Federal (INC) para periciar as contas enroladas do senador tucano.

Fonte:http://www.osamigosdopresidentelula.blogspot.com/

Comando Nacional dos Bancários entrega pauta de reivindicações à Fenaban dia 10 de agosto

O Comando Nacional dos Bancários entregará à Fenaban no dia 10 de agosto, às 15h, em São Paulo, a pauta de reivindicações da Campanha Salarial 2009 aprovada na 11ª Conferência Nacional dos Bancários e ratificada pela quase totalidade das assembleias nas bases sindicais. Antes da reunião com a Fenaban, o Comando Nacional se reunirá às 10h, na sede da Contraf-CUT.

“A categoria já definiu o que quer nas consultas, nas conferências regionais, na Conferência Nacional e nas assembleias. E tem grande expectativa de conquistar aumento real de salário e novos direitos na campanha deste ano”, afirma Carlos Cordeiro, presidente da Contraf-CUT e coordenador do Comando Nacional. “Com os lucros astronômicos que continuam tendo, apesar da crise, os bancos têm plenas condições de atender as reivindicações dos bancários.”

O que os bancários querem

As principais reivindicações da categoria, aprovadas na Conferência Nacional realizada entre 17 e 19 de julho e ratificada pelas assembleias, são as seguintes:

 Reajuste salarial de 10% (reposição da inflação mais aumento real).

 PLR de três salários mais R$ 3.850.

 Valorização dos pisos:
Portaria: R$ 1.432.
Escriturário: R$ 2.047 (salário mínimo do Dieese).
Caixa: R$ 2.763,45.
Primeiro comissionado: R$ 2.763,45.
Primeiro gerente: R$4. 605,73.

 Auxílio-refeição: R$ 19,25.

 Cesta-alimentação: R$ 465,00 (um salário mínimo).

 13ª cesta-alimentação: R$ 465,00.

 Auxílio-creche/babá: R$ 465,00.

 Fim das metas abusivas e do assédio moral.

 Plano de Carreira, Cargos e Salários (PCCS) em todos os bancos, negociado com as entidades sindicais.

 Contratação da remuneração total, inclusive a parte variável, com a incorporação dos valores aos salários e reflexo em todos os direitos (13º, férias e aposentadoria) – com o objetivo de acabar com as metas abusivas.

 Garantia de emprego, fim das terceirizações e ratificação da Convenção 158 da Organização Internacional do Trabalho (OIT), que proíbe demissões imotivadas.

 Mais segurança nas agências.

 Auxílio-educação para todos.

 Ampliação da licença-maternidade para seis meses.

Fonte: Contraf-CUT

Whitney Houston e Robbie Williams vão substituir shows de Michael Jackson

Os popstars Whitney Houston e Robbie Williams deverão realizar shows na Arena O2, em Londres, nas datas que estavam reservadas para as apresentações de Michael Jackson. A AEG Live, responsável pela frustrada volta aos palcos do rei do pop, está procurando artistas para preencherem as 50 datas que seriam destinadas aos shows de Michael – a AEG espera recuperar parte do dinheiro que perdeu com a morte do cantor.

Houston e Williams devem se apresentar em alguns dos 23 dias em que Michael Jackson faria shows no primeiro semestre de 2010. A turnê do rei do pop This Is It estava prevista para começar na Arena O2 no dia 13 de julho, mas o cantor sofreu uma parada cardíaca e morreu poucos dias antes, em 25 de junho.

Trajetórias pareceidas – Ambos os cantores escolhidos pela AEG Live têm carreiras parecidas com a de Michael Jackson – eles viveram momentos de glória, decadência e, durante muito tempo, estavam nas manchetes dos jornais pelos seus escândalos, e não pela música. Whitney Houston foi uma das cantoras que mais venderam discos entre as décadas de 1980 e 1990, atingindo seu auge em 1992, com a canção I Will Always Love You, tema do filme O Guarda-Costas.

Mas Whitney teve sua carreira interrompida por mais de quatro anos quando ela se tornou viciada em drogas. Em agosto desse ano, a diva retoma sua carreira com o lançamento de seu novo álbum: I Look to You. Depois de alguns problemas com disputas contratuais com a sua gravadora, a EMI, Robbie Williams também lançará um novo álbum, Reality Killed the Video Star, que deve ser lançado em outubro. Williams também está planejando uma turnê mundial para divulgar o novo trabalho.

Fonte: http://veja.abril.com.br/noticia/variedades/whitney-houston-robbie-williams-vao-substituir-shows-michael-jackson-488875.shtml

Incorporação de Unibanco e do Itaú recebe sinal verde da Susep

A transferência do controle acionário direto e a incorporação da Unibanco Capitalização pela Itaú Capitalização receberam sinal verde da Superintendência de Seguros Privados.

O controle acionário indireto e a ingerência efetiva nos negócios da nova empresa serão exercidos pela Itaú Unibanco Banco Múltiplo. Com isso, a Itaú Capitalização elevou o capital de de R$ 686,5 milhões para R$ 2,077 bilhões, aumento de 49,3%.

Fonte: Monitor Mercantil

Banco do Brasil prorroga prazo de validade de cartão do Besc para pessoa física

O Banco do Brasil anunciou que foi prorrogada a validade do cartão Besc para pessoa física, que venceria nesta sexta-feira. O cartão desses clientes passa a ser válido até 31 de agosto.

O banco ressalta que esse cartão é utilizado somente para efetuar transações bancárias. A partir do novo prazo, e para compras a débito, o cliente deve utilizar o novo cartão BB Besc, que deverá ser solicitado em sua agência de relacionamento.

A incorporação do Besc pelo Banco do Brasil foi oficializada em outubro de 2008 e concluída em abril deste ano.

Fonte: Diário de Santa Catarina

Vale-Cultura pode passar para R$ 100

RIO – Ministério da Cultura (MinC) estuda aumentar de R$ 50 para R$ 100 o valor do Vale-Cultura, tíquete que dará direito, para o empregado de empresas interessadas, à aquisição de bens de cultura e ingressos em espaços e eventos culturais. O plano foi anunciado pelo ministro Juca Ferreira na noite de terça-feira, durante um debate, em Mesquita, com produtores e artistas da Baixada Fluminense, que entregaram a ele uma carta de intenções propondo um plano regional de cultura da Baixada.

O encontro discutiu a reforma da Lei Rouanet proposta pelo MinC, em mais uma das reuniões que o ministério tem feito pelo país – já passaram por 17 capitais – para tratar do tema. Também presente ao debate, a secretária estadual de Cultura, Adriana Rattes, disse apoiar a reforma e adiantou que esta semana estão sendo lançados os primeiros 150 pontos de cultura do Estado do Rio vindos de um convênio da secretaria com o MinC.

Segundo Ferreira, no lançamento do projeto de lei do Vale-Cultura na semana passada, em São Paulo, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva teria se comprometido com o aumento do valor de R$ 50, que profissionais do setor teriam reclamado ser muito baixo.

– Vamos pressionar a Receita Federal para ver se subimos esse valor para R$ 100 – disse ele, aproveitando para rebater as críticas de que o lançamento do Vale teria sido um ato político visando às eleições do ano que vem. – Disseram que era eleitoral. Mas estamos nesse projeto há seis anos! O próprio Rouanet (ex-ministro da Cultura) queria o Vale, mas não conseguiu implantá-lo na época.

Como tem feito nos outros encontros de discussão da nova Rouanet, Ferreira também apresentou números do que seria a atual concentração de recursos da lei nas cidades de Rio e São Paulo.

– De cada R$ 10 investidos em cultura pela Rouanet, R$ 9 são de dinheiro público do Imposto de Renda, e só R$ 1 é contrapartida da iniciativa privada. Mas, mesmo nesse R$ 1, não é tudo de empresas privadas, porque R$ 0,47 são de estatais – disse ele, criticando também o setor do livro, que não teria barateado o preço do produto, apesar da desoneração tributária que recebeu.

Na hora em que se abriu a palavra para a plateia, Richard Riguetti, do Grupo Off-Sina, de circo e teatro de rua, quis saber “como a gente vai colocar a maquininha do Vale no chapéu?”. Ele se referia ao fato de que o Vale-Cultura será um cartão magnético, onde apenas os locais credenciados e com máquina para leitura poderão aceitá-lo.

– Vamos tentar distribuir aquelas máquinas portáteis de leitura de cartão. A arte de rua vai poder ter o Vale – garantiu o ministro.

Fonte: O Globo Online

Quem quer liquidar Sarney?

O senador Sarney é um dos remanescentes das antigas oligarquias, que participaram, por longo tempo, do comando do Estado brasileiro. Como todos os demais, ele migrou da classe dos latifundiários para a burguesia. Apoiou o golpe militar de 1964 e foi figura de proa na Arena. No final desta, foi para a Frente Liberal. Mas apercebeu-se, antes dos outros de seu partido, que o regime militar estava no fim e que, para salvar sua classe, era preciso trocar de lado e realizar uma transição negociada.

Foi essa visão que lhe valeu a candidatura a vice-presidente, na eleição indireta de Tancredo, e a presidência, ante a morte prematura do cabeça da chapa. Seu governo foi medíocre, embora tenha contribuído positivamente para a concretização das primeiras eleições presidenciais diretas, após mais de 25 anos, fundamentais para a consolidação do processo democrático no Brasil. O que não foi pouco.

Bem vistas as coisas, Sarney foi, antes de tudo, um fiel servidor de sua classe social. Algumas vezes esteve na frente dela, ao captar as tendências sociais e políticas. O que o levou a adotar posturas para salvá-la de seus próprios desacertos. Em certo sentido, ele parece acompanhar os passos sagazes de Vargas que, em seu tempo, salvou tanto os latifundiários quanto a burguesia com seu faro agudo para as mudanças em gestação na base da sociedade.

Provavelmente, foi essa intuição que levou Sarney, em 2002, bem à frente de seus partidários, a vislumbrar que era o momento de permitir que representantes dos trabalhadores experimentassem o mel e o fel de ser governo, sem ter o poder. O que lhes garantiu canais de negociação e influência no governo Lula, e benefícios evidentes para sua classe, como um todo

Diante desse histórico, o que se pergunta é: por que uma parte da burguesia decidiu liquidar, com desonra, um de seus mais sagazes representantes políticos? Seus pecadilhos, assim como vários dos seus grandes pecados, não são em nada diferentes dos que a maioria dos senadores e deputados deve confessar a seus pastores. E não se diferem em nada da prática diária da burguesia, ao realizar seus negócios. Então, por que a fúria para derrubar o senador?

A resposta a essas questões pode estar no fato do senador Sarney haver demonstrado propensão a considerar que o governo, com participação de representantes dos trabalhadores, deva ter continuidade, em 2010. Isto pode resultar na negativa de utilizar a presidência do Senado como instrumento para paralisar o governo atual. Se isso for verdade, a suposta falta de decoro parlamentar do senador não passa de cortina de fumaça. Ela esconde apenas a tentativa de derrubar o senador para, através da presidência do Senado, virar o jogo de 2010 no tapetão, impedindo o governo Lula de realizar seus principais projetos.

Porém, a resposta pode mesmo estar relacionada com deslizes na emissão de decretos secretos, ou na omissão diante deles, assim como com atos de favorecimento para empregos no Senado e na Câmara dos Deputados. Se esta for a verdade, os senadores deveriam acabar com a hipocrisia e realizar uma investigação séria, colocando-se todos sob suspeição.

Com uma investigação desse tipo, separando-se os que realmente não participaram de qualquer daqueles atos dos que os praticaram, é provável que o senador Sarney não saia ileso. Mas, certamente, levaria muita gente consigo. Seria o justo. O resto não passa de engodo de falsa moralidade e objetivos escusos.

Fonte:  http://www.folhadoprogresso.com.br/folha3br2/modules/eNoticias/article.php?articleID=955

Túnel do Tempo: 20 anos da morte de Luiz Gonzaga

O “Rei do Baião”. Dessa forma era – e é até hoje – chamado Luiz Gonzaga do Nascimento, responsável por dezenas de obras-primas da Música Popular Brasileira. No próximo domingo, dia 02 de agosto, serão comemorados os 20 anos que Luiz Gonzaga, o filho de Januário que nasceu no dia de Santa Luzia (daí o seu nome) em 13 de dezembro de 1912, na cidade de Exu (Pernambuco), nos deixou.

Antes de se tornar músico, Luiz Gonzaga trabalhou na lavoura. Ainda bem que, nesse período, ele usava as suas horas vagas para aprender sanfona com o seu pai. Aos 12 anos, o futuro “Rei do Baião” já acompanhava o pai em apresentações em bailes e festas. Perto dos 18 anos, Luiz Gonzaga mudou-se para Crato (Ceará), onde se tornou corneteiro no 23º Batalhão de Caçadores. Passou por Minas Gerais e São Paulo até chegar ao Rio de Janeiro no final dos anos 30. No final da década, desligou-se do Exército e passou a se dedicar exclusivamente à música, até ser contratado pela Rádio Nacional. O radialista César de Alencar (que, juntamente com Paulo Gracindo, deu a ele o apelido de “Lua”) o chamava de “o maior sanfoneiro nordestino”. E, naquela época, isso não era pouca coisa, pode ter certeza…

Já em 1941, houve as primeiras gravações instrumentais de Luiz Gonzaga. Em 1945, Gonzagão registrou, pela primeira vez, uma canção com a sua voz – “Dança Mariquinha”. No mesmo ano, Gonzaguinha nasceu. Em 1946, com a música “Baião”, Luiz Gonzaga lançou um novo gênero musical chamado… baião! Escrita em parceria com o advogado cearense Humberto Teixeira, e gravada pelo grupo Quatro Azes e Um Coringa, a música é um manifesto de um gênero que se impôs no país, até o surgimento da Bossa Nova. E a verdade é que, entrava gênero, saía gênero (Jovem Guarda, Tropicália, Rock Brasil etc), o baião de Gonzagão nunca saiu de moda.

Mas foi em 1947 que ele gravou “Asa Branca”, a sua música mais importante, também em parceria com Humberto Teixeira. A música é considerada, até hoje, uma das mais importantes da história da Música Popular Brasileira, tendo sido regravada por diversos artistas, como Rosinha de Valença, Fagner, Maria Bethânia, Caetano Veloso e Carmélia Alves. Após tal canção, Luiz Gonzaga gravou inúmeros sucessos, como “A Vida do Viajante” (com Hervé Cordovil), “Lorota Boa”, “Juazeiro”, “Assum Preto”, “Respeita Januário” (as quatro com Humberto Teixeira), “Cintura Fina”, “Imbalança”, “O Xote das Meninas”, “Vem Morena”, “Riacho do Navio” (as cinco com Zé Dantas), “Olha Pro Céu” (com José Fernandes) e “Pau-de-Arara” (com Guio de Morais).

Luiz Gonzaga morreu aos 76 anos, em Recife, vítima de parada cardiorrespiratória. Até a sua morte, em 1989, Luiz Gonzaga gravou diversos discos e não parou de fazer shows por todo Brasil. Até mesmo porque, como diz aquela sua velha canção: “Minha vida é andar por esse país…”.

E anda até hoje, 20 anos após a sua morte.

Fonte: Portal do Sidney Rezende

Parques da Disney selecionam universitários no Ceará

Está aberta a seleção de universitários interessados em trabalhar durante as férias do final do ano nos parques da Disney, em Orlando, na Flórida. Podem participar estudantes de qualquer curso, com idade entre 18 e 28 anos, que demonstrem nível de inglês intermediário.

Não é exigida experiência profissional. São oferecidas vagas de diversas funções em parques de diversões, hotéis, restaurantes e lojas. O processo de seleção será realizado a partir dos dias 12 e 13 de agosto, das 9 às 19 horas, no auditório A-1 da Universidade de Fortaleza (Unifor). Os aprovados embarcam em novembro, com visto de intercambio e contrato temporário, de acordo com a legislação trabalhista dos Estados Unidos.

O processo de seleção estará a cargo da Student Travel Bureau (STB), agência de intercâmbio em todo o Brasil autorizada a promover programas de parceria com a Walt Disney World Company. A filial de Fortaleza é uma das credenciadas da rede STB no Brasil a realizar a seleção com representantes da Disney.

Outras informações pelo telefone 3266 2900.

Fonte: O Povo Online

Secretário não descarta nova licitação do metrô de Fortaleza

Em visita à obra da estação ferroviária da Parangaba ontem, o secretário da Infraestrutura do Governo do Estado, Adail Fontenele, disse que não está descartada a possibilidade de retomar a obra do metrô de Fortaleza com uma nova licitação, dessa vez feita por etapas. “Eu até preferia. Se tivesse sido assim desde o início, não estava parado agora. Com várias frentes, vários responsáveis, temos mais agilidade”, afirmou Adail. A nova licitação, de acordo com o secretário, demoraria 90 dias para sair.

Enquanto o impasse jurídico não é resolvido, o Governo do Estado deve iniciar obras complementares do metrô que não fazem parte do pacote assumido pelo consórcio Queiroz Galvão/Camargo Corrêa. Além da restauração da estação ferroviária da Parangaba, até o dia 15, devem ser iniciadas as obras do viaduto entre a avenida José Bastos e a rua Padre Cícero e o trecho que vai da Praça da Lagoinha à Estação João Felipe. “A Região Metropolitana não pode mais esperar. O Governo do Estado tem feito tudo que é possível para dar agilidade”.

Fonte: O Povo Online

Bolsa Família é reajustado em até 10%

Benefício básico passou de R$ 62 para R$ 68; faixa de atendidos pelo programa também foi alterada

Os governo federal acaba de reajustar os benefícios do Bolsa Família, de acordo com decreto publicado nesta sexta-feira, 21, no Diário Oficial da União.

O benefício básico foi corrigido em 9,68%, passando de R$ 62 para R$ 68, e os demais benefícios foram reajustados em 10%. O variável passou de R$ 20 para R$ 22 e o benefício por adolescente, de R$ 30 para R$ 33.

De acordo com o novo texto, o programa Bolsa Família atenderá às famílias em situação de pobreza e extrema pobreza, caracterizadas pela renda familiar mensal per capita de até R$ 140,00 e R$ 70,00, respectivamente. Os valores anteriores variavam entre R$ 120 e R$ 60, respectivamente.

Na última terça-feira, 21, o secretário do Tesouro, Arno Augustin, já havia deixado escapar que o reajuste do Bolsa Família seria de 10%.Fonte: Agência Estado

Semáforos inteligentes são instalados em Fortaleza

Dois semáforos que têm tempo de verde de acordo com o fluxo do trânsito foram instalados na rua Leonardo Mota, no cruzamento com as ruas Canuto de Aguiar e Ana Bilhar.

Os aparelhos foram instalados há aproximadamente uma semana. De acordo com Autarquia Municipal de Trânsito (AMC) os dois semáforos já reduziram os acidentes nas duas esquinas.

Segundo AMC, a renovação da sinalização horizontal e vertical continua entre as avenidas Historiador Raimundo Girão, Desembargador Moreira, Dom Manuel e as ruas Pinto Madeira e Torres Câmara.

Redação O POVO Online

O território da paz em Fortaleza

Eles são jovens, têm menos de 30 anos. E moram em uma área considerada como de “altos índices de violência”

Naquela quarta-feira, houve mais uma manhã de buscas pelo Grande Bom Jardim. A área, na zona sul de Fortaleza, é a junção de cinco bairros: além do Bom Jardim, a Granja Portugal, o Siqueira, a Granja Lisboa e o Canindezinho. É também o encontro dos antigos moradores com as populações das secas e favelas, tangidas da beira-mar e do centro da metrópole a partir dos anos 70 – costuma narrar um deles. Há pouco, tornou-se um dos 12 “territórios da paz”, alvo do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci).

Em paralelo, naquela quarta-feira de buscas, o estudante Lucieudo dos Santos Silva, 26, encontrou o que vem procurando desde novembro de 2008: “Demos uma pequena volta no Bom Jardim… Fomos rever alguns artistas”. Em meio aos 175 mil habitantes desse caleidoscópio, tem “o seu Paulo, do teatro, seu Geraldinho, sanfoneiro…”, cataloga José Wilton, 26, filho de um par junino e coordenador da quadrilha infantil Tesouro Nordestino. Tem também a família de Luciana Maciel, 24. “Tenho um tio e um primo que são músicos. Meu tio tem um grupo de senhores, o Forró Mais ou Menos”. São 47 artistas e artesãos no Bom Jardim, afirma o grupo de nove jovens à frente do Projeto de Mobilização e Difusão Cultural da Periferia.

Desde novembro passado, eles palmilham o Grande Bom Jardim. Andaram o Canindezinho, onde descobriram 38 artistas e artesãos, e seguem pelo Siqueira. Neste mês, programa a coordenadora Clevandira Dias, deve-se reunir o material para um livro de referência. A pesquisa, que deságua também em um vídeo e um site, tem o apoio da Secretaria da Cultura de Fortaleza e é parte do Projeto Jardim Brincante, que tem o amparo do Centro de Defesa da Vida Herbert de Souza. Alguns jovens participam ainda do Projeto Bom Jardim com Arte (Bomjarte), juntando-se a mais 140 na União dos Moradores do Bairro Canindezinho. Assim, com 72 entidades, vai-se tecendo a Rede de Desenvolvimento Sustentável do Grande Bom Jardim.

Questão de escolha –  Vão-se tecendo manhãs como as de domingo, do vestibular da Universidade Estadual do Ceará (Uece). “Onde tem violência, tem também artista, projeto social, escola. É uma questão de escolha”, atenta Júnior Santos, 19, estudante. Ele cresceu onde o Pronasci aponta como uma das regiões do País “com altos índices de violência”.

E optou pelo curso de Filosofia na Uece. Mais cedo, ou mais tarde, Júnior deve ser mais um nas estatísticas de Evandro Lemos, educador do Bomjarte: 30 jovens se tornaram universitários, em seis anos de projeto. Não é pouco. Cada um é uma vitória importante no jogo diário contra as drogas, por exemplo. “De setembro para cá, 18 jovens foram assassinados, na área, pelo tráfico”, lamenta o educador. Cada um faz a diferença. “Agora, mais de 15 estão aguardando o resultado do vestibular. Isso é o que motiva a gente a continuar”, ganha fôlego.

Fonte: O Povo Online

Miss Gay Ceará 2009 será escolhida neste sábado

Vem aí o Miss Gay Ceará 2009.

O concurso ocorrerá no próximo sábado, a partir das 23 horas, na boate Oásis, e promete reunir mais de 20 candidatas em clima de pompa, circunstância e, claro, muitas plumas e paetês.

A apresentação será de Dayany Princy. Haverá ainda shows com Cláudia Rolim, Amanda Marques  e Shakira Costa, com performances que prometem fazer o público delirar, segundo a comissão organizadora.

O evento conta com o apoio do Governo do Estado, Prefeitura de Fortaleza e vários patrocinadores.

SERVIÇO

Boate Oásis – Avenida Santos Dumont, 6061.

Ingresso – R$ 10,00

Informações – 9995 5962

Fonte: Blog do Eliomar de Lima

No limite – Moradores de Trairi potestam contra interdição de praia

“A faixa estendida na praia de Lagoinha, município de Paraipaba (a 98 km de Fortaleza), avisa sobre a interdição de um trecho na praia de Flexeiras, em Trairi (a 137 km da Capital). Sem identificação, a sinalização anuncia interdição do dia 22 de julho a 30 de setembro. O trecho teria sido fechado para gravação do programa No Limite, da Rede Globo, que está sendo feita em uma fazenda a seis quilômetros da sede de Trairi. Alguns moradores e profissionais do setor turístico questionam a interdição.

“Essa situação absurda está gerando muita indignação nos cidadãos de Lagoinha e arredores”, protesta o empresário Osvaldo Janeri, que mora na praia localizada Paraipaba. Ele ressalta que o trecho é utilizado por muitas pessoas que trabalham em localidades próximas.

Os donos de bugues e quadriciclos que alugam o equipamento para passeio também reclamam. Um deles, que não quis se identificar, disse que não contesta a gravação do programa na região, nem mesmo a interdição da praia. Mas eles querem negociar o ressarcimento dos prejuízos causados.

O POVO entrou em contato com a Central Globo de Comunicação, que reforçou, por e-mail, que o No Limite é gravado dentro de propriedade particular onde trabalham mais de 150 pessoas, mas não comenta se a produção do programa fechou a praia. A atração estreou ontem na

Rede Globo – A Gerência do Patrimônio da União não soube informar se a interdição está autorizada. O gerente Clésio Saraiva explica que, para esse tipo de interdição, é necessário permissão de uso, que é concedida pelo período 30 dias, prorrogável por mais 30. Os 71 dias de interdição anunciados pela faixa, entretanto, não seriam permitidos. “Se não tiver autorizado, a gente entra com Ministério Público Federal e embarga”.

Fonte: Blog do Eliomar de Lima

Confira a agenda de shows e festas para o fim de semana

Roupa Nova de volta à Fortaleza – A veterana banda carioca Roupa Nova chega a Fortaleza para única apresentação no sábado, 1º, às 22h, no Siará Hall (av. Washington Soares, 3199 – Édson Queiroz). No palco, o sexteto irá destacar seus principais sucessos ao longo da trajetória. Preços individuais: R$ 30 (pista), R$ 120 (Mesa Premium), R$ 90 (Mesa VIP), R$ 100 (Camarote 1º Piso) e R$ 80 (Camarote 2º Piso).

Cine Ceará homenageia Che Guevara – Tem início na quarta-feira, 29, prosseguindo até 3/8, a 19º edição do Cine Ceará reunindo Mostra Competitiva Ibero Americana de Longas-Metragens, Mostra Competitiva de Curtas-Metragens, Che – Olhares no Tempo, Cinema de Animação Cubano – 50 Anos de Criação do Icaic, Mostra Olhar no Ceará, Mostra Ibero-Americana de Cinema de Animação, Mostra O 1º Filme a Gente Nunca Esquece, Mostra Melhor Idade e Mostra BNDES de Animação Infantil. Mais info.: www.cineceara.com.br.

Sthefany no Forró do Sítio Absoluta – A cantora Sthefany, que estourou na internet com a música do CrossFox, se apresenta em Fortaleza, no dia 1º de agosto, no Forró no Sítio. A festa também terá Forró dos Play’s e Lagosta Bronzeada. Ingresso: Pista: R$ 20,00 (1° lote antecipado)/ Camarote: R$ 40,00 (1º lote antecipado). Info: 8629 0000.

Fortaleza em Férias traz Sérgio Loroza – Despedida – O cantor Sérgio Loroza faz apresentação neste sábado, 1º, com o grupo de samba Unidos da Cachorra dentro do projeto Fortaleza em Férias que vai reunir, no aterro da Praia de Iracema, uma programação diversificada e gratuita. O projeto, que será realizado de 31 de julho a 2 agosto, reunirá exposição de artesanato, gastronomia regional, prática de esportes (capoeira, vôlei, escalada), biblioteca ao ar livre, contação de histórias, teatro infantil, oficina de pintura, desenho, escultura, além de shows musicais.

Móveis Coloniais Acaju no Órbita – C_MPL_TE – Móveis Coloniais Acaju – A banda brasiliense retorna a Fortaleza para lançar seu segundo CD, C_MPL_TE (Complete), em única apresentação nesta sexta-feira, 31, a partir das 22h, no Órbita Bar (rua Dragão do Mar, 207 – Praia de Iracema). O show marca o encerramento do mês de comemoração dos 10 anos da casa; a abertura será com a banda cearense Monophone. Ingressos: R$ 20 (1º lote) e R$ 25 (2º lote) – à venda nas lojas Desafinado. Info.: 3453 1421.

Cidadão Instigado lança novo CD – Uhuuu! – A turnê Nordeste que lança o terceiro CD da banda Cidadão Instigado, Uhuuu!, inicia em Fortaleza no sábado, 1º, às 22h30, no Teatro da Boca Rica (rua Dragão do Mar, 260/ ingresso: R$ 15 e ingresso + CD: R$ 25); e prossegue na quinta-feira (6), às 20h, no Teatro Sesc-Emiliano Queiroz (av. Duque de Caxias, 1701/ inteira: R$ 10).

Serra da Ibiapaba recebe VI Festival de Música – Viçosa do Ceará – Pela sexta vez Viçosa do Ceará, na serra da Ibiapaba, vai se transformar em
uma verdadeira cidade da música durante o VI Festival Música na Ibiapaba que acontece de 25 de julho a 1º de agosto. Dentre as atrações as bandas cearenses Groovytown, banda Dona Zefinha e a cantora Paula Tesser. Do Rio de Janeiro vêm os grupos instrumentais Trio SambaJazz e Cama de Gato. Info.: 3488 8601.

Ambulantes são tema de exposição – CCBNB – “Ambulantes em espaços vagos”, dos artistas, arquitetos e professores mineiros Breno Silva e Louise Ganz, está em cartaz no Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza (rua Floriano Peixoto, 941 – Centro até o dia 31 de agosto. A exposição é um desdobramento do trabalho “Lotes Vagos” que tinha como questão central a ocupação de terrenos baldios nas cidades com a finalidade de torná-los públicos temporariamente. Visitação: terça-feira a sábado, de 10h às 20h; domingo de 10h às 18h. Info.: 3464 3108.

Bonecas – Exposição pertencente ao acervo histórico do Museu Estrela, trazendo bonecas Susi vestidas por estilistas famosos, além de modelos premiados no Concurso de criação Estrela/Fenit. Até sábado (1º), no North Shopping Fortaleza e Maracanaú. Outras info.: 3404 3000.

Tributo a Red Hot Chili Peppers Com show cover da banda Mothers’s Milk + DJ. Nesta sexta, 31, a partir das 22h, no Acervo Imaginário (rua José Avelino, 226 – Praia de Iracema). Ingressos antecipados: R$ 10 (individual) e R$ 15 (duplo) – à venda na Planet CDs (Gal. Pedro Jorge, sala 207 – Centro). Ingressos na hora: R$ 12. Info.: 3253 3981 / 3221 4894.

Forró Pé de Ouro e Raízes do Forró Show das bandas nesta sexta, 31, a partir das 22h, no Restaurante Delícias do Sertão (avenida Godofredo Maciel, 5421). Mais info.: 3296 1323.

Camisa 10 All Stars – Estreia da banda no show África-Brasil, que homenageia o clássico disco de Jorge Ben (1976). O projeto reúne músicos de diversos grupos de samba rock, pop e outros artistas locais, a fim de experimentar novas propostas e formatos mesclando sonoridades e estética. Nesta sexta, 31, a partir da meia-noite, no Buoni Amici’s Sport Bar (rua Dragão do Mar, 80 – Praia de Iracema); às 22h e após a apresentação, o som fica por conta dos DJs reisdentes Guga de Castro e Marquinhos. Mais info.: 3219 5454.

Puro Malte Show de blues e rock’n’ roll em clássicos e autorais. Nesta sexta, 31, a partir das 22h, no Bar Altas Horas (avenida Washington Soares, 4567 / próximo ao Habib’s da Seis Bocas – Shopping Acapulco).

Fernando Rosa Apresentação do show Embornal do Tempo, que traz as canções de seu segundo CD e composições de nomes consagrados da música nordestina. Nesta sexta, 31, às 20h, no teatro do Sesc-Senac Iracema (rua Boris, 90C – Praia de Iracema). Ingressos: R$ 10 (inteira) R$ 5 (meia). Info.: 3252 2215.

Bruno & Leonardo Show da dupla sertaneja nesta sexta, 31, a partir das 23h, na América Beer (avenida Santos Dumont 6131 – Papicu) Couvert: R$ 3. Info.: 3262 2710.

Romildo Neto e Gilmar Nunes MPB ao vivo nesta sexta, 31, a partir das 20h, na América Beer Sul (avenida Oliveira Paiva, 2061 – Cidade dos Fncionários). Couvert: R$ 3.

Chico Justino, Zé de Manu e Bob AraújoShows nesta sexta-feira, 31, a partir das 22h, no Kukukaya (av. Pontes Vieira, 55). Mais info.: 3227 5661.

André Marçal MPB ao vivo com o cantor, voz e violão, dentro do projeto 6ª Musical. Nesta sexta, 31, a partir das 18h30, no Shopping Center Um (avenida Santos Dumont, 3130). Grátis. Info.: 3261 9756.

Cristiane Fiúza interpreta Beatles
Nesta sexta, 31, a partir das 21h, no Mistura Cenários (rua Barão de Aracati, 1240 – Aldeota). Couvert: R$ 5. Reservas e info.: 3254 2520.

Beach Sounds Pop-rock com a banda O Verbo nesta sexta, 31, a partir do meio-dia, no Restaurante da Praia do Beach Park (Porto das Dunas). Couvert: R$ 4. Info.: 4012 3000

Edinho Vilas Boas MPB ao vivo com o cantor nesta sexta, 31, às 22h, no Café Ponto de Luz (rua Cel. José Aurélio Câmara, 1201 – Dunas). Couvert: R$ 2,50. Info.: 3262 1926.

Racional Soul Black music e afins com a banda. Todas as sextas-feiras, a partir das 22h. no bar Bebedouro (rua Norvinda Pires, 22 – Aldeota). Couvert: R$ 4. Info.: 3224 4759.

Paulo Façanha & Banda Pop nacional e MPB com o cantor e compositor cearense. Nesta sexta, 31, às 21h, no Bar do Papai (rua Monsenhor Bruno, esquina com Torres Câmara – Aldeota). Mais info.: 3264 3495.

Projeto Ensaio Aberto – Apresentação da bateria do bloco carnavalesco Unidos da Cachorra.No sábado, 1º, das 16 às 18h30, na Praça do Ferreira (em frente ao Centro Cultural Sesc-Luiz Severiano Ribeiro – Centro). Grátis.

Orquestra Filarmônica do Ceará Concerto Filarmônica Gonzagueando, numa homenagem aos 20 anos de morte de Luiz Gonzaga. Participações especiais: Luizinho Calixto e Grande Coral. Domingo, 2, às 19h, no palco principal do Theatro José de Alencar (Praça José de Alencar, s/n – Centro). Ingressos: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). Info.: 3101 2583.

Ressaca do Fortal – Festa com shows do cantor Mr. Babão e das bandas Nigroover e São Ninguém, além dos DJs residentes JP Gonzalles, Rodrigo Lobbão e João Luís + convidado. Nesta sexta, 31, a partir das 21h30, no Mucuripe Club (Travessa Maranguape, 108 – Centro). Mais info.: 3254 3020.

Sexta Rock Mundi O projeto encerra sua temporada de julho com show da banda Mobília + discotecagem do DJ Z. Nesta sexta, 31, no Mundi Pub & Club (Praça Portugal, 71 – Aldeota).

Pagode do Samuca: 7ª Edição Com show dos grupos Ventilador no 3, Dose Dupla e Segundas Intenções. No sábado, 1º, a partir das 21h, na Rua Júlio Lima, 676 – por trás da Dafonte da Oliveira Paiva. Ingressos: R$ 15 (antecipados na Dor’s Burguer) e R$ 20 (na hora). Info.: 8638 4959 / http://www.pagodedosamuca.com.br

Reggae Roots Com show de lançamento do novo CD da banda Faculdade Mental + DJs à noite toda. No sábado, 1º, a partir das 23h, no Reggae Club (rua José Avelino, 508 – Praia de Iracema). Ingressos à venda no local. Info.: 8701 6797.

Fonte: O Povo Online

Brasil denuncia a Grã-Bretanha na ONU por tráfico de resíduos perigosos

O Brasil denunciou ante o secretaria da Convenção da Basileia o caso das 1.400 toneladas de resíduos contaminantes descobertos em seus portos do Rio Grande e Santos procedentes da Grã-Bretanha, confirmou à AFP uma fonte diplomática brasileira em Genebra.

A Convenção da Basileia (1992), que faz parte do sistema das Nações Unidas, tem por objetivo controlar o movimento de fronteiras de dejetos perigosos e sua eliminação em outros países, em particular evitar o envio a partir de nações industrializadas.

Fonte: Agência France Presse

Governo confirma base de lançamento de foguete no Ceará

As negociações entre a Agência Espacial Brasileira (AEB) e o Governo do Estado para a instalação de uma nova base de lançamento de foguetes no Ceará estão avançadas. A localização da base ainda não está definida, mas o Governo descarta a possibilidade de ser no Pecém

O Ceará deve abrigar a nova base de lançamento de foguetes dentro do Programa Espacial Brasileiro. As negociações com o Governo do Estado estão sendo feitas através da Agência Espacial Brasileira (AEB), vinculada ao Ministério da Ciência e Tecnologia.

De acordo com a assessoria de imprensa do Governo, apesar dos entendimentos sobre o assunto estarem avançados, a localização da nova base, chamada de Complexo Espacial Brasileiro (CEB), ainda não está definida. Sobre a informação publicada ontem no Valor Econômico de que a base seria implantada próximo ao Pecém, em São Gonçalo do Amarante, a assessoria explica que “a exigência é que seja disponibilizada uma área de seis mil hectares no litoral (60 km², uma área equivalente ao tamanho do município de Guaramiranga)” e descarta a possibilidade da base ser implantada próximo ao Complexo Industrial.

Não ser no Pecém se justifica pela tendência de crescimento da região com a chegada de grandes empreendimentos como siderúrgica, termelétrica, refinaria, além de outras indústrias que devem ser atraídas para o Complexo nos próximos anos.

O Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (CLBI), no Rio Grande do Norte, por exemplo, teve as atividades reduzidas, sendo substituído pelo Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), no Maranhão, justamente por conta do crescimento urbano em seu entorno. A base no Ceará é complementar à base maranhense, que continuará em atividade. A área a ser escolhida no Ceará deve ser pouco povoada, mas precisa oferecer condições de infraestrutura como estradas e aeroporto.

Os motivos
Inicialmente o CEB seria construído no Maranhão, próximo à base de Alcântara. O projeto, no entanto, foi prejudicado no fim do ano, quando Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) baixou uma portaria decretando que 78 mil hectares dos 114 mil hectares que constituem a península de Alcântara como pertencentes à comunidade quilombolas.

Segundo informações da Agência Brasil, divulgadas no começo de julho, a área em estudo para abrigar a nova base reúne as características que mantêm a competitividade de Alcântara em relação aos centros internacionais de lançamento. O Ceará foi escolhido por estar próximo à linha do Equador, o que garante a economia de até 30% sobre o consumo de combustível. Além disso, o Estado está localizado no litoral é uma condição de segurança necessária para a atividade espacial.

O POVO apurou que a vantagem do Ceará possuir uma base de lançamento de foguetes está principalmente no fato de o Estado passar a ser, juntamente como o Maranhão, um polo de referência em pesquisa espacial. Especula-se que próximo à futura base sejam construídos hotéis a fim de atrair extensões universitárias voltadas para a tecnologia espacial.

A AEB informou, através da assessoria de imprensa, que apenas o presidente da Agência, Carlos Ganem, se pronuncia sobre o assunto, mas estava em viagem.

Fonte: O Povo Online

Brasil triplica distribuição de remédio contra a gripe suína

O laboratório de Farmanguinhos (RJ), da Fiocruz, entregou ontem ao Ministério da Saúde as 150 mil primeiras cartelas produzidas no país do medicamento para tratamento da gripe A (H1N1), a gripe suína, que, até ontem, havia causado 63 mortes no Brasil. Outras 60 mil serão entregues hoje. Cada cartela contém dez cápsulas e é suficiente para tratar uma pessoa.

As 210 mil cartelas do oseltamivir (comercializado como Tamiflu) são o triplo de todo o volume já distribuído pelo ministério –70 mil kits, adquiridos da fabricante suíça Roche.

Fonte: Folha Online

Após 7 mortes por gripe suína, Passo Fundo (RS) indica Tamiflu para caso suspeito

O município de Passo Fundo (RS) anunciou nesta quinta-feira que irá recomendar o uso do medicamento Tamiflu para os pacientes com suspeita de gripe suína –a chamada gripe A (H1N1). A determinação vai contra o protocolo do Ministério da Saúde, que indica o tratamento apenas para os pacientes de risco ou casos graves da doença.

A medida foi adotada após a cidade registrar 7 das 21 mortes ocorridas no Estado em consequência da doença. Duas destas mortes foram divulgadas nesta quarta-feira (29).

Os médicos de Passo Fundo foram orientados a preencher um questionário –criado pelo comitê de prevenção da doença na cidade– durante o atendimento aos pacientes com sintomas da doença. Dependendo da avaliação, os pacientes com sintomas da gripe receberão uma ficha que autoriza a utilização do Tamiflu, disponível nos hospitais da cidade.

De acordo com o HSVP (Hospital São Vicente de Paulo), a quebra do protocolo será indicada, principalmente, “nos casos de pacientes com síndrome gripal a menos de 48 horas, que apresentam alteração pulmonar ao exame físico e ou radiológico, e que não estão com disfunção respiratória aguda grave”. A ficha de referência deverá ser enviadas também aos médicos particulares.

Passo Fundo foi o primeiro município a confirmar uma morte em decorrência da doença no país, do caminhoneiro Vanderlei Vial, morto no final do mês passado.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, as duas mortes divulgadas ontem ocorreram no último dia 22, no Hospital São Vicente de Paulo. Os pacientes eram uma mulher de 28 anos, portadora da Síndrome de Down; e um homem de 42 anos, que não apresentava nenhum problema de saúde.

Os outros pacientes com a gripe A (H1N1) que morreram na cidade foram: um comerciante de 42 anos; um homem de 31 anos; e duas gestantes, uma delas com 31 anos e a outra de 25 anos.

Fonte: Folha Online

Lipoaspiração de Ronaldo provoca saia justa no Corinthians

Ronaldo fez uma lipoaspiração quarta-feira antes de sua cirurgia na mão esquerda, porém o Corinthians não admitia oficialmente até ontem que o atacante fora submetido a uma intervenção para retirar gordura.

O jogador foi atendido por duas equipes médicas diferentes na unidade do Itaim do hospital São Luiz. Antes de colocar duas placas e 12 parafusos na mão esquerda, em cirurgia supervisionada por Joaquim Grava, coordenador do departamento médico do Corinthians, Ronaldo retirou aproximadamente 700 ml de gordura localizada na lateral da barriga.

“Eu estava no hospital por causa da cirurgia na mão do Ronaldo, que foi realizada pela equipe do Corinthians. Não interessa ao clube se ele fez essa outra cirurgia”, falou Renata Daros, da assessoria de imprensa do time. Indagada seguidamente pela reportagem se sabia se Ronaldo havia feito ou não a lipoaspiração, ela disse “não”.

Mário Gobbi, vice de futebol do clube, disse que o Corinthians “tem conhecimento” da situação, mas preferiu não dizer nem que sim nem que não.

“Se ele fez ou não, quem tem que falar é ele. Se ele não quer falar, tem o direito. Isso diz respeito à privacidade dele. Intimidade é um direito sagrado. O Corinthians tem conhecimento da situação, mas não vou dizer nem sim nem não”, falou.

Inicialmente, ele tratou a lipoaspiração como algo “íntimo”, de pouco interesse para o clube. “Seria relevante se a cirurgia tirasse ele do futebol, do cotidiano. Se é que ele fez, ele aproveitou uma outra cirurgia que já ia deixá-lo afastado.”

Indagado se outro jogador pode fazer lipo sem consultar o clube, ele praticamente “entregou” o pedido de Ronaldo.

“Não. Ele consulta. Quem disse que ele [Ronaldo] não consultou? Se o Corinthians autorizou ou não, não é um assunto público. Mas quem te disse que o Corinthians não sabe [da lipo]? Quem te disse que não interessa ao Corinthians?”

Joaquim Grava foi procurado para falar, mas não respondeu ao recado passado por sua secretária. Ela disse primeiro que ele estava em consulta. Mais tarde, falou que já o havia avisado do telefonema da reportagem. Até as 20h de ontem, não retornou a ligação.

“Existem certas coisas que o médico pode divulgar, outras não, só com a autorização do paciente. Eu não tenho autorização para confirmar se a lipo foi feita ou não”, falou Grava, porém, ao Terra Esportes TV.

Na reapresentação do Corinthians após o 1 a 1 com o Santo André, a lipo de Ronaldo foi tratada com bom humor. “Se ele fez, vai voar ainda mais em campo. É um problema para os outros times”, falou Felipe.

Fonte: Folha Online

Brasil está maduro para ter presidente mulher, diz Dilma

A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, afirmou durante um encontro com a presidente do Chile, Michelle Bachelet, em São Paulo que “sem dúvida, o Brasil poderá ter uma presidente”. As duas participaram de um café da manhã em um hotel de São Paulo.

“Temos um presidente metalúrgico, os Estados Unidos elegeram um presidente negro e o nosso País está maduro politicamente para ser representado de diversas maneiras. Além do mais, somos (as mulheres) a maioria da população”, disse a ministra.

Dilma disse ainda que o encontro foi uma troca de experiências. “A Michelle falou da experiência dela como presidente do Chile, e eu da minha experiência como ministra-chefe da Casa Civil”, disse. “Falamos o que é ser uma mulher em um sistema político que vem sendo dominado por homens durante todo esse tempo”, continuou a ministra.

Dilma elogiou Bachelet na condução do Chile durante o período de crise econômica. “O Chile, assim como o Brasil, criou uma política anticíclica que teve bons resultados como os nossos. O Brasil tem uma agenda positiva muito forte com o Chile, e assim esperamos continuá-la”, afirmou.

Bachelet participa, às 11h, com o presidente brasileiro, Luiz Inácio Lula da Silva de um encontro empresarial na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

a partir das 11h bachelet participa, na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) em um encontro empresarial. Dilma saiu do café da manhã para uma sessão de radioterapia no Hospital Sírio-Libanês, resultante de um tratamento contra um câncer.

Fonte: Portal Terra

‘Não é problema meu’, diz Lula sobre crise no Senado

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva declarou, nesta quinta-feira, que não é dele a responsabilidade pela crise institucional que hoje atinge o Senado Federal. “Não é um problema meu. Eu não votei para eleger o Sarney presidente do Senado”, disse Lula, após encontro com a presidente do Chile, Michelle Bachellet, em São Paulo.

“Não votei nele (Sarney) para ser senador no Maranhão, não votei no (deputado Michel) Temer nem no (senador) Arthur Virgilio, não votei em ninguém. Votei nos senadores de São Paulo. Então, quem tem que decidir se o presidente Sarney continua presidente do Senado é o Senado, não sou eu”, completou o presidente. Vale lembrar que, apesar de Lula ter dito Maranhão, Sarney é senador pelo Amapá.

O chefe do Executivo acredita que, após o recesso, os senadores irão conseguir, “de cabeça fria”, normalizar a situação na Casa. “Eu espero que os senadores se acertem e façam o debate político, para votarem as coisas que precisam ser votadas” declarou.

Lula negou haver qualquer pedido de conversa com o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Porém, ele disse que, caso exista a solicitação, ele irá atender pelo princípio de uma “boa política” entre os presidentes dos Poderes.

Hoje pela manhã, o ministro das Relações Institucionais, José Múcio Monteiro, havia dito que a orientação do Palácio do Planalto a seus aliados políticos é evitar que a crise política no Senado seja levada para o lado “emocional”.

Fonte: Diário do Grande ABC

Pai de Michael Jackson diz que Omer Bhatti é quarto filho do cantor

Dançarino de 25 anos seria o primogênito de Michael. ‘Ele parece com um Jackson e dança como um Jackson’, diz Joe.

Joe Jackson, o pai do cantor Michael Jackson, disse em entrevista ao canal norte-americano TV One que o cantor, morto no dia 25 de junho, teria um quarto filho. Omer Bhatti, de 25 anos, sentou-se ao lado dos irmãos de Jackson durante o funeral do Rei do Pop em Los Angeles.

Omer Bhatti
Omer Bhatti

“Sim, eu sabia que ele tinha mais um filho”, diz Joe. “[Omer] parece um Jackson, age como um Jackson, ele dança como um Jackson. Esse garoto é um dançarino fantástico”.

Perguntado se Bhatti seria o “futuro da família”, Joe respondeu que não sabe. “Não posso dizer isso ainda, até que realmente aconteça.

Antes das especulações recentes, Bhatti era conhecido como um imitador norueguês de Jackson, que mudou-se para os EUA aos 11 anos para viver com o cantor no rancho Neverland, segundo a revista People.

Fonte: Portal G1

Nova explosão na Espanha mata 2 policiais; grupo ETA é acusado

MADRI (Reuters) – Uma bomba colocada debaixo de uma viatura policial explodiu nesta quinta-feira na ilha turística espanhola de Mallorca e matou dois policiais, num ataque que as autoridades afirmam ser o segundo do grupo separatista basco ETA em dois dias.

A bomba explodiu por volta de 13h50 (8h50 de Brasília) do lado de fora de escritórios utilizados pela Guarda Civil espanhola em Palmanova, a poucos quilômetros do palácio Marivent, onde a família real espanhola está passando suas tradicionais férias de verão.

Mais tarde, a polícia desativou outra bomba colocada debaixo de um segundo carro perto do local da primeira explosão, uma autoridade disse.

Autoridades espanholas fecharam rapidamente todos os portos e aeroportos da ilha para impedir que os responsáveis pelo ataque escapem. Depois os aeroportos foram reabertos.

As forças de segurança acreditam que o ETA, enfraquecido pela prisão se importantes líderes, está tentando dar uma demonstração de força para mostrar que ainda pode atacar o governo espanhol e manter a moral entre seus apoiadores.

As autoridades culparam de imediato os rebeldes bascos pelo ataque em Mallorca, que aconteceu um dia após 46 pessoas, incluindo crianças dormindo, terem ficado feridas pela explosão de uma bomba em um quartel familiar da Guarda Civil na cidade de Burgos.

Não houve confirmação imediata de reportagens da mídia local afirmando que várias pessoas ficaram feridas pela explosão desta quinta-feira.

O representante do governo espanhol na ilha chamou o ETA de “um grupo de loucos assassinos”.

“Eles estão ficando cada vez mais desesperados e mais perigosos”, disse o representante do governo Ramón Socias.

Na sexta-feira, o ETA, considerado culpado por mais de 800 mortes ems décadas, comemora o aniversário de 50 anos de sua fundação secreta durante a ditadura de Franco, quando a cultura basca foi reprimida.

A data será marcada com comemorações da minoria nacionalista basca que defende o comportamento violento do ETA em prol da independência do País Basco do restante da Espanha.

Apesar de pesquisas de opinião mostrarem que a maioria dos bascos é favorável à independência para a região de montanhas, que já goza de considerável autonomia, o apoio à violência caiu nos últimos anos.

O último ataque fatal atribuído ao ETA foi em junho, quando um oficial da polícia antiterror foi morto na cidade basca de Bilbao.

O governo socialista da Espanha rompeu as negociações de paz com o ETA após o grupo rebelde ter assassinado duas pessoas com um carro-bomba no aeroporto de Madri em dezembro de 2006.

Fonte: O Globo Online

Dois filmes brasileiros disputam seção Horizontes do Festival de Veneza

ROMA, Itália — Os brasileiros “Insolação” e “Viajo porque preciso, volto porque te amo” são algumas das atrações da 66a. edição do Festival de Cinema de Veneza, que também terá em competição o controvertido cineasta americano Michael Moore e um documentário sobre a hecatombe econômica mundial, anunciou nesta quinta-feira, em Roma, o diretor da mostra, Marco Müller.

O festival, que será realizado de 2 a 12 de setembro, este ano terá 80 filmes de 25 países, sendo que 48 participarão na seção principal que disputa o ambicionado Leão de Ouro.

As duas produções brasileiras vão concorrer na mostra paralela “Horizontes”, dedicada ao cinema mundial. “Insolação” tem direção de Felipe Hirsche e Daniela Thomas e “Viajo porque preciso, volto porque te amo” conta com a parceria de Marcelo Gomes e Karim Ainouz.

“Não obstante as dificuldades, o cinema continua vivo, forte, e sabe falar com eficácia do presente. Esta é a seleção mais surpreendente dos últimos anos”, assegurou Müller, crítico cinematográfico e diretor pelo sexto ano consecutivo do festival de cinema mais antigo da Europa.

Além de Moore, nomes consagrados como o diretor alemão Werner Herzorg, o italiano Giuseppe Tornatore e os americanos Steven Soderbergh e Oliver Stone se apresentarão em Veneza.

Pela primeira vez em duas décadas, a mostra será inaugurada com um filme italiano, realizado por Tornatore, vencedor em 1990 do Oscar estrangeiro por “Cinema Paradiso”, e que competirá com “Baaria”, um drama épico siciliano estrelado por Monica Bellucci e Michele Placido.

O festival vai conceder o Leão pelo Conjunto da Obra ao americano John Lasseter, renomado animador e diretor dos estúdios da Pixar.

O cinema americano estará presente com 17 filmes, seis em competição. O diretor do júri será o premiado cineasta sino-americano Ang Lee.

A nova edição da Mostra de Veneza será marcada pelos protestos contra os cortes de fundos estatais para o cinema e o espetáculo decididos pelo governo de direita de Silvio Berlusconi, segundo anunciaram os atores italianos Sergio Castellito, Carlo Verdone e Stefano Accorsi, líderes do movimento.

Paralelo à mostra, na 24a. edição da Semana Internacional da Crítica, será projeto o documentário “Videocracy”, do italiano Erik Gandini, que critica o poder excessivo alcançado por Silvio Berlusconi através de seus canais de televisão, uma obra que certamente suscitará polêmica dentro e fora do festival.

Fonte: Agência France Presse

Bancos apontam fim da recessão no país

A recessão brasileira terminou em maio. Após dois trimestres seguidos de retração, que caracterizaram recessão técnica no país, a economia brasileira voltou a se expandir exatamente no centro do segundo trimestre, de acordo com diferentes estudos dos bancos Bradesco e Itaú Unibanco.

Segundo o Bradesco, com os dados até maio, o PIB do segundo trimestre já apontava um crescimento de 1,7% em relação aos primeiros três meses deste ano. Até abril, os resultados eram negativos.

Já os economistas do Itaú Unibanco detectaram em maio uma alta de 2,3% do PIB em relação a abril, o que também sugere a primeira expansão trimestral da economia após a crise. Os dados fazem parte de uma nova pesquisa, que segue a metodologia do IBGE, para estimar o PIB mensal, já livre de efeitos sazonais. Em abril, a pesquisa apurara retração de 0,7% em relação a março.

Para Octavio de Barros, diretor de pesquisas do Bradesco, os números mostram que o Brasil foi um dos primeiros países do mundo a sair da crise. A recessão é caracterizada tecnicamente por economistas com dois trimestres seguidos de retração. De acordo com o IBGE, a economia encolheu 0,8% no primeiro trimestre e 3,6% no último trimestre de 2008.

Segundo Barros, a saída do Brasil da recessão é algo para ser comemorado, mas que era previsível dados os sinais de que o país e alguns emergentes sairiam antes da crise por conta de seus grandes mercados domésticos. “A ação do governo foi importante para a recuperação, principalmente a atuação dos bancos públicos”, disse ele.

Fonte: Blog do Noblat

Grupo Santander simplifica estrutura no país

SÃO PAULO (Reuters) – O Santander anunciou nesta quarta-feira planos de reestruturação no Brasil, simplificando sua organização societária por meio da consolidação de negócios sob o banco e da unificação de várias empresas da instituição no grupo.

Segundo comunicado enviado ao mercado, com a reorganização, as operações com seguros e ativos do grupo no país ficarão sob tutela do Banco Santander.

As assembleias de acionistas para aprovar as propostas ocorrem em 14 e 31 de agosto.

(Por Alberto Alerigi Jr)

Fonte: Portal G1

TAM lança novos voos em Fortaleza

TAM Linhas Aéreas está inserindo mais dois voos em Fortaleza a partir do próximo dia quatorze de agosto, dependendo apenas da homologação da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil). A primeira rota vai fazer o percurso Fortaleza-Brasília com decolagem do Aeroporto Internacional Pinto Martins às 3h30 da madrugada. O segundo voo vai partir da capital cearense às 14h e vai passar por Salvador, Campinas (São Paulo), Curitiba e Porto Alegre. A empresa já possui 21 voos ligando Fortaleza às grandes cidades brasileiras, incluindo as capitais. Com as duas novas rotas, o número vai subir para 23.

O gerente de aeroporto da TAM, Marcelo Jucá, ressaltou que o segundo voo é uma frequência ligando a capital ao Sul do País. Com a nova rota, a companhia passa a contar com três pontes aéreas diretas para Porto Alegre, possibilitando o translado entre as duas cidades.

Para Brasília, a partir do novo voo, a TAM passa a ter cinco rotas por dia, sendo três diretas e duas com escala em Teresina.

Para São Paulo, a companhia possui quatro voos diretos, um às 1h30 da madrugada, outros às 8h, um terceiro às 15h e o quarto decolando de Fortaleza às 17h. Rumo a São Paulo com escalas, a empresa tem mais quatro rotas.

A empresa não conta com nenhuma ponte aérea partindo ao exterior. Então, os passageiros que precisam viajar aos Estados Unidos podem pegar um avião em São Paulo ou no Rio de Janeiro, dependendo da rota.

A TAM continua em primeiro lugar no transporte de passageiros de Fortaleza para as demais cidades brasileiras, embarcando no mês de julho uma média de 3.500 pessoas por dia. Marcelo Jucá calcula que neste mês a empresa embarcou em Fortaleza entre 85 e 90 mil passageiros.

Fonte: Jornal O Estado

Banco estatal da China cresce fora do país e abre agência no Rio em 2010

O China Development Bank Corp., banco estatal para projetos de obras públicas, abriu ontem em Hong Kong a sua primeira agência fora da China continental e planeja ter representações no Brasil, na Rússia e no Egito, como parte de uma expansão global. As agências vão começar a funcionar este ano em Moscou e no Cairo e, no próximo, no Rio de Janeiro, disse o vice- presidente Li Jiping, em entrevista coletiva à imprensa.

O banco, sediado em Pequim, concordou em maio em emprestar US$ 10 bilhões para a Petrobras, ajudou a financiar um fundo na África e, em junho, concedeu empréstimos para o banco de desenvolvimento da Rússia.

“A nossa meta estratégica é nos tornar um banco internacionalizado”, disse Li aos jornalistas, acrescentando que a agência de Hong Kong cobrirá a Ásia. “As organizações da China continental poderão efetivamente sair para o mercado internacional através dessa plataforma em Hong Kong.”

O primeiro-ministro chinês, Wen Jiabao, disse em 20 de julho que as reservas do país em moedas estrangeiras, de mais de US$ 2 trilhões, deverão ser usadas para ajudar as empresas a investirem no exterior. A estratégia chinesa de se expandir no exterior também tem o objetivo de contribuir para que o país garanta o acesso aos recursos naturais necessários para sustentar a expansão econômica, que é a mais acelerada entre as 20 maiores economias do mundo.

A representação do China Development Bank Corp. no Brasil vai investir em portos, siderúrgicas e geração de energia, disse o governador do Estado do Rio, Sérgio Cabral, em 30 de junho. O banco também manifestou interesse em investir em projetos relacionados à Copa do Mundo de 2014 e na candidatura do Rio para sediar os Jogos Olímpicos de 2016, disse Cabral. A cidade abriga as sedes da Petrobras, que está considerando a compra de equipamento chinês em troca de novos empréstimos, e da Vale, a maior produtora de minério de ferro do mundo.

A China, a terceira maior economia do mundo, se tornou a principal parceira comercial do Brasil este ano, depois que a recessão global sufocou as vendas para os Estados Unidos. Os bancos centrais do Brasil e da China estudam uma proposta de usar as suas próprias moedas – o real e o yuan – no comércio bilateral, em vez do dólar. Os dirigentes do Brasil, Rússia, Índia e China – os chamados Bric, pelas suas iniciais – defenderam um sistema monetário “mais diversificado” para reduzir a dependência do dólar, em uma reunião realizada em 16 de junho em Ecaterimburgo, na Rússia.

O China Development Bank Corp. concordou em emprestar US$ 1,3 bilhão para o Vnesheconombank, o banco estatal de desenvolvimento da Rússia, sediado em Moscou, disse a instituição russa em 14 de junho. O China-Africa Development Fund, que contribuiu para o financiamento de uma usina beneficiadora de algodão no Malawi e uma central elétrica em Gana, foi criado em junho de 2007 com US$ 1 bilhão inicial do China Development Bank.

O lucro do China Development Bank caiu 28% no ano passado, devido à alta dos prejuízos com empréstimos, com a desaceleração do crescimento econômico do país. O banco, que tinha 3,8 trilhões de yuan (US$ 556,3 bilhões) em ativos no fim de 2008, recebeu uma injeção de capital de US$ 20 bilhões do governo em dezembro de 2007 e quer se tornar uma instituição comercial de crédito. O Ministério da Fazenda é dono de 51,3% do banco e a Central Huijing Investment Co., uma divisão do fundo de riqueza soberana da China, de US$ 200 bilhões, detém o restante.

Fonte: Bloomberg News