Em nota divulgada nesta quinta-feira, o líder do DEM na Câmara, vereador Carlos Apolinário (SP), afirmou que a campanha tucana em São Paulo está “sem discurso e sem rumo”.

Além disso, Apolinário criticou as declarações do candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, Geraldo Alckmin, em jantar tucano ontem.

Segundo reportagem da Folha, Alckmin apontou, em seu discurso, deficiências na gestão Kassab. Diante do governador José Serra (PSDB), ele listou carências da cidade, como falta de vagas em creches e de escolas.

E não poupou o trânsito: “Vou à Varginha, 6h, e no ônibus, duas horas e meia, naquele aperto, naquele sofrimento, uma mulher diz: “‘Dr. Geraldo, estamos levando cinco horas para ir e voltar do trabalho'”.

Outro lado

Em resposta à nota de Apolinário, o deputado Silvio Torres (PSDB-SP) disse por meio de nota que o clima no jantar de ontem à noite foi de “total entusiasmo” e os discursos transmitiram “mensagem inequívoca” de solidariedade e lealdade a Alckmin.

Segundo Torres, não cabe a Apolinário dar palpites sobre o que constrange Serra, pois o democrata não está qualificado para criticar a campanha tucana.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/

Postado por Erismar Carvalho, às 10h11.