As intenções de voto de Elmano de Freitas (PT) e Roberto Cláudio (PSB) neste segundo turno mostram Fortaleza dividida de acordo com a renda dos eleitores. O candidato do PSB abre franca maioria entre os mais ricos. No segmento com renda familiar mensal superior a 10 salários mínimos, ele tem a maior diferença de um dos concorrentes em relação ao outro, considerados todos os recortes de sexo, idade, escolaridade e renda: 67% dos votos válidos, contra 33% do petista.

Mas, à medida que cai a renda familiar do eleitor, melhora o desempenho obtido por Elmano.

Na segunda faixa com maior renda, entre cinco e 10 salários mínimos, a situação é de empate técnico, com 51% do candidato do PSB contra 49% do adversário petista.

Entre aqueles com renda de dois a cinco salários mínimos, o resultado já é de 53% para Elmano, contra 47% de Roberto Cláudio. E, entre aqueles com rendimento familiar mensal de até dois salários mínimos, o petista abre 10 pontos de diferença: 55% a 45% dos votos válidos.

Sexo

Outro segmento no qual a diferença é significativa é entre as mulheres. Enquanto entre os homens a diferença é de dois pontos percentuais, em votos válidos, Elmano abre 10 pontos de diferença junto às eleitoras: 55% a 45%.

Idade

Elmano tem ainda seus melhores resultados entre os mais velhos. Vence por 55% a 45% na faixa de 60 anos ou mais e abre 18 pontos entre os eleitores entre 45 e 59 anos: 59% a 41% de Roberto Cláudio. Nos setores de 16 a 24 anos e entre os que têm 35 a 44 anos, os dois empatam com 50% dos votos válidos. Na faixa de 25 a 34 anos, o petista tem 53%, contra 47% do concorrente do PSB.

Escolaridade

Elmano também se sai melhor entre eleitores com menos escolaridade. Abre 56% a 44% entre aqueles com nível fundamental. Já no grupo com ensino médio, empate técnico: 51% de Elmano a 49% de Roberto Cláudio. Já na faixa com nível superior, Elmano tem 53%, contra 47% do candidato do PSB – diferença que está no limite máximo da variação da margem de erro, de três pontos percentuais. 

A pesquisa foi realizada nos dias 16 e 17 de setembro e ouviu 1.281 eleitores de Fortaleza. A consulta está registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) com o número CE-00180/2012. (Érico Firmo – ericofirmo@opovo.com.br) 

ENTENDA A NOTÍCIA

Os candidatos que disputam o segundo turno terão 10 dias até a eleição para conquistar novos eleitores e transformar o cenário apresentado pela pesquisa O POVO/Datafolha.

(O Povo Online)

Anúncios