Fortaleza cai para 4º posição na CVC: alta estação comprometida

open-graph

Neila Fontenele, O Povo

O destino Ceará está com menos visibilidade. Ontem, representantes da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-CE) se reuniram com as direções da CVC, Setur e Setfor para analisar o que estava acontecendo e chegaram à seguinte constatação: o estado vem fazendo menos divulgação do turismo.

Os problemas estariam na licitação para escolher a empresa responsável pela publicidade do estado, que deveria ter sido contratada em agosto, mas cujo processo estaria emperrado devido a problemas burocráticos.

Resultado: pelo ranking da CVC, Fortaleza caiu da segunda colocação para a quarta em venda de pacotes turísticos. A cidade hoje perde para Porto Seguro, Maceió e Natal. Durante o encontro, a CVC também externou preocupação devido ao baixíssimo índice de vendas para a temporada de janeiro.

O vice-presidente da ABIH-CE, Darlan Leite, explica que há uma grande preocupação com essa alta estação que já está comprometida, havendo ainda muitas vagas disponíveis.

ALTA ESTAÇÃO

EMPRESÁRIOS RECLAMAM FALTA DE PROMOÇÃO

O presidente do Convention Bureau, Regis Medeiros, lembra que Fortaleza já recebeu 350 mil turistas, pelos números da CVC, e agora há um esforço para chegar aos 300 mil. Ele destaca que os hoteleiros não têm mais como reduzir preços e vêm realizando ações promocionais. Na próxima semana, por exemplo, haverá uma ação em uma sala de cinema especial em São Paulo para divulgar os destinos turísticos no Ceará.

Segundo os empresários, está faltando a mão do estado, que desde agosto não realiza a divulgação do Ceará. O presidente da ABIH-CE, Eliseu Barros, diz que o setor optou por disponibilizar descontos nas diárias de até 20% em relação ao ano passado e está bastante apreensivo.

TURISMO

LICITAÇÃO DE EMPRESA DE PUBLICIDADE

O secretário de Turismo, Arialdo Pinho, diz que não há problemas na área de promoção, como a participação de feiras e eventos. As dificuldades estão na contratação da empresa de publicidade.

Há quatro meses o estado está sem publicidade, esperando a licitação que deve ser realizada pela Casa Civil até o começo de dezembro, quando deve haver a normalização desses trabalhos.

(O Povo Online)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s