capa_19092016

Em todo o país, em resposta ao silêncio intransigente dos banqueiros, que se negam a retomar as negociações e apresentar proposta decente, que contemple as reivindicações da categoria, foram fechadas 13.398 agências e 40 centros administrativos ficaram parados, cerca de 57% dos locais de trabalho.

“A expectativa dos trabalhadores é que os bancos abandonem a intransigência e apresentem uma proposta que contemple as reivindicações de aumento real, valorização do piso, PLR melhor, proteção ao emprego, melhores condições de trabalho, mais segurança e igualdade de oportunidades”, destacou o presidente do Sindicato dos Bancários do Ceará, Carlos Eduardo Bezerra.

Fonte: SEEB/CE

Anúncios