Belém, Salvador e Santos passam a fazer parte da Rede de Cidades Criativas da Unesco

Três cidades brasileiras acabam de ser incluídas na Rede de Cidades Criativas da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Belém (PA) foi selecionada na categoria Gastronomia; Salvador, na categoria Música; e Santos (SP), na categoria Filme. O anúncio foi feito pela diretora-geral da Unesco, Irina Bokova, no dia 11 de dezembro, em Paris.

A Rede foi lançada em 2004, com o objetivo de aproximar cidades que adotam soluções criativas para promover o desenvolvimento sustentável, a inclusão social e a produção cultural. Outras duas cidades brasileiras já estavam na Rede desde 2014: Florianópolis (SC), em Gastronomia; e Curitiba (PR), em Design. O Brasil conta agora com cinco representantes na Rede.

Neste ano, foram selecionadas mais 47 cidades de 33 países. Com isso, a Rede passa a reunir 116 municípios em todo o mundo, distribuídos em sete categorias: Artesanato e Arte Folclórica, Design, Filme, Gastronomia, Literatura, Música e Artes de Mídia.

A Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, que foi adotada pela comunidade internacional em setembro de 2015, aponta a cultura e a criatividade como fatores-chave para o desenvolvimento urbano sustentável

Ao aderir à Rede, as cidades assumem o compromisso de firmar parcerias para promover indústrias culturais, compartilhar melhores práticas, incentivar a participação popular e integrar a cultura nas estratégias de desenvolvimento econômico e social.

Papel da cultura
“A Rede de Cidades Criativas da Unesco representa um imenso potencial para afirmar o papel da cultura como facilitador do desenvolvimento sustentável. Gostaria de reconhecer as novas cidades e seus países que enriquecem a Rede com a sua diversidade”, disse Irina Bokova, na última sexta-feira, neste ano em que a Unesco celebra o décimo aniversário da Convenção sobre a Proteção e Promoção da Diversidade das Expressões Culturais.

A Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, que foi adotada pela comunidade internacional em setembro de 2015, aponta a cultura e a criatividade como fatores-chave para o desenvolvimento urbano sustentável. A atuação da Rede está alinhada à nova agenda global.

A próxima reunião da Rede de Cidades Criativas da Unesco está prevista para setembro de 2016, em Östersund (Suécia).

(Via ONU Brasil)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s