Fortaleza vai eleger, no dia 4 de outubro, os  novos conselheiros tutelares que irão atuar nos oito conselhos tutelares da capital, dois conselhos a mais do que a cidade tinha até então. Atualmente, a capital cearense conta com 30 conselheiros tutelares. Mas, por meio de um decreto assinado em agosto, o prefeito Roberto Cláudio autorizou a criação de dois novos Conselhos com dez novos cargos de conselheiros. Ou seja, serão eleitos 40 novos membros.

Os novos Conselhos Tutelares criados serão instalados nas Regionais I e VI. Os equipamentos terão salas climatizadas, brinquedoteca, ambiente de leitura e acolhimento, sala de reunião e estacionamento. As despesas decorrentes da criação dos Conselhos Tutelares serão por conta da dotação orçamentária da Fundação da Criança e da Família Cidadã (Funci).

Um total de 280 candidatos se inscreveram para concorrer à seleção. Após validação da inscrição, prova e curso de formação, 87 candidatos irão concorrer as vagas dos conselheiros tutelares no domingo (4).

Eleitores
Todas as pessoas em situação regular com a Justiça Eleitoral (até 4 de setembro) podem votar. Para isso, basta comparecer a sua seção portando documento oficial com foto e o título de eleitor. A listagem dos locais de votação está disponível no seguinte endereço http://www.fortaleza.ce.gov.br/sites/default/files/resolucao_109-2015_-_divulgacao_dos_locais_de_votacao.pdf

Equipes
As equipes de trabalho que atuam em cada Conselho são compostas por cinco conselheiros, assistentes sociais, psicólogas, advogados, educadores sociais, serviços gerais e vigilantes. Dois carros ficam à disposição dos conselheiros em cada unidade para o acompanhamento das famílias e averiguação de denúncias.

(G1 Ceará)