Otávio Ribeiro Damaso Foto: Banco Central do Brasil

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) deve receber nesta terça-feira (7) duas mensagens da Presidência da República com indicações para a diretoria do Banco Central. Como de praxe, os senadores devem pedir vista coletiva para analisar os currículos. Assim, a sabatina dos dois indicados deve ficar para a reunião da outra semana, no dia 14.

Presidida pelo senador Delcídio do Amaral (PT-MS), a CAE deverá então sabatinar Otávio Ribeiro Damaso e Tony Volpon, indicados pela presidente da República, Dilma Rousseff, para a diretoria do BC.

Otávio Ribeiro Damaso é funcionário de carreira do Banco Central do Brasil há 17 anos. Desde 2011 exerce o cargo de chefe de gabinete da presidência do banco, onde também coordena os trabalhos de assessoria econômica. Entre 2009 e 2010 exerceu a função de consultor da Diretoria de Regulação.

Otávio trabalhou ainda na Secretaria de Política Econômica do Ministério da Fazenda de 2001 a 2008. Nesse período integrou e presidiu o conselho de administração de importantes empresas públicas e de economia mista. Foi membro e presidente do Conselho de Administração da Caixa Econômica Federal e do Banco do Estado do Ceará, e presidente do Conselho de Administração do IRB-Re Brasil Resseguros S.A.

Antes de ingressar no Banco Central, trabalhou na Assessoria Econômica do Ministério do Planejamento, na Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura e no Banco do Brasil.

Tony Volpon, também indicado para o cargo no BC, chefiou nos últimos cinco anos a área de pesquisas para mercados emergentes do maior banco de investimento do Japão, o Banco Nomura. Além de liderar uma equipe responsável pela análise macroeconômica das maiores economias do hemisfério, foi responsável pela análise do Brasil, sua economia e seus mercados.

Volpon iniciou a carreira como economista e estrategista de investimento na corretora CM Capital Markets, em São Paulo. Teve larga experiência como operador de mercados de câmbio e renda fixa brasileiros, tanto dentro como fora do Brasil.

Formado pela MCGill University e com mestrado em Economia, na University of Western, no Canadá. Escreveu o livro A Globalização e a Política: de FHC a Lula, e é colunista do jornal Valor Econômico.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)