Do Diário de Notícias de Lisboa

África do Sul volta a negar visto ao Dalai Lama

Dalai Lama
Dalai LamaFotografia © EPA

O Dalai Lama cancelou uma viagem prevista para outubro à África do Sul, para assistir à gala anual de prémios Nobel da Paz, depois de o Governo sul-africano lhe ter negado um visto, informou hoje o diário Cape Times.

Trata-se da terceira visita em cinco anos que o líder religioso tibetano cancela devido à não-concessão de visto para entrada no país africano, que mantém estreitas relações com a China.

“Para já, o Dalai Lama decidiu cancelar a sua viagem à África do Sul”, disse ao jornal Nangsa Choedon, representante do líder religioso no país africano.

Nangsa Choedon indicou que representantes do Ministério dos Negócios Estrangeiros sul-africano lhe comunicaram na semana passada que não seria concedido visto ao Nobel da Paz em 1989, embora ainda não tenha recebido uma confirmação escrita da decisão.

Porta-vozes do ex-presidente sul-africano Frederik de Klerk e do arcebispo Desmond Tutu, ambos Nobel da Paz, protestaram contra a negação do visto.

A XIV edição da Conferência Mundial de Prémios Nobel da Paz realiza-se de 13 a 15 de outubro na Cidade do Cabo.

 

Anúncios