(Portal da Copa/Divulgação)

O treino da seleção brasileira na capital cearense nesta quinta-feira não será de reconhecimento do gramado da Arena Castelão, mas sim realizado no Presidente Vargas, estádio que recebe partidas do Fortaleza. A programação foi divulgada pela CBF e, assim como aconteceu contra o Chile, o time de Felipão não trabalhará no palco do jogo antes do duelo pelas quartas de final. Em Belo Horizonte, a decisão foi tomada para poupar o gramado do Mineirão, em razão dos seguidos jogos da Copa disputados no local.

A Seleção realiza nesta quarta-feira pela manhã seu último treino na Granja Comary antes da partida contra a Colômbia, na sexta-feira. À tarde, a delegação deixa Teresópolis e embarca para Fortaleza.

Na disputa da Copa das Confederações, o time brasileiro também treinou no Presidente Vargas, antes da vitória por 2 a 0 sobre o México, pela primeira fase. A atividade foi fechada, e cerca de sete mil torcedores ficaram do lado de fora, pedindo que Felipão liberasse a entrada. O técnico acabou cedendo no fim do treino, e uma das arquibancadas foi tomada pela torcida.

(Marcelo Baltar, Globo Esporte)