A Câmara Municipal dos Vereadores de Fortaleza aprovou nesta quarta-feira (25) a lei que torna todos os assentos do transporte público preferenciais para grávidas, mulheres com criança de colo, obesos, idosos e pessoas com deficiência física. Atualmente, os ônibus e topics de Fortaleza reservam uma parte dos assentos como preferenciais.

De acordo com o projeto do vereador Carlos Dutra, as empresas terão 30 dias a partir da publicação da lei para se adequar e tornar todos os assentos preferenciais, que deve ocorrer após a aprovação do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio. As mensagens de reserva de parte dos assentos terão de ser removidas, e devem ser afixadas novas mensagens alertando a totalidade das vagas como preferenciais.

(G1 Ceará)

Anúncios