Neymar com a sunga da grife Blue Man, com as cores da bandeira do Brasil, após a partida da seleção contra Camarões

A Fifa vai analisar a exposição da sunga por Neymar durante o jogo entre Brasil e Camarões. A entidade observa se o atleta quebrou regras de marketing da Copa do Mundo. A sunga de Neymar ficou aparente quando ele arrumava o uniforme durante o intervalo do jogo e após a partida, quando ele tirou a camisa da Seleção Brasileira.

A peça, que custa R$ 191, é da marca Blue Man. De acordo com nota divulgada pela empresa, a sunga foi enviada de presente para todos jogadores da Seleção Brasileira e não há contrato publicitário com Neymar.

Mas como a roupa é de uma marca diferente do uniforme padrão da CBF, pode configurar quebra das regras de marketing. O fato de não ter uma marca exposta pode amenizar a situação. A CBF é responsável por garantir que os jogadores cumpram as determinações do Mundial. Portanto, a entidade pode ser advertida pela Fifa.

( A Tarde)

Anúncios