O PT no Município de Fortaleza decidiu seu posicionamento sobre uma candidatura própria para o Governo do Estado nas eleições deste ano. Com 18 votos a favor, um contra e seis abstenções, o Diretório Municipal aprovou a defesa por uma candidatura própria.

Com essa decisão, o diretório agora irá apresentar a posição para o PT Ceará, que só deve se posicionar no dia da convenção estadual do partido, que está marcada para o próximo dia 29.

O presidente do PT Fortaleza, Elmano de Freitas, disse que a motivação para a decisão do diretório foi à mudança no cenário político, onde o Pros e o PMDB devem lançar candidatura própria. “O cenário mudou e não há mais condições da aliança inicial – PT, PMDB e Pros – se manter e, portanto, o PT vai ter que tomar uma decisão. Na avaliação que fizemos no diretório, a maioria dá preferência em lançar um candidato próprio. Isso iria unificar o partido”, afirmou o dirigente.

Para Elmano, o partido decidir apoiar um ou outro candidato irá causar um racha dentro da sigla, e segundo ele, a melhor solução, para unificar o partido, seria uma candidatura própria.

No início de junho, o grupo político da ex-prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins, indicou ao Diretório Estadual do partido o nome da petista para ser apresentado aos partidos aliados do Governo Federal. O objetivo seria colocar Luizianne no páreo para disputar o Executivo Estadual nas eleições.

O Povo entrou em contato com o presidente do PT Ceará, Diassis Diniz, mas ele informou está em uma reunião e pediu para retornar depois, porém ele não atendeu mais nenhuma das ligações. O Povo também tentou entrar em contato com o deputado federal, José Guimarães – pré-candidato ao senado -, mas ele preferiu não se pronunciar sobre posicionamento do PT Fortaleza. (katy Araújo, especial para O POVO, katyaraujo@opovo.com.br)

 

SERVIÇO 

PT Fortaleza

End.: Av. da Universidade, 2183 

Fone: (85) 3226 3702

 

Saiba mais

Começou no último dia 10 e vai até o dia 30 de junho o prazo que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) dá para que os partidos realizem convenções nacionais e definam quais serão os candidatos e as coligações que vão disputar as eleições em outubro.

A convenção do PT Ceará está programada para o próximo dia 29. O partido deverá decidir se irá ter candidatura própria para o Governo do Estado ou se irá apoiar o candidato do PMDB ou do Pros.

(O Povo)