São Paulo – Em dois meses, o Bradesco vai oferecer a opção do pagamento de contas com cartões de outros bancos em sua rede de agências.

Segundo Mauricio Machado de Minas, vice-presidente executivo do banco, a nova função, que já existe no banco Itaú, está sendo desenvolvida em parceria com a Cielo.

O executivo diz que será aceito o pagamento de contas com cartões de outros bancos tanto na modalidade débito quando na de crédito.

Qualquer conta poderá ser paga com o cartão de débito. Já os cartões de crédito poderão ser usados para o pagamento de contas de consumo.

Para o vice-presidente do Bradesco, o novo serviço deve beneficiar clientes que têm contas no banco e em outras instituições e também os não clientes.

O Itaú Unibanco foi o primeiro banco a oferecer a possibilidade de pagamento de contas com cartões de outras instituições. O serviço está disponível desde o segundo semestre do ano passado, com limite estabelecido de R$ 1,5 mil.

Para viabilizar a operação, o serviço usa a Rede (ex-Redecard), que pertence ao banco, para capturar o pagamento de contas com cartões de outros bancos em sua rede de agências.

Sem envelope

Outra novidade que o Bradesco espera implementar é a eliminação dos envelopes nos depósitos feitos por clientes em caixas eletrônicos. Cerca de mil máquinas deverão fazer a operação a partir de meados de 2015.

Segundo Luca Cavalcanti, diretor de canais digitais da instituição, o equipamento traz uma evolução: o dinheiro será “reconhecido” e o valor creditado na conta na hora. Hoje, o dinheiro depositado no atendimento eletrônico das agências só cai na conta do beneficiário no dia seguinte. 

“Ainda neste semestre vamos lançar ainda o depósito de cheques sem envelope também com compensação no mesmo dia”, explicou Cavalcanti durante a CIAB Febraban, evento de tecnologia voltado ao setor financeiro.

Ele disse que clientes e não clientes serão beneficiados, pois não será mais necessário entrar na fila do caixa da agência para garantir que um depósito seja creditado no mesmo dia. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Anúncios