TERMINAL DO SIQUEIRA – FORTALEZA-CE

O terminal de ônibus do Siqueira, em Fortaleza, segue fechado nesta sexta-feira (30) em luto pela morte do motorista assassinado a facadas durante um assalto na noite de quarta-feira (28). Todos os ônibus da empresa Cearense, na qual trabalhava a vítima, também estão parados.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado do Ceará (Sintro), ainda não há uma definição do retorno do funcionamento no terminal, mas a categoria afirmou que estuda começar a normalizar a circulação no local no início da noite, horário que os trabalhadores voltam para casa.

Segundo a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), 47 linhas passam pelo terminal do Siqueira e a empresa Cearense é responsável por 3% da operação em Fortaleza. Para minimizar os transtornos aos usuários, a Etufor afirmou que as principais linhas que passam pelo terminal do Siqueira estão sendo remanejadas para os terminais da Lagoa e da Parangaba.

Após o sepultamento do corpo do motorista, os ônibus voltaram a entrar no terminal do Conjunto Ceará. Segundo o coordenador  do terminal, Francisco Neurides, os coletivos voltaram a circular dentro do terminal por volta das 11h20.

Sepultamento
O corpo do motorista Francisco Erivaldo Marinho foi sepultado no fim da manhã desta sexta-feira, no Cemitério Plano da Paz, em Maranguape, Região Metropolitana. Cerca de 400 pessoas participaram do cortejo que  partiu da Paróquia Nossa Senhora das Graças, no Bairro Vila Manoel Sátiro e do Terminal de ônibus do Siqueira.

O corpo chegou ao cemitério por volta das 10h. Familiares e amigos prestaram uma série de homenagens ao motorista que se preparava para se aposentar no próximo mês agosto. Alunos da Escola Rui Barbosa, de Maracanaú, realizaram um protesto próximo ao cemitério pedindo para as autoridades mais segurança, paz e justiça.

(G1 Ceará)

Anúncios