Saudações, meus caros!!!!

            Encerrando nossa conversa para o concurso da Caixa, venho deixar minhas últimas dicas e como prometido, falar um pouco do texto instrucional, já que os anteriores (descritivo, narrativo e expositivo-argumentativo) detalhei nos artigos que aqui deixei.

            Bem, inicialmente é preciso fazer você entender que não precisa ter medo de certos termos que aparecem em uma prova de redação, assim se aparecer o nome instrucional (ou até injuntivo) não é nada de outro mundo, basta você saber que os textos dessa natureza têm um propósito de ensinar, de dar orientações ao leitor. Alguns exemplos dos textos injuntivos: a receita, a bula, as cartilhas e também os manuais de instrução. Então, vamos ver algumas características desses textos:

– Uso da linguagem apelativa com verbos no imperativo (faça; deposite; procure);

– Uso de interação com o leitor (pronomes que indicam conversa são oportunos): você, suas, seu;

– Perguntas lançadas para que o leitor se sinta mais próximo: (você sabe economizar?)

         Enfim, você percebeu que esse tipo de texto tem como objetivo dar ordem com a intenção de instruir o leitor a fazer algo. Pensando em uma realidade de concurso da Caixa, que tal um exemplo de prova? Vamos a um tema que criei para meus alunos:

Primeiro, o texto motivador:

É fundamental que você perceba a importância de poupar para equilibrar suas finanças pessoais. Na teoria, a estratégia é simples: poupar é acumular valores no presente para utilizá-los no futuro. Porém, para colocar isso em prática, é preciso alterar hábitos do seu dia a dia.

Poupar exige redução nos gastos pessoais e familiares. E reduzir despesas, pode significar desde um simples cuidado para evitar desperdícios até o esforço de conter gastos. A matemática não falha: você precisa gastar menos do que ganha para conseguir poupar e acumular o suficiente para um investimento.

Avaliar o objetivo das despesas, fixar metas a curto e longo prazos, com persistência, são passos fundamentais para que você alcance os objetivos que o motivaram a poupar. Tenha em mente que investir é empregar o dinheiro poupado em aplicações que rendem juros ou outra forma de remuneração, ou correção. O investimento é tão importante quanto a poupança.

Há inúmeras alternativas no mercado, que podem nos levar a simplificar o processo de decisão, apoiando-se em opiniões e dicas nem sempre técnicas. Procure se informar com profissionais qualificados e tenha em mente que, quem investe bem, pode atingir mais rapidamente os objetivos, com menor esforço.

http://www11.caixa.gov.br/portal/public/investidor/investidor/aprenda/financas_pessoais/poupar

Agora vamos ao tema:

Na qualidade de bancário, elabore uma cartilha didática com a intenção de instruir as pessoas acerca da necessidade de poupar dinheiro. Em um texto instrucional, ensine como deve se proceder para a política de poupar.

 Comentários:

Você viu que o texto motivador foi tirado do próprio site da Caixa, correto? Pois bem, o texto motivador nada mais é do que uma inspiração para criar o tema, mas quem realmente manda, orienta o que deve ser feito é o tema, por isso esteja atento ao que ele pede. No caso da atividade que criei, solicitei que o aluno elaborasse uma cartilha, sendo, pois, instrucional já que o aluno deveria ensinar a como poupar. Veja um texto criado como exemplo:

Diante de um mercado cada vez mais consumista, em que gastamos muitas vezes com o que é supérfluo, e por conta disso contraímos dívidas, surge a necessidade de poupar dinheiro. Vale ressaltar que existem muitas formas para poupar, mas a principal regra é não contrair dívidas.

Pode parecer óbvio dizer isso, mas tal dica requer disciplina, sendo assim procure controlar seus gastos, afinal não faz sentido alguém gastar mais do que ganha. Então, seria interessante, de início, reduzir a quantidade de cartões de crédito. Pode até parecer vantagem ter vários, mas quando as contas chegam até você, não há nada de lucrativo em tal posse. Então, se quer manter o cartão de crédito, utilize apenas um, e mesmo com ele, moderação no uso, prefira pagar suas contas à vista, isso controla mais seus gastos.

Outra importante dica para poupar, faça um orçamento mensal, separe o que pode ser evitado em termos de gastos e isso envolve toda a família, estimule os outros a terem também essa educação financeira. Essa atividade pode envolver até mesmo as crianças, que saberão como valorizar cada centavo recebido.

Por último, com esse controle mensal, você pode reservar uma pequena parcela do que ganhar e pode guardar na poupança. Não se preocupe com rentabilidade, a questão não é essa, mas é o estímulo para guardar dinheiro. E outra dica, com o décimo terceiro salário, você poderá guardar um pouco mais de dinheiro. Enfim, são medidas que podem ser difíceis no começo, mas com o hábito, você irá realmente sentir prazer em poupar, e não mais gastar. Chega de preocupações no final do mês com suas contas, a partir de agora você é um poupador!

Comentários:

Viu como é simples? A dica aí seria manter as características que citei e mudar de parágrafo conforme você fosse mudando de assunto, colocando uma nova dica para poupar. Enfim, não tenha medo de certos termos que aparecem em provas de redação, muitas vezes eles não são nada complexos. Lembro que um aluno me perguntou, uma vez, o que seria um texto em prosa, pois ele havia feito uma prova e no tema estava explícita essa informação. Quando expliquei a ele que era tão somente um texto organizado em linhas e parágrafos (concursos trabalham, geralmente, em torno de 20 a 30 linhas) ele ficou surpreso e disse que nunca imaginava que seria isso. Em suma, sua prova de redação sempre é um texto em prosa, afinal, não querem analisar poemas e estrofes, não é verdade? Então, na prova da Caixa, eles irão solicitar a prosa também, resta saber em que tipologia textual, sabemos que a preferida é a expositiva-argumentativa, visto que nela o candidato irá informar e também manifestar um ponto de vista, defender com argumentos e com base em geralmente algo atual.

Falando em atualidades, no artigo anterior deixei para vocês um tema que criei abordando conhecimentos específicos, no caso, conhecimentos bancários, você leu? Era aquele que pedia para falar do Minha Casa Minha Vida… pois hoje vou colocar aqui mais temas que criei, dessa vez tratando de atualidades. Vejam só:

Texto motivador:

A Lei nº 12.846/2013, alcunhada ?Lei Anticorrupção?, entrou em vigor em 29 de janeiro deste ano e irá afetar, sobremaneira, o conteúdo dos Códigos de Conduta das empresas. 

De acordo com a nova lei, a responsabilidade administrativa e civil das empresas pela prática de atos lesivos à administração pública será objetiva, isto é, independente da apuração de culpa. (…)A Lei cria, ainda, o CNEP ? Cadastro Nacional de Empresas Punidas, uma espécie de SERASA/SPC ou ficha corrida dos infratores condenados.

Adaptado de: http://www.administradores.com.br/noticias/administracao-e-negocios/a-nova-lei-anticorrupcao-e-seus-impactos-nos-codigos-de-conduta-das-empresas/84280/

Considerando que o texto acima tem caráter unicamente motivador, redija texto dissertativo em prosa abordando o tema a seguir:

 LEI ANTICORRUPÇÃO E OS REFLEXOS PARA A SOCIEDADE

Ao elaborar seu texto, aborde, necessariamente, os seguintes aspectos:

  • responsabilidade administrativa e civil das empresas pela prática de atos lesivos à administração pública;
  • empresas envolvidas em fraudes: sanções previstas pela nova lei;
  • Cadastro Nacional de Empresas Punidas (Cnep): objetivos gerais.

E que tal mais este tema que também criei???

Texto motivador:

“O Brasil era o queridinho dos investidores há apenas quatro anos, mas para muitos agora se tornou pária”, diz o FT.

A soma teria sido varrida dos ativos do país no período, à medida que o Brasil tentava recuperar o nível de crescimento dos anos seguintes ao início da crise mundial, de 2008 e 2009. Segundo a revista, perdas de investimentos ocorreram em todos os emergentes, mas no Brasil a destruição de valores ocorreu numa “escala sem precedentes”.

(http://g1.globo.com/economia/noticia/2014/01/investidores-perderam-us-284-bilhoes-no-brasil-em-3-anos-diz-jornal.html)

Considerando que o texto acima tem caráter unicamente motivador, redija texto dissertativo abordando os seguintes aspectos:

  • economia atual do Brasil;
  • Real: 20 anos completados em 2014, o que a moeda representou e representa para o país;
  • desafios da equipe econômica para o desenvolvimento do país.

                 Comentários:

                Você percebeu que os dois temas lidos são muito atuais, afinal tratam de questões pertinentes ao que aconteceu este ano em nosso país, sendo assim em temas dessa natureza vale a capacidade de argumentação, de mostrar o conhecimento que tem acerca do assunto, logo a leitura será a grande aliada para o texto ganhar forma. Mas ainda dá tempo de se informar, eis alguns assuntos que você pode pesquisar nesses dias:

  1. Governo Dilma: o que a equipe econômica vem fazendo;
  2. Brasil no cenário mundial, o que falta para sermos desenvolvidos?
  3. Eleições 2014: como conscientizar o eleitor brasileiro?
  4. Política: por uma ética em torno de nossos políticos (crítica aí ao Mensalão);
  5. Sociedade de consumo X sociedade marginalizada: ?rolezinhos? nos shoppings devem ser proibidos?
  6. Copa do Mundo: os desafios em torno do evento;
  7. Viver em rede: as redes sociais X o isolamento das pessoas;
  8. A necessidade de planejar o futuro: consciência social;
  9. 20 anos do Plano Real;
  10. A mulher na economia do país;
  11. Mobilidade urbana e problemas enfrentados.

 E para fechar…

Concluindo nosso papo, vamos a perguntas mais gerais:

Pergunta: Colocar ou não título?

Resposta: Só coloque se estiver sendo solicitado, do contrário não coloque. Em caso de título, coloque na linha 1, centralizado e diga o essencial, títulos são muito resumidos. Só lembrando que Cespe não costuma pedir título em suas provas…

Pergunta: Se a prova tiver tópicos, devo seguir a ordem do que mandaram?

Resposta: Sim, esses aspectos devem seguir sim o roteiro que já deram, pegando o exemplo anterior:

  • economia atual do Brasil;
  • Real: 20 anos completados em 2014, o que a moeda representou e representa para o país;
  • desafios da equipe econômica para o desenvolvimento do país.

 Nessa prova, o aluno iria começar falando em um 1º parágrafo da economia atual do nosso país, depois poderia quebrar em 2 parágrafos o tópico 2: um falando do passado, do contexto do país antigamente, quando o plano Real foi criado eum 3º parágrafo falando do plano Real de hoje. Por último, fecharia apresentando que desafios a equipe econômica do governo Dilma tem a enfrentar. Em suma, eis a vantagem da prova Cespe, ela dá uma prévia de como será a estrutura de sua redação, o problema é que todos esses tópicos devem ser bem aprofundados…

Pergunta: se cair o texto expositivo-argumentativo pode misturar informação e opinião?

Resposta: Com certeza, afinal você deverá apresentar as informações acerca do assunto tratado, mas não ficará restrito a elas, deverá também mostrar um posicionamento (um ponto de vista) e argumentar, fazer o leitor acreditar em seus argumentos. Como exemplo, não adiantaria falar apenas do Plano Real, no tema anterior, mas provar o que ele fez de positivo para o país, como melhorou a economia. Mas lembre-se: não precisa se incluir em seu texto para mostrar esse seu ponto de vista, nada de: EU ACHO QUE O PLANO REAL MELHOROU MUITO NOSSO PAÍS… (quem colocou um absurdo desses na redação provavelmente não leu meu artigo anterior) 😉

Pergunta: posso escrever com letra de forma?

Resposta: sem problemas, basta que faça as diferenças do tamanho das iniciais de nomes próprios, de início de parágrafo. O edital é claro, deve ter uma letra legível, e só!

É hora de dar… 

Bem, como diziam os Teletubbies, ?é hora de dar tchau, é hora de dar tchau?. Espero que minhas dicas tenham sido proveitosas para vocês. Leiam todos os artigos que fiz e aprendam tudo o que foi dito até aqui, certo? Um grande abraço a todos vocês e agora é aprovação, é trabalhar na Caixa, e não se esqueça: a ?vida pede mais que um banco?… J

 Professor Dionisio.

 Via http://www.euvoupassar.com.br/

Anúncios