Enquanto não sai da pasta, o secretário estadual da Saúde, Ciro Gomes (Pros) aproveita para fazer uma mudança, digamos, ideológica na área. Ele acaba de exonerar todos os titulares de coordenadorias, ocupados na sua maioria por filiados do PCdoB.

No grupo, acabou exonerada, por exemplo, Francisca Lúcia Nunes Arruda, irmã do senador Inácio Arruda, que ocupava a coordenadoria de Gestão do trabalho, Educação e Saúde. A secretária-executiva da pasta, Rosa Moraes, também perdeu a vaga.

O ex-vereador e ex-prefeito de Eusébio, Acilon Gonçalves, pode ser o novo titular em breve.

(Coluna Vertical, do O POVO)

Anúncios