A polícia tailandesa prendeu o proprietário de um bar em Phuket que promove shows de sexo ilegais depois de seguir pistas de Rihanna, que visitou a Tailândia no mês passado e tuitou sobre suas experiências pornôs na cidade.

Ela escreveu (manteremos no original porque a tradução é impraticável): “Either I was phuck wasted last night, or I saw a Thai woman pull a live bird, 2 turtles, razors, shoot darts and ping pong, all out of her pu$$y”.

Resumindo, ela viu uma mulher contracenar com um pássaro vivo, duas tartarugas, lâminas de barbear, dardos e bolinhas de pingue pongue.

As autoridades disseram ter usado os tuites para prender o homem na semana passada, que agora enfrenta acusações de obscenidade e operação de um local sem autorização – punível com até um mês de prisão e multa de 60 mil baht (U$ 1 900).

Esta é a terceira prisão na Tailândia provocada por tuítes de Rihanna. Dois outros homens foram detidos no mês passado depois que a cantora postou uma foto com um bicho preguiça — um animal protegido — no Instagram.

(Diário do Centro do Mundo)

Anúncios