FOTO MERAMENTE ILUSTRATIVA

O homem preso na noite da última quinta-feira (3) sob suspeita de matar e abusar sexualmente de uma menina de nove anos na Rocinha, zona sul do Rio de Janeiro, confessou o crime. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (4) pela assessoria de imprensa da Polícia Civil.
 

Segundo investigadores da Divisão de Homicídios, o suspeito, um cearense de 22 anos, ainda estava com o aparelho celular da vítima quando foi preso na favela Rio das Pedras, em Jacarepaguá, zona oeste carioca. O corpo da garota foi encontrado no último sábado (28) a 100 metros de um posto da Unidade de Policia Pacificadora (UPP) na comunidade. A reportagem não divulga o nome do suspeito por não ter tido acesso ao seu depoimento ou advogados.

Rebeca foi enterrada na segunda-feira (30) no cemitério São João Batista. De acordo com um laudo do Instituto Médico Legal (IML), havia sinais de estupro e estrangulamento pelo corpo da criança.

Segundo a Polícia Militar, a vizinha que encontrou o corpo de Rebeca disse que ela estava coberta por telhas e que reconheceu o sapato usado pela criança. No momento da prisão, os policiais encontraram o celular da menina com o suspeito.

(Diário do Nordeste)

 

Anúncios