O pedido de cassação do vereador Leonelzinho Alencar (PTdoB) foi arquivado na tarde desta terça-feira (27) a após a maioria dos vereadores da Câmara de Fortaleza votar contra a proposta de denúncia de improbidade administrativa feita de Ordem dos Advogados do Brasil no Ceará (OAB/CE).

Trinta dos 35 vereadores que votaram foram contra a abertura da investigação. João Alfredo (Psol), Guilherme Sampaio (PT), Capitão Wagner (PR), Toinha Rocha (Psol) e Deodato Ramalho (PT) pediram adiamento da discussão da denúncia contra Leonelzinho.

Protesto

Um grupo de manifestantes ocupou durante a manhã de terça-feira (27) as galerias da Câmara Municipal de Fortaleza para pedir a cassação do vereador. Veja mais detalhes na reportagem:

(Tribuna do Ceará)

Anúncios