O papa Francisco visita a comunidade de Varginha, no Complexo de Manguinhos, na zona norte do Rio de Janeiro (Tânia Rêgo/ABr)
ALESSANDRO LO-BIANCO , MARIA INEZ MAGALHÃES , MARIA LUISA BARROS E MARCELLO VICTOR

Rio – Não foram só sentimentos bons deixados pelo Santo Padre em sua passagem pelo Rio. Na visita à comunidade da Varginha, na quinta-feira, no Complexo de Manguinhos, o Papa Francisco doou um cheque de 20 mil euros (R$ 60 mil) para a paróquia São Jerônimo Emilliani. A notícia foi dada nesta segunda-feira pelo arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani Tempesta. 

Além da favela da Zona Norte da cidade, Sua Santidade entregou um segundo cheque no mesmo valor para o Hospital São Francisco da Penitência, na Tijuca, visitado por ele, na quarta-feira passada. 

Segundo a instituição franciscana, o dinheiro será usado para montar uma sala de estabilização para atendimento de pacientes viciados em drogas. A unidade funcionará dentro do Polo de Atenção Integral à Saúde Mental, PAI – Papa Francisco, que será inaugurado até o final de agosto..

A unidade ocupará um prédio de quatro andares no complexo hospitalar e terá capacidade para atender 80 pacientes. Todos os leitos devem ficar prontos em dezembro. Na Varginha, a doação deverá ser usada em melhorias na favela, a serem decididas pelo pároco Márcio Queiroz, junto com os moradores da região.

(O Dia)

Anúncios