Dez pessoas morreram em um acidente na noite de sexta-feira na rodovia MG-259, altura da cidade de São José do Goiabal, na região leste de Minas Gerais. Segundo o Corpo de Bombeiros, o ônibus de turismo fretado caiu em uma ribanceira após o motorista ter perdido o controle da direção em uma curva.

A Polícia Civil de Governador Valadares vai investigar um possível defeito no sistema de freios do coletivo que pertence à empresa Brasil Tur. De acordo com o boletim de ocorrência, um dos dois motoristas disse à Polícia Militar que o ônibus teria tido problemas nas mangueiras dos freios pouco antes do acidente. No momento do acidente, a mangueira teria estourado novamente perdendo o ar do freio e travando a direção, o que teria levado ao tombamento do veículo, conforme as alegações do motorista e testemunhas à PM. 

O ônibus transportava 42 fiéis da Igreja Assembleia de Deus da cidade de Brasília para o município de Setubinha, na região do Vale do Mucuri, em Minas. No local seriam entregues doações. Ainda de acordo com os Bombeiros, sete passageiros morreram na hora prensados nas ferragens. Outros três foram arremessados para fora do coletivo e ao menos dez pessoas ficaram feridas, duas delas em estado gravíssimo com membros amputados. Elas foram socorridas ao Hospital Regional de Valadares. 

As vítimas fatais são dois homens e oito mulheres. Os corpos estão no Instituto Médico Legal de Valadares, onde são identificados e liberados por membros da igreja.

(Ney Rubens, Portal Terra)