Um grupo de pessoas que foi aprovado no concurso público da Assembleia Legislativa, em 2012, ainda não foi nomeado pela Casa. As vagas foram abertas a partir da Lei 14.987 de 2012, que criou 100 novos cargos no quadro funcional da Assembleia. Destas vagas, apenas 63 foram preenchidas.

Uma das 37 pessoas que aguardam a nomeação é Talita Tobaruela, que denunciou a situação através da ferramenta VC repórter, do Diário do Nordeste. “Os deputados não querem nem falar com a gente. A gente liga e não tem retorno. É um descaso muito grande. A gente está de mãos atadas”, afirma.

Novas nomeações devem ocorrer em maio

De acordo com o membro da comissão organizadora do concurso, Lindolfo Cordeiro, o número de vagas para convocação imediata é de apenas 63. “As outras 37 vagas são para preenchimento de cadastro de reserva e para cargos que serão criados posteriormente”, explica. 

Já a Diretoria Geral da Assembleia disse que um ato que nomeia 12 novos funcionários já está nas mãos do deputado José Albuquerque, presidente da Casa, e deve ser assinado até a próxima terça-feira (30). As novas vagas surgiram em decorrência de 11 pedidos de demissão de funcionários concursados e do falecimento de uma pessoa.

(Diário do Nordeste)