img-20979-nelsinho-piquet-320x448

Assim como o pai, Nelsinho Piquet provou que não leva desaforo para casa. O piloto brasileiro – que atualmente corre na Nationwide Series, espécie de “segunda divisão” da Nascar – se envolveu num baita “barraco” com o adversário Brian Scott e mostrou que não gosta de fugir da briga. Tudo aconteceu após a etapa de Richmond desta sexta-feira, corrida em que Nelsinho e Scott lutavam apenas pela 15ª posição. O brasileiro ganhou o duelo com uma manobra bastante agressiva e Scott ficou enfurecido. Depois da bandeirada final, Nelsinho levou um “chega-pra-lá” do rival e reagiu na hora, dando um toque proposital que provocou uma rodada para Scott. Era só começo da confusão.

 

Chegando aos boxes, Scott saiu do carro e foi imediatamente tirar satisfações. Ele só não contava com a reação forte de Nelsinho, que respondeu com empurrões e até um chute que quase acertou Scott nas “partes baixas”. Nesse momento, a turma do “deixa-disso” interviu e acalmou os ânimos. Scott continuou furioso e não economizou críticas a Nelsinho: “Ele deu um chute abaixo da cintura e isso para mim é coisa de covarde [‘chicken’, o termo original usado por Scott, é traduzido literamente como ‘galinha’]. Ele sempre joga sujo e tenta me atingir, não havia necessidade disso”, esbravejou o piloto americano. Nelsinho respondeu de maneira mais direta: “Ele me irrita e eu não vou aceitar isso. Queria só afastá-lo e não vi para onde estava chutando”.

O vídeo da confusão está logo aqui abaixo. Destaque para a imagem aos 1’27”, que mostra o chute de Nelsinho que quase acerta a região mais “sensível” de Scott:

Nelsinho mostrou que tem o mesmo tipo de sangue quente do pai para brigas dentro da pista. Vale relembrar a famosa confusão entre Nelson Piquet e Eliseo Salazar no GP da Alemanha de 1982. Nelsão liderava a prova quando foi tirado do circuito por uma barbeiragem do piloto chileno. Pobre Salazar, que ficaria marcado para sempre pelas pancadas que levou de Nelsão logo depois:

(Esporte Interativo Yahoo)

Anúncios