Jesús Zabalza
Jesús Zabalza

O novo presidente do Santander Brasil é Jesús Zabalza, o terceiro executivo-chefe que passa pela subsidiária brasileira do banco em pouco mais de dois anos. Ele substitui Marcial Portela, que renunciou do cargo, mas permanece como presidente do conselho de administração do banco. Zabalza ocupava desde 2002 o cargo de diretor-geral da divisão do grupo para a América Latina, função agora exercida por Javier San Félix, que foi diretor-geral do Banco Santander e executivo-chefe do Banesto, entidade que terá a sua fusão com o Santander consolidada nos próximos dias. As mudanças foram informadas por meio de nota divulgada nesta quinta-feira 25 e ainda estão sujeitas às aprovações societárias e regulatórias no Brasil.

Portela ocupava a presidência do Santander no Brasil desde 2011 e foi responsável pela condução do processo de incorporação do Banco Real, adquirido do grupo holandês ABN AMRO no final de 2007. Da gestão de Fabio Barbosa, herdada justamente do antigo Real, à saída de Portela, se acumulam ainda os desligamentos de líderes de outras áreas. Apesar de ser o maior banco da zona do euro, o Santander foi fortemente atingido pelos reflexos da crise na Espanha, seu país de origem, o que levantou inclusive suspeitas sobre o futuro da operação também no Brasil, que segundo dados divulgados pela Folha de S. Paulo responde por cerca de 25% do lucro do Santander no mundo. Nesta quinta-feira 25, o Santander divulga o balanço do primeiro trimestre no Brasil e no mundo.

(Meio e Mensagem)

Anúncios