cruz-negra

Morreu o policial militar baleado na tarde desta quinta-feira, 27, no bairro Canindezinho, em Fortaleza. Segundo informações do tenente-coronel Fernando Albano, a vítima é o soldado Ezequias Marinho, 31 anos, do programa Ronda do Quarteirão.

Ezequias morreu na Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24 horas) do bairro onde o crime ocorreu. Ele ia ser encaminhado ao Instituto Doutor José Frota (IJF), mas não resisitiu aos ferimentos.  

Há cinco anos na PM, o soldado rabalhava na viatura do bairro Serviluz, também na Capital, e estava de folga no momento do crime. Ezequias era casado e tinha três filhos.

O crime 
O PM estava em uma moto quando foi abordado por um homem de bicicleta, que tentou assaltá-lo. O soldado reagiu à ação e acabou levando três tiros, dois de raspão e um terceiro que pegou no rosto. O criminoso fugiu a pé, deixando a bicicleta no local do crime.

Violência recorrente
Este foi o 17º PM assassinado neste ano de 2012 no Ceará, segundo balanço feito pelo O POVO. O último caso havia sido no dia 22 deste mês de dezembro, em Caucaia. A vítima foi o soldado Flávio Lima Pessoa, 33 anos, morto com um tiro no peito na calçada de casa. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu ao ferimento. 
 
De acordo com a Delegacia de Caucaia, o soldado vinha recebendo ameaças de traficantes da região. Seis suspeitos foram encaminhados para a delegacia.

(O Povo Online)

Anúncios