Fortaleza – Na véspera do segundo turno das eleições para a Prefeitura de Fortaleza, o candidato do PT, Elmano de Freitas, obteve mais uma vitória na Justiça Eleitoral. A campanha do candidato do PSB, Roberto Cláudio, foi obrigada a retirar do ar propaganda em que exibia declaração antiga da prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins, afirmando que elegeria “até um poste” como seu sucessor. A Justiça deu direito de resposta à prefeita, com 15 inserções de um minuto cada, que serão veiculadas ao longo do dia deste sábado.

Há dois dias, a Justiça Eleitoral já havia proibido a campanha de Roberto Cláudio de associar sua imagem à do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e à da presidente Dilma Rousseff.

Empatados nas pesquisas de intenção de voto, Elmano e Roberto Cláudio travam um disputa apertadíssima. Não é à toa que acirraram os ânimos na reta final da campanha. No debate de sexta-feira (26) à noite, veiculado pela TV Verdes Mares, afiliada da TV Globo, os dois candidatos trocaram duras acusações.

Aliados até junho, Elmano e Roberto Cláudio criticaram os governos, principalmente nas áreas de educação, saúde e segurança, de seus respectivos padrinhos políticos. Elmano é apoiado por Luizianne, enquanto Cláudio tem o apoio dos irmãos Ferreira Gomes (o governador do Ceará, Cid Gomes, e o ex-ministro Ciro Gomes).

Ao acusar Roberto Cláudio de representar uma oligarquia, que comanda o Ceará há vários anos, Elmano tentou vincular o candidato do PSB a José Serra, derrotado à presidência da República, em 2010, e atual candidato a prefeito de São Paulo.

“Esse seu discurso é fácil, o mesmo utilizado contra Dilma pelo Serra em 2010”, disse Elmano, que acusou o socialista de “faltar com a verdade” durante todo o debate. Cláudio, por sua vez, atacou a gestão de Elmano à frente da secretaria de Educação de Fortaleza. Afirmou ainda que a candidatura de Elmano foi “tirada do bolso do colete” da prefeita.

O fato é que o segundo turno das eleições de Fortaleza se transformou em um verdadeiro “duelo de postes”. Nenhum dos dois candidatos era conhecido antes das eleições. Ex-secretário de Educação de Fortaleza, Elmano nunca disputou mandato eletivo e teve sua candidatura turbinada com a ajuda do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da presidente Dilma Rousseff, desde o primeiro turno das eleições.

No segundo turno, Lula foi pessoalmente a Fortaleza, na terça-feira (23), onde participou de um megacomício, arrastando cerca de 50 mil para o centro da cidade. Deputado estadual com dois mandatos, Roberto Cláudio é um pouco mais conhecido do eleitorado de Fortaleza, mas também precisou dos padrinhos políticos para alavancar sua candidatura.

(Exame Online)

Anúncios