O juiz eleitoral Mário Parente negou, hoje (9), pedido de liminar do candidato a prefeitura de Fortaleza pelo PDT, Heitor Ferrer, para anular a eleição de 1º turno na capital cearense.

Heitor disse ter sido prejudicado com a divulgação de pesquisas eleitorais dos institutos Ibope e Datafolha que o colocaram, na véspera da eleição, em quarto lugar com 15% de votos válidos. Nas urnas, Heitor Ferrer ficou em terceiro com 20,97% dos válidos.

(Roberto Moreira, Diário do Nordeste Online)