O cantor Bruno, do KLB, no hospital Albert Einstein. À esquerda, Franco Scornavacca, pai do cantor. À direita, Regina, mãe do artista (Foto: Reprodução / Twitter)

O cantor Bruno, da banda KLB, foi atropelado no cruzamento das avenidas Juscelino Kubitschek e Faria Lima, na região do Itaim Bibi, na Zona Sul de São Paulo, na madrugada desta segunda-feira, 20.

Segundo Luís Carlos Scornavacca, tio de Bruno, o cantor estava saindo de uma balada quando foi parado por uma fã para tirar foto e dar autógrafo. Quando estava na calçada, atendendo a garota, foi atropelado por um carro dando ré.

De acordo com Scornavacca, atingido nas pernas, Bruno foi prensado contra outro veículo. Ele sofreu escoriações e cortes nos braços, provocados por estilhaços de vidro.

“Ele está bem. Não fraturou nada. Só está no hospital para ficar em observação”, afirmou o tio. Bruno está no hospital Albert Einstein. Segundo a assessoria de imprensa da instituição, o artista passa bem. O hospital não soube informar a previsão de alta do músico.

Pelo Twitter, Kiko, irmão de Bruno e parceiro no KLB, comentou o acidente. “Meu irmão está vivo e está bem!!! Deus estava ali! Apenas alguns pontos e dores, mas está bem. Me disseram que a pancada foi muito forte, ficou prensado entre dois carros, mas Deus é maior e não permitiu que nada pior acontecesse.”

O lutador de UFC Felipe Sertanejo postou em seu Twitter foto de Bruno no hospital, cercado por familiares e amigos.

(EGO)