Está definido o primeiro finalista da versão brasileira do reality show The Ultimate Fighter. No programa deste domingo, o cearense Godofredo “Pepey” de Oliveira finalizou Marcus Vinícius “Vina” Pancini com uma chave de braço e venceu a primeira semifinal do peso pena. A finalização ocorreu no segundo round da luta, que foi dominada pelo atleta do time de Wanderlei Silva. A próxima semi será Daniel Sarafian x Serginho, pelos médios.

A final ocorrerá no UFC 147, que acontece em Belo Horizonte em 23 de junho. A disputa principal do evento seria o enfrentamento entre os treinadores Wanderlei Silva e Vitor Belfort, mas uma mão fratura afastou Belfort do encontro com o rival. Ainda será determinado um substituto.

O programa iniciou com a definição dos semifinalistas e das novas composições dos times. Como a equipe de Belfort havia vencido sete das oito lutas, três de seus atletas precisaram passar para os treinados por Wanderlei Silva. Com isso, Pepey, Sérgio Morais e Bodão começaram a vestir a camisa verde.

Para as semifinais, foram definidos os confrontos Serginho x Daniel Sarafian e Thiago Bodão x Cezar Mutante no peso médio, enquanto Hugo Wolverine x Rony Jason e Pepey x Rodrigo Damm seriam as lutas para chegar à final dos penas.

Este último foi escolhido para iniciar as semifinais, mas precisou ser alterado. Os médicos do programa determinaram que Damm estava com os rins sobrecarregados devido à perda constante de peso e não teria condições físicas de se manter na competição. Com isso, Vina, que havia sido derrotado por Wolverine, assumiu o posto na semifinal.

A luta entre os dois penas começou enroscada no chão, com tentativa de Pepey resolvê-la por meio do jiu-jitsu. Enquanto isso Vina conseguia acertar alguns socos no rosto do adversário, mas sem criar estrago. O atleta do time Wanderlei ficou perto de conseguir a finalização, mas viu o primeiro round terminar.

O próximo assalto começou com Pepey derrubando Vina e buscando martelar o rosto do adversário. O lutador do time Wanderlei, porém, demonstrava claramente estar cansado, o que melhorou a situação para Vina. Ainda assim, Pepey superou o esgotamento e se garantiu na final do peso pena com uma chave de braço.

Anúncios