Um homem foi morto na fila de um posto de combustível na avenida Santa Inês, zona norte de São Paulo, na tarde desta quarta-feira (7). De acordo com testemunhas, o empresário JAIR MARQUES PINTO, 49,  foi assassinado a tiros por suspeita de ter furado a fila para abastecer o carro. 

Segundo a Polícia Militar, a vítima chegou a ser socorrida, mas morreu ao dar entrada no pronto-socorro do Hospital Mandaqui. A PM informou que não possui detalhes sobre o que teria motivado o crime.

O caso foi registrado no 20º Distrito Policial, na Água Fria. A reportagem do R7 entrou em contato com o delegado, que informou apenas que ainda está registrando o boletim de ocorrência e que só passará mais detalhes do crime ao final da tarde.

O crime ocorre no terceiro dia da greve dos motoristas de caminhões de transporte de carga na capital paulista. Nesta quarta-feira, alguns frentistas aproveitaram o dia para lavar os postos com bombas vazias. O fato foi registrado pelo R7 em um posto da avenida Voluntários da Pátria, na altura do número 33, também na zona norte de São Paulo. No local, sete frentistas estavam com rodos e mangueiras nas mãos para fazer a limpeza. Segundo um dos funcionários, não tem gás, álcool, diesel, nem gasolina.

– Hoje só deu para abastecer os últimos R$ 4.

(PORTAL TN ONLINE)