Rio –  O ator André Gonçalves, de 36 anos, foi expulso de um bar na madrugada desta sexta-feira, em Cabo Frio, na Região dos Lagos. O caso ocorreu no bar Biroska Chique, na Avenida Américo Vespúcio, na Praia do Forte. De acordo com Douglas Santos, responsável pelo estabelecimento, por volta das 4h30, o artista se descontrolou e atirou um copo de vidro em um barman de 63 anos, que por pouco não foi atingido.

“Ele (André) estava surtado. Jogou garrafas no chão e começou a discutir com todos. Disse que era ‘o cara’ e agrediu verbalmente os clientes. Assim que ele jogou o copo no barman foi prontamente expulso pelos seguranças”, disse. 

Douglas Santos afirmou ainda que André Gonçalves consumiu cinco doses de tequila. Já o amigo do artista, pagou em dinheiro as cervejas que bebeu. “Mesmo que ele quisesse, não ia deixa-lo pagar a conta. No início ele estava tranquilo, inclusive subiu ao palco e cantou uma música”, acrescentou.

Do lado de fora do bar, André e o colega foram agredidos a socos e pontapés por clientes irritados. De acordo com o inspetor Martins, da 126ª DP (Cabo Frio), onde o caso foi registrado, um bombeiro a paisana passava pelo local, retirou o ator da briga e seguia com ele para um posto da PM a cerca de 50 metros do bar. Dez clientes do estabelecimento cercaram André, que, segundo a polícia, agrediu o bombeiro que o ajudava.

O militar revidou a agressão e os dois foram levados à delegacia. Ambos realizaram exame de corpo de delito. André ficou ferido com hematomas e inchaços. Segundo a polícia, o bombeiro vai responder por agressão e o ator foi qualificado no procedimento como vítima. André Gonçalves está afastado da televisão desde participação na novela das sete “Morde & Assopra”, da TV Globo, como o homossexual Áureo.

Procurado pela reportagem, André Gonçalves não foi encontrado.

 (O DIA ONLINE)

 

Anúncios