O Ministério da Educação anunciou, nesta quarta-feira (21), que decidiu anular 14 questões do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2011 para 500 alunos do cursinho pré-vestibular do Colégio Christus, de Fortaleza.

A medida foi tomada com base no inquérito da Polícia Federal que investiga as origens do vazamento das questões. Elas apareceram em uma apostila distribuída pelo colégio antes da aplicação do exame, em outubro deste ano.

Segundo comunicado do ministério, no total, 1.1.39 estudantes terão a nota do Enem 2011 calculada sem essas questões. Além dos 500 estudantes do pré-vestibular, outros 639 alunos do Christus também tinha tido as questões anuladas em novembro.

Ainda de acordo com a nota, o MEC diz que ainda aguarda “as conclusões do inquérito policial para tomar medidas cabíveis nas instâncias administrativa e criminal”.

(IG CEARÁ)

Anúncios