A prefeita Luizianne Lins, de Fortaleza, convidou três grandes atrações para a festa do fim do ano: a baiana Ivete Sangalo, os paulistas Titãs e o cearense Fagner. Com a primeira, acertou um cachê de R$ 840 mil. Com os roqueiros, de R$ 450 mil. Esperava dar a menor parte à atração da casa: R$ 400 mil. Quando descobriu que receberia menos da metade da bolada da musa do axé, Fagner rebelou-se: “Aqui, tem de ser baiano para ganhar bem”. A prefeitura aumentou seu cachê para R$ 500 mil. Agora, está tudo certo.

Felipe Patury- Época Online