O Sindicato dos Bancários do Ceará rejeitou a proposta apresentada pelo Banco do Nordeste do Brasil (BNB) e os funcionários desse banco decidiram manter a greve. Segundo a categoria, a proposta do BNB favorece apenas os quatros primeiros níveis da carreira de analista bancário, excluindo os outros 14 níveis.

Os funcionários do BNB foram os únicos que decidiram manter a greve após assembleia na segunda-feira (17). Eles reivindicam pela isonomia entre novos e antigos funcionários, revisão do plano de cargos e remuneração (PCR), abono das faltas da greve e revisão dos planos de previdência e saúde.

Ainda de acordo com o sindicato, a proposta será analisada pela Comissão Nacional dos Funcionários do BNB nesta quarta-feira (19).

(G1)

Anúncios