O presidente do Sindicato os Bancários do Maranhão, José Maria Nascimento, fez um balanço ontem da greve da categoria no estado e afirmou que o percentual de adesão já chega a 94% das agências em São Luís e 70% no interior.

“Já são 7.950 agências fechadas e o movimento é crescente. Enquanto os banqueiros e o governo não retornarem à mesa de negociações, a greve continua por prazo indeterminado”, disse Nascimento.

Foto: G. Ferreira

José Maria Nascimento, presidente do Sindicato dos Bancários

Os bancários do Maranhão reivindicam reajuste salarial de 26%, participação nos lucros, contratação de mais bancários e melhorias na segurança dentro das agências. Os patrões oferecem reajuste de 8%

Em São Luís, estão funcionando as agências do Bradesco do Anjo da Guarda, da Magalhães de Almeida e da Cidade Operária.

(Oswaldo Viviani e Maria do Socorro Arouche – Jornal Pequeno)