Virou brincadeira na Globo e dentro da própria Record a data do julgamento de Regina da Silva, ex-tesoureira da Igreja Universal em Nova York. Regina está respondendo um processo, acusada de lavagem de dinheiro em operações para a Igreja Universal, ligada à rede Record. A data do julgamento: 12 de outubro, justamente o Dia de Nossa Senhora Aparecida, santa da maior importância para a Igreja Católica e padroeira do Brasil.

A brincadeira é que o julgamento em questão trata-se da “Vingança da Santa”.

A data marca um aniversário que a Universal não gosta de lembrar. No dia 12 de outubro de 1995, durante o programa O Despertar da Fé, transmitido pela Record, o bispo da Universal Sérgio von Helder insultou e chutou uma imagem de Nossa Senhora Aparecida, à qual se dedicava o feriado do dia. O episódio de intolerância religiosa provocou grande repercussão.

(Outro Canal – Folha Online)