Um estudo feito por pesquisadores britânicos e australianos, divulgado na publicação cientifica internacional “Investigational New Drugs”, informa que uma fórmula modificada da droga ecstasy pode combater as células de alguns tipos de câncer.

Segundo os pesquisadores, experimentos mostraram eficiência no tratamento e que podem matar células, leucemia, linfoma e melanoma. Estudo foi feito em tubos de ensaio.

A organização britânica de Pesquisa sobre Leucemia e Linfoma disse que as conclusões do estudo são “um significativo passo à frente”.

(Portal do Sidney Rezende)