O bairro que mais cresceu na capital cearense, por exemplo, foi o Dendê, que de acordo com o instituto, teve uma expansão populacional de 165,9%. Em seguida vêm os bairros Salinas (100,75%), Parque Iracema (89,09%), Guararapes (81,65%) e Cajazeiras (67,45%).

Em 2000, eram 2120 pessoas morando no Dendê, enquanto em 2010 o número passou para 5637. A Praia do Futuro I aparece na sequência, com crescimento de 127,29% em 10 anos.

Na contramão desse inchaço populacional, o Benfica teve redução demográfica de 30,64%, por conta da criação do bairro Gentilândia dentro do espaço que antes pertencia ao Benfica. Seguem em redução os bairros Sabiaguaba (-23,27%), e Paupina e Jangurussu, ambos com diminuição populacional em cerca de 20%.

Enquanto o bairro Paupina perdeu, nesse período, área e população para criação do bairro São Bento, o Jangurussu perdeu com a criação do bairro Conjunto Palmeiras. No mesmo intervalo de 10 anos, o Papicu também perdeu parte de seu território (e população) para a criação do bairro De Lourdes.

Já o Bairro de Fátima aparece como o que teve crescimento populacional mais próximo a zero nos últimos dez anos. A população do bairro aumentou em apenas 1,04%. Enquanto isso, a densidade do bairro Parque São José reduziu em apenas 0,09%. 

10 bairros que mais cresceram em Fortaleza entre 2000 e 2010: 

Dendê – 165,90%

Praia do Futuro I – 127,29%

Salinas – 100,75%

Parque Iracema – 89,09%

Guarapes – 81,65%

Cajazeiras – 67,45%

Praia do Futuro II – 56,28%

Mata Galinha – 52,22%

Engenheiro Luciano Cavalcante – 50,52%

Domicílios vagos
O IBGE aponta ainda que, entre 2000 e 2010, Praia de Iracema e Centro eram os bairros com maior proporção de domicílios vagos, enquanto o Cambeba e o bairro Floresta tinham o menor número de imóveis desocupados na capital cearense. 

Primeira rodada de número mostrou um país mais feminino e mais velho. 

Saiba mais 

Indicadores de envelhecimento populacional 

Domicílios recenseados, por espécie e situação do domicílio

População residente, por situação do domicílio

População residente por sexo e situação do domicílio

Informações sobre bairros segundo os municípios

(O Povo Online)

Anúncios