A Fifa anunciou nesta quinta-feira que só definirá as sedes e o calendário da Copa de 2014 em outubro deste ano. A entidade chegou a cogitar antecipar o anúncio para 30 de julho, quando serão sorteados no Rio os grupos das Eliminatórias para o Mundial. Mas o calendário teria que ser aprovado pelo Comitê Executivo da Fifa, que só voltará a se reunir nos dias 20 e 21 de outubro. Com isso, o Comitê Organizador da Copa se reunirá um pouco antes para definir o calendário e submetê-lo ao Comitê Executivo.

A decisão desencadeou uma série de boatos de que o atraso das obras de alguns estádios e obras de infraestrutura de algumas das 12 cidades-sede estaria dificultando a confecção do calendário da Copa. O maior exemplo é o Itaquerão, cujas obras começaram no fim de maio. O estádio do Corinthians está praticamente fora da Copa das Confederações e ainda corre o risco de perder o direito de receber a abertura do evento.

Deixar a decisão para outubro também pode ser uma forma de pressionar o Governo Federal brasileiro depois da retirada dos “superpoderes” da Fifa para modificar os projetos da Copa. A Câmara dos Deputados aprovou, na noite desta terça-feira, a Medida Provisória 527-11, que cria o Regime Diferenciado de Contratações, um conjunto de regras a que serão submetidas as licitações de obras e serviços ligados à Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016. O texto principal da MP já havia sido aprovado há 15 dias, restando apenas os destaques apresentados pela oposição a serem votados.

A principal mudança foi a retirada do polêmico parágrafo único do artigo 39. Por ele, o governo da presidente Dilma Rousseff transferia poder à Fifa e a seu agente no Brasil, Ricardo Teixeira, presidente do comitê organizador da Copa e da CBF, para alterar projetos e refazer preços de obras contratadas.

A Fifa sustenta que nunca disse oficialmente que anunciaria o calendário durante o sorteio das Eliminatórias. Fontes da entidade confirmam que houve um desejo de antecipar o anúncio, mas não haveria tempo hábil para reunir o Comitê Executivo a tempo de ratificar a decisão antes de 30 de julho.

No sorteio das Eliminatórias da Copa de 2010, porém, já se conheciam as sedes e o calendário de jogos na África do Sul. Segundo a assessoria da Fifa, isso só foi possível porque as chaves foram sorteadas no fim de novembro de 2007, depois da reunião do Comitê Executivo, que pôde ratificar as decisões do Comitê Organizador antes da cerimônia.

LEIA O COMUNICADO OFICIAL DA FIFA

Como os procedimentos para o Sorteio Preliminar da Copa do Mundo da FIFA 2014 já foram aprovados pelo Comitê Executivo da FIFA no dia 30 de Maio de 2011, não há a necessidade de uma reunião do Comitê Organizador da Copa do Mundo da FIFA antes do Sorteio Preliminar.

Portanto, o Comitê Organizador se reunirá em Outubro de 2011, alguns dias antes das reuniões de 20 e 21 de Outubro do Comitê Executivo da FIFA, o qual ratificará o calendário de partidas da Copa do Mundo da FIFA 2014.

Departamento de Imprensa da FIFA 30 de Junho de 2011

(Uol)