O diretor responsável pelos indicadores de qualidade da operadora Oi, Vilmar Pereira, afirmou, na manhã desta terça-feira, 28, que a concessionária está operando de acordo com a capacidade da sua rede de transmissão no Ceará. Segundo ele, a Oi possui cerca de 2,5 milhões de clientes para uma rede que suporta até 5 milhões de usuários.

As declarações foram dadas durante audiência pública na Comissão de Defesa do Consumidor da OAB, para tentar esclarecer os problemas nos serviços ofertados pela operadora à população cearense. “A Oi está constantemente melhorando sua rede e realizando investimentos necessários para garantir o crescimento da sua base de clientes dentro dos padrões de qualidade estabelecidos”, afirmou o diretor.

O presidente da Comissão de Defesa do Consumidor, Eginardo Rolim, afirmou que, a partir de agora, a OAB vai analisar os números apresentados pela Oi e cruzá-los com os dados dos órgãos de defesa do consumidor, checando as reclamações mais recorrentes dos consumidores para ver se são procedentes. “A partir desta verificação, vamos tomar medidas administrativas, além de prestar contas com a sociedade”, disse ele.

Reclamações

Dentre as principais reclamações recorrentes dos usuários da Oi estão a interrupção de chamadas, falta de sinal nas áreas de cobertura e o cruzamento de ligações. A OAB-CE chegou a autorizar, previamente, ação pública contra a Oi.

TIM

No início do mês, a operadora TIM foi obrigada a suspender as habilitações de novas linhas no Ceará até que comprove melhorias no serviço oferecido.

(O Povo Online)

Anúncios