Motoristas, cobradores e fiscais escolheram, em plebiscito, o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado do Ceará (Sintro) para representar a categoria. A decisão foi tomada neste sábado, 4, com 97,6% dos votos. De acordo com o Ministério Público do Trabalho (MPT), organizador do plebiscito, 1.947 participaram da eleição.

Ainda conforme o MPT, apenas 11 eleitores indicaram o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários, de Passageiros Urbanos, Fretamento e Similares do Município de Fortaleza (Sintrofor). Foram 33 votos em branco e dois nulos.

Se levados em conta apenas os votos válidos (excluindo os votos nulos e em branco), o Sintro conquistou 99,4% da preferência. “É um resultado que fortalece a atual direção do Sindicato, que está empenhada em defender a categoria com garra e luta. Isso aumenta ainda mais a nossa responsabilidade perante os trabalhadores”, afirmou o presidente do Sintro, Domingos Neto.

O procurador regional do Trabalho, Gérson Marques, informou que o resultado da votação do plebiscito será encaminhado ao Tribunal Regional do Trabalho (TRT).

Impasse

A indefinição quanto à representatividade legal dos trabalhadores por pouco não impediu que TRT julgasse, no fim do ano passado, o dissídio coletivo da categoria.

Quando o Tribunal estava prestes a definir o percentual de reajuste salarial, o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros (Sindiônibus) alegou ter dúvida quanto à legitimidade do Sintro, em razão de o Sintrofor dispor de carta sindical conferida pela 7ª Vara do Trabalho desde 2009.

(O Povo Online)