Nas semanas que antecedem o Oscar 2011, os aficionados por cinema agitam as redes sociais com posts sobre seus preferidos ao prêmio. De olho nisso, a e.life disponibiliza um levantamento sinalizando os artistas e filmes mais citados nas mensagens do Twitter nos Estados Unidos, o que pode ser um indicador dos reais ganhadores do troféu.

O mapeamento está sendo feito em inglês, em 25 cidades norte-americanas, em tempo real – isto é, os números tendem a crescer minuto a minuto até o dia da cerimônia – e pode ser consultado pelo site www.elifemaps.com até mesmo durante a premiação.

Por meio do TweetMeter, uma ferramenta online desenvolvida pela e.life para acompanhar o buzz no Twitter, é possível apontar os prováveis vencedores do Oscar de acordo com dois fatores: a popularidade daquilo que é monitorado, isto é, o volume de tweets por atores, filmes e diretores e a localização geográfica dos usuários. Este último configura a principal novidade do estudo, pois o mapa permite supor uma relação entre as características das cidades americanas e os indicados. Por exemplo: Los Angeles e Nova York representam, até o momento, cerca de 40% dos posts computados, provavelmente por serem centros de forte vida cultural, com destaque para a indústria do cinema/entretenimento.

Considerando os números extraídos do mapa na manhã desta sexta-feira, 18 de fevereiro, Inception (A Origem) pode receber o título de “Melhor Filme” graças aos 9.045 tweets de um total de 22.008, seguido de Black Swan (Cisne Negro), com 3.436 menções e The Social Network (A Rede Social), que acumula 2.323. No quesito “Melhor Ator”, Colin Firth, que interpretou o rei Jorge VI no longa The King’s Speech (O Discurso do Rei), sai na frente com 1.407 tweets – 300 deles de Nova York e 204 de Los Angeles.

Por essa lógica, Detroit seria a cidade da menor torcida de Colin, com 0,5% das menções relacionadas ao seu nome/filme. Paralelamente, a cidade vibra por Jeff Bridges, de True Grit (Bravura Indômita), mas no ranking final ele figura como o candidato ao terceiro lugar. Já o segundo posto, de acordo com o monitoramento realizado pelo TweetMeter, deve ficar com James Franco, de 127 Hours (127 Horas). “O interessante, até agora, é que as preferências por atores e filme se concentram em Nova York e Los Angeles”, conta Jairson Vitorino, CTO e um dos fundadores da e-life.

Se depender das mensagens veiculadas no Twitter, Natalie Portman (Cisne Negro) levará a estatueta de “Melhor Atriz” com 20,6% da preferência do público vinda de Nova York. Em segundo e terceiro lugares, respectivamente, competem Annette Bening, de The kids are all right (Minhas Mães e Meu Pai), que tem 50% menos menções do que a primeira colocada, e Jennifer Lawrence (de Winter’s Bone / O Inverno da Alma), com poucos tweets de diferença (quatro, na consulta mais recente). “Mesmo que Jennifer Lawrence tivesse um buzz maior, apostaríamos no que Nova York e Los Angeles dizem de acordo com a soma de menções das duas cidades, até mesmo pelas influências culturais desses locais” explica Jairson.

A única categoria que parece ainda indefinida é a corrida pelo prêmio de “Melhor Diretor”. David Fincher, de A Rede Social, responde por 216 tweets em 8 cidades dos Estados Unidos, a maioria deles em Los Angeles. Já David O. Russell, de The Fighter (O Vencedor), provavelmente conquistaria o segundo lugar com um volume de 132 posts em 6 cidades, sendo 38,6% também em Los Angeles.  Darren Aronofsky (Cisne Negro) está na disputa com 111 tweets em 5 cidades, sendo 35,1% deles em Nova York.

O monitoramento da e-life sobre os indicados ao Oscar teve início no dia 9 de fevereiro e permanecerá no ar durante e após a cerimônia. O software armazena todos os tweets que mencionam uma lista específica de termos. Além da quantidade total de menções por indicado e o ranking das cidades que mais citaram cada indicado, o visitante do site www.elifemaps.com pode acompanhar o volume de tweets por cidade e o número de menções/nome em cada uma delas.

Mera ilustração de seu potencial, a avaliação do TweetMeter não se restringe ao Oscar. A ferramenta é indicada para o mundo corporativo, com o intuito de informar, por exemplo, quantas vezes por segundo uma determinada marca, produto ou serviço é citado pelos twitteiros. A ferramenta da e.life também gera relatórios com as mensagens postadas e possibilita a análise criteriosa dessas informações.

É possível, ainda, descobrir em que momento e por quem as marcas, produtos ou serviços foram tuitados, de qual localidade, as URLs mais compartilhadas, os hashtags (#) mais utilizados, gráficos e nuvem de informação com as menções positivas e negativas. “Selecionamos as palavras-chave sobre um determinado assunto solicitado pelos clientes e inserimos no software. O TweetMeter contabiliza nos resultados as menções às palavras cadastradas combinadas com o termo principal da pesquisa” esclarece o CTO da empresa.

(AD News)

Anúncios