SÃO PAULO – O Brasil fechou o ano de 2010 como o quarto maior mercado mundial de veículos, subindo uma posição no ranking e ultrapassando a Alemanha, de acordo com dados divulgados nesta quinta-feira, 3, pela consultoria Jato Dynamics, especializada no setor automotivo. O crescimento das vendas de automóveis no mercado brasileiro foi de 10,5% em relação a 2009, mas a melhora do Brasil no ranking se deveu à expressiva queda de 21,9% nas vendas na Alemanha.

A China encerrou 2010 como líder absoluta no mercado automotivo, com alta de 35,1% em relação ao ano anterior e com mais de 13 milhões de automóveis comercializados. A segunda posição ficou com os Estados Unidos, com aumento de 11,2% nas vendas, seguido pelo Japão (alta de 7,5%). Os dados referentes à China incluem apenas veículos de passeio. Os dos demais países englobam carros e comerciais leves.

Depois do Brasil, na quinta posição ficou a Alemanha, seguida pela França, Índia, Reino Unido, Itália e Rússia. Entre os dez maiores mercados de automóveis no mundo, além da Alemanha, apenas a Itália registrou queda nas vendas no ano passado. O mercado italiano recuou 8,4%.

Entre as montadoras, a Toyota encerrou o ano como líder, com 5,5 milhões de veículos comercializados no mundo. Em segundo lugar ficou a Volkswagen, com 4,4 milhões, seguida pela Ford, com 4,3 milhões, e General Motors, com 3,6 milhões. As montadoras americanas Ford e GM, que nos últimos anos enfrentaram sérios problemas financeiros, apresentarem forte recuperação, com crescimento de 10,8% e 22,2% nas vendas mundiais em 2010.

(Agência Estado)