Política
1. Novo ministro do STF apóia cotas raciais

Durante a sabatina no Senado realizada ontem o novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, defendeu o sistema de cotas raciais, sinalizou ser a favor dos direitos dos homossexuais e concordou que julgamentos de processos emblemáticos como o que apura o esquema do mensalão tenham prioridade na corte. De acordo com reportagem do Estadão, a indicação de Fux para o STF foi aprovada pelo plenário por 68 votos favoráveis e 2 contrários.

2. Governo quer que Eletrobras entre no leilão do trem-bala
Reportagem da Folha revela que a Eletrobras já foi orientada pelo Palácio do Planalto a entrar como sócia do trem-bala que ligará as cidades de Campinas, São Paulo e Rio de Janeiro, um investimento estimado em R$ 33,1 bilhões. Segundo o jornal, para suprir a demanda de energia criada pela obra, o governo precisará construir pelo menos 12 subestações de energia de 80 MVA (megavolts-ampère), o que corresponde cada uma ao consumo de cerca de 200 mil a 230 mil residências médias.

3. Para Serra, mínimo de R$ 600 é “factível”
Pregando a unidade do partido e uma oposição consistente ao governo de Dilma Rousseff, durante reunião com a bancada do PSDB da Câmara e do Senado ontem, o candidato derrotado à Presidência da República, José Serra (SP), afirmou que o salário mínimo de R$ 600 é “factível” e não coloca em risco as contas públicas. De acordo com reportagem do Estadão, apesar da tentativa de recuperar espaço dentro do partido, no encontro, Serra não confirmou se é candidato ou não à presidência do PSDB.

Sociedade
4. Ex-vice presidente volta a ser internado

Informações divulgadas na tarde de ontem pelo Hospital Sírio-Libanês revelam que o ex-presidente José Alencar foi novamente internado na Unidade de Terapia Intensiva. Segundo reportagem do jornal O Globo, a causa seria uma perfuração no intestino, problema considerado grave pela equipe do hospital. Alencar estava internado desde o dia 22 de dezembro, quando passou por cirurgia de emergência em razão de uma hemorragia digestiva, e recebeu alta no fim de janeiro.

5. Empresários anunciam ajuda a escolas de samba do Rio
As escolas de samba atingidas pelo fogo que devastou a Cidade do Samba no Rio de Janeiro terão a ajuda de empresários e da prefeitura para recuperar o prejuízo. Segundo reportagem da Globo, foram arrecadados das empresas patrocinadoras do Carnaval a quantia de R$ 3 milhões para recuperação das fantasias e alegorias perdidas no incêndio. A Grande Rio –escola de samba mais prejudicada– receberá R$ 1,5 milhão. Portela e União da Ilha ficarão com R$ 750 mil cada.

6. Procuradoria pede a retirada de Beira-Mar de presídio
O Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte solicitou a retirada do traficante Luis Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, e outros cinco presos do presídio de Mossoró (RN). Segundo reportagem da Folha, a procuradoria alega que a penitenciária federal de Mossoró está interditada desde 2010 devido a problemas estruturais, o que inviabiliza o acolhimento de novos presos. Beira-Mar chegou a Mossoró na noite do último sábado (5) sob forte esquema de segurança.

Mundo
7. Após 19 meses, refém é libertado pelas Farc

Em poder das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) desde junho de 2009, vereador Marcos Vaquero foi libertado na tarde de ontem pelo grupo. Segundo reportagem do jornal francês Le Monde, a operação de resgate durou mais de seis horas e foi realizada por um helicóptero brasileiro que partiu de Villavicencio, Colômbia. De acordo com o Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV), Vaquero foi o primeiro de cinco reféns que devem ser libertados até o próximo domingo pela guerrilha.

8. Coréia do Norte declara que não voltará a reunir-se com Seul
Em comunicado divulgado hoje, após reunião frustrada realizada na quarta-feira, o governo norte-coerano afirmou que não voltará a se reunir com representantes da Coréia do Sul. Segundo reportagem da Folha, a delegação militar norte-coreana acusou o governo sul-coreano de não favorecer a melhora das relações entre as duas nações e assegurou que o a Coréia do Sul é o único interessado em manter o alto nível de tensão na península. A reunião militar de alto nível tinha como objetivo diminuir a tensão na zona após o bombardeio norte-coreano em novembro contra a ilha sul-coreana de Yeonpyeong.

Economia
9. Cortes de R$ 50 bi não atingirão PAC, diz governo

Em entrevista concedida na tarde de ontem, a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, afirmou que o corte de R$ 50 bilhões no Orçamento de 2011 não irá afetar o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Segundo reportagem da Folha, durante sua primeira reunião ministerial, a presidente Dilma Rousseff teria sinalizado que o PAC poderia estar sujeito a cortes. N as próximas semanas o governo deve ser definir a distribuição dos cortes por cada uma das pastas.

10. Competição na telefonia fixa atinge apenas 10% das cidades brasileiras
Informações divulgadas ontem pelo Atlas Brasileiro de Telecomunicações 2011 revelam que grande parte das cidades brasileiras conta somente com uma operadora de telefonia fixa e uma ou duas opções de prestadora de celular. Segundo o estudo, apenas 621 municípios conta com mais de uma operadora fixa, de um total de 5.565 existentes no Brasil. De acordo com reportagem do Estadão, São Paulo ficou em primeiro lugar entre os municípios mais bem atendidos. Em último lugar ficou Olivedos (PB), que tem somente uma operadora fixa e uma celular.

Por Ana Galli

Anúncios