Um problema detectado no sistema de cálculos do INSS pode fazer com que benefícios dos 57 mil aposentados e titulares de auxílios-doença tenham os benefícios reduzidos à metade, além de terem de devolver valores recebidos indevidamente do instituto.

Os cálculos foram feitos em cima do tempo de contribuição duplicado, fazendo com que a renda mensal fosse elevada. Com isso, os que são beneficiados pelo INSS receberam valor acima do normal. Para reverter o erro, o Tribunal de Contas da União solicitou que o Minsitério da Previdência fizesse a correção desde 2008, descontando o que foi depositado de forma incorreta.

Os beneficiários já estão recebendo comunicados, através de cartas, sobre a falha, convocando defesa que pode ser feita em até 10 dias.

(Portal do Sidney Rezende)

Anúncios