O irmão e a mãe da advogada Mércia Nakashima –assassinada em junho do ano passado– sofreram um acidente na tarde de domingo (23) em uma rodovia na altura de Nazaré Paulista (64 km de São Paulo). O acidente aconteceu após os dois serem abordados por duas pessoas armadas.

Segundo a Polícia Civil, Janete e Márcio Nakashima afirmaram na delegacia da cidade que os criminosos usavam uma moto. Na tentativa de fugir, o irmão e a mãe de Mércia perderam o controle do veículo e caíram em uma ribanceira.

Ainda de acordo com o boletim registrado na delegacia de Nazaré Paulista, os dois tinham ido a São Jesus dos Perdões (76 km de SP) visitar amigos e retornavam para Guarulhos (Grande SP), quando foram abordados.

Eles tiveram ferimentos leves e foram encaminhados para um hospital da cidade de Nazaré, onde foram atendidos.

A polícia informou que o caso foi registrado como tentativa de assalto e que ainda não se pode afirmar se o caso tem alguma ligação com o assassinato de Mércia. Ainda de acordo com a polícia, a estrada costuma ter pouco movimento.

CRIME

Mércia foi encontrada morta em junho do ano passado na represa de Nazaré Paulista, após ficar desaparecida por mais de 15 dias.

Mizael, ex-namorado da advogada, é acusado de homicídio triplamente qualificado, mas desde o início das investigações nega qualquer envolvimento com o crime. O vigia Evandro Bezerra da Silva, acusado pela polícia de ajudar Mizael, foi denunciado por homicídio duplamente qualificado.

Silva chegou a falar, em depoimento à polícia, que combinou de ir buscar Mizael na represa de Nazaré Paulista no dia 23 de maio –data de desaparecimento de Mércia–, mas depois mudou a versão e negou envolvimento com o crime.

Mizael e Evandro estão foragidos da Justiça desde dezembro, quando tiveram a prisão decretada.

(Folha Online)